História Love is a sin? - Jikook! - Incesto. - Capítulo 29


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Namjin, Tragedia, Vhope, Yoozi
Exibições 272
Palavras 877
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Eeehhh!!! O último capítulo de Namjin hein?! Eu espero que gostem da história! De verdadeee... Eu Mari escrever esse Namjin... Quem sabe eu faça uma fic Namjin depois? Hahahs! Eu espero que gostem! Amo vocês! Boa leiturinha! Agora eu vou dormirzinho, porque às vezes eu preciso! 🙌🏻🍃😜🙈💕😚

Capítulo 29 - Marry me? - Namjin pt. 4! - Final (Namjin).


Fanfic / Fanfiction Love is a sin? - Jikook! - Incesto. - Capítulo 29 - Marry me? - Namjin pt. 4! - Final (Namjin).

~ Namjoon on ~     

- Por favor... Me deixem sair daqui... - eu pedia para os guardas. 

- Não podemos! - um deles disse friamente. 

[...]

~ Estavamos na hora do almoço, então, sai de meu dormitório, e fui levado até o refeitório junto com todas aquelas outras pessoas estranhas que me olhavam com o cenho franzido. ~

- Eles são como você, senhor Kim Namjoon... - um dor guardas disse.

- Mas... - sou interrompido. 

- A senhora Yang Mi está te esperando! 

* Vou até a senhora de cabelos ruivos sentada em uma cadeira de frente para uma poltrona. Me sentei na poltrona procurando um jeito de fugir aquele imenso lugar. Esperei até a 5° colherada de sopa que senhora Yang me deu, e pedi para ir no banheiro por perto. *

- Acho que ele pode ir sozinho... É perto... - diz senhora Yang. Agradeço aos deuses e vou até o banheiro em passos lentos. 

~ Molho todo o meu rosto e respiro fundo. Vou fugir daqui hoje! Sai do banheiro de fininho enquanto os guardas conversavam com Yang Mi distraídos. Sai de fininho me arrastando pelas paredes como missão impossível. Quando cheguei perto da porta de saída, ouvi os guardas gritarem por mim, mas Yang Mi os segurou. ~

Sai correndo daquele local, que dava até um jardim gigante, Jin acharia isso lindo! Corri e corri; até me perder completamente no meio do nada. Era tão imenso, eu estava imerso, pois não sabia para onde ir, nem o que fazer. 

(...)

Faz 4 dias que estou aqui, perdido no meio do nada, sozinho e faminto. Então, para a minha grande sorte, começou uma forte chuva. Me lembrei daquele dia, no qual Jin morreu, um dia escuro e sem vida... Comecei a chorar, e me levantei daquele chão. Fui andando trilha à frente sem rumo. 

- JIN! ME DESCULPA! EU TE AMO! - grito alto e me ajoelho no chão chorando. E assim, caio inconsciente no chão gramado. 

☆*:.。♡。.:*☆        

- JIN! - me levanto desesperado gritando.

- Nam? O que foi? Você tá bem?! - olho para o lado e vejo Jin me olhando preocupado.

- Amor?! - o abraço forte. - Você está aqui! Aí meu Deus! Eu senti tanto sua falta! - começo a chorar.

- Nam você tá bem? Estou preocupado! - passa a mão por minhas costas.

- Eu te amo! EU TE AMO JIN! - grito e começo a rir, ele me dá um soquinho no ombro.

- Você é louco?! São 7:00 da manhã! - me olha confusso. - O que houve Namjoon?

- Longa história... Mas Jin... Eu quero que você me acompanhe hoje no clube de rap! - digo sorrindo e ele me olha surpreso.

- Eu? - diz.

- Você meu amor! - beijo a testa do menor e sorrio me levantando. - Vem, vamos tomar banho! 

~ Tomamos banho com várias carícias e mãos bobas. Saimos, nós trocamos e tomamos café; Jin me olhava curioso e confuso e eu apenas sorria. ~

- Vamos! - digo e o empurro cuidadosamente para dentro do carro.

 [...]

- Oi Nam! A gente pode ter uma conversinha? - uma menina vem até mim passando os dedos em meu peito. 

- Não está vendo que está atrapalhando? - digo mostrando minhas mãos entrelaçadas com a de Jin que estava cabisbaixo, mas logo, me olhou surpreso. - Vem amor! - o puxo até o centro da sala onde todos se reuniam. - Gente... Cheguei! - disse adentrando o local. - Tenho um comunicado! - levo Jin até o centro do local e me ajoelho em sua frente. - 

- Nam?.. - ele diz baixinho com ambas as mãos na boca e os olhos marejados.

- Kim SeokJin... Meu amor, eu te peço mil desculpas por ser um verdadeiro idiota com você... Bom... Eu queria dizer que, eu te amo muito! E que sem você, eu não passo de um louco! - digo e ele solta uma risadinha fraca e seus olhos dispensam lágrimas finas. - Eu quero passar o resto da minha vida com você! Quero uma segunda chance para que eu possa te dar todo o amor que merece! Todo o amor que eu não pude te dar! Por favor... Case-se comigo! Faça-me a pessoa mais feliz do universo e aceite esse pedido! 

- E-Eu... - ele limpa as lágrimas e sorri. - A-Aceito! - ele começa a chorar novamente e pula sobre mim. 

- Eu te amo! - digo o abraçando, fazendo com que nos ajoelhássemos no chão.

- Também te amo, Nammie! - quebramos o abraço e nos juntamos novamente em um beijo de puro amor e carinho. Ouço palmas de longe e sorrio. 

- EU TE AMO KIM SEOKJIN! - grito e começo a rir, assim como Jin que disfere um soquinho em meu ombro.  

Pois é, todos os tipos de amores tem barreiras. E por incrível que pareça, todas elas podem ser quebradas... Basta você acordar de um pesadelo, basta você se desligar da realidade... Basta você amar! 

"Como aquelas folhas que cairam e estão voando
Meu amor está em colapso, sem força
Seu coração apenas continua se afastando
Eu não posso mais te alcançar
Eu não posso aguentar mais! " 

+ CONTINUA?.. +


Notas Finais


Eae? Gostaram da história?! Espero que sim! Hahah! Ate o próximo capítulo gente! Amo muito vocês! Boa madruga para as ARMY de plantão! サヨナラ!!! Até mais tarde! 👏🏻♥️👋🏻😭😍🇰🇷🇯🇵😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...