História Love For Hope - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Chris Colfer, Darren Criss, Grant Gustin, Lea Michele, Naya Rivera
Personagens Chris Colfer, Darren Criss, Grant Gustin, Lea Michele, Naya Rivera, Personagens Originais
Tags Amizade, Crisscolfer, Drama, Romance
Exibições 3
Palavras 671
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Boa leitura gente! 😊😊

Capítulo 5 - Juntos Pelo Destino?


Fanfic / Fanfiction Love For Hope - Capítulo 5 - Juntos Pelo Destino?

No dia seguinte Chris acorda e Darren já estava acordado o olhando. 

- Bom dia - Darren sorri. 

- Bom dia, meu amor. - Chris sorri e dá um selinho nele. 

- Que bom humor. - O moreno sorri. 

- Acho que o que houve ontem me deixou assim. - Chris o abraça. 

- É mesmo? Porque podemos fazer isso mais vezes. - Darren ri. 

- Veremos senhor Criss. - Chris o olha. - Eu vou tomar o banho que você não me deixou tomar ontem. - Chris se levanta. 

- Opa, vou junto. - Darren se levanta.

- Mas é pra tomar banho. - Chris o para na porta do banheiro. 

- Está bem amor, entendi. - Darren sorri e tomam banho.

- Vai me lavar agora? - Chris se encosta no ombro dele. 

- Eu posso? - Darren sorri e ensaboa o outro braço de Chris. 

- Pode. - Chris sorri e o beija. - Sabe de uma coisa?

- Eu te amo. - Darren sorri. 

- Essa fala era minha. - Chris o olha e sorri. - também te amo, amor. - Darren o beija e Chris fica de frente pra ele. 

- Você fica tão lindo assim. - Darren sorri envergonhado. 

- Assim como? Nu e cheio de sabão? - Chris ri. - Isso é ilusão sua. 

- Não é não. É sexy te ver assim. - Darren passa a mão nas pernas do castanho. 

- Eu não acho. Mas tudo bem. - Chris sorri e se enxagua. 

- Assim é melhor ainda. - Darren sorri e se enxagua também. 

- Darren, você está excitado de novo? - Chris pergunta e o olha. 

- Você me deixa assim. - Darren cora. - A culpa não é minha. 

- Eu te deixo excitado, apenas por tomar banho com você? - Chris chega perto dele. - Agora imagina se eu te provocasse de verdade. - O castanho ri e da um leve beijo no pescoço dele. 

- Ahh... Não amor, não faz assim. - Darren o abraça por trás e beija o pescoço de Chris. 

- Isso aí já é um golpe baixo! - Chris se arrepia. 

- Ah sério? Não me diga. - Darren diz sarcástico e ri. - Você que provocou amor. - Darren pega Chris no colo, com as pernas na cintura dele, envolve ambos numa toalha e vai pra cama. 

- A cama vai ficar molhada de novo. - Chris fala quando Darren o coloca na cama. 

- A nossa cama. - Darren corrige. - Mas logo seca. - Darren volta a beijar o pescoço de Chris com pressa. 

- Amor calma, só se seca um pouco. - Chris pega a toalha, seca ele por cima e se seca um pouco, então Darren volta a beijar o castanho desesperadamente.

Então ele o deita novamente e Chris vai cedendo cada vez mais, logo Darren o penetra e Chris geme alto. 

- Tudo bem? - Darren pergunta no ouvido do castanho e Chris afirma. 

Ele continua os movimentos devagar, aumenta aos poucos e ainda com cuidado, Chris põe em prática o que ele havia o ensinado no dia anterior aumentando o prazer de ambos, afinal o castanho não tinha que ter vergonha dele. 

Após algum tempo, vários gritos de prazer, arranhões, chupões, beijos e estocadas rápidas, ambos chegam ao ápice juntos e acabam por cair na cama exaustos. 

- Te amo. - Darren o beija. 

- Também te amo. - Chris sorri. - Vamos descer e comer. Eu estou com fome. - Chris levanta, já se vestindo. 

- Claro, amor. Podemos passear também, andar por ai. 

- Claro - Chris sorri. 

Então, Chris e Darren descem, e tomam o café da manhã.

- Já acordaram no pique né? - Chuck da um tapinha no ombro do Darren, que dá uma risadinha. 

- É a vida. 

- Ou o fogo - Eles riem e Chris fica envergonhado. 

- Vamos amor? 

- Vamos sim amor. - Chris sorri e Darren dá a mão, o levando pra fora de casa.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...