História Loved Me Back to Life - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Tags Camila, Camren, Drama, Lauren, Romance
Exibições 173
Palavras 1.685
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, FemmeSlash, Orange, Romance e Novela, Violência, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


(:

Capítulo 19 - That's my girl.


POV: Lauren.

No dia seguinte fui para a aula normalmente pois ainda era quarta, Taylor e eu fomos com Camila e Sofia.

- Chegoou a melhor lutadora de todas. (Dinah brincou ao me ver e eu até poderia rir se ainda não me sentisse mal por ter feito aquilo)

- Dinah como foi a premiação ontem?. (perguntou Camila tentando fazer ela entrar em outro assunto)

- A queenB OBVIAMENTE ganhou querida, foi lindo.

- Ei Jauregui. (Vero chegou me chamando para conversar)

- O que você fez com ele?. (perguntei em português)

- Foi daquele mesmo jeito das outras vezes, perguntei se ele queria fazer faculdade, ele disse que sim e perguntei qual. No final ele estava desesperado falando que a mãe dele ficaria decepcionada se isso acontecesse. Isso nunca falha. (E ela respondeu do mesmo jeito)

- Você não acha que ele vai se revoltar depois?.

- Não... Falei também não tinha como arrumar problema para a gente, ou qualquer pessoa perto de nós. Tudo certo, acabou e ele saiu daqui.

- Obrigada vero, nem sei o que seria de mim sem você. (agradecia abraçando ela)

- Você não teria uma ficha muito limpa e provavelmente não estaria aqui. Não precisa agradecer, aprendi os esquemas com você.

- Kkk... Aprendeu bem demais, se um dia me matar ninguém vai saber.

- Kkkk você ainda lembra disso. (riu da piada que costumávamos fazer quando coisas desse tipo davam certo)

O dia passou devagar demais, estava com uma idéia na cabeça que já deveria ter aparecido antes mas so agora realmente tive vontade de fazer.

Camila ficamos juntas todo o tempo possível e mesmo assim Demi não se importou de vir conversar comigo, até tentou puxar assunto com ela, isso foi bom para Camila ver que ela não é tanto problema assim... Mas nem adiantou muito.

- Ainda acho que ela quer te pegar. Viu como ela te olha??.

- Kkkk muitas pessoas aqui me olham assim e pra você principalmente. (disse a ela enquanto saiamos da escola indo até o pessoal)

- Ta mas, a maioria que me olha são meninos, você sabe que nao curto isso e você conversa com grande parte deles então nenhum vai chegar em mim né, eles não são tão abusados. Agora essas meninas... Me odeiam, eu posso estar do seu lado que elas chegam dando em cima de você. (Camila falou revirando os olhos)

- Kkkk Relaxa, sou sua, e converso com eles por causa do Justin, desde a festa na piscina depois que ficamos conversando e bebendo na sua sala, você tem que ver como ele trata Vero e eu, quase nos chama de bro. E elas não te odeia.

- Quem não odeia quem?. (Harry perguntou ouvindo o final da conversa)

- Camila estava falando que algumas meninas por aqui não gostam dela.

- Isso é verdade, não gostam de mim também não. (Selena concordou)

- Viu... Elas não gostam da gente. (Camila falou e foi abraçar Selena como se estivesse consolando)

- Eu ouvi umas falarem mal de mim ontem mesmo, Vero até me impediu de ir nelas.

- É por causa da gangue. (Justin disse)

- A gangue dos desejados. Mani e eu não temos problemas com as meninas daqui porque não namoramos nenhum deles. (Dinah falou)

- Kkkk que isso?. (perguntei)

- Toda escola tem aquele pessoal que todo mundo quer pegar, chamamos eles de gangue dos desejados, Justin, Veronica e você fazem parte. (Louis explicou)

- Você também faz, só que a decepção delas não é so por você namorar, é por ser gay e ter namorado. (Harry disse)

- Kkkk vocês inventam cada uma. (Vero e eu rimos)

- Não é invenção nossa, foi algo natural que se formou. (Camila falou)

- Ta bom minha coisa linda, agora já vou indo Vero e eu temos que ir no centro.

- Fazer o que?.

- Vamos olhar carros.

- Pretende ter um por acaso?. (Lucy perguntou para sua namorada)

- Sim, minha mãe cansou de me emprestar o dela quando eu preciso.

- Ta bom, quando chegar me liga. (Camila e eu nos despedimos enquanto Vero e Lucy faziam o mesmo)

- Tchau gente.

Fomos andando até o centro, mas passamos no shopping antes para comer algo e comprar o que eu tinha planejado.

- Então você vai comprar um mesmo?.

- Vou, vai fazer 3 meses que estamos juntas e eu não a pedi em namoro oficialmente.

- Precisa de um anel para isso??.

- Não vou comprar um anel, vai ser um cordão. E toma isso direito pelo amor de Deus. (disse me irritando com a barulho que ela fazia com o milk-shake)

- Kkkk... Chata. (reclamou me empurrando)

Fomos até uma bela loja de joias.

- Boa tarde, posso ajudar?. (um cara nos atendeu)

- Sim, eu queria saber se vocês tem algum pingente de sol banhado a ouro e um de lua com ouro branco.

- Não temos pronto agora, mas se a senhorita quiser encomendar.

- Ficaria pronto quando?.

- Deixa eu ver... São 13:40 daqui a 4 horas estaria pronto.

- Bom eu vou querer nesse modelo aqui. (tirei um desenho do bolso e entreguei ao moço).

- Ótimo, assim fica mais fácil para o nosso fabricante.

- Que bom, depois voltamos para buscar. (disse e saímos da loja)

- Ele falou o preço?. (perguntou Vero que na hora estava distraída olhando as joias)

- Sim, em reais ficaria por 250. É barato, eu mesma pago, nunca gasto minha mesada com muita coisa e desde que viemos pra cá ela aumentou.

- É... Agora vamos ver o carro.

Comprei outro sorvete antes de sair de lá e fomos até a concessionária da Hyundai.

- Então senhorita, de qual gostou mais?. (perguntou a mulher que nos atendeu)

- Desse aqui, mas por enquanto estamos apenas olhando obrigada.

- Não tem problema, deixe-me falar dele mesmo assim.

Ela explicou tudo sobre o carro e depois fomos embora.

- Agora vou falar com meu lindo papai pra ele vir aqui e comprarmos.

- Não vejo a hora de ter o meu bebezinho também.

- Qual você quer?.

- Um Rover Evoque preto.

- Sua cara.

- Kkk. Então, vamos no cinema enquanto esse pingente nao fica pronto.

18:05 voltamos a loja já estava pronto, comprei dois cordões, o do sol era banhado a ouro também iria ficar com ela e o da lua era a ouro branco.

- Obrigada.

- Nós que agradecemos, voltem sempre. (o cara disse ante de sairmos)

- Ficou bonito.

- Sim... Melhor do que eu esperava. Acha que ela vai gostar?.

- Vai sim. Quando vai entregar?.

- Agora. (sorri e logo depois nos despedimos indo cada uma para sua casa)

Estava um pouco nervosa de fazer isso mas ela merecia. Chegando em sua casa apertei a campainha e orei para que ela mesma atendesse.

- Oi Lauren tudo bem?.

- Tudo Alejandro obrigada por perguntar, a Camila esta ai?.

- Sim vou chama-la pra você.

- Não!! Espera, chama não. Queria conversar com você aqui fora antes.

- Claro, algum problema?.

- Não é que não sei se o senhor sabe mas eu nunca pedi Camila em namoro oficialmente, apenas começou a ficar sério e eu não cheguei a pedir. E pretendo fazer isso agora você se importa?. (quando terminei de falar ele me deu um abraço)

- Lauren para nós você já é da família, ter isso em oficial é melhor ainda vai em frente Camila vai ficar super feliz.

- Kkk... Obrigada.

- Agora para de tremer, postura. Vou chama-lá, isso me deixou muito animado. (aconselhou sorridente colocando as mãos em meus ombros)

- Caamila!! A Lauren esta aqui. (ele a chamou depois de falar com Sinu e Sofia, ficaram na sala observando tudo de longe)

- Por que não estava respondendo minhas mensagens?. ela gostou do carro?.

- Gostou. Ee...

- Qual vai ser?.

- Um Hyudai, aquele que o símbolo é um H, mas não é o mesmo modelo do que os pais da Dinah tem. (expliquei depois dela me olhar sem entender)

- A ta...

- Então Camz... Kkkk.

- O que foi? Por que esta rindo?

- Eu deveria ter feito isso antes mas as coisas entre a gente estavam seguindo como se já fossemos, então nem me lembrei que ainda nao tinha te pedido em namoro. Hoje Vero e eu fomos até uma loja e encomendei algo para você, por isso não te respondi, queria fazer surpresa.

- É algo que simboliza nós duas, isso já está bem marcado em nosso relacionamento. (tirei a caixa comprida da mochila de escola pois ainda nao tinha passado em casa)

- Você aceitar ser oficialmente minha namorada?. (os olhos dela já estavam vermelho e tinha aquele sorriso todo fofo só dela nos lábios)

- Camz... Já estou ficando sem graça... (falei sentindo meu rosto ficar levemente vermelho depois dela demorar para responder)

- Claro que aceito!!!. (disse pulando em mim, Sofia e seus pais começaram a bater palmas)

- Minha garota... Te amo. (falei em seu ouvido e ela respondeu o mesmo, me dando um beijo. Coloquei o cordão nela o meu já estava comigo, tinha escondido dento da camisa)

- Preciso de um sorvete para comemorar isso. Mama, papa, vamos na sorveteria.

Fomos e Camila ficou um bom tempo falando para o Augustos sobre isso, ela estava tão feliz que nem me importei de ficar vendo e rindo dos dois conversar. Pouco depois fomos embora e deixei ela na porta de casa, seguindo para a minha logo depois.

- Demorou em. (disse minha mãe quando entrei na cozinha)

- Quanta felicidade... Qual o motivo desse sorriso de 180 graus?. (perguntou Taylor)

- Pedi a Camila em namoro realmente!.

- Kkkk achei que já namoravam. (meu pai me deu um abraço me dando os parabéns)

- Mas eu nunca tinha pedido com todas as palavras sabe.

- Parabéns mana. (disse Taylor bagunçando meu cabelo)

- Que bom Lauren. (minha mãe disse voltando a pregar atenção nas panelas. Ela não se acostumou muito com isso ainda mas não arruma mais problema)

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


....


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...