Hist√≥ria Love me anyway- Naylaūüėć - Cap√≠tulo 26


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Visualiza√ß√Ķes 16
Palavras 1.425
Terminada N√£o
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
G√™neros: Fantasia, Ficção
Avisos: Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta hist√≥ria s√£o apenas alus√Ķes a pessoas reais e nenhuma das situa√ß√Ķes e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma fic√ß√£o. Os eventuais personagens originais desta hist√≥ria s√£o de minha propriedade intelectual. Hist√≥ria sem fins lucrativos, feita apenas de f√£ para f√£ sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Babies, sorryy por não ter postado antes, perdão, estava na roça e bem, lá não tem internet, mas estou de volta yeyy!!

Bom espero que gostem e antes que esqueça, talvez demore para atualizar a fic por que as aulas voltaram, então desculpem qualquer atraso, desculpem os erros bjoos😘😍

Capítulo 26 - Give it to me


Tayla On

Niall entrou na banheira logo após de se despir bem na minha frente e, bem, se eu estava babando ninguém precisa saber!

- Ahh, sentia falta disso! - Horan exclamou com um gemido de satisfação ao ter sua hidro novamente

- Vou usá- la todos os dias, até parece que vou desperdiçar a oportunidade de tomar banho numa hidro que está bem aqui, para hora que eu quiser. - eu disse espalhando -me nela, estava tão relaxada mas eu queria experimentar o que Niall sugeriu, mas estava com preguiça de me levantar, então fechei os olhos

- Eu não vou te levar para a cama se dormir aí. Vou deixar se afogar, para deixar de ser folgada - ele solta uma risadinha assim que eu abro um dos olhos com a expressão séria mas acabo por rir também após alguns instantes 

- Vem aqui Niall. - eu o chamei batendo as mãos na água bem ao meu lado e ele foi e se sentou ali - Acho melhor relaxar... é tão bom, fecha os olhos para nada te atrapalhar de sentir...- ele segue meus concelhos e fecha os olhos se acomodando mais na perede da hidro. Eu tento o mais lento possível descer a mão até seu membro que se torna semi-ereto apartir do momento que minhas mãos correm nele

- Ohh sweet...- ele deixa escapar assim que começo com os movimentos de cima para baixo, sempre intercalando a velocidade para o dar mais ância - Vou gozar rapidinho de continuar assi...Ah, nossa , swe...sweet...ele levanta os quadris para dar uma estocada em minha mão, ele abre os olhos e me encara, eu subo nas suas coxas e acelero os movimentos, fazendo massagem na ponta e descendo pelo seu extenso comprimento 

- Não vai gemer meu nome Horan? - eu o provoco mantendo distância da sua boca que pede por um beijo desesperadamente, aperto mais meus dentes no meu lábio inferior ao senti-lo pulsar sob meus toques 

- Não, até por que você estará gemendo o meu mais tarde, pedindo para eu te deixar respirar . - ele diz apertando meus quadris e também mordendo o lábio inferior, sua pupila está diladata como nunca antes. Faço movimentos circulares enquanto subo e desço a mão no seu membro que ja está ereto 

- Vamos ver...- eu o provoco mesmo que ele me deixava louca com as palavras mas não iria me render, não hoje quando tenho controle da situação por enquanto 

Assim que sinto sua goza cair na minha mão e escorrer pelo meu pulso e ante-braço eu tiro a mesma do seu membro e levo a boca para lamber tudo que saiu dele, sem em nenhum segundo parar de o olhar fixamente ainda sentindo o fluído do orgasmo

Ele deixa uma expressão surpresa escapar enquanto me encara com a boca entre -aberta 

- Você lambeu tudo? Não acredito! Agora existem milhões de Horansinhos no seu estômago! Podemos considera-la grávida! - eu tento segurar a  risada mas não dá, ele me tira do sério!

Sem que eu possa ter qualquer reação ele troca nossas posições e deita minha cabeça na borda da banheira 

- Não gemi seu nome..- ele diz com expressão vitoriosa, como se fosse uma mera conquista - Mas você vai gemer o meu! 

Niall me beija separando mais minhas pernas, e vai  descendo pelo pescoço, com uma mão aperta mais minhas coxas e a outra ele passa na minha virilha o que me faz arfar

- Não vai me apressar? - diz contra meu pescoço 

- Quero ver se você consegue ser tão paciente. - Niall n tira a boca de mim, mas suas mãos estão fazendo um ótimo trabalho

- Você vai gozar três vezes... - ele me encara sério - três, e eu vou contar! 

Ele posiciona dois dedos na minha intimidade os empurrando devagar para dentro, eu sinto cada movimento dele, desde a pulsação na ponta de cada dedo, até seus batimentos e respiração

Ele afunda seus dedos até a última dobra deles e eu sinto uma pontada dentro de mim, o que me faz erguer os quadris mas ele os abaixa, começa com movimentos lentos e os acelera revezando, a cada estocada com os dedos é como se fosse descoberta mais uma parte de mim, como se ele pudesse ir mais fundo a cada segundo, minha respiração está desgovernada, sem ritmo e eu me seguro para não gemer o nome dele

- Segurando algo Sweet? Se quizer dizer pode, mas vai ter que gozar mais vezes...- deixo meus gemidos tomarem o banheiro, pode ser apenas os dedos dele, mas não são nada pequenos e me fazem contorcer, nada além de prazer me tomando e minha mente tentando processar tudo aquilo 

Sinto Niall diminuir os movimentos assim que eu chego ao meu limite, ele me beija o que me faz perder o rumo e a respiração, que não estava nada fácil de controlar, antes que minha intimidade sinta falta dos seus dedos ele posiciona o seu membro na mesma empurrando devagar para dentro

- Ja foi uma e...ah, apertada! - ele segura meu quadril, eu não estava quieta por sentir todo seu tamanho infiltrando dentro de mim, é tão prazeroso e confuso, sinto suas mãos apertarem quando ele dá uma estocada forte sem paciência para dentro de mim e meu gemido alto escapa mais como um grito pedindo por mais. Ele começa com estocadas lentas e fortes o que causa pequenas ondas na banheira, aquela água, nossos corpos suados sendo refrescados pela mesma, era bom, porem desconfortável pelos barulhos que produziam

- Ah Ni...Ah - tampo a boca antes de gemer seu nome quando ele quase me empurra contra a parede da banheira pela força dos movimentos, cada vez mais fortes e rápidos, agitando a água, e fazendo os vizinhos escutar nossos gemidos

- Eu estou quase e...nossa você tá tão escorregadia, parece que derramou um litro de lubrificante! - eu ouvi o que ele disse mas estava prestando  atenção nos nossos gemidos que saíam juntos a cada movimento pra dentro e para fora, quando ele tira seu membro de mim e deixa todo seu líquido cair no meu peito e cheguei ao ápice poucos segundos depois, minha respiração e a dele não batiam, o coração acelerado e a falta de ar eram evidentes 

- Falta mais uma! - ele disse recuperando o fôlego 

- Mais uma? - eu levanto as sombrancelhas e ele acente com a cabeça 

- Sim , fica de quatro babe - ele disse segurando meus quadris e me dando um beijo

-M-mas Niall, vai doer muito? Eu não sei não...- será???

- Se doer é só falar, você confia em mim né? - acenti com a cabeça e me coloquei do jeito que ele mandou segurando a borda da hidro, eu estava tremendo, sempre ouvi as pessoas dizerem que doi muito mais ali, não sei se estava pronta pra isso mas eu confio nele e quero dar isso a ele

Ele segurou minha cintura posicionando seu membro em mim dando uma pequena pressão para dentro o que me fez me afastar um pouco

- Calma, vou ir devagar - ele me colocou devolta no lugar e fez a mesma pressão em mim, eu apertava a borda com força mesmo ele nem ter começado direito - Tão apertado e difícil...- ele fez mais força colocando alguns cm para dentro o que me fez contorcer e gemer alto, era horrivel, doía para cacete, como se estivesse me rasgando por dentro sem nenhum tipo de anestésico 

- N- Niall - ele colocou mais alguns centímetros começando com movimentos leves de vai e vem, seu membro pulsando dentro de mim, sua boca beijando meu pescoço, suas mãos na minha cintura e seus gemidos que ecoavam no banheiro, ele colocou um pouco mais de si em cada estocada até estar por inteiro em mim, seus movimentos se aceleravam a cada segundo, nossos corpos se chocando numa harmonia maravilhosa e prazerosa, meus dedos estavam brancos de tanto apertar aquela banheira, estava tudo perfeito, eu sentia seus apertos na minha cintura a cada gemido manhoso que eu dava tentando mostrar a ele o que eu estava sentindo

Agora, nossos corpos estavam acelerados, suados e molhados. Cansados e agitados, mas sem deixar o prazer de lado, ele puxava meus cabelos de vez enquando, mas nada doloroso demais, era bom senti-lo, sentir cada parte do seu corpo colidindo com o meu

Eu gozei depois de mais algumas estocadas e ele fez o mesmo mas tirou antes para não acontecer nenhum acidente e deixou cair na água. Minhas pernas estavam trêmulas mas era tão bom poder sentir tudo isso de uma só vez...

Continua 






Notas Finais


Amores, vou postar ainda hj um capítulo porém não é da fanfic, é na verdade uma explicação por tudo, espero que leiam e entendam


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usu√°rios deixam de postar por falta de coment√°rios, estimule o trabalho deles, deixando um coment√°rio.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...