História Love the way you lie - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Barbara Palvin, Justin Bieber
Personagens Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Justin Bieber, Personagens Originais
Tags Revelaçao, Romantico
Visualizações 7
Palavras 1.125
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpa os erros....

Capítulo 2 - Cap 2 ; olhos caramelos e lábios rosados.


Fanfic / Fanfiction Love the way you lie - Capítulo 2 - Cap 2 ; olhos caramelos e lábios rosados.

JESSIE PERTTY

INGLATERRA 22:00 PM

- não,sei porque eu ainda concordo com essas coisas!! - falei bufando de raiva.- eu odeio sair do meu casulo.. vai com o Jerry! - falei mais a única coisa que a vadia cacheada fez foi negar fazendo biquinho. 

Vai se foder!!!! 

- ok caralho eu vou!!! Agora vaza eu vou me arruma..- falei empurrando kerry pra fora do meu quarto, a mesma já estava vestida com um vestido é um sobre tudo ... tudo muito sexy.. vadia.

Termino de me enxugar é vou pro armário, pego uma meia calça preta é um vestido estilo sobre tudo na cor azul escuro, calço uma bota com algunas tachinhas ao redor, fiz uma trança simples no meu cabelo é uma maquiagem de leve... paço perfume é coloco algumas jóias.. sinto meu celular vibra mais nem dou atenção, termino de me arruma é saio do quarto. 

- Uau!! Que arraso..- jerry disse me analisando de cima a baixo. - valeu... vamos de uma vez! 

- pegou seu celular? Chaves? - a voz de kerry se faz presente atrás de mim.- celular não... mais a chave sim! - falo indo pra porta junto com eles.

- não sei como você consegui viver sem celular..- comentou kerry assim que entramos no elevador. - simples eu não tenho interesse em nada que tenha nele... só o tenho pra falar com meus pais ... e eu mais uso o fix..- respondo. 

- vixe, despois do cam.... nada...- jerry levou um cutucão da irmã.. eu sei bem o que ele iria fala, então não comentei mais nada.

Assim que o elevador parou na portaria, o porteiro me olhou surpreso talvez porquê ele nunca me viu sair a noite... sorri pro mesmo é caminhamos até o estacionamento entramos no carro.

- onde é o endereço? - pergunto girando a chave do carro e saindo do estacionamento, jerry foi atrás é obviamente kerry na frente. 

- na *** ...- ela disse então concordo, entro na avenida é saio correndo a mil.. Ah cara faz tanto tempo que eu não corro ou ando no meu carro.

Faz tanto tempo que eu não vivo a vida como uma mulher normal, na verdade normal passou bem longe de mim... Faz tempo que não converso com meus pais embora minha mãe me ligue todo dia.

Bem, meus pais são separados em meio a tantas brigas é idas é voltas dos dois eu resolvi vir mora sozinha aqui na Inglaterra os dois moram em Atlanta, meu pai infelizes  trabalha no ramo do tráfico e minha mãe é aquele tipo de mulher super liberal.. principalmente quando ela dirigi seu triciclo roxo vivo... 

Meus pais são os melhores do mundo, mais  tantas coisas me aconteceram de alguns tempos pra cá que eu radicalmente me afastei de todos é do mundo...

Bem meu namorado Cameron Dallas morreu em um acidente de carro no começo do ano passado, morávamos juntos no meu apartamento então éramos como casados, cameron trabalhava pro meu pai, então aparti do dia em que eu soube do sua morte tudo em minha vida mudou da água pro vinho..

Eu costumava ser uma menina, meiga, fofinha aquele tipo de menina que amava tudo, eu era uma menina bobinha... 

Mais a menina bobinha, morreu junto no acidente é...

- jess? Chegamos...- saio dos meus devaneios, olho pra frente dando de cara com uma placa brilhante é o nome da boate, tiro meu sinto é desço junto com os irmãos. 

Aciono o alarme do carro, jogo minhas chaves no bolso do sobre tudo, caminhamos até a porta dei meu nome é na hora libarara nossa passagem... ( por um lado é bom ter pai traficante rsrs) àquilo tava uma zona! 

É o nome que define o estado da boate nesse exato momento, caminhamos até o bar vejo que jerry está ficando animando.

- me traz uma tequila...

- por favo me traz uma coragem na cara...- kerry disse fazendo-nos ri é o barmam também ele buscou três copinhos de tequila agradeço é viro o copinho, aquele troço que a séculos eu não bebia desceu rasgando pela minha garganta. 

- Ugh!! Porra essa é das boas..- falei encarando o barmam.- trabalho apenas com  coisas de qualidades. - disse e piscou. 

- WOWWW que gatinho...- kerry disse, apenas dou de ombros.- é você vai enrola até quando? Anda obviamente o escritório do Bieber é lá em cima... entrega logo a porra da grana é fim de papo.. - digo fazendo um sinal pro barmam prazer outro copinho.

- eu não consigo.... - ela disse fazendo biquinho. 

- nem venha!!! Eu não vou!! - digo já sabendo onde ela queria chegar. 

- nem eu!! - jerry disse também sabendo as intenções  da irmã. 

- mais gente eu não consigo... 

- dani-se!! - digo virando outro copinho.- vai purfavozinhoooo.... vai Jessie...- juntou as mãos. 

- não kerry!! Affs que saco!! - bufo frustada.

- jerry? 

- nem venha!! Eu não quero me meter novamente com essas pessoas novamente! - respondeu é saio no meio da multidão. 

- eu não vou conseguir... eu vou gagueja é treme é ele vai ficar com raiva!! É...- disse quase chorando.

PUTA QUE O PARIU EU MEREÇO!!

Mano pra atura a kerry a pessoa no mínimo deve ter três cunhão... na boa.

- mano é a última coisa que eu faço pra ti...- falei é puxo o envelope da mão dela com btutalidade a mesma deu um pulinho e me abraçou apertado, respiro fundo é subo até a área vip.

- tenho uma incomenda pro seu chefe... pode olhar não é uma bomba não..- falei olhando pros enormes seguranças. 

- meu chefe está ocupado espere aqui...- ele disse assim que terminou de especular o envelope.

Uma porra que eu vou espera!!

- meu querido eu tenho hora... vamos eu so vou deixa a grana com ele é pronto..- falo dando um passo pra frente. - Não se atreva!! - um deles disse segurando meu braço. 

- Oxe!! Me solte!!! - gritei quando ele me pegou pelos dois braço me tirando do chão. - espere aqui...- ele disse me sentando no sofá com brutalidade. 

- filho da puta...-sussurro.

- oque disse? - ele se virou fuminando. - nada...- sorri é olho pro lado..

                            UMA HORA É MEIA 

- moça... ? - abro os olhos porquê sou cutucada.

- humm? - me levanto encarando o segurança. 

Meu Deus eu dormi enquanto esperava .... rsrsrsrsr eu me amo muito!!

- meu chefe lhe aguarda..- ele disse é me pegou pelo braço me levando pra dentro do escritório. 

- O quê você quer comigo..?- uma voz rouca disse me fazendo levantar a cabeça, assim que meus olhos se direcionam pra um lindo par de olhos caramelos e lábios rosados. 

- B-bem...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...