História Love Me Harder - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Alastor Moody, Alvo Dumbledore, Angelina Johnson, Argo Filch, Arthur Weasley, Astoria Greengrass, Barão Sangrento, Bellatrix Lestrange, Blásio Zabini, Cedrico Diggory, Cho Chang, Colin Creevey, Córmaco Mclaggen, Cornélio Fudge, Daphne Greengrass, Dino Thomas, Dobby, Dolores Umbridge, Dorcas Meadowes, Draco Malfoy, Duda Dursley, Ernesto Macmillan, Fleur Delacour, Fred Weasley, Gilderoy Lockhart, Gina Weasley, Godric Gryffindor, Grope, Gui Weasley, Harry Potter, Helena Ravenclaw, Helga Hufflepuff, Hermione Granger, Horácio Slughorn, Jorge Weasley, Katie Bell, Lilá Brown, Lílian Evans, Lino Jordan, Lord Voldemort, Lucius Malfoy, Luna Lovegood, Merlin, Merope Gaunt, Minerva Mcgonagall, Molly Weasley, Mundungo Fletcher, Murta Que Geme, Narcissa Black Malfoy, Neville Longbottom, Newton Scamander, Nymphadora Tonks, Olívio Wood, Padma Patil, Pansy Parkinson, Parvati Patil, Pedro Pettigrew, Penélope Clearwater, Percy Weasley, Personagens Originais, Petunia Dursley, Poppy Pomfrey (Madame Pomfrey), Quirinus Quirrell, Regulus Black, Remo Lupin, Rita Skeeter, Rolf Scamander, Ronald Weasley, Rowena Ravenclaw, Rúbeo Hagrid, Salazar Slytherin, Severo Snape, Sibila Trelawney, Simas Finnigan, Sirius Black, Theodore Nott, Tiago Potter, Tom Riddle Sr., Valter Dursley, Viktor Krum, Zacharias Smith
Tags Harry Potter
Exibições 55
Palavras 1.975
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Fantasia, Ficção, Magia, Romance e Novela, Saga
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi gente ❤
Essa é a primeira fanfic que eu escrevo sozinha então eu estou aceitando criticas (SEJAM SINCEROS POR FAVOR)
Boa leitura (/^▽^)/
Ps: tem algumas partes do livro que eu coloquei por eu achei que ia ficar legal.

Capítulo 1 - Livro 1 - A seleção.


Fanfic / Fanfiction Love Me Harder - Capítulo 1 - Livro 1 - A seleção.

Megan estava indo a plataforma 9 ¾ pela primeira vez. Seria mentira dela dizer que não estava nervosa.

Após atravessar a barreira, Megan acabou trombando com uma menina com os cabelos claros e com a pele branca, que também possuía belos olhos azuis.

_Merlim! Me desculpe! – Disse Megan ajudando a menina a levantar do chão.

_Ahn... Não foi nada. Meu nome é Ingrid, Ingrid Rosier.

_Megan Crowley – Disse estendendo a mão, dessa vez para cumprimentar a loira. – Mas pode me chamar de Meg.

_Prazer Meg, a gente se vê.

_A gente se vê.

~~~Quebra do tempo~~~

Após entrar no trem, Megan foi atrás de uma cabine vazia, mas como como acabou enrolando um pouco pois resolveu se despedir de seus pais um pouco em cima da hora, só conseguiu encontrar uma cabine que não estava totalmente cheia, e nela havia um menino moreno e outro ruivo.

_Eu posso me sentar aqui? É que os outros vagões estão cheios... – Disse megan.

_Pode – Disse o menino ruivo com a boca cheia de algo que Megan não conseguiu identificar. – Você quer?

_Não, obrigada. – Disse a menina fazendo uma careta. – Meu nome é Megan Crowley, e o de vocês?

_Rony Weasley.

_Harry Potter – Disse o moreno, que até então estava calado observando a janela.

_ Harry Potter? Aquele que sobreviveu ao Avada Kedavra e adeus você-sabe-quem? O que tem a cicatriz? – Disse Megan olhando fixamente para a testa do menino.

_Sou, eu não sabia que era tão famoso assim... – Disse soltando um riso abafado enquanto segurava seu cabelo para Megan poder ver a cicatriz.

_Uou! – Disse a menina olhando com admiração para a cicatriz em formato de raio que o moreno possuía.

~~~Quebra do Tempo~~~

Rony tinha acabado de erguer a varinha para tentar mudar a cor de seu rato para amarelo quando a porta da cabine abriu. O menino que há um tempo atrás havia perguntando aos três se haviam visto um sapo pra estava de volta, mas desta vez estava com uma garota em sua companhia. Ela já estaca usando as vestes novas de Hogwarts.

_Alguém viu um sapo? Neville perdeu o dele. – Tinha um tom de voz mandão, e os cabelos castanhos muito cheios e os dentes da frente meio grandes.

_ Já dissemos a ele que não vimos o sapo – Respondeu Rony.

_Não seja grosso Rony! – Disse Megan. Mas os dois foram totalmente ignorados pela meninas, que olhava fixamente para a varinha na mão dele

_Você esta fazendo mágicas? Quero ver.

_Hum... Está bem. – Pigarreou Rony. – Sol, margaridas, amarelo maduro, muda pra amarelo esse rato velho e burro.

_Acho que não funcionou muito bem, Rony... – Disse Megan, ainda na esperança de que o rato mudasse de cor.

Ele agitou a varinha mas nada aconteceu. Perebas continuava cinza e completamente desacordado.

_Você tem certeza de que esse feitiço está certo? – Perguntou a menina. – Bem, não é muito bom né? Experimentei uns feitiços simples só para praticar e deram certo. Ninguém na minha família é bruxo, foi uma surpresa enorme quando recebi a carta, mas fiquei tão contente, é claro, quero dizer, é a melhor escola de bruxaria que existe, me disseram. Já sei de cor todos os livros que nos mandaram comprar, é claro, só espero que seja suficiente, aliás, sou Hermione Granger, e vocês quem são?

Ela disse isso muito rápido.

_Sou Rony Weasley.

_Megan Crowley.

_Harry Potter.

_Verdade? Já ouvi falar de você, é claro. Tenho outros livros recomendados, e você esta na História da magia moderna e em Ascensão e queda das artes das trevas e em Grandes acontecimentos mágicos do século XX.

_Estou ? – Admirou-se Harry sentindo-se meio confuso.

_Está? – Disse Megan, que apesar de ter lido os livros citados por Hermione não lembrara das citações de Harry neles. Ela realmente era muito esquecida.

_Nossa, você não sabia, eu teria procurado saber tudo que pudesse fosse comigo – Disse Hermione – Já sabem em que casa vão ficar? Andei perguntando e espero ficar na Grifinória, me parece a melhor, ouvi dizer que o próprio Dumbledore foi de lá, mas imagino que a Corvinal não seja muito ruim... Em todo o caso, acho melhor irmos procurar o sapo de Neville. E é melhor vocês se trocarem, sabe, vamos chegar daqui a pouco.

E saiu, levando o menino sem sapo.

_Eu vou trocar de roupa . – Disse Megan saindo da cabine.

Após sair da cabine Megan estava distraída, pensando em que casa iria e temendo a Sonserina, como a maioria dos alunos. No corredor acabou esbarrando em um menino com cabelos brancos, pele clara e olhos azuis.

_Me desculpe, eu estava distraída... – Disse Megan.

_Olha por onde anda! – Disse o menino com um tom grosso na voz.

_Se você estivesse prestando mais atenção que eu não teria esbarrado em mim!

O tal menina apenas revirou os olhos e deu de costas.

Grosso. (N/A Os pensamentos da Megan vão estar desse jeito.)

~~~Quebra do Tempo~~~

_Alunos do primeiro ano! Primeiro ano aqui! – Dizia Hagrid – Ah! Harry! Tudo bem? – Venham, venham comigo. Mais alguem do primeiro ano.

Aos escorregões e tropeços, eles seguiam Hagrid por um caminho de aparência íngreme e estreita.

_Vocês vão ter a primeira visão de Hogwarts em um segundo – Hagrid gritou por cima do ombro. – Logo depois dessa curva.

Ouviu-se um “Aoooooh” da maioria dos alunos do primeiro ano, que viram a escola pela primeira vez.

O caminho se abrira de repente até a margem de um grande lago escuro. Encarrapitado no alto de um penhasco na margem oposta as janelas cintilando no céu estrelado, havia um imenso castelo com muitas torres e torrinhas.

_Só quatro em casa barco! – Gritou Hagrid enquanto apontava para um flotilha de barquinhos parados na agua juntos à margem. Harry, Rony e Megan foram seguidos até o barco por Hermione.

_Todos acomodados? – Gritou Hagrid, que tinha um barco só pra sí. – Então... Vamos!

~~~ Quebra do tempo ~~~

_Alunos do primeiro ano, Profa. Minerva McGonagall – Informou Hagrid.

_Obrigada Hagrid. Eu cuido deles daqui em diante.

Minerva levou os alunos da primeira série a uma sala vazia ao lado do saguão.

_Bem vindos a Hogwarts – Disse a Profa. Minerva – O banquete de abertura do ano letivo vai começar daqui a pouco, mas antes de se sentarem as mesas, vocês serão selecionados por casas. A Seleção é uma cerimônia muito importante porque, enquanto estiverem aqui, sua casa será uma especie de família em Hogwarts. Vocês assistirão as aulas com o restante dos alunos de sua casa, dormirão no dormitório da casa e passarão o tempo livre na sala comunal (...)

Minerva terminou o seu longo e cansativo discurso que faz todos os anos aos primeiranistas, e logo mandou eles fazerem fila e a seguirem para poder realizar a seleção para suas casas.

_É enfeitiçado para parecer o céu lá fora, li em Hogwarts, uma história.

_É realmente muito lindo – Disse Megan para Hermione.

Os alunos cochichavam animadamente até notarem a Profa. Minerva silenciosamente colocando um banquinho de quatro pernas diante dos alunos do primeiro ano. Em cima do banquinho ela pôs um chapéu pontudo de bruxo. O chapéu era remendado, esfiapado e sujíssimo.

Um rasgo junto à aba se abriu como uma boca – E o chapéu começou a cantar:

Ah, vocês podem me achar pouco atraente,

Mas não me julgue só pela aparência

Engulo a mim mesmo se puderem encontrar

Um chapéu mais inteligente do que o papai aqui.

Podem guardar seus chapéus-coco hem pretos,

Suas cartolas altas de cetim brilhoso

Porque sou o Chapéu ator de Hogwarts

E dou de dez q zero em qualquer outro chapéu. (...)

O salão prorrompeu em aplausos quando o chapéu acabou de cantar. Ele fez uma referência para cada uma das quatro mesas e em seguida ficou muito quieto outra vez.

_Então só precisamos experimentar o chapéu? – Cochichou Rony para Megan e Harry. – Vou matar Fred, ele não parou de falar numa luta contra um trasgo.

_Será que é só isso mesmo? As vezes tem mais alguma coisa... – Disse Megan, roendo as unhas de nervosismo.

A Profa. Minerva então se adiantou segurando um longo pergaminho.

_Quando eu chamar seus nomes vocês porão o chapéu e se sentarão no banquinho para a seleção. Ana Abbott!

Uma garota de rosto rosado e maria-chiquinhas louras saiu da fila aos tropeços, pôs o chapéu que lhe afundou direto até os olhos, e se sentou. Uma pausa momentânea...

_Lufa-Lufa! – Anunciou o chapéu.

Bones..., Boot..., Brocklehurst...

_Megan Crowley!

Megan foi entre saltos e tropeços até o banquinho.

_Grifinória!

Megan foi recebida com aplausos e gritos na mesa da Grifinória.

Justjno Finch-Flechley..., Simas Finnigan...

_Hermione Granger!

Hermione saiu quase correndo até o banquinho e enfiou o chapéu, ansiosa.

_Grifinória! – anunciou o chapéu. Rony gemeu nervoso.

Hermione sentou-se ao lado de Megan e logo começou a citar tudo que a mesma sabia sobre a Grifinória, o que acabou deixando Megan bastante entediada.

Malfoy se adiantou, gingando, quando chamaram seu nome. O chapéu mal tocara sua cabeça quando anunciou:

_Sonserina!

Megan lembrara daquele mesmo menino no trem, e de como havia sido grossa com ela.

A menina acompanhou-o com o olhar até a mesa da Sonserina, aonde o mesmo foi recebido com palmas e assobios.

Moon..., Nott..., Parkinson... Depois duas gêmeas, Patil e Patil..., depois Perks..., Sara... E então...

_Harry Potter!

Quando Harry se adiantou, correu um burburinho por todo o salão.

_Difícil. Muito difícil. Bastante coragem, vejo. Uma mente nada má. Há , ah, minha nossa, uma sede razoável de se provar, ora isso é interessante... Grifinória!

A mesa da Grifinória explodiu em palmas e assobios, enquanto os gêmeos Weasley gritavam “Ganhamos Potter! Ganhamos Potter” enquanto o moreno se sentava ao lado de Megan.

E agora só faltava três pessoas. Uma delas virou corvinal, e logo foi a vez de Rony. Ele estava branco esverdeado. Harry cruzou os dedos sob a mesa juntamente com Megan para dar sorte e um segundo depois o chapéu anunciou Grifinória!

_Viu Rony? Não tinha com o que preocupar. – Dizia Megan ao ruivo que perdera a cor branco esverdeado.

_Eu sei, mas eu nem imagino o que mamãe faria comigo se eu não fosse para Grifinória. Todos meus irmãos são de lá.

Alvo Dumbledore se levantara. Sorria radiante para os estudantes, os braços bem abertos, como se nada no mundo pudesse ter-lhe agradado mais do que vê-los todos reunidos alí.

_Sejam bem-vindos! – Disse – Sejam bem-vindos para um novo ano em Hogwarts! Antes de começarmos nosso banquete, eu gostaria de dizer umas palavrinhas: Pateta! Chorão! Destabocado! Beliscão! Obrigado.

E sentou-se. Todos bateram palmas, enquanto Megan ria descontroladamente e Harry observava-a com uma cara confusa, sem saber se ria também ou se batia palmas.

_Ele é... Um pouquinho maluco? – Perguntou, incerto, a Percy.

_Maluco? – Respondia Percy – Ele é um gênio! O melhor bruxo do Mundo! Mas é um pouquinho maluco , sim. Batatas?

Harry, Megan e Rony ficaram maravilhados, os pratos dourados que antes estavam vazios agora se encontravam cheios.

~~~ Quebra do Tempo ~~~

Após o jantar, os monitores guiavam os alunos novatos as suas salas comunais. Harry, Rony e Megan seguiam Percy.

_Vocês tenham cuidado com o Pirraça – Recomendou Percy – O Baroa Sangrento é o único que consegue controlá-lo, ele não dá confiança aos monitores. Chegamos.

No finzinho do corredor havia um retrato de uma mulher muito gorda vestida de rosa.

_Senha? – Pediu ela.

_Cabeça de Dragão – Disse Percy, e o retrato se abriu revelando um buraco redondo na parede. Todos passaram pelo buraco e se viram na sala comunal da Grifinória, um aposento redondo cheio de poltronas fofas.

Percy indicou às garotas a porta do seu dormitório e, aos meninos, a poeta do deles. No alto de uma escada em caracol.

Ai chegar em seu dormitório, Megan se deparou com a mesma menina do trem que entrara em sua cabine perguntando do sapo de Neville. Havia também uma menina com os cabelos castanhos.

_Oi Hermione! – Comprimentou Megan – E você é?

_Lilá Brown. – Apresentou-se.

_Ah, prazer. Megan Crowley.


Notas Finais


Espero que tenham gostado ❤
Beijineos ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...