História Má Companhia ( Kim Namjoon ) - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Kim Namjoon
Exibições 227
Palavras 2.424
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Gente Obrigada as leitoras que participaram e sinto muito pra quem quis e demorou pra enviar o capítulo, mas agora já foi.
Eu fico muito feliz em dizer que quem "ganhou" foi a leitora AraSouLee 🎉🎉🎉

Menina você me surpreendeu com a história que me mandou, pois foi tudo o que eu não pensei em por aqui e sinceramente gostei muito. Além também de você me provar que está sempre acompanhando a Fic, obrigada e parabéns.

E para as outras leitoras Don't Worry, em um futuro próximo irie fazer mais coisas assim para agradecer a cada uma de vocês, agora...

Espero que gostem ( Principalmente você AreSouLee )

Capítulo 7 - 일곱


** Lara**

Já tem quase uma hora que estou aqui parada ouvindo Jae-Sang reclamar do Bangtan Boys e nada dele me contar o porquê de ter me chamado aqui. Ele fica o tempo todo andando de um lado para o outro -Não sei como não fez um buraco no chão ainda- eu já estava ficando tonta com isso.

  - ANDA LOGO JAE-SANG, DA PRA ME FALAR O QUE EU ESTOU FAZENDO AQUI!!.- Gritei com raiva. Ele logo calou a boca e me olhou sério, ele veio em minha direção e agarrou minha mandíbula - o que doeu pra caralho.

  - Grita comigo mais uma vez e você sofrerá as consequências.- ele disse próximo de mim e largou meu rosto.

  - O que você queria que eu fizesse? Você não cala a boca um instante, só fica aí reclamando daqueles moleques parecendo uma garota que não ganhou os sapatos caros que tanto queria de Natal.- ele apontou o dedo do meio pra mim e revirei os olhos.- O que aconteceu?

  - Aqueles imprestáveis roubaram todas as minhas "jóias".- ele socou a mesa que estava se apoiando.

  - Espera... As jóias? Aquelas jóias que eu me matei para roubar pra você?.- perguntei incrédula.

  - Sim.- ele disse ríspido e sorri com sarcasmo.

  - Eu não acredito, aquilo valia um dinheirão!!!!.- eu disse alterada.

  - Eu sei, estavam avaliadas em mais de cem bilhões de dólares.- ele disse tranquilamente.

  - E você vai deixar desse jeito!!?

  - É claro que não, por isso te chamei aqui.- ele suspirou.- Eu não posso simplesmente ataca los eles estão esperando por isso, preciso estuda los, conhecer eles, saber como eles agem e descobrir o ponto fraco deles.- ele disse entre dentes.- Para enfim acabar com eles.

  - E o onde eu entro nisso?

  - Quero que você se infiltre na vida deles e se faça de aliada.

  - O QUE!!??.- perguntei sem acreditar.- VOCÊ QUER QUE EU ENTRE NA VIDA DELES!!??

  - PARA DE GRITAR PORRA!!!.- ele pôs as mãos nos ouvidos.- Você é surda ou se faz?.- me encarou.

  - Eu não vou fazer isso e você sabe muito bem o porquê...

  - Pouco me importa se você já teve um caso com um desses moleques, você vai fazer isso de qualquer jeito.

  - Não!!

  - Quem te deu escolhas!!?.- ele sorriu sinico.

  - Jae-Sang por favor, eu faço qualquer coisa, mas não me manda para a casa deles, eu não posso voltar para lá de novo.- eu disse quase implorando.

  - Eu vou repetir mais uma vez.- ele disse se aproximando de mim.- Quem te deu escolhas?.- sorriu de lado. Suspirei revirando os olhos e me afastei dele ficando de costas para o mesmo.- Há qual é Lara? Você é a aliada que eu mais confio aqui.- sorri com sarcasmo.

  - Incrível como você acha que essa frase irá mudar algo.- me virei pra ele e o mesmo sorriu.

- Você é americana, americanos são espertos, e você só vai precisar seduzir o querido Namjoon.- ele dizia com ironia.- Eu sei que você vai faze um ótimo trabalho.- ele passou a mão no meu cabelo mas afastei a mesma e me retirei dali.

Entrei no meu carro e bati a porta com força e suspirei apertando forte o volante. Eu não acredito que ele está me obrigando a fazer isso. Quando fui embora daquele lugar foi pra esquecer tudo e todos e agora vou ter que voltar pra lá? E pra seduzir o Namjoon!? *Mereço* Jae-Sang já me deu várias Missões ousadas, mas essa já é a gota d'água.

Só uma pessoa poderia me acalmar agora e ela estava em casa me esperando.

(...)

  - Cheguei.- gritei assim que entrei em casa. E vi aqueles olhinhos puxados correndo em minha direção usando apenas uma lingerie preta. Nanny -apelido que dei para ela- pulou em meu colo, com uma mão segurei uma de suas coxas e pus a outra nas suas costas. Nanny me encheu de beijos no rosto e descendo para o pescoço e isso me deixou bem excitada, levei ela até o sofá e a deitei ali ficando por cima dela.

  - Senti tanto a sua falta.- ela disse rompendo nosso beijo.

  - Eu também.- passei a mão em seu cabelo Chanel naturalmente ruivo e a selei.- Eu estou precisando relaxar um pouco.- Eu disse com malícia e ela entendeu o recado, pois mordeu seu lábio inferior.
Nanny me pôs sentada no sofá e começou a tirar minha roupa e a distribuir beijos por todo meu corpo.

Conheci a Nanny enquanto ainda estava namorando com o... - Você não precisa saber quem é- Ela me mostrou uma realidade totalmente diferente da que eu vivia, eu nunca me vi namorando alguém do mesmo sexo que eu, mas ela me fez abrir os olhos e me sinto completamente apaixonada. 

Mas agora, quem eu estava evitando a quase um ano vai entrar novamente em minha vida, ou melhor, eu vou entrar novamente em sua vida e não faço ideia de como fazer isso. Mas tenho que agir como profissional, sei que ele vai me provocar, mas eu estou indo com um único objetivo: Consegui informações deles para entrega las a Jae-Sang, e nada irá me fazer perder o foco.

**Kate**

  - É sério!!?.- Lee Hi perguntou pela terceira vez desde que contei pra ela da minha noite com Namjoon.

  - Sim Lee Hi.- respondi revirando os olhos.

  - Desculpa, é que é inacreditável.

  - Não é não, Namjoon é um safado completo.- eu disse olhando para o lado tentado achar V, que está demorando para chegar.

  - Mas você gostou, ne?.- ri de lado sem olhar pra ela, não quero que fique óbvio.- Acha que pode rolar algo entre vocês depois disso?.- olhei pra ela como se fosse óbvio que nada aconteceria entre mim e Nam.- Foi uma pergunta idiota?.- revirei os olhos.

  - V chegou.- eu disse assim que vi Tae estacionar o carro e descer do mesmo acompanhado de... SUGA!!??

  - Yoongi você por aqui.- disse assim que nos aproximamos do carro. Ele revirou os olhos e sorriu de lado. Fiquei surpresa ao ver isso, ta que não é um sorriso de verdade, mas é a primeira vez que vejo isso desde que o conheci.

  - Qual é teu problema garota?.- ele perguntou me encarando e só agora percebi que não parava de olhar pra ele.

  - Nada.- olhei pro lado e vi Lee Hi e Tae se agarrando na frente do carro.- Da pra vocês dois pararem e irmos embora!!?.- eu disse alto o suficiente para eles me olharem sorrindo.- Vamos Yoongi.- eu disse abrindo a porta do carro, mas parei ao ver que suga olhava para um lugar específico do outro lado da rua.- Yoongi?.- me aproximei dele e olhei para o mesmo lugar, vendo uma garota morena de mãos dadas com outra que tinha os cabelos ruivos e curtos.- Ta tudo bem?.- ele olhou pra mim.

  - Sim.- ele disse seco.

  - Tem certeza?

  - SIM PORRA!!! DA PRA IRMOS EMBORA!!?.- ele disse gritando e entrou no carro batendo a porta com força. Lee Hi e V me encaravam sem entender o que havia acontecido aqui.

  - Qual o problema dele?.- perguntei e V deu de ombros entrando no carro em seguida, eu e Lee Hi nos olhamos por um tempo e logo entramos também.

Suga estava com a respiração pesada e com as mãos fechadas em punho. Não sei quem era aquela garota, mas fiquei curiosa para saber o que houve entre eles que o fez ficar tão estressado assim.

(...)

  - O que houve com ele?.- Jin me perguntou quando viu que Yoongi passou sem falar com ninguém e foi para uma sala onde eles praticavam tiro ao alvo.

  - Sei lá.- dei de ombros.- Quantas salas tem nesse galpão?

  - Seis.- ele disse olhando para o computador.

  - E o que tem nelas?

  - Por que não faz um tuor e olha?.- ele perguntou sorrindo.

  - Porque eu queria que você me fala se.- sentei na balcão que fica os computadores ao seu lado.

  - Um é o escritório do Namjoon, o outro sala de simulação de tiro, sala de interrogatório, das armas e alguns acessórios para assaltos.- "*que?*.- Banheiro e o outro tem alguns medicamentos para tratarmos dos ferimentos e nessa sala tem uma outra porta onde colocamos algumas drogas.- ele dizia tranquilamente.

  - Então são sete.

  - É Kate, são sete.

  - Por que só o Namjoon tem um escritório?

  - Porque é ele que manda aqui.- ele ainda olhava para o computador.

  - Por que?

  - Porque foi ele que começou com tudo isso que fazemos hoje.

  - O que vocês fazem?.- ele sorriu de lado e olhou pra mim.- Que?

  - Você é bem curiosa senhorita Katherine.- disse em um tom divertido.

  - Qual o problema?.- ele ficou ereto de um modo intimidador.

  - Por que eu contaria pra você as coisas que fazemos aqui?.- ele olhava em meus olhos.

  - Porque você citou assalto e drogas... e armas, então acho que me deve uma explicação.- ele cruzou os braços.

  - Sério?.- arqueou as sobrancelhas.- Tudo bem.- disse suspirando. Antes dele começar a falar algo, Namjoon se aproximou me chamando.

  - O que?.- perguntei pra ele que estava com um semblante sério.

  - Pode chamar o Yoongi pra mim?.- ele foi ao computador que Jin estava mexendo.

  - Por que eu ?

  - Porque Lee Hi e V não param de se agarrar, Jimin e Jungkook não estão aqui, e eu vou fazer uma coisa com o Jin.

  - Cade o J-Hope?.- ele apontou pra frente e J-Hope dormia roncando no sofá. Revirei os olhos e suspirei.- Se eu levar um tiro a culpa e sua.- desci do balcão.

  - Também gosto de você.- ouvi ele dizer e mostrei o dedo do meio pra ele.

Fui em direção a porta que Yoongi entrou a mimutos atrás e respirei fundo antes de abri la. Ali era enorme e havia um balcão grande com várias cabines com armas, à frente delas haviam vários alvos em forma de pessoas, eles indicavam que era para atirar no peito, mas Yoongi só acertava na cabeça. Ele estava usando um óculos transparente e fones gigantes para abafar o barulho dos tiros.

Me aproximei um pouco dele e o chamei, mas ele nem sequer olhou. O chamei mais três vezes e nada.

  - YOONGI!!.- gritei e no mesmo momento ele virou pra mim e apontou a arma pra minha cabeça. Fiquei imóvel, eu não sabia se ele seria capaz de atirar em mim, mas tentei não demonstrar que estava com medo dessa possibilidade -mas acho que foi em vão.

  - O que é!!!?.- ele perguntou alterado.

  - O Nam... O Nam..- eu não conseguia falar.

  - DESEMBUCHA PORRA!!.- ele gritou.

  - PARA DE APONTAR A PORRA DESSA ARMA PRA MIM QUE EU FALO!!.- disse da mesma forma. Ele logo abaixou a arma.

  - Fala.

  - O Nam quer falar com você.- eu disse rápido.

  - Só isso!?.- perguntou incrédulo e assente. Ele sorriu com sarcasmo e pois a arma em cima do balcão, ele retirou as coisas que estava usando e pegou seu casaco, quando passou por mim fez questão de esbarrar no meu ombro de propósito.

  - Aí.- eu disse baixo passando a mão no meu ombro. Olhei em volta e vi aquelas armas, de algum modo senti vontade de aprender a usa las, mas quem me ensinaria? Suspirei olhando para as mesmas e saí dali.

Avistei Jimin e Jungkook chegando no galpão, os dois estavam suados -o que achei bem estranho- mas ignorei.

  - Oi, o que aconteceu?.- os dois se entre olharam.

  - Nada.- Disse Jimin, resolvi não perguntar mais, não queria aumentar essa conversa.

  - Viram o Tae?

  - Não, nós acabamos de chegar.- Respondeu Jungkook.- Ta tudo bem?

  - Sim, eu só quero ir pra minha casa.

  - Eu te levo.- ouvi a voz de Namjoon atrás de mim.

  - Não precisa eu vou com o V.

  - Tem certeza? Nesse exato momento V está transando com a Lee Hi lá no banheiro, quer ir atrapalhar eles?.- ele arqueou uma das sobrancelhas, suspirei e comecei a ir em direção a porta.

Ouvi os passos de Namjoon atrás de mim e logo ele estava ao meu lado. Entramos no carro e ele deu partida no mesmo. De vez em quando na estrada Nam olhava para mim, mas eu evitava ao máximo trocar olhares com ele. Não sei se me sinto tranquila o suficiente para encarar aqueles olhos penetrantes.

(...)

Namjoon parou em frente a minha casa e antes que eu pudesse descer ele segurou meu braço e me puxou me beijando logo em seguida. Tentei me soltar, mas foi em vão ele era mais forte que eu.

Logo me vi cedendo a ele e me entregando ainda mais aquele beijo. Namjoon me pôs em seu colo e começou a alisar todo meu corpo. Ele retirou minha blusa e distribuiu beijos pelos meus seios.

  - Seu corpo é tão viciante.- ele apertou forte meus seios -o que me fez arfar.

Quando dei por mim, estavamos nus transando no banco de trás do carro, nunca havia tido uma oportunidade dessas e isso era muito gostoso. Nessas horas eu agradeci por ninguém conseguir ver nada do outro lado.

(...)

Cheguei em meu quarto me joguei na cama e fiquei encarando aquele teto Branco e sem graça. Eu não sabia o que estava rolando entre mim e Namjoon, mas confesso que isso era ótimo.

Me levantei e fui até a sacada para fechar as cortinas e lá estava ele, do mesmo modo que eu o vi pela primeira vez, escorado na janela, sem camisa, com óculos escuros e dessa vez um charuto na boca - o que o deixava mais sexy ainda.

Fiquei o olhando por um tempo e acabei mordendo meu lábio inferior observando aquela cena, Namjoon percebeu o jeito que eu estava pois sorriu de lado me encarando. Suspirei e resolvi fechar as cortinas.

Não sei até que ponto ele é perigoso, mas confesso que estou afim de enfrentar esse furacão chamando Kim Namjoon.


Notas Finais


Espero que tenham gostado 😊

( Sei que esse capítulo ficou chato, mas vai ficar melhor é que eu queria mostrar a personagem nova )


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...