História Lua vermelha - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Saga Crepúsculo
Personagens Jacob Black, Renesmee Cullen
Exibições 56
Palavras 815
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Ficção, Romance e Novela, Sobrenatural
Avisos: Insinuação de sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


BOA LEITURA!!!!! ❤❤❤

Capítulo 7 - Castigo!


Edward

Eu estou muito precupado com Reenesme ela nunca desapareceu.
    Quando eu a vejo percebo que acabou de caçar pois está muito corada, e Alice está com ela.  
     -Onde vocês estavam? -Não consigo respostas. Isso é muito frustante! Eu estou controlando os meu instintos para não ler os pensamentos de Reenesme.         Fizemos um acordo de que eu não faria isso. Mas talvez ela não me de escolha.
     Olho para todos. Percebo que todos me encaram esperando que acabe com o mistério.  

Percebo que Bella está me encarando. Sei que quando faz isso significa que ela está me dando passe livre para seus pensamentos. 

  Bella: Vai em frente.
      Carlisle: Filho eu sei que não quer mais se aconteceu algo perigoso precisamos saber.

     Decido que eles tem razão. Talvez ela fique irritada comigo. Mas eu perguntei antes.
     -Onde estavam? -Pergunto de novo. -Eu posso ler na mente de vocês -Aviso.
     -Eu estava me sentindo mal. -Percebo que é mentira na hora. Ela nunca soube mentir. É tão boazinha. Alice percebe que notei a sua mentira e revira os olhos.
     Uma das coisas que irrita Alice é quando Reenesme não consegue mentir.
     Minha última tentativa de obter a verdade é falha vou para a última coisa que consigo para conseguir respostas.
     Alice: Desejo buscar o poder e perder a liberdade. Desjo buscar o poder e perder a liberdade. Desejo buscar o poder e per...
     Reenesme: Por que eu deixei ela me convencer disso? Eu não quero mentir para os meu pais. Eu tenho duas opções: deixar Alice decepcionada ou meus pais. Será que ela vai ficar irritada? Mais se eu contar meu pai vai me deixar de castigo. Para ele é muito importante eu comparecer às aulas e essa chatice toda. Ele iria me matar se descobrisse...

      Alice cutuca seu braço. Reenesme olha para mim com um olhar de tristeza. Sinto um pouco de vergonha por esta lendo seus pensamentos. Afinal, eu tinha prometido que não faria. Abaixo minha cabeça e olha para Bella.
      Bella: Vai em frente.
      Tomo coragem e tento de novo.
       -Vamos conversar lá em casa. -Sabia que em algum momento ela deixaria escapar alguma coisa. Ao contrário de Alice ela não é boa escondendo seus pensamentos de mim.
     Reenesme: Eu sei que estou ferrada! Ele vai descobrir de qualquer jeito o que eu fiz. Mais foi tão divertido sair com ela! Droga ele está lendo os meu pensamentos! Pense no que Alice disse. Se concentre em algo que não seja na nossa fuga para o shopping. Reenesme você é muito burra!
     -Filha você não é burra apenas não sabe mentir. -Até que foi fácil descobrir a verdade. -Vamos voltar.
     -O que você queria fazer em casa?
     -Nada, eu sabia que até o caminho iria acabar deixando escapar algo. -Ela se encolhe. Percebo que está envergonhada.
     -Eu estou encrencada?
     -Sim.
     -E Alice?
     -Bom, ela é adulta...
     -Mas não é justo! Ela que me arrastou para isso. E não vai acontecer nada com ela? Isso não é justo! -Entendo sua frustração. Também não acho justo. Mas não tem nada que possa fazer em relação a Alice. Ela é adulta e eu não sou seu pai.
     -Vamos para casa, preciso falar com sua mãe. Para decidir o que vamos fazer com você.

*************************************

 Quando chegamos em casa percebo que todos param de conversar e nos olham. Eles sabiam exatamente o que estava acontecendo. E Emmet não consegue manter a boca fechada.

     -Foi rápido. -Ele solta uma risada tão idiota. Percebo que Reenesme está irritada.
     -Você não fica quieto! -Alice diz.
     -Traidora! -Ela grita para ela.
     -O que posso fazer?
     -Não sei!
     -Edward não culpa ela! Foi preciso muito convencimento! -Sabia que ela tinha persuadido Reenesme!
     Bella vem em nossa direção e nós três saimos para o chalé.
     -Filha o que aconteceu? -Bella pergunta. Reenesme olha para mim como se quisesse que eu contasse. Acho que isso não é algo que eu deveria fazer.
     -Eu sai com a Alice... -Ela engole saliva como se estivesse com nojo de dizer. -Para o shopping. -A reação de Bella me assusta.
     -Por que você fez isso? Sabe como deixou todos nós preocupados?  Reenesme Cullen você ficou maluca? Podia ter acontecido alguma coisa com você!
     -Desculpas. -É só o que ela consegui dizer antes que Bella continue gritando.
     -Você acha que já é adulta e pode sair fazendo o que você quer! Você está de castigo! Você só sai desta casa para ir para a escola! Até segunda ordem! -Bella está tão nervosa que jurava que iria pular em cima de Reenesme.
      -Mãe... Pai você não vai dizer nada? -Eu não disse nada desde que chegamos aqui. Estou muito decepcionado com Reenesme. Não esperava isso dela. Ela sempre foi tão certinha. Percebo que preciso me colocar nesta conversa.
      -Filha estou decepcionado com o seu comportamento fugir da escola para comprar roupas! Esperava mais de você.

Ela entra nervosa em seu quarto e bate a porta. 


     
      



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...