História Love Thing - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Tags Amor Doce, Aventura, Colegial
Visualizações 3
Palavras 477
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Escolar, Fantasia, Festa, Saga
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá querido leitor! Tudo bem?
Primeiramente, Clarisse vá atrás do seu amor, haha. Gente, eu sempre tive a mente aberta, falo o que penso, escrevo o que sinto. Essa fanfic, pode sim ser baseada em fatos reais, mas também não haha, SEM SPOILERS!

Qualquer cópia, será PLÁGIO, então, ORIGINAL é mais divertido.

Capítulo 1 - A chegada na Terra Desamparada


O verão é a melhor época para a maioria dos adolescentes, mas acho que sou diferente por essa questão. Desde criança, sempre levei os estudos a sério, mas como eu disse, criança. Cresci, e com os anos me tornei madura, com a mente diferente, com pensamentos diferentes. Mas, por que odeio o verão, já que era pra amar? Tenho uma resposta! Meus pais sempre me deixaram a cuidado de Mari, uma doce governanta, que sempre foi como uma mãe para mim. Minha mãe, é diretora de filmes, o que acaba interferindo na vida pessoal, viagens, premiações e tudo mais. Meu pai, é empresário, tem empresas ao redor do mundo, o que acaba também interferindo na vida pessoal. Quando menor, fui acompanhada por uma psicóloga, para não sofrer depressão, já que nunca tive uma mãe ou um pai presente na minha vida.

Faz exatos 5 minutos que a governanta me chamou na sala. Estou a espera de Mari. 
-Clarisse! Que bom te ver.

-Sim, o que queria comigo, Mari?

-Tenho uma notícia, que pode te fazer feliz, ou triste Clarinha - Mari tem a mania de me chamar de Clarinha - Seus pais te inscreveram em um colégio interno chamado ''Sweet Amoris'', eu não queria me despedir assim, Clarinha.

-Como assim Mari?! Que dia começo? Por que justo interno?

-Clarinha... Há coisas que você teria de perguntar a sua mãe.

-Ok, então, já pego minhas malas, certo?

-Sim. O motorista está a sua espera.

Arrumando as malas, vi a foto de meus pais jogada no fundo da gaveta. Com uma sensação de rancor, guardei-a na mala. Mal penso, e já lembro dos meus 8 anos. Meu pai me ligou e disse que queria me ver, mas que seria impossível, minha mãe me enviou uma carta, em que pedia para não esquece-la. Eu vi a carta também nessa gaveta, como o pedido da minha mãe, guardei e nunca esqueci. 

5h depois.

-Senhorita, acorde! Senhorita?

-Ah, sim, desculpe.

-Chegamos.

A Sweet Amoris é enorme, estranho para mim que sempre estudei em casa

-Olá, Clarisse, certo?

-Sim! Oi...

-Prazer, meu nome é Íris, aposto que seremos grandes amigas!

-Prazer, Íris! Espero que sim!

-A diretora pediu para você ir a sala dela. Cuidado, ela é um dragão em pessoa -Íris balançou a cabeça, com sarcasmo.

Bom, se a diretora me chamou, lá vou eu. 

-Oh! Senhora Clarisse! Prazer, meu nome é Certininy, a diretora da Sweet Amoris.

-Prazer! - É um nome diferente, engraçado.

-Então, eu irei te levar ao seu quarto, sua companheira se chama Íris, você já deve ter se apresentado a ela.

-Sim.

Eu espero que a Íris seja legal, não quero inimigas. Meu quarto era rosa, amoroso. A direita ficava meu closet, a esquerda o de Íris. Minha cama era fofa, até parecia de bebe. Bom, agora me resta descansar, espero que amanhã seja um bom dia. 


Notas Finais


Próximo capítulo: 15/08. Obrigada por ler <33


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...