História Love Can Heal, Love Can Destroy. - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bangtan Boys, Drama, Romance
Exibições 46
Palavras 1.303
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 7 - O pedido - Parte 2.


       Voltei ao meu quarto pra pegar as placas. Faltavam vinte minutos para as 20:00, Então resolvi ir logo de uma vez. Estava indo, e passei pelo pátio, onde vi Tae e Kookie conversando e os mesmo me chamaram.

- Aonde você vai com essas placas? – perguntou Tae.

- Está escrito quer namorar comigo, vai pedir alguém em namoro Emma?

- Não, não é isso, É que o Yool vai pedir a Elisa em namoro, e eu meio que tô ajudando.

- Sério? O que você vai fazer? – perguntou Kookie.

- Bom, eles foram ver um filme, e assim que eles terminarem vão pro parque, aquele que tomamos sorvete, e quando eles estiverem conversando, eu tenho que aparecer com essas placas, e ela terá de ver, o resto é que ele quem vai fazer.

- Isso tá muito brega. – Falou Tae.

- Você tem alguma idéia melhor senhor sabe tudo – falei meio irritada.

- Bom, tem que ter pelo menos uma música. Se eu fosse pedir alguém em namoro, teria de ter música.

- Desde quando você passou a ser romântico Alien? – Falou Kookie brincando.

- Cala a boca biscoito – disse Tae, e nós rimos – Se você quiser, a gente pode te ajudar.

- Por mim tudo bem. Quais sugestões vocês tem?

- Eu concordo com o Tae, música seria uma boa. – falou Kookie.

- Kookie, você pode cantar.

- Mas sem a música?

- Ah, eu posso levar um rádio alguma coisa assim, com a música e você canta – disse Tae.

- Bom, por mim tudo bem.

- Bom, você canta, Tae leva o rádio, e eu fico com a placa. Ótimo, valeu mesmo rapazes. – Falei dando um abraço duplo. – Temos que ir, eles vão estar lá as 20:10 então temos que ir logo.

      Caminhamos um pouco, até chegarmos ao parque, eles ainda não tinham chegado. Estávamos organizando o local que ficaríamos quando eles chegassem. Tae disse que seria bom ficarmos na frente da fonte, que era bem grande e funda. Ficaríamos um atrás do outro. Tae seguraria o Rádio, e eu ficaria atrás dele, e sairia com a placa, logo em seguida Kookie que estaria atrás de mim, começaria a cantar. Decidimos que Kookie cantaria Photograph do Ed Sheeran. Estava meio simples ao ver de qualquer pessoa, mas pra Elisa, sei que seria especial.      Não demorou muito, e vimos eles chegando e se sentando no banco. Nos organizamos, como havíamos feito. Tae na minha frente, eu atrás, e Kookie atrás de mim. Estávamos prontos pra começarmos, Yool deu o sinal que havíamos combinado, e então eu pedi para que Tae ligasse o rádio.

      A música começou, e os dois voltaram o olhar para nós, Elisa tinha sua face surpresa, Kookie iria começar a cantar, e eu iria sair mostrando a placa, mas de repente, uma abelha começou a voar perto de Tae, e ele começou a se digladiar com ela, Tae acabou me empurrando, e eu acabei empurrando Kookie. Consequência, Acabamos Caindo nós três dentro da fonte, Kookie começou a cantar mesmo assim, todo molhado. Yool, pareceu se desesperar e Elisa ria sem controle, e então eu apenas levantei a placa. Elisa pareceu paralisar ao ler, mas fez uma cara de confusa, então eu olhei na placa, e as letras estavam borradas. Olhei para Tae querendo mata-lo. Yool, percebeu que tinha dado errado, então se virou para ela, e finalmente, fez o pedido. Estávamos longe, então a única coisa que podíamos fazer, era observar.

     Elisa deu um forte abraço em Yool, e finalmente, vi os dois, selarem os lábios. Aquilo foi realmente lindo. Kookie continuava cantando. Ficamos ali, admirando-os e eu lembrei que ainda estávamos dentro daquela fonte e que tinha dado tudo errado. Olhei para Tae, que tentava fazer fofura.

- Tae, eu podia pegar esse rádio, e quebrá-lo na sua cabeça, sabia disso?

- Desculpa Emma, eu não queria que tivesse terminado assim – falou Tae abaixando a cabeça.

- Tudo bem vai, o que importa, é que deu certo, e eles estão juntos agora – disse, e Tae, pareceu se aliviar. Kookie terminou de cantar e os dois vieram até nós.

- Emma, eu vou te matar. Vocês sabiam de tudo isso? – perguntou, e nós assentimos- Considerem-se mortos. – falou e todos riram.

- Elisa, sei que não foi o pedido dos sonhos mas

- Foi o melhor pedido Yool – falou interrompendo-o – Foi tão engraçado ver vocês caindo e se molhando, e Kookie, não poderia ter sido mais especial com você cantando. – Kookie pareceu se envergonhar um pouco, mas abriu um sorriso em seguida. – Obrigado vocês três – falou nos dando um abraço.

- Temos direito de comemorar então? – Disse Yool.

- Claro, com bastante comida. – falou entrelaçando suas mãos com as de Yool. – Obrigado de novo pessoal. – falou indo embora com Yool.

- É, acho que poderemos ser ótimos cupidos – Disse Kookie fazendo uma flecha com suas mãos.

- Tae seria um péssimo cupido – Falei brincando e nós rimos.

- Bom, eu não sei vocês mas eu tô com fome. Tão afim de um cachorro quente? – Perguntou Tae.

- Tem que ser quente mesmo, por que estamos todos molhados – falei apertando minhas roupas.

- Vou comprar então – falou.

 - Emma – falou Kookie enquanto sentávamos em um dos bancos – O que vocês fez hoje, foi muito legal, você querer ajudar seus amigos assim.

- Ás vezes eu... me vejo sem utilidade, e se e eu puder fazer alguma coisa boa pros meus amigos, qualquer que seja, eu faço.

- Emma, claro que você tem utilidade. O simples fato de vocês existir, faz pessoas felizes, é muito útil.

- Você acha?

- Você me deixa feliz, não é suficiente pra você? – Falou dando um sorriso meio tímido. Ouvi-lo falar aquilo foi como se eu tivesse encontrado uma razão, pra continuar.

- Você também me deixa Feliz Kookie. – falei e nos encarávamos. Kookie olhava nos meus olhos, e eu senti um frio na barriga, ele pegou em minha mão e novamente, parecia que queria falar algo, mas hesitava.

- Tá aqui, bem quente como pediram – Falou Tae voltando com os cachorros quentes. Kookie pareceu se irritar por Tae ter voltado, e eu tenho que admitir, que acabei me irritando um pouco também.

- Eu vou comprar um Refrigerante. – falou Kookie indo embora.

- O que deu nele?

- Não sei, quem sabe é só cede mesmo.

- Emma, sobre o que fizemos hoje, do pedido de namoro – pausou – Você gostaria de ser pedida em namoro de uma forma parecida? – engoli em seco ao ouvir aquilo. Tae me fitava esperando uma resposta.

- Bom, acho que toda garota gostaria de receber um pedido de um jeito especial. Acho que comigo não seria diferente. – falei tímida.

- Legal, bom saber – falou dando um sorriso, em seguida comendo o cachorro quente ainda sorrindo. Não entendi direito aquilo. Mas realmente, não espero ser pedida em namoro algum dia. Era algo que eu não queria também, me apaixonei somente uma vez na vida, e não deu muito certo. Resolvi esquecer tudo relacionado a amor, e a relacionamentos.

- Voltei.

- Cadê seu refrigerante? – perguntei.

 - Ah, eu já tomei. – falou se sentando.

- Tão rápido assim? – perguntou Tae.

- É ué. – respondeu Kookie que encerrou o assunto ali.

      Ficamos ali por algum tempo, até resolvermos voltar pra escola. Me despedi dos rapazes e fui para meu quarto. O dia foi realmente cansativo mas também divertido, e cheio de emoções para Yool e Elisa. Não via a hora de vê-los no dia seguinte, queria vê-los andando de mãos dadas e fazendo coisas fofas. Resolvi ir tomar um banho, e assim que terminei me joguei em minha cama, acabei lembrando do que Tae tinha perguntado, o que ele queria dizer com aquilo? Perguntava pra mim mesma, mas dei de ombros, e resolvi ir dormir, já que tinha aula muito cedo amanhã

Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...