História Loving you hurts - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Homossexualidade, Romance, Tragedia
Exibições 8
Palavras 474
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 2 - Primeiro garoto


2 – Primeiro garoto

Rafael pov.

                                      As duas aulas de historia demoraram uma eternidade pra acabar, o que me surpreendeu, já que era o primeiro dia de aula. A próxima aula era de Geografia, outra matéria que me entediava.

                                   - Você ta bem? – ouço uma voz me perguntar.

                                    Olho rapidamente para o lado e vejo que o garoto dos olhos castanhos que tinha me perguntado.

                                    - Sim... por que? – perguntei confuso.

                                       - é que você meio que tá encarando o chão a uma meia-hora – ele disse, rindo e me fazendo rir – sério, você dormiu a noite?

                                       - Não muito, tava quase morrendo de ansiedade – respondi, tentando prolongar a conversa – aliás, você é...?

                                      - Lucas – o garoto respondeu.

                                        - Mais conhecido como Lu – a garota atrás de Matheus  surgiu no meio da conversa – E eu sou Laura, Best dele, prazer.

                                       - A Best dele sou eu – retrucou a garota na frente de Lucas – prazer, Fernanda – disse ela se voltando pra mim.

                                     - Nossa – disse rindo, junto aos 3 – o prazer é todo meu.

                                      O professor de geografia faltou, então tivemos aula vaga. Fiquei conversando com Lucas, Laura e Fernanda, e acho que estamos meio que virando amigos, eu gosto disso.

                                                                                                             .  .  .

*toca o sinal do recreio*

                                      - vai passar o recreio com alguém? – perguntou Lucas.

                                      - Não – disse meio sem jeito.

                                        Lucas fazia eu me sentir estranho, digo, estranho bom, como eu não soube o que ou como falar com ele.

                                       - Quer que eu te mostro a escola? – ele me perguntou.

                                      - Claro – respondi.

                                                                                                                .  .  .

                                       Fui ver a escola com Lucas. Foi uma volta bem rápida, e paramos na quadra, onde os garotos da nossa sala estavam jogando Basquete, e eu comecei a prestar atenção.

                                      - Você joga? – ele me perguntou

                                        - Sim, eu era do time na minha antiga escola. – respondi. – você não?

                                       - Não sou muito bom em esportes, sabe? – respondeu ele, voltando seu olhar pro jogo – prefiro passatempos mais... tranquilos.

                                       Tranquilidade era uma coisa que me faltava a muito tempo, e Lucas, mesmo me conhecendo a menos de 2 horas, me deixava, de certo, modo tranquilo.

                                      Isso era estranho. Nunca havia sentido algo assim por nenhum garoto, nunca havia questionado minha sexualidade, e ele também parece nunca ter questionado a sua. É algo que tenho a vontade de perguntá-lo, mas eu mal conheço ele pra isso, e ele talvez tenha um pensamento diferente sobre mim se eu perguntar...

*Toca o sinal da quarta aula*

                                    - Já acabou o recreio?? – perguntei confuso.

                                    - Sim, o recreio daqui é bem curto. – ele respondeu.

                                     Fomos voltando pra sala.

                                     O resto da aula foi bem chato, então fiquei conversando com Lucas, e de vez em quando Laura e Fernanda entravam na conversa, o que me fazia rir muito. Gostei delas.

                                  Quero que amanhã chegue logo. Que ver ele logo...

                                                                                                                       .  .  .

                                   

                                      

                                                                         


Notas Finais


Lucael está chegando...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...