História Love Dreams - Capítulo 32


Escrita por: ~

Postado
Categorias Descendentes
Personagens Carlos de Vil, Chad, Doug, Evie, Jane, Jay, Lorrie, Mal, Personagens Originais, Princesa Audrey, Príncipe Ben
Tags Doug, Evie
Exibições 52
Palavras 1.663
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Luta, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Violência
Avisos: Álcool, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi oi gente!!!
Fico muito feliz que vocês tenham gostado do ASK!!!!
Mas esse cap é especial Vincent e Evie
Para vocês saberem como foi o termino deles e blá blá blá!!!!
Então vamos que vamos!!!!!

Capítulo 32 - Vevie ou Devie?


Fanfic / Fanfiction Love Dreams - Capítulo 32 - Vevie ou Devie?

P.O.V. Evie

Evie: - Eu estava procurando a Mal na escola. Quando eu entrei em uma sala e vi o Vincent, tocando piano, eu já estava indo embora, mas como o mesmo não tinha me percebido resolvi ficar.

Vincent: - If I could it all over

Maybe I'd different

Maybe I'd wouldn't here

In this...

Evie: - Eu estava tão distraída com a música que acabei encostando em um instrumento e derrubando vários como um efeito dominó, o que me fez dar um gritinho pelo susto, correr para a porta e fingir que eu tinha acabado de chegar. - Hahahaha..... Ei.. - Disse corada e nervosa. - Estava fazendo o quê? - Perguntei tentando mudar de assunto e vendo o mesmo rir.

Vincent: - Bom, eu estava trabalhando em uma música, mas eu não estou conseguindo, pois estou com um problema na minha expiração.. - Ele disse meio triste. - Posso tocar para você? Talvez você saiba encaixar alguma coisa!

Evie: - Claro! - Disse sorrindo e me aproximando dele.

Vincent: - If could do it all over

Maybe I'd do it different

Maybe wouldn't be here

It this position

Evie: - I found you

The I lost you

Looking back is torture

And it hurts to know

I let you go

You right around

The corner

Vincent e Evie: - And I could've had it al

Could've had it all

True love

I know I had ir

True love

If was mine all mine

True love

If I could get it back

I'd never let it go

This time..- Nós cantamos com os rostos próximos.

Vincent: - True love

Evie: - Is an inspiration

Vincent: - True love

Evie: - Is was mine all mine

Vincent: - True love

Evie: - Yeah

Vincent: - If could get back

Evie: - I'd never let it go

Evie e Vincent: - I'd never let go this to time.. - Ele cantou olhando no fundo dos meus olhos. Quando eu percebi já estávamos nos aproximando e quase se beijando quando....

Mal: - Evie.. Hmmmmm... - Ela disse com um sorriso malicioso. - Interrompi alguma coisa?

Evie: - Não! - Disse me levantando bem rápido. - Vamos embora?

Mal: - Por quê? Vamos ficar mais! - Ela disse rindo e me deixando muito corada.

Evie: - Não vamos embora! - Disse a puxando.

Meses depois

Vincent: - Oi! - Ele disse me abraça do por trás.

Evie: - Oi! - Disse me virando e envolvendo o pescoço do mesmo com meus braços. - Eu estava pensando em você.. - Disse o beijando.

Vincent: - Eu também estava pensando na garota da minha vida! - Ele disse pegando na minha mão e começando a caminhar comigo.

Evie: - Eu estava me lembrando de como eu me apaixonei por você.

Vincent: - E como foi? - Ele disse abrindo a porta da sala de música.

Evie: - Cantando com você...

Vincent: - E isso nos aproximou até que mais.. - Ele disse se sentando no piano. - Pois essa é a nossa música... - Ele disse tocando.

Evie: - Eu acho tão bonito...

Vincent: - O quê?

Evie: - Tocar.

Vincent: - Quer tentar?

Evie: - Quero. - Depois de aprender vi o mesmo ficar com um sorriso bobo. - Que foi?

Vincent: - Nada é que você é muito perfeita! - Ele disse rindo.

Mal: - Que fofo! - Ela disse aparecendo na porta. - Vem Evie, nós precisamos ir! - Ela disse me puxando. Quando chegamos lá eu tomei um banho fiquei escovando meus cabelos. Ao terminar fui dormir.

Sonho #on

Evie: - Eu estava caminhando pelas ruas da Ilha e o pior é que eu estava com a minha camisola e descalça. - Vincent? - Perguntei sentindo medo e ouvindo passos.

Vincent: - O que você faz aqui sem o seu Douguinho? - Ele perguntou me presando na parede.

Evie: - Vincent me solta! - Disse tentando me soltar.

Vincent: - Não deveria ter me trocado por alguém que não te protege! - Ele disse acariciando o meu rosto. Rapidamente viro meu rosto não querendo olhar nos olhos dele. - Calma linda! - Ele disse rindo.

Evie: - Eu tenho nojo de você! - Disse o vendo olhar para o decote da minha camisola.

Doug: - Só por cima do meu cadáver! - Ele disse o puxando para trás.

Vincent: - Não se mete! - Ele disse partindo para cima do mesmo que acertou e depois começou a socá-lo sem piedade. Até que o mesmo apagou e ele veio em minha direção.

Doug: - Você está bem princesa? - Ele perguntou acariciando meu rosto. Rapidamente o abraço chorando e ele ficavam acariciando minhas costas e beijava minha cabeça. - Não, se preocupe eu não vou lhe deixar, você consegue me esperar? - Ele perguntou secando minhas lágrimas.

Evie: - Sim... Mas eu tenho medo...

Doug: - Eu nunca vou lhe magoar.. - Ele disse beijando minhas mãos e depois olhando no fundo dos meus olhos.

Sonho #off

Vincent: - Evie, você está bem?

Evie: - Como?

Vincent: - Você estava falando sobre tocar aí entro em transe.

Evie: - Sério? Por quando tempo?

Vicent: - Vinte minutos.

Evie: - Nossa.. - Murmurei chocada. - Eu preciso ir! - Disse pegando minha bolsa e indo para a casa da Mal. Ao chegar lá bati na porta e fui atendida pela mesma. - Oi!

Mal: - Oi, tudo bem?

Evie: - Não, eu sonhei com aquele garoto.

Mal: - Sério?

Evie: - Sério, mas eu fiquei em transe perto do Doug.

Mal: - Doug...?

Evie: - Digo, Vincent.. - Disse confusa.

Mal: - Você está muito apaixonada! - Ela disse rindo.

Evie: - O que eu faço?

Mal: - Termina com o Vincent!

Evie: - Mas eu não quero magoar ele..

Mal: - Mas você tem que fazer isso, vai lá e termina! - Ela disse beijando meu rosto. - Boa sorte! - Ela disse fechando a porta na minha cara.

Evie: - Bela ajuda.. Só que não.. - Murmurei indo para casa. Ao chegar lá subi para o meu quarto.

No quarto

Evie: - Quando eu cheguei lá vi o garoto dos meus sonhos. - O que você quer de mim?

Doug: - Calma linda, você deve estar muito mal.. - Ele disse acariciando meu rosto.

Evie: - Ai meu Deus, eu estou pirando.. - Disse me sentando na cama. Rapidamente esfrego os olhos e vejo o Vincent. - Vincent, precisamos conversar sobre nós.

Vincent: - Como assim?

Evie: - Eu quero terminar.

Vincent: - O QUÊ?

Evie: - Você me ouviu, eu quero terminar!

Vincent: - POR QUÊ?

Evie: - Porque eu tenho sonhado com outra pessoa e que...

Vincent: - QUEM?

Evie: - Um tal de Doug de Auradon e...

Vincent: - D Auradon? Sério? E VOCÊ ACHA QUE ELE SE IMPORTARIA COM VOCÊ ? VOCÊ SÓ TEM CORPO! SE NEM SEU PAI TE QUIS IMAGINE ELE! - Ele disse me presando na parede e pegando no meu pulso. - EVIE, VOCÊ É SÓ MINHA E DE MAIS NINGUÉM!

Evie: - Vincent, meu pulso.. - Disse vendo o mesmo roxo e sentindo uma grande tontura.

Vincent: - PROBLEMA, VOCÊ ME ENTENDEU?

Evie: - S-s-s... Si.. - De repente tudo se apagou.

No dia seguinte

Vincent: - Oi, você está bem? - Ele perguntou sorrindo.

Evie: - Vincent? - Perguntei me afastando dele. - Ontem a gente...

Vincent: - Sim, mas nós entramos em um acordo, lembra? Não termina comigo e você vive.. - Ele disse pegando na minha mão. Rapidamente me afasto. - Eu entendo, você precisa se acostumar com a idéia

Evie: - Eu tenho nojo de você! - Disse me levantando com raiva e me afastando do mesmo.

Vincent: - Não fale isso. - Ele pediu triste. - Não quero fazer isso! - Ele disse me prensando no armário e me enforcando. - Agora eu vou te sufocar até você cuspir sangue, e sempre será assim até você seguir minhas regras, me entendeu? - Ele perguntou apertando mais ainda meu pescoço.

Evie: - Me solt... - Disse ficando tonta e com a visão turva. Até que ele me solta.

Vincent: - Pronto, calma eu sei que dói.. - Ele disse me vendo cuspir sangue e torci. - Vê cá! - Ele disse me ajudando a levantar. - Agora diz: Eu te amo e me desculpa meu amor.

Evie: - E-e-e... Eu te amo e me desculpa meu amor.. - Disse soltando algumas lágrimas e fitando o chão.

Vincent: - Eu também te amo! - Ele disse me beijando a força. - A gente se vê na escola.. - Ele disse indo embora. Quando a porta se fechou comecei a chorar feito um condenada.

Jay: - Evie você vem para a es.. EVIE? - Ele perguntou entrando e me pegando no colo. - Quem fez isso?

Evie: - Vincent.. - Disse chorando.

Jay: - Calma, vamos eu vou te levar para covil.

No covil

Mal: - Oi, gen.. Evie! - Ela disse correndo até mim. - O que houve com você?

Carlos: - Quem fez isso?

Jay: - Vincent. - Ele disse com raiva. - Eu vou levar ela para o seu quarto. - Quando chegamos no meu quarto ele desceu, e eu fui tomar banho, vesti minha lingerie e fiquei vendo os hematomas. Depois me vesti.

Mal: - Oi, está tudo bem?

Evie: - Eu tentei Mal, mas ele fez isso...

Mal: - Temos que acabar com ele!

Vincent: - EVIE! - Ele gritou entrando no covil.

Jay: - COMO VOCÊ OUSA?

Carlos: - QUER MORRER? QUER MORRER?

Vincent: - Não se mete anão!

Evie: - Vincent se toca acabou! - Disse dando um tapa na cara dele e o empurrando para trás.

Vincent: - SÓ ACABA QUANDO EU DIZER QUE ACABOU!

Jay: - Vincent!

Vincent: - O quê?

Jay e Carlos: - ACABOU! - Eles gritaram jogando vários balões de tinta no mesmo e depois o jogando para fora do covil.


Notas Finais


Espero que tenham gostado!!!!!
Comentem o que acharam!!!
Bjs de Mel 🍯 e biscoito 🍪


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...