História Thanks for show me the love - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Kentin, Melody, Nathaniel, Personagens Originais, Viktor Chavalier
Tags Amor, Amor Doce, Doce, Docete, Yuri
Exibições 11
Palavras 346
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Romance e Novela, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oii voltei meu povo lindo
Eu demorei pakarai sorry
To sem PC e escrever caps pelo cel eh um saco!
Mas enfim vamos ao cap

Capítulo 9 - We need to talk


Sentio cheiro de chuva, presumi que começaria a chover logo.

Pegamos nossas malas e entramos em casa. 

Nada como a casa dá gente! 

Senti falta dela, subi até meu quarto e me joguei na cama com um longo suspiro. 

Sem cerimônias eu caí no sono.

Ah, que barulho infernal!  - eu resmunguei prensando o travesseiro nos meu ouvidos

Algo fazia estrondos no prédio e a ressaca só ajudava a piorar a dor de cabeça que eu estava ficando.

Meu Deus que ódio! - Brenda também não estava suportando aquele barulho

Eu preciso arrumar um jeito de fazer isso parar. - falei e me levantei da cama

Coloquei uma pantufa e um casaco grande.

Saímos do quarto e começamos a Rondar pelo prédio a procura do barulho. 

Brenda estava atrás de mim até que algo começou a correr rapidamente até nossa direção. 

Caímos no chão e aquilo começou a nos arranhar fazendo nossas roupas rasgarem, e deu mordidas doloridas em nossos corpos, e aquilo me acertou no pescoço com força fazendo a ficar roxo, por sorte conseguimos correr daquilo e chegar ai quarto.

Acordei assustada e ofegante. 

Parcecia ser mais um de milhares de sonhos estranhos que já tive, mas eu comecei a ligar as peças e vi que aos poucos os fatos se interligavam.

Era uma memória da noite em que eu e Brenda bebemos e Louise deu a famosa louca! Bingo!

Fui tirada de meus devaneios com alguém batendo na porta. 

Entra. - disse com a voz meio rouca por ter acabado de acordar e me joguei na cama novamente

P.O.V LOUISE

Chegamos em casa, eu estava feliz em partes mas não totalmente.

Eu estou na cidade agora e é mais um motivo pra eu dizer a verdade ao meu namorado. 

Parece que o universo está em conspiração contra mim.

Mas é hora de encarar os fatos, e eu vou começar indo conversar com a Steffy.

Respirei fundo, e caminhei até o quarto dela, hesitei mas bati na porta.

Entra. - ela disse com a voz rouca de quem acabou de acordar.

Abri a porta lentamente e a vi jogada na cama.

Respirei fundo outra vez, tomei coragem e disse:

- Nós precisamos conversar.


Notas Finais


Yeah entendermos pq delas terem ficado naquele estado! (E eu realmente espero que não tenha ficado confuso)
Espero que tenham gostado!
Gostei de deixar esse suspense! MUHUAHUAHAU SO MÁ! Brinks
Bjs e até o prox! =^.^= ♥
Love you ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...