História Love Medicine - Capítulo 33


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Hopega, Jikook, J-suga, Kookmin, Namjin, Sobi, Sugahope, Yoonseok
Exibições 322
Palavras 1.240
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon, Romance e Novela, Slash, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oooi amores, tudo bem?
Essa semana vou postar 3 extras, esse é o primeiro, o segundo é pra ser Namjin e o terceiro do Yoongi <3
Os extras não interferem diretamente na história, só narram algum momento importante da vida do personagem que fez ele ter determinada característica ou não.
Boa leitura e até lá embaixo

Capítulo 33 - Vida Perfeita


Hoseok

Sorri animado, como não estaria? Estava assinando um contrato com a Puma e de quebra iria para minha primeira festa de gente rica! Fiz 19 anos mês passado e estou ganhando o melhor presente atrasado! Sorri alegre e posei para uma foto ao lado do CEO da Puma segurando o contrato. Ele apertou minha mão antes de sumir e eu quase gritei de alegria, alisei o capo do meu Porsche com aquele sorriso bobo ainda em meu rosto. Dei uma mexida no motor antes de ir para meu apartamento novamente. Peguei meu celular e liguei para o Jae para contar a novidade, é quase inacreditável isso!

10 dias depois...

Acelerei o carro e passei na linha de chegada ouvindo meu nome ser gritado por aquele monte de gente. Sai do carro e peguei meu troféu, mais um para minha “pequena” coleção. Após falar com alguns jornalistas e bater algumas fotos levei meu carro para a garagem onde o limpei e esperei que viesse mais alguém me parabenizar ou sei lá. Não demorou para aparecer umas 5 ou 6 meninas que sorriam e davam gritinhos alegres, sorri malicioso e abri os braços para elas que vieram rapidamente para mim.

-Então meninas, quem quer conhecer o meu carro? –perguntei sorrindo e arqueando uma sobrancelha –Não precisam brigar, tem espaço para todas... –afirmei antes que começasse aquela pequena guerra de “eu vou primeiro”.

Após algumas rodadas de sexo, deixei que meu corpo suado caísse no sofá da garagem... Suspirei cansado, minha vida é tão perfeita e boa, meus pais devem estar orgulhosos em algum lugar... Voltei ao meu apartamento e tomei um banho rápido, hoje seria a festa que eu tanto quero ir, após um banho demorado e quente, coloquei meu melhor terno, arrumei meus cabelos e sai de casa após escolher entre meus dois carros, quando eu ganhar mais dinheiro, irei comprar um 4C Spider... Dirigi até o local da festa e assim que cheguei entreguei a chave do meu carro para o manobrista, dei meu nome na lista de convidados e me foi permitida a entrada. A mansão da festa é maravilhosa e está cheia de pessoas ricas e lindas bebendo bebidas caras. Um garçom veio com uma bandeja cheia de copinhos com bebidas de cores diferentes, peguei a azul, que mais tarde descobri ser a tal de lagoa azul. Conversei com algumas modelos e alguns caras importantes, fiz algumas amizades enquanto bebericava algumas bebidas coloridas que tinham pouco teor de álcool.

-Vem, Seokie, vamos comer. –falou uma modelo sorrindo e me puxando pela mão para perto de uma mesa de comida.

-Tem muita coisa, não vou conseguir provar nem a metade. –constatei triste a modelo riu.

-Tão bobinho, pode provar tudo. –riu novamente exibindo seu sorriso perfeito –‘Tá vendo aquela mesa com copos de liquido transparente? –perguntou e eu assenti –Quando se sentir cheio vá até lá e beba um copo.

-Ah. –comentei e concordei, comi até onde meu corpo me permitiu e fiz o que ela havia me dito.

Para que serve essa bebida? Será que faz a comida descer mais rápido? Peguei um copo e virei de uma só vez engolindo o liquido transparente e doce. Senti uma náusea se apoderar de meu corpo e corri para o banheiro mais próximo. Me escorei no vaso mais próximo e vomitei tudo o que havia engolido. Por isso elas são tão magras e comem tanto. Voltei a mesa e comi mais alguns daqueles salgados que ainda não havia comido e depois mais alguns doces, vi alguns modelos tomando aquela bebida e crispei o lábio lembrando do efeito dela.

-Hoseok. –chamou-me o meu manager com um sorriso.

Me aproximei de si e sorri para o homem que estava ao seu lado com duas taças na mão. Ele me esticou uma taça com o liquido intocado e eu aceitei prontamente, bebericando um gole daquele vinho maravilhoso.

-Sou Jung Hoseok. –me apresentei e sorri.

-Hoseok, este é o CEO da Adidas. –minha boca se abriu em um perfeito “O” e me curvei rapidamente, demonstrando meu respeito.

-Prazer. –falou sorrindo e eu sorri de volta –Vamos dar uma volta?

Assenti e sai caminhando com ele enquanto tomava meu vinho e conversa consigo, quando me dei conta estávamos no segundo piso da mansão. Assim que me virei de frente para si para fazer um comentário sobre a casa seus lábios se uniram aos meus rapidamente e eu gelei. O empurrei, mas ele me segurou pela gravata.

-Quer contrato comigo? –perguntou e eu assenti, assustado –Então vai ter que fazer algo para ter.

Engoli em seco e me deixei ser guiado para um dos quartos da mansão, assim que adentramos o quarto, ele removeu sua calça e cueca. Droga. Pelo menos vou ter mais dinheiro... Eu odeio gays e jamais serei um!

4 anos depois...

Suspirei cansado e olhei para meu carro, eu não estava nem um pouco afim de entrar nele e dirigir, ganhar mais um troféu ou medalha, entrevistas, sempre a mesma coisa. Suspirei e comprimi os lábios, minhas lembranças ainda me assombram, fiz tantas coisas que considero nojentas para chegar onde cheguei e pensar que fui abusado por anos até ficar famoso, não foi fácil, mas se tem algo que eu jamais faria seria dar, em hipótese alguma eu farei isso. Olhei para meus troféus que estavam na parede e deixei que meu corpo se escorasse no capo do carro. Sinto falta de algo, material não deve ser... Eu tenho tudo o que dinheiro pode comprar.

-Vamos Seok, já ‘tá na hora. –falou o manager sorrindo e me obriguei a sorrir. Puta vontade de sair daqui correndo, literalmente.

-Só tenho que revisar o carro e...

-Não vai dar tempo hoje, Seok, os jornalistas estão quase aqui na porta. –suspirei e encarei meu carro, ele sempre esteve em perfeito estado, uma revisão a menos não vai fazer falta.

Ergui meu corpo cansado do sofá e segui o meu manager para fora da garagem indo em direção aos jornalistas. Já comentei como eles são intrometidos? Querem saber de tudo um pouco, desde a vida profissional até a pessoal. Respondi algumas perguntas e voltei para a garagem que estava com a porta aberta, dei de ombros e entrei no carro. Eu sempre deixo essa merda aberta, sou esquecido das coisas de qualquer forma. Liguei o carro e dirigi lentamente para fora da garagem enquanto o portão dela se levantava por completo, fui para minha posição e esperei o sinal que a corrida começaria.

Ignorei o local para manutenção do carro e segui reto, estava em primeiro lugar e não faltava muito para a linha de chegada, meu carro sempre esteve em perfeitas condições e ele nunca me trairia, sempre cuidei tão bem dele... Pisei no freio para fazer a curva, mas a porra do freio não quer funcionar, porra, por que essa porra não freia? Droga, droga, droga! Me desesperei ao ver que o carro na freava e seguia reto em direção ao muro, engoli em seco e soltei o cinto pronto para abrir a porta e pular para fora do carro. O sinto não soltava de jeito nenhum e então vi o mundo girar umas três vezes antes de sentir uma dor terrível se apossar de meu corpo e meu sangue escorrer por dentro da roupa e tudo ficou preto enquanto ouvia gritos e gritos. A voz do cara que comentava ainda se fazia presente em meus ouvidos, mas não demorou muito e cessou.


Notas Finais


Ooi amores, oq acharam? Gostaram? Odiaram? Criticas?
Espero que tenham gostado e até sexta pretendo ter os três extras postados ><
Isso que aconteceu com o Hobi é mt normal nesse mundo, mas é mt mais na parte de artistas, é triste mas ainda acontece :/
AMORES DA MINHA VIDA, OBG PELOS 321 FAVS! VCS SÃO MARAVILHOSOS, LINDOS, DEMAIS <3
Obg por lerem e comentarem <3
Até o próximo o/
:*
Amo vcs <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...