História Love Beyond Time - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Cúmplices de um Resgate
Personagens André Alencar, Isabela Junqueira, Joaquim Vaz, Julia Vaz, Manuela Agnes, Omar Ferraz, Priscila Meneses, Téo Cavichioli
Tags Judre, Majo, Primar, Teobela
Exibições 165
Palavras 841
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Famí­lia, Musical (Songfic), Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Voltei!!
Boa leitura!!

Capítulo 7 - Um olhar conta mais que uma triste história...


Fanfic / Fanfiction Love Beyond Time - Capítulo 7 - Um olhar conta mais que uma triste história...

 _Manu!_ alguém bate na porta

_ Pode entrar... Oi Isa!

_Que isso em mana! Tudo para seu querido Joaquim?

_Haha... Claro que não!

_ Sem graça. Então porque está tão bonita?_ eu estava com um vestido rendado azul claro, e uma sapatilha

_ Eu estou normal, mas o que a  senhorita quer aqui?

_ Grossaaaa!! Só vim lhe avisar que o Joca está lá em baixo te esperando!

_ Okay, quando sair deixa a porta fechada!

_Posso pegar seus Cds do Ed Sheeran?

 _ Pode... Peraí_ digo antes que ela pegue o CDs_ Desde quando, você gosta do MEU Edzinho? O que a senhora está aprontando?

_Nada é só para o trabalho!- diz tranquilamente

_ O pior é que eu não sei quando você está mentindo!

****

_ Quais são suas intenções com a Manu?

_ Mas...

_ Se você fazê-la chorar eu te mando para Júpiter!

_Ota para de assustar o Joaquim_ digo decendo a escada

_ Acabou com a minha a graça, só porque ele não sabia que eu sei do " namoro"

_ Você sabe?_ pergunta Joaquim

_ Você acha que quem deu essa brilhante idéia?

_ Você que deu a idéia?

_  Por que você acha que foi uma idéia ruim?

_ Eu não acho nada!_ todos nós sabemos que ele achava a pior idéia do mundo

_ Agora vamos_ digo o puxando

_Juízo e me tragam doce!

_ O Otávio é uma comédia!

_ É sim... Ué cade seu carro?!

_Trocas minha querida Manu, trocas!

_Não me diga que nós vamos nisso?

_ Se "isso" quer dizer a moto, sim nós vamos!

_ Cl... Claro que não é perigoso!

_ Falou a menina que queria sair dez horas da noite para compra enroladinho!

_É diferente!

_ Hunhum e você é alta!

_ Ei!

_ Vamos, eu prometo que vou te  protejer!

°°°

_ Foi ruim?_ ele me pergunta assim que decemos dá moto

_ Foi ótimo!! Agora posso chamar de vida louca

_ Toma banho de chuva primeiro e depois fala comigo! Assim posso até pensar em te chamar de vida louca!

_ A culpa não é minha é  do  Jhon Green!

_Mocinha, não coloque a culpa nós escritores!

_ Chato!

_ Eu sei que você me ama!

_ Clarrooo! E eu sou alta!

_ Magoou_ diz e eu lhe dou um beijo na bochecha_ melhorou! Onde vamos primeiro?

_ Xícara Maluca!

_ Não, vamos na Barca!

_ Na.. Não!

_ Manuela Agnes, você têm medo de altura?

_ Tenho!

_ Vamos eu juro que vai ser legal!!

                                 ***

_ MisériHelp, alguém me tira daqui_ digo enquanto o brinquedo balançava_ Socoooorrrooooo! Isso é tudo culpa sua seu excomungado, assassino de alegria das crianças inocentes_ falava enquanto o Joaquim ria_ Você tá me devendo 1000 enroladinhos! Liguem pro me pai!!!

 

_ Gostou?_ ele pergunta assim que descemos do brinquedo

_ Nossa, claro! Você não me viu gritando de felicidade?_ digo irônica

_Joca!_ grita Mili uma menina da escola

_ Oi Mili!_diz lhe dando um beijo na bochecha

Eles começaram a conversar como se minha pessoa não estivesse lá. Eu ia obrigado-lo a ir nos brinquedos que eram de minha preferência, só que acontece o quê? Essa loira dos infernos aparece! Mereço!!

_ Que tal saímos daqui e  fazemos algo melhor?!_ essa passou do limite

_ Desculpa fofa, mas você está falando com o meu namorado!

O Joaquim me olhou com uma cara de " que eu saiba não somos namorados" eu respondi " Mas fingirmos ser"

_ Olha amada! Que eu saiba namorados andam de mãos dadas e se beijam! Eu acho que ele beijaria uma sem sal como você!_ ela falou e o Joaquim me olhou com aquela vontade de gritar "OLHA A TRETA!!"

_ Sem sal? Eu vou lhe mostra quem a senhorita chamou de sem sal_ falo puxando o Joaquim para um beijo. No princípio ele se assustou, mas logo correspondeu fazendo que uma corrente elétrica passa-se pelo nossos corpos_ Agora que é a sem sal, Amada?

 Ela saiu bufando:

_ Posso saber o que foi isso?

_ Beijo! Me chame de tudo menos de sem sal!

_ Deus eu tento ser legal e educado, mas essas meninas não ajudam!

                                     ***

 _ Chiclete com espaguete!!! Meu santo Harry!! Meu despertar da força! ( Aut. Referências!!)

_ O que foi agora?

_ Eu quero aquela curuja!_  digo apontando para uma branca pendurada na banca

_ Tá eu vou lá tentar ganhar!!

Ele vai. E volta depois de cinco minutos sem nada:

_ Foi mau!

_ Tudo bem_ digo tentando sorrir_ vamos?

_ Hunhum!

Não era por só querer aquela simples coruja! Ela era igual a uma que eu dei para uma pessoa muito especial<

_Entregue!_diz parando na frente de casa

_ Obrigado!_ respondi entregando o capacete

_ Espera... Você esqueceu algo!_ diz tirando a coruja do casaco_ Aqui sua coruja

_ Não acredito

_ Pois acredite!!

_ Obrigado... Obrigado!!_ falou o abraçando

_ Agora você sempre pode se lembra dessa pessoa especial!

_ Como você sa...sabia?

_ Um olhar conta mais que uma triste história...


Notas Finais


É isso!!
Eu ainda estou selecionando os nomes, o episódio da descoberta do nome está próximo!
Beijoca!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...