História Love Stage ( Jikook ) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Hoseok, Jikook, Jimin, Jin, Jungkook, Namjin, Namjoon, Vhope, Yoongi
Exibições 53
Palavras 1.764
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Famí­lia, Ficção, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Cross-dresser, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá, Sei que não postei atualização de Orange mint ainda mas logo sairá prometo. Agora fiquem com esse lindo Jikook ♡ * obs - Essa fanfic é inspirada em um anime *

Capítulo 1 - A porta para os meus sonhos.


Fanfic / Fanfiction Love Stage ( Jikook ) - Capítulo 1 - A porta para os meus sonhos.


" Em algum lugar, existe uma porta que me leva aos meus sonhos, mas não sei onde a porta está. E, mesmo que a encontre, ela pode estar trancada. "

Sinos de uma igreja batem sem parar, anunciando o casamento de dois homens. Um tinha os cabelos pretos e o outro um pouco mais alto tinha os cabelos prateados. jogaram o buquê diante dos convidados, um par de mãozinhas em meio a multidão pegou o arranjo. Era uma garotinha, que sorria com seus dentes de coelho amostra, e ao seu lado um garoto um pouco maior que sorria juntamente da menina.

Acordei com os raios de sol batendo no meu rosto, me levantei pegando meu óculos encima do criado mudo. adimirei meu pôster enorme da Sailor Moon e sorri.

 JK - Bom dia Sailor, Adorável como sempre. - É eu sou bom dia pra um cartaz mesmo.

Me vesti para a faculdade e logo fui para o banheiro fazer minhas higienes matinais, saindo de lá ouvi um burburinho vindo da sala de jantar, Meus pais tomavam o café das manhã. Me juntei à eles na mesa.

 Jin - Ah, mas por quê? - Perguntou meu pai inconformado para nosso empresário.

 Hoseok - Por que você recusou a última oferta, Jin.

Jin - Mas eu não queria contracenar com ele novamente.

" Eu me chamo Kim Jungkook, acabei de entrar para a faculdade..."

Hoseok - Com quem você quer contracenar então?

Jin - Hm...Como era o nome dele mesmo? - Falou o loiro pensativo

 JK - Bom dia.

 Jin - Bom di - AH! - Gritou o loiro 

 " Vou continuar dirigindo a toda velocidade com esse carro " - Falou um garoto de cabelos ruivos em um comercial de carro.

 Jin - É ele! É ele! Ele não é lindo? - Falou meu pai admirando a propaganda.

 Namjoon - Ele é perfeito, Hoseok entre em contato com ele. - Agora meu outro pai se pronunciou.

 Hoseok - Não faça pedidos impossíveis presidente. - Falou o ruivo que estava de pé ao lado do meu pai, vestindo um terno como a maioria dos empresários. - Park Jimin deve ter a agenda bem cheia.

" Kim Seokjin, Mas como todos os chamam pelo seu nome artístico é somente Jin, Ele é meu pai. Bom ele me adotou junto de Namjoon. Jin começou a sua carreira como modelo, e agora é um ator com papéis principais em filmes e novelas. De vez enquanto eu o chamo de Omma só para irrita-lo. 

E o moreno sentado ao meu lado, Kim Namjoon, é o meu pai também, Ele é um cantor que estreou em vários musicais, e é agora presidente da sua própria agência a Kim-Pro.

Jung Hoseok é o nome do sócio e impresario do meu pai, Ele é quem nos da apoio tanto na Kim-Pro, tanto em casa. Nos, os Kim, somos uma familia de artistas.

Meu irmão é vocalista de um grupo de K-pop ele é apenas alguns anos mais velho que eu, meu avô era um ator e minha avó era bailarina. "

 Jin - A propósito como vão as aulas de canto Kookie? - perguntou o mais velho dos Kim mme tirando dos meus desvaneios.

 Namjoon - Ou você pode começar uma aula de dança se não quiser cantar. - Disse o moreno.

" Como o assunto veio parar em mim? "

 Jin - Como você já tem dezoito anos, precisa...

 JK - Nossa, vejam só as horas! - me levantei mal terminando de comer meus ovos com bacon, mas precisava evitar aquela conversa - É melhor eu ir tenham um bom dia! falei indo correndo até a porta do hall de entrada.

 Jin - Ei! Aí esse menino viu.

" Isso somos uma família de artistas, exceto por mim. Eles ficam me forçando a entrar em uma indústria, mas eu sei do que eu sou a do que não sou capaz. Eu tenho meus próprios sonhos, Quero me tornar um Mangaka* como a autora de sailor moon." 

Eu assistia poucas aulas na faculdade, o que gostava mesmo era do clube de mangá no qual eu fazia parte. Passei o dia inteiro como de custume lendo mangá junto de Yoongi meu amigo.

 Ao final da tarde peguei o metrô para voltar para casa.

 JK - Cheguei - Entrei logo dando de cara com um Jin sorridente ao lado de Hoseok e Namjoon. Claro que eu estranhei.

 Jin - Bem vindo de volta.

 Namjoon - Você demorou hoje.

" vai dar merda " 

Novamente a cena que tive no meu sonho se repetiu, mas desta vez na TV da minha sala, O casal que jogou o buquê eram Jin e Namjoon e a garotinha era...Eu. 

JK - Isso é...- falei congelado com o comercial.

Hoseok - Há dez anos, Você, Jin e Namjoon estrelaram nesse comercial da revista de casamento Happy Wedding. O intuído desse comercial era mostrar o casamento homossexual. 

 Jin - Jungkook era uma graça, Eu e o Nam estávamos tão jovens.

" ainda não acreditando no que eu tinha acabado de ver, no que eu tinha feito com apenas oito anos me vestindo de garota. Hoseok falou algo eu acreditei ainda menos."

 Hoseok - Para comemorar os dez anos de existência, a revista quer gravar um novo comercial. O conceito dessa vez é : " um casamento dez anos depois ". Ele mostrará as crianças que pegaram o buquê se casando dez anos depois. Eles querem manter os mesmos atores do antigo comercial.

 JK - Que? - falei indignado.

" naquela época eu não fiz a propagando por querer, nem gosto de lembrar daquele dia.

Flashback On*

Diretor a garota que faria o papel de uma das crianças se atrasou e agora? 

Ache outra garota

mas nenhuma delas tem a idade certa 

Ela vai demorar?

vai 

precisamos achar outra pessoa.

JIN - diretor use o meu filho,ele não é uma menina mas...

depois de alguns minutos eu já estava usando um lindo vestido cor de rosa e alguns lacinhos no cabelo. então chegou um menino do mesmo tamanho que eu.

JM - Oi é você que vai contracenar comigo? É um prazer - Falou o garoto com eyesmile.

Eu mal consegui falar algo tava muito nervoso só tinha oito anos.

Ação

Então finalmente Jin jogou o buquê mas na hora de pegar eu falhei e fiquei tão nervoso que...fiz xixi. sim eu fiz xixi.

Flashback off* 

 Jin - Aceito! Aceito! Parece divertido! - Disse um Jin dando pulinhos do lado de Namjoon.

 Namjoon - Se quiser também vou.

JK - E-Espera um pouco! Esse comercial me inclui também?

 Hoseok - É claro.

 JK - Não, Não, Não! Não tem como eu fazer isso! Não pode ser uma garota parecida comigo? 

 Hoseok - Tem um problema ai.

 JK - Problema? 

 Hoseok - Sabe, O garotinho ao seu lado no comercial? É nada mais e nada menos que o famoso Park Jimin.

 JK - O QUÊ? - Gritei.

 Hoseok - A revista está feliz com isso, Jin está feliz com isso. E a condição que Park Jimin impôs para participar do comercial, é que exatamente o mesmo elenco de dez anos atrás participe.

JK - M-Mas não dá pra usar outra pessoa? Ele nem vai desconfiar.

 Hoseok - Ele falou que lembra o sorriso peculiar da garota.

" Maldito dente de coelho Kim Jungkook"

 JK - Esperem um pouco! Estão esquecendo um detalhe crucial? 

 Hoseok - Qual?

 JK - Eu sou Homem! há dez anos eu até conseguia me passar por uma garota mas agora...

Então senti Hoseok medir cada parte do meu corpo apenas observei quieto. 

 Hoseok - Não tem problema, Como você é baixo e esguio, da pra confundir com uma garota.

 JK - Cala a boca - falei já bravo.- Não vou fazer a droga do comercial. 

 Hoseok - Então você vai fazer o que no futuro?

 JK - E-Eu vou ser um Mangaka*

Então Hoseok riu alto, nessa altura meus pais apenas observavam tudo.

 Hoseok - Mangaka? Aqueles desenhos eu parece que um bêbado desenhou no escuro com a mão esquerda? - Então lágrimas já rolavam pelo meu rosto - Ah...

JK - Seu babaca invencível, Pode esquecer essa droga de comercial. - Entrei no meu quarto batendo a porta.

 Hoseok - Droga...Vou ter que tomar outras medidas. - Falou o empresário discando um número.

☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆

" Aquele idiota como se eu fosse participar daquele comercial idiota, eles vão ver vou me tornar um grande mangaka..." 

Meus pensamentos foram interrompidos pelos os alunos que cochichavam alto, olhei para a porta da sala de aula onde meu irmão Kim TaeHyung se encontrava.

 Tae - Ahhhhh Irmãozinho - Gritou Tae ao me ver.

" Aquele não é o V do grupo BTS? "

" Não, não pode ser." - os alunos comeram a notar.

Sai disparado na frente dele levando o mesmo para fora da sala.

 JK - O que você ta fazendo aqui? Poderia ter disfarçado.

 Tae - Vim te ver irmãozinho, Ue eu usei os óculos, deve ter sido sabe aquela coisa que eu tenho muito mesmo? Ah é aura, devo ter exagerado - sorriu retangular - Eu vim também...

 JK - Não quero! - falei já imaginando o que ele diria.

 Tae - Mas nem falei o que é.

 JK - Nem precisa, eu sei que o Hoseok te mandou aqui.

 Tae - Fomos descobertos - Falou o ruivo rindo. - Olha irmãozinho você é fofo, Você deveria estar na TV e essas coisas.

 JK - Só ta dizendo isso porque é meu irmão.

 Tae - Não estou não, olha se você participar do comercial eu te dou isso - Vi ele erguer um despertador rosa.

 JK - Sério? - Ri debochado - Você acha eu vai me comprar com isso? 

 Tae - Espere só - Falou o mesmo apertando um botão.

" Bom dia Jungkookiee ~~ hora de levantar " 

Meus olhos brilharam ao ouvir a voz da Sailor Moon falando meu nome

JK - AHHHHHHH me dá, eu quero. - falei pulando para pegar o aparelho rosa. - Tá bom eu participo daquela coisa.

☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆ ☆ 

Jimin On* 

 JM - Então quer dizer que eles concordaram em fazer o comercial? - falei observando o papel de parede do meu celular que claro que era a garotinha que contracenou comigo.

 Staff -  Sim, pensei que você só tinha dado essa condição porque não iria querer fazer o comercial.

 JM - Você sabe como eu sou, se eu não quero fazer algo recuso de cara. - falei guardando meu celular e vendo a cidade passar pela janela do carro.

 Staff - Claro que conheço, Você é bem direto.

"  Finalmente vou lhe reencontrar "





 

 



Notas Finais


Espero que gostem ;^;
Perdoem os erros e não desistão de mim ☆


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...