História Love wrong - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Garota conhece o Mundo (Girl Meets World)
Personagens Maya Hart, Riley Matthews
Tags Maya Hart, Rilaya, Riley Matthews, Rowan Blanchard, Rowbrina, Sabrina Carpenter
Visualizações 114
Palavras 999
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 11 - Mais ninguem vai te machucar


Fanfic / Fanfiction Love wrong - Capítulo 11 - Mais ninguem vai te machucar

~ Maya ~

No dia seguinte,toda a escola estava sabendo de eu e riley,as pessoas falavam nos corredores...eu realmente não me importava mas sei que riley sim.

Ela entrou na escola sem dizer uma palavra,ela não olhava para ninguem,apenas continuava seu caminho para sala.

Lucas não veio,farkle tambem não...riley ficou sozinha assim como eu,ela não queria ficar ao meu lado em publico no momento e eu entendo..isso é tudo muito novo para ela,bom..eu ja namorei com garotas e todo mundo sabe disso mas a riley não,todos pensavam que ela era hétero,eu me sentia mal por ela,sei que ela não queria revelar isso agora..

Estava caminhando pela rua quando um grupo de menina comandado por missy me parou.

- Riley matthews ? 

- Cala a boca.

- Não achei que ela gostava de garotas - Missy falou.

- Eu ja disse pra calar a boca.

- E você vai fazer oque ? 

Ela perguntou dando um passo a frente.

- Quer mesmo saber ?

Dei um passo a frente ficando de cara com ela,eu podia ver o medo em seus olhos.

- Estragou meu plano,hart.

Ela disse e se afastou com seu grupo,ela me deixou confusa mas não parei para pensar nisso,puxei meu celular do bolso e liguei para riley.


- Oi..

- Oi riley, ta bem ?

- Sim eu só vim pra casa mais cedo.

- Tem certeza ?

- Sim...pode vir aqui?

- Sim,eu ja vou.

~ Riley ~

Deitada em minha cama eu esperei maya.

Eu realmente não estava preparada ..me pegou de surpresa..eu não tinha ideia que o lucas iria fazer isso, eu não estava brava com maya...eu realmente gosto muito dela mas eu não tava pronta para dizer..

Batidas na janela interrompem meus pensamentos,me levanto da cama abro a janela,me deito na cama de novo e maya se senta ao meu lado.

- Maya, eu to com medo.

Ela olhou para o lado encontrando meus olhos.

- Vai ficar tudo bem...ninguem vai separar a gente.

- Meu pai vai descobrir..

Ela suspirou e deitou ao meu lado.

- Eu sei..

Ela virou de lado me encarando,levou seus dedos ao meu cabelo,ela estava brincando com ele enquanto nos olhavamos,senti um carinho em minha bochecha quando fechei os olhos,eu queria ficar ali pelo resto da vida..

~ Maya ~

Depois de um tempo esperando ela dormir eu me levantei da cama com cuidado e sai pela janela.

Em direção a minha casa encontrei lucas na rua,ele estava conversando com um cara,resolvi deixar ele ali por enquanto ele ainda ia ter oque merece,caminhei ate em casa, abri a porta e não tinha ninguem,fui ao meu quarto e me deitei na cama.

21:08

Acordei com meu celular vibrando,depois de acordar por definitivo eu peguei meu celular.

Notificações 

Riles - Escola

Riles - Maya

Riles - Rapido

Riles - Missy 

Levantei da cama e enquanto abri a porta de casa tentei ligar para ela,ninguem atendeu botei o celular no bolso e corri para escola.

Depois de alguns minutos correndo eu fui direto para atrás da escola,lá eu encontrei riley..ela estava sozinha,no chão,suas calças estavam abertas e ela não parava de chorar..

Meu coração caiu,lagrimas cairam em meu rosto,eu não conseguia acreditar..

Corri ao seu lado e a puxei para os meus braços,ela continuava a chorar.

- Me desculpa riley

Eu disse entre minhas lágrimas,ela não disse nada apenas continuou chorando,eu a peguei no colo e levei a sua casa,foi complicado subir sua janela com ela no colo mas eu consegui,nesse momento ela ja havia parado de chorar,sentei ela na cama e me sentei ao se lado, ela não falava nada apenas olhava fixo para frente enquanto as lagrimas em seu rosto secavam.

Ela levantou da cama e foi em direção ao banheiro, eu suspirei e levantei tambem,ela estava parada ..acho que ela queria tomar banho mas não fazia nada.

Sem pensar duas vezes eu sai do quarto indo em direção a sala de sua casa,descendo as escadas eu pensei..

Eu tenho que contar,ela não pode ficar assim sem ninguem saber,ela precisava de ajuda,encontrei seus pais no sofá eles se assustaram mas eu acalmei os dois e convenci eles a conversar,depois de explicar oque tinha acontecido eles entraram em choque,correram para o quarto de riley e eu fui junto...ela estava chorando novamente no chão do banheiro.

Eles estavam tentando fazer ela tomar banho mas ela não falava nada .

Cory olhou para mim.

- Você pode dar banho nela ?

- Oque ? - Perguntei assustada.

- Ela não vai fazer nada sem você...acha que consegue?

- O-Okay.. - Respondi nervosa,sinto que cory realmente não queria me pedir isso mas era o uncio jeito.

Eles sairam do quarto e eu a ajudei a levantar.

- Tem certeza ?

Eu perguntei e ela assentiu .

Era horrível ver ela assim..sem falar,sem fazer nada.

Enfim..eu ajudei ela a tirar a roupa, senti que ela ficou nervosa quando botei ela na banheira.

- Ta tudo bem..eu não vou te machucar prometo..

#  #  # # # # 

Depois do banho eu ajudei a botar seu pijama,ela ainda não tinha falado nada,levei ela a cama e nos deitamos, não queria encostar nela..tinha medo de ela se assustar, eu podia ouvir seu pai chorando esta  baixo..mas eu ouvia,fiquei surpresa com a confiança que ele teve em mim.

Nessa noite eu apenas acompanhei riley em seu sono.

# # # # # # # 

Meus olhos se abriram lentamente e eu consegui ver a luz do sol que entrava pela janela,ao meu lado o rosto de riley se iluminava,ela ainda estava dormindo,levantei da cama e abri a porta de seu quarto,descendo as escadas encontrei seu pai a mesa.

- Bom dia maya.

Eu acenei com a cabeça e dei um sorriso fraco.

- Eu...sinto muito muito por..

- Ta tudo bem,a culpa não é sua

Ele me interrompeu .

- Você pode verificar a riley pra mim ? 

Ele perguntou e eu assenti, estava subindo as escadas mas voltei.

- Obrigada..por..confiar

Ele sorriu e eu subi.


Chegando em seu quarto encontrei riley no chão chorando novamente.

- Ei - Me sentei ao seu lado e ela entrou em meu abraço chorando.

- Ta tudo bem..eu to aqui ninguem vai machucar você - Sussurrei enquanto ela afundava o rosto em meu pescoço.

Senti as lagrimas em minha pele,riley fungava e tremia,encostei minha bochecha em sua cabeça e apertei ela mais forte.

- Eu não vou deixar mais ninguem te machucar...eu prometo.






Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...