História Love Don't Break Me - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Tokio Hotel
Personagens Personagens Originais
Tags Amor, Romance, Superação
Exibições 11
Palavras 651
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Slash
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


-Boa Leitura-

Capítulo 2 - Chegada


Fanfic / Fanfiction Love Don't Break Me - Capítulo 2 - Chegada

Chegamos na casa da tia Mel depois de horas de viagem, até deu pra ouvir um álbum todo do Twenty One Pilots (uma banda que quase ninguém conhece mas eu adoro). marquei de encontrar meu amigos na nossa praça favorita da cidade assim que eu chegasse. 

Fui a caminho da praça depois de ageitar umas coisas na casa da minha tia, dei sorte que a casa dela é no centro da cidade então era só descer umas ruas que logo chegaria na praça.

De longe la estavam eles e mais algumas pessoas que não conhecia ainda. Me aproximei e ja vi uma das minhas melhores amigas, a Mih, e claro que saimos correndo um pro outro pra dar aquele abraço de urso. E cumprimentei também meus outros amigos, Gaby, Joe, um carinha que chamamos só pelo apelido "batata"...Como não conhecia alguns a Mih me apresentou a eles :

- John esses são Bill, Leila e Erick.

De primeira impressão Bill era um garoto nerd, a julgar sua camiseta de super herói e seu oculos quadrados; Leila era uma linda e simpatica garota, do cabelo curtinho e sorriso meigo; E Erick um rockeiro que usa roupa preta, lápis de olho, cabelo negro como a noite mais escura que jamais vi, e mega MEGA gato. Não sei porque mas ao ver o Erick senti como se ja o conhecesse, e uma atração por ele foi inevitavel eu sentir.

Me recompus depois de analisa los com atenção, que é uma mania que tenho e disse: 

-Muito prazer gente !

Erick se apressou e ja foi o primeiro a apertar minha mão,  meio tímido me olhou e disse:

-Prazer cara ! (E sorriu um belo sorriso).

Depois Leila e Bill também me cumprimentaram, eles foram menos tímidos, na verdade.

Mih me contou que eles estavam ensaiando uma peça de teatro e que formaram esse grupo a pouco tempo...achei muito interessante e perguntei se podia participar, mas fui deixado meio de fora pela frase que a Mih me disse em seguida "sinto muito, mas o grupo ja está completo, mas pode assistir se quiser" fiquei meio sem jeito de retrucar e diser que não queria só ver...então aceitei ficar. Foi meio chato na verdade perceber que não posso fazer algo com meus amigos porque eles tinham que ensaiar e eu nem podia ajudar em nada.

Nao aguentei ficar muito tempo só la olhando pra eles, mas a parte boa era ver o Erick la falando com aquela voz linda dele as falas que ele precisava falar, Deus como alguém consegue ser tão chamoso assim?  

Me despedi de todos e fui embora,cheguei em casa e meus pais tavam la cuidando da Tia e eu preferi subir logo pro quarto. Eu dentei na cama e comecei a pensar muito sobre tudo, sobre como nem tudo saiu como eu esperava nessa minha chegada aqui.Meus amigos mau ligaram pra mim, tavam preocupados com essa pesça deles, eu queria contar como estava me sentindo sozinho e quão bom era rever todos eles, mas não tive chance ! E aquele garoto ? O Erick. Nossa por que será que senti tanta atração por ele? Assim tão rapido, que sorriso era aquele? 

...

De repente ja era noite, ja tinha jantado e dei um beijo na minha mãe, no meu pai, e na minha tia antes de subir pra dormir. Ja estava me sentindo cansado mesmo pois a viagem até aquina casa da Tia Mel foi bem longa.

Me joguei na cama e logo minhas pálpebras começaram a pesar, e por fim fechei meus olhos.

-Que lugar escuro! Tem alguém aí? 

(Ao longe havia uma voz chamando meu nome)

"John ...John ...John ...''

-Quem é você? Porque está me chamado? 

(Uma luz no meio da escuridão se acendeu, iluminando uma só pessoa)

"Erick?" Pensei.

(O chão começou a desabar e comecei a cair da escuridão, na escuridão)

...

-NÃOOOO!!!! meu Deus! Foi ssó um sonho, um bem estranho por sinal...

Refleti por um tempo e pensei na simbologia que esse sonho tinha...





Notas Finais


Então, o John voltou pra sua cidade natal, e reencontrou seus amigos, e conheceu o Erick, chegou até a sonhar com ele uia hahahaha

oque acham que esse sonho dele significa? Deixe um comentário sobre acho desse segundo capítulo ;)

Ps: estão pequenos os capítulos por que sou ainda um iniciantes nesse lance de escrever, então peguem levo comigo, e espero que estejam curtindo...logo mais novo Cap bjoooss


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...