História Love The Darkness - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Got7, The Vampire Diaries
Personagens BamBam, Jackson, JB, JR, Mark, Valerie Tulle, Youngjae, Yugyeom
Tags Bambam, Herege, Jackson, Jaebum, Jinyoung, Magia, Mark, Monstro, Romance, Sangue, Vampire, Youngjae, Yugyeom
Exibições 7
Palavras 3.391
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Magia, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Visual Novel
Avisos: Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Mais um cap saindo do forninho...
Enjoy!!!

💗💗💗

Capítulo 4 - Sentimentos Confusos


Fanfic / Fanfiction Love The Darkness - Capítulo 4 - Sentimentos Confusos

22 de Novembro de 2017 ( Coreia - Yongsan-Gu) 9:00

[ Kim MoonHai ]

Acordava a esta hora sentindo Jinyoung deitado atrás de mim, sentia seu corpo tocar no meu e seus braços envoltos à minha cintura, de maneira que seria difícil de sair dali sem que o acordasse, mas de qualquer maneira o acordaria, já era 9 horas e o dia precisava começar.

Com um movimento rápido consegui sair da cama e devagar o vi acordar, mesmo estando com um homem no quarto eu não me importava de ficar nua a sua frente, me despi completamente e entrei no banheiro, tomando uma longa ducha, e ao sair nua novamente apenas secando meus cabelos agachei próximo a minha mala pegando uma lingerie preta rendada, um short jeans cintura alta e uma regata branca um pouco transparente, era o que parecia estar na moda dos tempos atuais.

Me vesti ainda sentindo o olhar do Jinyoung sobre o meu corpo, mas o que poderia fazer, não queriam que eu me sentisse em casa, eu ando nua pela minha casa sem escrúpulo algum, por que a presença dele tornaria isso diferente.

- Hey, tome banho logo e feche a boca antes que uma barata entre nela_ eu sei o ditado é mosca, mas barata é muito mais nojento.

- Já estou indo, que tal ir acordar os outros? Assim todos nos encontramos na mesa pro café da manhã._ disse ele puxando as cobertas para cima de si e um pouco corado.

Assenti e sai do quarto fechando a porta atrás de mim, mas minha super audição o ouviu suspirar e um breve gemido seguir o suspiro, fui primeiro ao quarto da frente, que era do Jackson e do Bambam.

Jackson estava todo esparramado por sua cama e a coberta apenas cobria seu membro e sua perna esquerda, a sim ele estava dormindo pelado, eu o deixei por dormir mais um pouco e resolvi acordar primeiro o Bambam, que dormia de maneira tão fofa, quase como um anjo.

- Bambam, querido, hora do café_  dizia enquanto acariava seus cabelos e aos poucos seus olhinhos iam se abrindo, ele deu um leve sorriso.

- Mais 5 minutos? Por favor omma..._ ele falou de maneira manhosa.

- Vamos levante, eu preciso ainda acordar um Jackson pelado_ falei dando um beijo em sua testa.

- E você ainda ta aqui com ele assim?_ ele riu_ bem boa sorte, cuidado para ele não te agarrar.

- Acho que posso se até pior que ele em relação a nudez, pode perguntar ao Jinyoung mais tarde, agora vá tomar um banho e desça para comer o dia será longo.

- Acho que o Sr Park escolheu bem dessa vez.

Ele pegou a toalha e entrou no banheiro e eu fui na direção do Jackson que não havia se movido daquela posição, primeiro toquei em seu rosto e depois entrei em sua mente vendo o que acontecia em seus sonhos, ele estava falando com uma garota da qual eu não conseguia ver seu rosto, ele segurava um buque atrás de si, ele não parecia o mesmo Jackson de hoje com o cabelo platinado e curto, estava preto e um pouco mais longo.

Acho que estava se declarando a menina, mas ela dizia que apenas lhe via como um amigo, e um outro garoto chegava por trás da mesma lhe puxando para um beijo, eu vejo a tristesa em seus olhos, e decido me aproximar.

- Amor você está ai, estava te procurando, venha o grupo quer lhe conhecer._ pego o Jackson do sonho pelo braço e o beijo em seu rosto.

Ele me olha e repara que não estava naquela memoria, mas não se importa, ele apenas vem comigo, e quando não há mais aquela garota por perto ele me abraça e eu acaricio seu cabelo.

- Hora de acordar Jack, o café esta pronto e o Bambam já saiu do banho_ eu saio de seus sonhos e poucos segundos depois ele abre seus olhos me olhando.

Ele percebe a maneira que esta e puxa rapidamente a coberta para si, e eu rio com aquilo.

- Relaxa Jack, eu vou sair para acordar os outros, assim você pode tomar seu banho em paz_ me levantei de sua cama e quando estava me afastando ele pegou em meu pulso.

- Obrigada, mesmo eu não sabendo como você conseguiu entrar no meu sonho._ ele se enrolou na coberta e foi para o banheiro e eu sai dali.

Próximos seriam Yugyeom e Mark, entrei no quarto em passos leves e assim como fiz com o Bambam eu fiz com o Yugyeom,  ambos eram bebes acordando, e ambos gentis, eu ia me levantar para sentar ao lado do Mark para acorda-lo mas Yugyeom me segurou e eu o olhei.

- Deixa que eu acordo ele, se ele não tem certa intimidade com alguém ele não gosta quando é acordado pela pessoa._ eu assenti e sai do quarto.

Agora o último quarto, eu não sabia se os acordava ou chamava o Jinyoung para fazer isso, parecia que o Jaebum não tinha ido muito com a minha cara e sentia que eu como uma pessoa estranha pqra ele não devia fazer isso, mas antes que pudesse dar meia volta ele já estava saindo do seu quarto, e me olhou.

- Se o objetivo é vir me acordar demorou de mais_ disse ele num tom meio de deboche.

- Não eu ia pedir para o Jinyoung fazer isso, já que os outros meninos eu fiz questão de desperta-los por conta própria, até mesmo o peladão, acordei quatro de vocês, já é um inicio, vendo que três ainda não estão confortáveis o suficiente com a minha presença._ me virei e andei para o meu quarto.

Jinyoung não estava mais ali, provamente já tinha descido, eu apenas passei uma maquiagem leve, própria para o dia, e peguei minha pulseira de prata pura e uma pedra azul marinho, que era o meu talismã, me protegia e me dava a liberdade de andar no sol, e em seguida desci para comer com os meninos.

- Bom dia Moon_ Jinyoung me cumprimentou ao eu me sentar ao seu lado.

- Bom dia, Jinyoung e Meninos._ digo sorrindo, e pegando alguns morangos e colocando no meu prato e pegando uma banana e fatiando a mesma. 

- Jinyoung, posso chamar a Manager de Omma, ela me acordo igual a minha omma, foi tão bom_ comentou Bambam enquanto bebia seu suco.

- Ela me acordou assim também e teria acordado o Mark, mas sabemos que ele odeia ser acordado por estranhos_ disse Yugyeom enquanto passava Nutella em sua torrada.

- Fiquei curioso, como foi que ela acordou vocês? E ela me disse que acordou quatro de nós e só vocês dois que falaram._ comentou Jb, tomando seu café. 

- Ah, ela acordou o Jack também,  e acho que o Jinyoung, já que quando eu desci só tinha ele aqui._ Bambam disse coçando a cabeça_ mas ela fez cafuné e falou calmamente comigo, e me deu beijinhos na testa. 

- Sim, sim, o mesmo comigo!_ falou Yugyeom animado_ foi como se fosse minha omma me acordando. E com você Jinyoung? 

- Bem eu acordei com a visão dela nua no quarto se secando seu corpo e se vestindo, ela viu que eu tinha acordado, mas não teve timidez alguma, foi como se eu nem estivesse ali ou como se eu fosse uma garota, mas isso provocou que meu membro acordasse também. _ disse Jinyoung sem mentir ou esconder nada dos meninos e eles logo me olharam.

- Ei, não me culpem, ele disse se sinta em casa, a sorte é que estava nua apenas no quarto, em casa eu ando livremente assim por toda minha casa_ falei dando de ombros.

- Ok então, afinal isso é até bom já que vir para cá tem esse objetivo pqra o Sr Park, ficarmos mais próximos. E você Jackson,  esta calado de mais, mas sei que ela foi lhe acordar também. 

- Ah ela me acordou como eles, mas eu fiquei meio assustado porque eu tive aquele pesadelo de novo e ela me acalmou e depois saiu do quarto._ disse Jackson e depois baixou a cabeça e continuou a comer sua torrada com geleia.

Depois disso ficou por um breve silêncio e logo eles começaram a conversar entre si, depois de terminar de comer cada um colocou seus pratos na pia e foram assistir televisão e eu fiquei na cozinha para lavar tudo, o Jinyoung até quis ajudar, mas eu praticamente o expulsei da cozinha.

Em poucos minutos eu terminei toda aquela louça e sai um pouco da casa, indo para o vasto quintal que havia atrás da casa, hoje era um dia bem ensolarado e quente, a medida do possível, e a casa era cercada por uma densa floresta que ficava nos limites daquele quintal.

Seria uma boa correr um pouco, já que todos estavam lá dentro e eu estava aqui sozinha, eu pensei por algum tempo e estava até me preparando quando ouço a porta da cozinha que dava para o quintal bater, e a voz do Jack quebrar o silêncio. 

- Moon, será que podemos conversar..._ nunca tinha ouvido esse tom meio tímido no Jackson, e eu logo me lembrei da cena do sonho que ele falava no mesmo tom com a menina que o dispensava.

- Podemos, mas que tal andarmos um pouco, queria conhecer o terreno, podemos ir até os limites.

- Tive uma ideia, mas tem que prometer que não vai contar pra ninguém,  nada do que vamos conversar ou do lugar que vou lhe mostrar.

- Ok, eu prometo_ eu digo sorrindo e logo ele abre o mesmo sorriso e pega em minha mão, me puxando para segui-lo.

Após um tempo andando, entramos na floresta e com cuidado e ele me guiava achando que eu poderia cair ou me machucar, era fofo até, e enfim chegamos onde ele tanto queria, era uma linda cachoeira escondida em meio a floresta, sua água é cristalina e onde estávamos formava um lago azul cristalino, era como um conto de fadas em meio a aquela floresta de filme de terror, eu me sentia uma intrusa naquele lugar perfeito, eu sendo o monstro que espreita na floresta nos filmes de terror.

- Então Moon, queria perguntar, como você fez aquilo?

- Eu juro que queria lhe dizer, mas não posso, pense apenas que tenho esse dom, como se eu fosse um apanhador de sonhos, estarei sempre ali para lhe livrar dos sonhos ruins.

- Acho que posso conviver com isso... Mas não conta pra eles, sabe sobre o sonho, eles meio que sabem, mas nunca contei mais a fundo sobre isso.

- Não precisa me falar se quiser, sobre o que ocorreu.

- Não eu acho que está tudo bem se você souber, aquela menina era da minha escola, e sabe éramos melhores amigos desde pequenos, eu tirei o bv* dela aos 10 anos e pouco depois aos 14 o bvl*, sempre fui apaixonado por ela e naquele dia eu ia me declarar e pedir ela em namoro, e foi naquele dia que descobri o quão piranha ela era um mês depois aquele mesmo garoto que tinha se tornado o namorado dela, deu uma festa por que o time do colégio havia vencido o campeonato, e tinha drogas na festa, enfim ele a dopou e deixou que todos os caras do time a fudessem naquela festa._ ele deu uma pausa e vi uma lagrima a rolar pelo seu rosto, estiquei a mão para pega-la e ele me olhou.

- Não continue se não quiser,  eu sei que machuca._ acaricio suas costas.

- Quando eu vim pra Coreia pra começar a ser treinee do JYP eu sou de notícias dela de novo, mas essas foram piores que a dessa festa, mas eu já estava de coração partido e não tinha como voltar, eu estava iniciando meus sonhos e ela estqva sendo enterrada._ ele estava soluçando já e eu o puxava para os meus braços para abraça-lo, lhe dar conforto.

- Não tinha nada que você pudesse fazer, não se martirize por isso_ não sabia mais o que poderia lhe dizer, apenas peguei seu rosto com minhas duas mãos e encostei nossas testas, ele ia se inclinar para me beijar, mas eu me afastei_ Não faça isso, sou sua Manager, e não quero lhe magoar.

- Não vai magoar, eu preciso disso, só por este breve momento._ ele disse e se aproximou, seus lábios colaram nos meus e ele segurou em minha cintura meu puxando para mais perto do seu corpo.

O beijo continuou e ele pediu passagem com a língua. E eu dei, ele se tornou um pouco intenso e cheio de sentimentos, não que eles seriam para mim, mas seria por tudo que ele tinha passado com aquela tal garota, a mesma que havia lhe quebrado o coração, ele se separou dos meus lábios ofegando e corado, eu sorri e ele me abraçou.

- Melhor voltarmos antes que o JB ou o Jinyoung surtem, por termos sumido._ eu concordei com ele e o segui.

Quando chegamos estavam todos a mesa, o almoço acabara de ter sido posto, primeiro o Jack surgiu vindo da cozinha enquanto eu ficava invisível pelo menos para os olhos de todos menos do Jinyoung que a magia não funcionava para ele, ele me seguiu com os olhos e depois voltou a conversar com o JB.

Peguei meu celular e vi que havia algumas memsagens de hoje do Sr Park, ele perguntava como que estavam as coisas e que eu ligasse assim que pudesse, tirei a magia de mim ficando visível novamente e desci, eles me olharam chamando para almoçar e eu quase na porta apontei para o celular e sussurrei JYP, alguns arregalaram os olhos outros nem ligaram.

Sai da casa me sentando na escada e ligando para o Sr Park, chamou algumas vezes e ele enfim atendeu. 

~~~~~/Ligação ON/~~~~~

Sr Park: Olá Srtª Moon, estava mesmo querendo falar com você. 

Eu: Sr Park! Como está?  E sobre o que seria a conversa?

Sr Park: Estou bem, então a conversa seria sobre seus documentos que a emoresa precisa para fechar o contrato, e eu particularmente queria saber como ewta sendo esses dias com os meninos. 

Eu: Eles são bem tranquilos, acho que está sendo bem fácil,  bem seria mesmo melhor quando voltássemos e eu mesma lhe levar os documentos.

Sr Park: Então estará marcado, assim que chegarem passe aqui no meu escritório, e assim enquanto isso o pessoal faz a mudança deles para aquele apartamento ao lado do seu, e provavelmente a noite eles descobriram onde você mora.

Eu: Isso era tudo então? 

Sr Park: Sim, mas antes que desligue queria que fizesse uma missão, a meses estou tentando fazer um projeto com a YG e os meninos, e soube que você tem o dom da persuasão, que tal usar seus dons e me conseguir esse projeto?

Eu: Desafio Aceito Sr Park, e eu já vou, o almoço já foi posto e eles estão me esperando, beijos. 

Sr Park desligou...

~~~~~ / Ligação OFF / ~~~~~

Coloquei o celular no meu bolso do short e me sentei à mesa ao lado novamente do Jinyoung, ele me pergunto o que havia acontecido e apenas expliquei a situação à ele, terminamos todos de comer e depois todos fomos para sala oara passar algum tempo juntos, eu e Jackson, demos a ideia de que seria legal passar o resto da tarde na piscina já que o dia estava quente o suficiente para isto.

E lá fomos nós,  cada um subiu para o seu quarto para trocar de roupa, mas eu e Jinyoung demoramos um pouco, já que novamente eu tinha ficado nua na sua frente e parece que aquilo tinha sido de mais para ele, ele trancou a porta e me prensou contra a parede.

- Por que você tem esse poder sobre o meu corpo,  como consegue me fazer sentir tão atraído. _ sussurrou ele no meu ouvido enquanto mordia o mesmo me fazendo arrepiar por completo.

- Não sei, acho que é...._ suspirei mas aquilo veio mais como um gemido, eu estava apenas com a parte de baixo do biquíni já vestida_ é...a liga..ção_ eu mal conseguia falar, o seu membro estava duro como pedra roçando na minha intimidade, eu mal conseguia pensar.

- Se ficar nua novamente eu não me controlarei, eu tive que me masturbar três vezes no banho para passar a vontade de fuder você essa manhã,  eu estou me segurando tanto, essa é sua ultima chance Moon._ ele me soltou, respirou fundo e simplesmente saiu do quarto, eu demorei um pouco, mas logo terminei de me vestir e fui logo depois para a piscina.

Passamos toda a tarde lá,  eu brincava com o Bambam, Yugyeom e Jackson de briga de galo na piscina enquanto os outros conversavam entre eles um pouco mais afastados de nós, por algumas vezes eles apostavam que o premio seria um selinho meu, e o fim do jogo foi 3 selinhos no Bambam, 2 no Yugyeom e 1 de consideração no Jackson,  mas ainda conseguia sentir o olhar de desaprovação do Jinyoung (#JudgingFace), mas eu apenas o ignorei e continuei a me divertir com os menores.

O dia acabou , nos secamos, jantamos e cada um foi tomar banho, hoje teria uma sessão de filmes, eles insistiram muito para que eu participasse, aceitei apenas por causa da carinha que os bebes fizeram de filhotinhos de cachorro abandonados, e foi justamente entre esses dois que eu me sentei, o fim da maratona rendeu em todos dormindo na sala, e lá fui eu ajudar Jb e Jinyoung a trazer os colchões, Jb tentou me mandar ficar com os outros, mas eu o ignorei e peguei uns 4 colchões de uma fez, e isso o fez me olhar meio perplexo,  uma mocinha como eu ser tão forte, e juntamente a eles ajudei a arrumar os colchões,  e no fim fizemos uma cama gigante de colchões cabendo todos ali, eu dormi abraçando o Bambam e o Yugyeom me abraçando, e os outros meninos cada um dormiu no seu próprio espaço.

Mas uma inquietude me acordou no meio da noite, a ligação estava ativada e ele estava incomodado com algo, e ainda existia esse sentimento que vinha ao estar perto dele, mas não podia ser amor, mal nos conhecíamos e eu seria sua Manager, misturar isso seria um erro total.

[ Jinyoung ]

Não entendia o que ela estava me causando, mas isso estava ocorrendo desde que acordei, e se prolongou pelo dia inteiro, eu estava até começando a ter ciúmes dos meus próprios amigos, primeiro com o Jack, quando ela foi lhe acordar, e dele a levando na cachoeira secreta, que pelo menos ele achava que era secreta, e depois dos dois Maknaes, dela se divertindo com eles e agora dormindo entre ambos, será que isso seria apenas a ligação? Ou se eu realmente estava me apaixonando por ela? Eu não conseguia entender, fiquei me revirando no colchão a noite toda até decidir me levantar e sqir dali indo para o quintal sentar na grama e observar a noite.

- Percebi que não consegue dormir_ ela havia me seguido, assim como na noite anterior que ela não conseguia dormir, agora era eu._ É minha culpa?

- Sim, eu não sei, eu estou sentindo coisas estranhas, ciúmes deles, de você com eles, eles são como irmãos pra mim, e fico feliz que o mais chato de todos tenha adorado você, mas até mesmo dele estou com ciúmes, acho que estou lhe aman..._ ela não deixa que eu termine, seus lábios já estão nos meus e ela me dando passagem para prolongar mais o beijo.

Por um momento me veio aquela sede e eu a olhei, e como se ela soubesse o que eu pediria ela apenas assentiu e jogou seu cabelo para um lado deixando seu pescoço exposto para mim, eu a mordi e ela gemeu, e foi tão deliciodo, senti seu sabor em minha boca, senti até mesmo a sua excitação o seu prazer. 

Em seguida foi sua vez, ela se sentou em seu colo virada de frente para mim e antes de morder deu varios selinhos no local, me provocando arrepios, e enfim senti suas presas, eu gemi e senti ela pegar de mim o meu sangue e se deliciar comigo, mas aquele prazer, aquele êxtase se deu fim quando sua boca deixou o meu pescoço. 

- Moon acho que estou apaixonado por você....

E sua resposta foi um selinho demorado, eu não sabia o que significava, mas talvez eu teria ido rápido de mais, e ela seria a nossa Manager, não seria certo, deveríamos ir com cuidado e calma, seria melhor para ninguém se machucar...


Notas Finais


Jackson machucado
Jinyoung com ciúmes
E uma Omma Moon para Bambam e Yugyeom....

Apenas para divulgar um pouco mais de leitura a quem gosta...

https://spiritfanfics.com/historia/shes-back-repostando-6730523

https://spiritfanfics.com/historia/escola-noturna-6732325

https://spiritfanfics.com/historia/para-sempre-6920386


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...