História Maçãs, Livros e Vinhos - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Once Upon a Time
Personagens Capitão Killian "Gancho" Jones, Cora (Mills), David Nolan (Príncipe Encantado), Dr. Archie Hopper (Jiminy Cricket), Elsa, Emma Swan, Henry Mills, Mary Margaret Blanchard (Branca de Neve), Personagens Originais, Regina Mills (Rainha Malvada), Robin Hood, Ruby (Chapeuzinho Vermelho), Sr. Gold (Rumplestiltskin), Vovó (Granny), Zelena (Bruxa Má do Oeste)
Tags A Salvadora, Annabelle Tilman, Diane Gaidry, Emma, Emma Swan, Erin Kelly, Evil Queen, Lesbian, Lesbicas, Loving Annabelle, Old Young, Once Upon A Time, Rainha Do Mal, Regina, Regina Mills, Simone Bradley, Swanqueen, Swen
Exibições 226
Palavras 2.248
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Hentai, Luta, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


OIiiiiiiieeeeeeeeeeeeee
eu não morri!!!!!
Cá estou eu...
lá no final eu conto uma novidade...

Capítulo 7 - Sentimentos part.2


Fanfic / Fanfiction Maçãs, Livros e Vinhos - Capítulo 7 - Sentimentos part.2

# No Último capítulo

Emma agarrou Regina pelo braço e a fez mais próxima, com uma das mãos agarrou a morna pela nuca, unindo assim seus lábios em uma explosão de desejo, as duas atacavam uma os lábios da outra como duas panteras devorando um animal suculento. As mãos da loira percorriam toda a lateral do corpo de Regina, dando sempre uma atenção especial as coxas. A morena por sua vez tinha as mãos agarradas à jaqueta de Emma. Elas se beijavam como se uma fosse a salvação da outra. No instante em que o ar foi necessário, Regina se afastou e encarou Emma, viu uma preocupação no olhar da mesma.

- Emma? ... hey – colocou a mão no queixo dela - não era isso que queria ?

 

- Pelo contrario, é exatamente isso que eu quero, é você quem eu quero!- e se atacaram novamente, mas dessa vez não havia só desejo, e sim uma união de carinho e amor.

A historia das duas estava apenas começando, e não seria nada fácil! O amor não é fácil, e esse romance ainda teria muitos altos e baixos antes de ser realmente concreto...

Capitulo de hoje : Sentimentos part.2

 

Quando enfim terminaram o beijo, e se olharam novamente, Emma sorriu com vergonha e tentou arrumar o cabelo, e a morena tentava disfarçar o sorriso olhando para o outro lado arrumando suas roupas. (duas bobas sorrindo após um beijo de amor.)

-Regina...eu... bom...- disse a loira não querendo se afastar da mulher ao seu lado.

- Emma, eu tenho que entrar... prometi que voltaria hoje.- disse olhando pela janela sem encarar a loira que ainda sorria igual um bobo alegre.

- Claro.. é... então eu venho pro almoço, te buscar- apreensivamente falou.

- venha, estarei lhe esperando - e então a morena finalmente enfrentou o par de esmeraldas.- podemos ir almoçar em casa, na minha casa, eu sei cozinhar.- e deu um sorriso sincero.

- Seria maravilhoso, mas você já fez o café hoje! Não pode fazer tudo rsrs

- Então o que sugere senhorita Justa!? Rsrsrs

- Sugiro irmos em um restaurante! Porque eu não sei cozinhar!

- parece uma boa ideia, seria isso um encontro senhora swan?- disse fingindo estar intrigada, mas sentindo se feliz por dentro.

- Talvez... se fosse um encontro, você aceitaria?- virou o corpo para a morena e sorriu bobamente.

-bom... considerando que acabamos de nos beijar, aceitaria sim, principalmente se esse beijo se repetir...- disse erguendo uma sobrancelha.

- Eu venho as 11:30- Emma respondeu com vergonha.

- até...- Regina se despediu dando um selinho rápido nos lábios da loira, e a mesma não teve reação e apenas observou a morena sair do carro. Nenhuma das duas acreditava no que tinha acontecido, elas realmente haviam se beijado, e foi um beijo significativo.

Narração da personagem Regina.

Subo as escadas da entrada o mais rápido que posso, a beijei rapidamente e sai correndo, estou me sentindo uma adolescente, ao chegar à porta me virei para apenas ver o fusca amarelo saindo pelos portões de minha escola, pude perceber também Emma me olhando pelo retrovisor com aqueles olhos de esmeralda. Ah! Esses olhos... foram minha perdição desde que nos conhecemos.
É melhor eu ir para minha sala, por quê ainda estou aqui parada feito uma boba? Essa mulher surte vários efeitos em mim que antes eram desconhecidos, ou melhor dizendo... esquecidos.

Entro no elevador depois de cumprimentar a faxineira que me viu na entrada, meu humor está maravilhoso, aperto o botão para o ultimo andar, a porta se fecha, escuto a musica do elevador-  Flashback- digo em voz alta, meu estilo favorito, fecho meus olhos rapidamente, e me lembro da boca de Emma instantaneamente, será que ela vai me beijar novamente? Bom, espero que sim. Abro meus olhos, cheguei ao meu andar, realmente senti saudades do cheiro da minha escola, e passando pelo corredor vejo as fotos dos quadros que estão na parede, são a maioria de cavalos que tive, outras são apenas paisagens que me agradaram, mas mesmo assim o lugar parece triste e frio... Assim como minha vida, por mais que eu tente sempre parecer forte, não sou! – Bom dia Belle!- minha secretaria me olha assustada, e eu simplesmente solto um sorriso.

- oi!... bom dia senhorita Mills- ela diz ainda assustada.

- Parece que viu um fantasma!- digo fazendo cara de brava- achou que eu não voltaria? – digo erguendo uma sobrancelha, amo fazer essa cara de desafiadora.

- Eu achei que... achei que por já ter... é que você... digo... a senhorita sempre vem cedo! Achei que não iria vir....- ela diz se atrapalhando, meu Deus, que impressão eu passo! Kkkk

- Se enganou, cá estou!- digo apontando pra mim mesma- Tudo já esta em minha mesa Belle?- parada na minha porta antes de abrir falei parecendo séria.

- Bem, sim... estão algumas pastas com as notas do ultimo simulado, alguns planos de estudo que a senhorita tem que autorizar, e também alguns projetos.- ela diz rápido, quase não entendo.- mas eu não peguei seu café - senti  medo na voz da garota, acho que sou realmente assustadora, isso é maravilhoso.

- Não precisa do café, já tomei em casa, e hoje não precisa trazer meu almoço, tenho compromisso já... vou fazer minhas coisas- entro em minha sala sem deixar ela responder e fecho a porta- Finalmente minha sala – sinto o cheiro de madeira do meu escritório, é tão bom estar de volta, sento em minha cadeira e começo a mexer nos papeis, mas meus pensamentos voltam a Emma, tenho que me concentrar- Faça suas coisas Regina!- digo para mim em voz alta.

Narração da personagem off

 

Regina tinha muito trabalho pra fazer, afastou Emma dos pensamentos e voltou ao trabalho, como ficou alguns dias fora, eles se acumularam aos montes. Ela avaliou as notas das escolas, as listas de alunos, viu algumas ideias de uma professora para um novo método, a professora em questão era a de teatro, ela queria usar algumas salas dos primeiros anos para encenarem uma peça, Regina prontamente autorizou pois seu menino favorito estava no primeiro ano escolar, e essa escolha de autorização ainda iria lhe trazer muita coisa boa. Ela autorizou também alguns projetos para os terceiros anos. E assim continuou seu trabalho esperando ansiosamente pelo almoço... Mas, e a nossa loira, oque fez nessa manhã?

Uma hora atrás

Depois que a morena beijou Emma, mesmo sendo um beijo rápido, o coração da mesma acelerou, e quando ela viu sua Mills indo para dentro da escola, não pensou duas vezes e funcionou o carro, assim saindo da escola, passou devagar pelo portão e olhou pelo retrovisor, soltou um sorrido de orelha a orelha ao ver a Mills. Emma foi trabalhar, chegou sem ser vista e foi direto para sua sala, tinha uma coisa em mente, descobrir mais sobre Regina. Então foi direto para o computador, entrar na amada e clamada internet. Tentou pesquisar o nome dela em sites de redes sociais, e nada, pesquisou no sistema, achou apenas sobre o ataque que sofreu e a morte da amiga da morena, então jogou o nome no google e achou apenas coisas da escola, uma matéria dizendo que antes ela era professora de literatura, também deu aulas de inglês, e há alguns anos, depois da morte de sua mãe, virou diretora da escola.

A loira já estava sem esperanças quando teve a brilhante ideia de procurar o nome da amiga de Regina, Alex!
£ Por quê não pensei nisso antes? ~ Falou alto.

Dito e feito, achou oque precisava, o facebook de Alex, e foi direto ao álbum, onde achou algumas fotos de Regina, eram fotos antigas algumas elas estavam em baladas, outras no campo, e enfim achou uma que ela salvou no instante que viu, era uma Regina bem nova segurando um bolo de aniversario, ela tinha um sorriso sincero e estava de pijama, estava datada 30/12/2013 e tinha a seguinte legenda:

 “Tenho quase certeza que você vai me matar quando ficar sabendo dessa foto, tomara que uma de suas namoradinhas te mostre, mas olha Feliz aniversario minha bruxaaa!!! Essa foto é antiga, para ser mais exata é de 1996!! Do seu aniversario de 19 anos! Eu te amo minha amiga irmã, que você tenha mais e mais anos de vida!”

Agora ela sabia a data exata do nascimento, quando há algumas semanas seu filho recebeu a carta, ela perguntou para sua mãe e pai sobre Regina, descobriu somente as coisas atuais, sobre sua personalidade, mas agora era diferente, ela tinha novas coisas. Parou de pesquisar e resolveu ir ajudar seu pai.

- Oi pai, bom dia!- e entrou na sala.

- ... oi filha! ... senta , você está bem?- ele olhou para o rosto da filha, ela estava visivelmente feliz- E como a senhorita Mills está? cuidou bem dela ?- nesse momento Emma quase riu ao lembrar da noite anterior.

- err claro pai, estou bem e... ela está bem também!- disfarçou a risada.

- você não precisava estar aqui, tem que descansar e cuidar da Mills! Já passou por sua cabeça que ele pode ir atrás dela?

- Pai, aquela escola é mais protegida que... que aqui! A casa dela não, mas lá sim!

- Tudo bem, não tá mais aqui quem falou... filha, me diz uma coisa... a Mills, é tão terrível quanto falam?- nesse momento a única coisa que a loira lembrava era da morena esta manhã, do sorriso dela contando sobre seus cavalos.

- não...- disse sorrindo com a lembrança e seu pai percebendo cada expressão-  ela não é o mostro que falam, ela é sensível e está muito abalada ainda com a morte da amiga dela.

-... bom... que bom!-  disse ele desconfiando de algo, sem saber oque é (kkk)

- Oque temos do Robin? Ele apareceu?- disse ela e deu uma batida na mesa para realmente mudar de assunto.

- ele tem cuidado de varias coisas, temos uns contatos com os agentes da narcóticos, e com os infiltrados no trafico também... eles viram o Robin comprando uma submetralhadora, e pegando passaportes falsos...- David disse e entregou as pastas de relatórios.

- PassaporteS?- ela enfatizou o S - Se ele pegou mais de um passaporte falso fica difícil... mas nós vamos pegar ele! Se ele acha que matou varias pessoas e vai sair ileso está muito enganado! Já provamos que foi ele, temos provas físicas e testemunho da vitima... ele vai pagar pelo que fez! O caso já está resolvido, falta pegar o desgraçado...

- Vamos pegar ele, não se preocupe Emma...hum... que tal nos distrairmos um pouco heim? Vamos praticar tiros?- disse o pai da loira vendo o nervosismo extremo da filha.

- Vamos pai, e também tenho uma coisa pra te falar... – disse levantando e David a acompanhou para a sala de treinamento – por que o amor tem que ser difícil?- a loira disse já arrumando as luvas de tiro.

- ele ... o amor, não é difícil, nem machuca, mas as pessoas sim... por qwe diz isso?- disse passando pra sua filha uma pistola.

- Acho que o Killian... acho que ele está me traindo.... – disse e deu o primeiro tiro-  mas não sei... acho que é coisa da minha cabeça... só, é que... ele está diferente, eu conheci ele quando ainda era nova, sou relativamente nova ainda....- deu vários tiros seguidos e David apenas observava sua filha- tem como gostar de duas pessoas ao mesmo tempo?- ela não disse isso apenas em um sentindo, e sim dela estar gostando de Regina também.

- filha... isso é complicado- ele realmente não sabia oque dizer, os dois ficaram em silencio e praticaram tiros por algumas horas. Emma percebeu o horário.

- Pai, eu tenho que ir – tirou as luvas, os óculos e os fones de proteção- disse que iria levar almoço pra R... senhorita Mills- ela deu um abraço em seu pai e foi para o estacionamento pegar seu fusca.

Dirigiu pensando em Regina. Chegou na escola e subiu atrás da atual dona de seus pensamentos. Pegou o elevador, ouviu um flashback de fundo, um de seus estilos musicais favoritos. Chegou ao corredor, cheio de quadros.

- oi Belle, a Regina... a senhorita Mills , sera que posso entrar na sala dela?

- Ah, claro... vou avisar- ela levantou e bateu na porta, Mills soltou um “pode entrar” -  a senhora Swan está aqui...- e Belle voltou para a mesa dela.

- Oi Regina...- disse Emma entrando – está pronta para o almoço? – e parou no meio da sala da morena.

- Sim... vamos? Estou F A M I N T A !- ela disse isso no duplo sentido e Emma arrepiou.

-...claro, claro... também estou com... FOME... rsrsrs- as duas se dirigiram sorridentes pelo corredor até o elevador, e quando entraram Regina partiu para o ataque e beijou Emma novamente, que respondeu ao beijo colocando as mãos na cintura da morena. Depois do beijo, entraram em silencio no carro e até chegarem ao restaurante ficaram sorrindo como bobas. Emma desceu do carro e deu a volto para abrir a porta do carro.

- Hum... gostei disso!- Regina falou – acho que posso me acostumar.

- Tomara...- as duas entraram no restaurante, e posso afirmar, foi um almoço maravilhoso, não teve provocações, e sim fofuras e gentilezas. Emma deixou Regina novamente na escola, e quando foi se despedir já dentro da sala da Mills...

- Você poderia ficar aqui? Me sinto segura com você...

- Faço oque você quiser... sempre!


Notas Finais


Ebaa
esse capitulo foi escrito as 04:38 da manhã, mas só consegui postar agora!!
e tenho uma boa noticia!!! Vou conseguir postar um capitulo por semana pois já tenho o roteiro de acontecimentos da Fanfic!!!!!
vocês vão sofrer um pouco kkkkk desculpa!
amo todosssss vocês!!!!!
comentem se assim quiserem!!
bjssssss
até essa semana ainda!!
e sim... Regina é capricorniana!!
E eu também!!! Muahahahaha Usei minha data de nascimento kkkkk
e olha... recomendo uma fanfic nesse momento, três na verdade, a primeira "Canções de Apartamento" essa me seduziu para escrever minha fanfic! e essa outra " Jogo da perdição " e também " So far away, but still so near" amooooooooooooooo!!!!!
agora sim... Bjsssss
as coisas cap que vem vão começar a esquentar!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...