História Madrugada Muito Louca 3 - Capítulo 7


Escrita por: ~

Exibições 47
Palavras 8.018
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Dá uma lida aqui que é importante pra entender o capítulo.
O que mais gosto nessa fic e em "Um dia qualquer" é que posso mudar o formato delas quando quiser e pegar quem lê de surpresa, ou colocar alguma ideia na minha cabeça sem a necessidade de criar outra fic. Foi o que fiz nesse capítulo.

Double feature era um tipo de sessão de cinema usado antigamente pelos cinemas de rua pra atrair mais gente. Era basicamente "2 filmes pelo preço de 1". Você pagava o ingresso de 1 filme e tinha o direito de ver 2 filmes. Eu infelizmente não peguei essa época, mas meu pai diz que tinha matinês que ficavam a tarde inteira passando os filmes. Bom, as sessões que mais faziam sucesso eram as chamadas "sessões da meia noite", que passavam dois filmes de terror. Eu tentei fazer isso nesse capítulo, então ele tá um pouco diferente. O primeiro me baseei no Rocky Horror Picture Show, um dos meus filmes preferidos e o segundo na continuação, Shock Treatment. A fic tem duas partes e um pouco de terror, tipo aqueles filmes-b que misturavam comédia e terror. É meu capítulo preferido. Espero que curtam.

Capítulo 7 - Capítulo Especial: Double Feature


TOP – A GENTE PRECISA LEVAR O FREDERICO PRO HOSPITAL!

Kihyun – Sim!

Kai – Vamos pro hospital!

GD – Não sejam idiotas, hospitais não cuidam de frangos. Cuidam de gente.

Tao – E como naquela madrugada cuidaram de mim e do Seungri?

Seungri – QUEM VOCÊ PENSA QUE É PRA ME CHAMAR DE ANIMAL?

Tao – EU ESTOU DIZENDO QUE SOMOS PANDAS!
Seungri – EU SEI QUE VOCÊ ME CHAMOU DE ANIMAL, VOCÊ TÁ ME DIFAMANDO!

Tao – SE EU TE DIFAMEI EU DIFAMEI EU MESMO TAMBÉM!

Seungri – OLHA AÍ, TÁ TODO MUNDO AQUI DE PROVA, NÉ? ESSE PANDA GORDO É LOUCO QUE SE AUTO DIFAMA!

Tao – GORDO É SEU LÍDER!
GD – OPA, TÁ INSINUANDO O QUE, QUERIDINHO?

Tao – AAAAH, DESCULPA, EU NÃO QUIS OFENDER VOCÊ! Foi figurativo.

GD – Gente, mas é um dissimulado esse garoto.

TOP – CALEM A BOCA OS DOIS! O FREDERICO PRECISA DE TRATAMENTO!

Mir – Deixa eu ver esse frango. Entra no carro.

TOP entrou e fechou a porta entregando o frango pro Mir.

Mir – Hum... Hum...

TOP – Ele tá bem?

Mir – COCÓ!

Todos – ...

Frederico – Có?

TOP – FREDERICO!

Mir – Có có có?

Frederico – Có.

Mir – Có có. Có có có có.

Frederico – COCORICÓ!

Jay – É impressão minha ou o Mir tá conversando com o frango?

V – Querido, o Suga tava conversando com o Jedi na festa junina.

Suga – O Jedi é diferente, né Jedi? – Olhando o bode que olhava enciumado pro Frederico.

Mir – Gente, o Frederico disse que invadiram o apartamento docês.

GD – COMO ASSIM?

Taeyang – AI MEU DEUS, E SE SEQUESTRARAM O HOMIE DE NOVO?

TOP – A gente troca pelo Seungri. Fica calmo.

Taeyang – Que tipo de pessoa ia querer isso aí?

Tao – Concordo.

Seungri – Não ouse concordar.

Mir – Acarma, gente. O Frederico disse que num roubaram nada. Eles só entraram pra brincar com o GaHo.

CL – Que tipo de pessoa ia querer brincar com aquele bicho enrugado?

GD – Pode ser enrugado, mas é mais limpo que esse bacalhau no meio das suas pernas. E num me olha com essa cara que num sou essas bichas pra ter medo de você.

Joon – Não precisa ofender...

GD – Me ofende você não querer me comer.

Joon – Que?

GD – Nada.

Eles ouviram uma batida no vidro.

Key – AAAAAAAAAAAAAH, A ABELHA VOLTOU!

G.O pisou fundo.

 

Jessica – Lugarzinho vagabundo que eles moram...

JoKwon – Né? Nem porteiro tem...

Eles ouviram um mugido.

Todos – ...

Hyun Seung – Isso foi...

Jessica – A VACA TÁ POR AQUI!

Velha – VAI GRITAR NO CORREDOR DA PUTA QUE TE PARIU, VAGABUNDA! – Jogando uma frigideira na cabeça da Jessica.

JoKwon – Ai, desculpa, dona. Nossa amiga é deficiente. Pode dizer onde é o apartamento do MBLAQ?

Velha – Ali no fim do corredor. E SENHORA É SUA MÃE! EU TENHO 23 ANOS!

JoKwon – CRUZES!

Eles foram até a porta.

Hyun Seung – Acho que dá pra arrombar... – Olhando a porta de madeira podre.

 

V – Ui! – Dando um pulinho do banco.

Chanyeol – Que foi?

V – Alguém disse a palavra arrombar.

Jay – Ninguém disse nada aqui.

V – Aqui não, mas em algum lugar do mundo.

 

Hyun Seung deu um chute na porta.

Hyun Seung – ISSO, ARROMBEI!
 

V – UI! – Dando outro pulinho.

Jinhwan – Gente estranha...

Rap Monster – Estranho é esse silêncio do Jimin.

Taeyang – Ele tá dormindo, deixa ele.

Suga – Ele ainda não me disse onde escondeu o Popó.

Babylon – Key, queria te dar esse coelho que achei debaixo do banco como pedido de desculpas.

Key – Ai, baby... Que lin...

Suga – AAAAAAAAAAAAAAAAAAH, VOCÊ ROUBOU O POPÓ! – Pulando em cima do Babylon.

Key – AI, VOCÊ BATEU O PÉ NA MINHA CARA, SUGA!

Babylon – O QUE PENSA QUE TÁ FAZENDO?

Suga – DEVOLVE O POPÓ, DEVOLVE O POPÓ! – Tentando arranhar a cara do Babylon.

TOP – PARA DE SE DEBATER, TÁ DEIXANDO O FREDERICO ASSUSTADO!

Taeyang – Foda-se o frango.

TOP – O QUE VOCÊ DISSE? – Olhando feio pra ele.

Frederico – CÓ CÓ? – Olhando feio pro Taeyang também.

Taeyang – EU DISSE FODA-SE O FRANGO!

TOP – AH, MAS NINGUÉM FALA ASSIM DO FRED, VEM CÁ PRA VOCÊ VER O QUE É BOM!

Taeyang – VOU MESMO! SEGURA O JIMIN AQUI, KAI! – Jogando o Jimin no colo do Kai.

Kai – AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH, EU NUM VOU SEGURAR ISSO! – Jogando pro Kihyun.

Kihyun – AAAAAAAAAAAAAH, TIRA ESSE MORTO DE CIMA DE MIM! – Jogando o Jimin no chão.

Todos – ...

Rap Monster – Como assim morto?

Kihyun – Err, digo digo, morto é jeito de dizer, né hehe... Ele tá num sono tão profundo...

Rap Monster – Deixa eu ver o Jimin... – Ele foi jogado pra trás quando o carro saiu da estrada e começou a descer um barranco.

CL – MAS O QUE TÁ ACONTECENDO, NÃO SE PODE MAIS DORMIR?

Zico – Eu canto pra você dormir antes da gente morrer, meu amor. Nana neném...

Suho – CALABOCA, ZICO, NENHUMA PESSOA NORMAL VAI DORMIR. A GENTE VAI MORRER!

G.O – AAAAAAAH, DESCULPEM, EU DORMI NO VOLANTE!

O carro bateu com tudo em uma árvore.

Todos – AAAAAAAAAAAH!!! – Eles foram jogados pra frente e ficaram todos amontoados.

B.I – Ai... Tá todo mundo bem?

G.O – MI TCHIREM DAXIIIIIIII!!! – Com a cara no airbag.

Dara – Ai... A gente morreu?

Seungri beliscou a bunda do Tao.

Tao – AI!

Seungri – Não. Estamos vivos.

Suho – Menos ele. – Apontando pro Kris.

Kris – É... – Se beliscando e se sentindo frustrado por não sentir nada.

Kai, Taeyang e Kihyun se entreolharam e olharam pro Jimin jogado no chão. Rap Monster tinha batido a cabeça no banco e estava desmaiado.

CL – Espera... Bobby, sorria.

Boby sorriu.

Bobby – Meu dente quebrou?

CL – Gente, olha isso!

Todos foram olhar os dentes do Bobby.

GD – Tem uma luz refletindo. Os dentes dele tão espelhando uma luz... Ali. – Apontando um castelo onde saía uma luz de uma das janelas.

TOP – Podemos ir lá pedir ajuda!

Jay – Vamos todos. Nunca viram filmes de terror?

Suho – De jeito nenhum. Alguém tem que ficar aqui tomando conta do carro e dos desmaiados.

GD – Ai, os negões ficam.

Guk – Gente, acho que dá pra consertar o carro. Só vamos precisar de umas peças e faço o serviço em 20 minutos.

Minho – Vamos no castelo. A cabeça do Taemin tá sangrando.

Taemin – Eu tô bem. Foi só um corte.

CL – Ok, os negões ficam aqui pra não roubar nada lá dentro e nós vamos no castelo.

 

Jessica – Eu ouço mugidos, mas não acho a vaca.

Eles abriram a escada de emergência onde tinha uma vaca com três bezerros mamando.

Hyun Seung – Isso não é bestialidade com animais?

Jessica – Como a gente vai tirar essa vaca daqui?

JoKwon – Bom, o Shindong mandou levar a vaca, então... Hyun Seung, dá um jeito.

Hyun Seung – Eu?

Jessica – É, carrega a vaca, empurra, sei lá.

Hyun Seung olhou a vaca que mastigava capim.

 

Todos olhavam a porta de madeira do castelo. As portas e janelas eram pintados de rosa e as pedras eram completamente negras.

Jay – Tem alguém olhando a gente na janela iluminada.

CL bateu na porta que abriu sozinha.

GD – Isso tá parecendo o Rocky Horror...

Zico – Só falta o mordomo e o povo chegando de moto.

Seungri – Ah, eu sempre quis fazer o Time Warp.

Eles entraram. Vários móveis eram rosa contrastando com as paredes negras do castelo. A iluminação era de velas, o que deixava o ambiente cheio de sombras.

CL – Ô DE CASA!

Jisoo – Hey! – Aparecendo do nada em uma porta.

Seungri – Uh, muié! Oi, linda!

GD – Eu não te conheço de algum lugar?

Jisoo – Somos da mesma agência.

CL – Sério? Nunca te vi por lá.

Jisoo – Mas somos. O que fazem em nossa humilde residência?

Minzy – Nossa?

Jisoo – Sim, eu moro com minhas companheiras, assim como vocês em um apartamentozinho qualquer.

CL – O QUE QUER DIZER COM ISSO?

B.I – Eu conheço esse lugar...

Jisoo – Venham comigo. Vejo que o garotinho precisa de cuidados.

Taemin – É só um arranhão.

Jisoo – Que pode infeccionar. Então o tecido da sua cabeça vai infeccionar, encher de vermes que vão perfurar o crânio e comer seu cérebro lentamente enquanto você agoniza de dor.

Todos – ...

Jisoo – Venha. Fiquem a vontade pra explorar o castelo.

Guk – Na verdade, você não pode arranjar umas peças pra gente?

Jisoo – Isso é com a minha líder. – Puxando o Taemin pra escuridão.

Guk – E onde tá... Sua... – Olhando ela sumir – Líder?

Rose – Ai meu deus, são os bangs!

Seungri – Oi, linda! – Encostando na parede do lado dela – Sim, sou um bang. Se quiser meu número de telefone nós podemos marcar de sair e fazer alguma coisinha...

Rose – Que tipo de coisinha?

Seungri – Bom... – Olhando ela de baixo pra cima com um sorriso maldoso – Eu pretendo fazer coisas bem ruins...

Rose – Humm, por que não traz seus amigos pra eu mostrar meu quarto e meus perfumes?

GD – Dispenso.

Rose – Por favor... Se quiser até empresto um dos meus perfumes!

GD – Aí a coisa muda de figura.

V – Ai, eu vou com vocês. Adoro perfume de graça!

Key – Bichas pobres. – Olhando um vaso rosa que refletia o rosto dele. Uma cara demoníaca apareceu.

Babylon – Tá tudo bem?

Key – Eu quero sair desse lugar. Me senti mais seguro com a Jessica cantando Barbie Girl.

Jisoo – Oi gente, voltei. O Taemin tá se sentindo tão sozinho... Posso levar o Kook?

Suga – Por que quer o maknae?

Jisoo – Ai, eu amo crianças. E é bom pra fazer companhia pro maknae deles.

Onew – Moça, desculpe, mas quero meu maknae de volta.

Jisoo – Só estou cuidando dos arranhões pra não infeccionar.

Onew – Se infeccionar não faz diferença. O Taemin nunca teve muito cérebro.

Minho – EI! Não fala assim dele.

Jisoo – Ele pode trazer o Zelo.

Zelo se escondeu atrás do Guk.

Jisoo – Não quer vir? Ah, que pena. Eu fiz biscoitos de chocolate.

Zelo – To indo. Vem, Kook.

Jisoo – Sehun, não quer vir também? E Mir?

Todos os maknaes foram, menos Minzy.

Zico – Peraí, tem comida? Eu quero ir também...

CL – QUIETO! MINHA FILHA, CADÊ SUA... EI, NUM SOME NÃO! – Vendo ela sumir nas sombras. CL foi até a porta que dava pra uma escada de madeira.

CL – Alguém sobe comigo.

Zico e B.I – EU!

Onew – Eu também vou. Quero meu maknae. Ninguém tira o Taemin de mim assim.

Suho – Tem algo errado nesse lugar...

Bom – Também percebi isso. E não cheira bem.

Chanyeol – Ah, desculpem.

Todos olharam pra ele.

Chanyeol – Falei pra não pedir calabresa ontem.

 

Rap Monster – Ai, onde eu to?

Kai – Agora.

Kihyun bateu com uma lanterna na cabeça dele que voltou a desmaiar.

Taeyang – Que tédio. A gente devia ter deixado o povo do porta-malas cuidando do carro.

Kihyun – Foi bom, assim a gente tem tempo de pensar no que fazer antes que o Rap Monster acorde e eles voltem.

Kai – E se a gente jogar o Jimin em qualquer lugar e falar que ele saiu pra passear e se perdeu?

Taeyang – Acho que a gente devia contar a verdade...

Kihyun – NÃO! O Shownu me mataria.

Kai – O que ele pode fazer de tão ruim?

Kihyun – Me fazer cantar num show... Nu...

Todos – ...

Taeyang – Merda! O GD levou meu celular. Vou no castelo ver se acho eles e já volto, ok?

Kai – Eu vou com você. Já cansei de ficar olhando pro mato.

Kihyun – Ah, eu num vou ficar sozinho aqui.

Taeyang – E quem vai cuidar deles?

Kihyun – Jedi e Frederico, podemos contar com vocês?

O bode e o frango fizeram sinal de continência pra eles e Jedi empurrou Frederico pro lado.

Kihyun – Excelente, homens! Digo, frango... E bode... AVANTE, HOMENS!

Kai – Menos...

 

Tao andava pelos corredores do castelo procurando os maknaes.

Tao – Oieee, eu sou maknae também. Eu num ganho biscoito?

Uma mão puxou ele pra dentro de uma sala.

Tao – AAAAAAAAAAH, SOCORRO, ESTUPRADOR, TARADO, ZOOFILO!

Seungri – Xiu, sou eu!

Tao – Hã? O QUE VOCÊ QUER?

Seungri – Aquela Rose é doida, cara.

Tao – Que? Por quê?

Seungri – Ela fez eles cheirarem os perfumes dela. E eles ficaram parecendo hipnotizados. Até o GD. Quando eu vi aquilo eu fugi fingindo que tava com diarreia.

Tao – Que covarde. Você tem medo de cheirar perfumes femininos?

Seungri – Eles estavam sob algum tipo de feitiço. Eu juro.

Rose abriu a porta.

Rose – Seungri, achei você! E parece que tem um amiguinho...

 

Kai – Olááááá, alguém em casa? – Abrindo a porta.

Uma flor em um vaso do lado dele desabrochou.

Kihyun – Uia, as flores gostam do Kai.

Começaram a sair flores das paredes. Logo o ambiente estava totalmente tomado por flores.

Taeyang – O que tá acontecendo?

TOP – Quem vocês pensam que são pra invadir o castelo das minhas princesas?

Kai – Ah, TOP, onde estão os outros.

TOP tirou uma seringa do bolso e esguichou uma gosma branca neles.

Kihyun – O que é isso? – Vendo a consistência – AH, É BOM QUE NÃO SEJA O QUE EU TO PENSANDO, SEU TARADO! Ei... Não consigo me mover!

TOP – Agora sofram com o poder das flores. – Chegando cada vez mais perto deles. As flores começaram a liberar um perfume e eles começaram a ficar com sono.

 

Sehun e os maknaes comiam felizes os doces que Jisoo tinha feito.

Jisoo – Está gostoso?

Kook – Tem mais leite com Toddy?

Jisoo – Claro, querido. – Passando um bule pra ele – Cuidado pra não se queimar. Tá quente.

Taemin – Você não vai comer também?

Jisoo – Eu prefiro cookies com um acompanhamento especial.

Mir – Os cookies tão bons. Ocê gosta com o que? Lá na minha terra nóis molhava no leite.

Jisoo – Não gosto de cookies. Gosto de Kook.

Kook – Não entendi.

Jisoo – KOOK COM MAKNAES! – Puxando uma alavanca e toda a sala começou a pegar fogo – Continuem comendo pra engordar. Quero todos bem gordinhos e macios – Fechando a porta.

Sehun – AAAAAAAAAH, TIRA A GENTE DAQUI!
Kook – BUAAAAAAAAAA, EU NUM QUERO MORRER ASSADO!

 

Kai acordou amarrado em uma cama.

Kai – Onde eu to?

Rose – Boa noite. – Fazendo carinho no Tao e Seungri que ronronavam no colo dela

Kai – QUEM É VOCÊ?

Rose – Eu sou a Rose. Você é o Kai, né?

Kai – SOCORRO, ME TIREM DAQUI!

Rose – Não adianta gritar. Mas eu vou ser legal. Desamarre ele, Taeyang.

Taeyang começou a desamarrar o Kai. Ele usava um colete e um chapéu de cowboy.

Kai – Taeyang? O que ela fez com você?

Tae olhava pro nada com as pupilas apagadas.

Rose – Basta uma borrifada do meu perfume e todos os homens me obedecem. Mostrando GD e Daesung atrás dela – Já assistiu Bae Bae do Big Bang?

Kai – Não. Minha agência num deixa. Eles vêm o histórico. Uma vez o Chanyeol tava vendo pornô de ET com anão, num me pergunte por que. Ele gosta dessas coisas. Daí o manager abriu o histórico e...

Rose – ENFIM! Eu fiz o Seungri e Tao virarem meus bichinhos de estimação e os bangs são meus cavaleiros. TOP controlas as flores, GD as luzes, Taeyang pode fazer ilusões terríveis na sua mente, Daesung controla e água e meu pequeno V tem o poder do Seungri de usar uma mão pra pegar quem quiser.

Kai – Pô, legal. Me dá um poder também?

Rose – Mas é claro. Você será meu escravo. Pra sempre. MUAHAHAHAHAHAHAHA! – GD bateu com um candelabro na cabeça dela.

Kai – GD?

GD – Desamarra seu amigo. Rápido. Temos que sair daqui. Ajuda ele, V.

Kai – Como não foram hipnotizados?

V – Perfume de macho me hipnotiza, queridinho.

GD – Né, ai, cada perfume barato que essa puta usa....

 

CL – Droga, estou perdida!

Zico – Também.

B.I – É...

Onew – Gente, escutem. Parece alguém cantarolando.

Eles seguiram o som da voz da pessoa. Entraram em uma sala onde uma meninas de cabelos pretos cantava delicadamente uma música.

CL – Licença, você sabe onde está a dona da casa?

B.I – Ei, eu te conheço... AAAAAAAAAH, SABIA QUE CONHECIA ESSE LUGAR! JENNIE KIM!

Jennie – Oi, Hanbin.

Zico – Quem?

B.I – LÍDER DAS BLACK PINK! ELA É HERDEIRA DESSE CASTELO. A VÓ DELA VEM DE UM CLÃ DE BRUXAS DO MAL!

Jennie – Que bom que ainda lembra de mim. Lembra quando eu te bulinava?

B.I – ELA É FEMINAZI!

CL – EI, ISSO ME OFENDE!

B.I – Você é feminista. É diferente. Ela é feminazi. Ela odeia TODOS os homens.

CL – TU É LOUCA MINHA FILHA? COMO IA SER O MUNDO SEM PINTO?

Jennie – Muito melhor. E é por isso que eu vou destruir TODAS que mancham o nome do feminismo como você.

CL – Eu num mancho nada. Tu olha como fala comigo minha filha.

A sala sumiu e eles ficaram flutuando em um ambiente psicodélico, parecido com aquelas capas de discos da década de 70 com um verde meio musgo. Jennie começou a flutuar.

 

Lisa – VOLTEM EU QUERO JÓIAS!

Dara – O QUE A GENTE FAZ?

Bom –NÃO SEI, MAS CORRE QUE OLHA O QUE ELA FEZ COM A MINZY! – Segurando um colar de diamante.

Elas trombaram com Jay e Thunder.

Thunder – Ai... O que foi?

Dara – O MAJIN BOO TÁ ATRÁS DA GENTE!

Jay – Dara, o Majin Boo não existe.

Dara – EXISTE SIM, MAS AO INVÉS DE TRANSFORMAR PESSOAS EM COMIDA ELE TRANSFORMA EM JÓIAS!

Bom – É VERDADE, EU VI ELE TRANSFORMAR A MINZY NESSE COLAR!

Thunder – UH, DÁ PRA VENDER! – Pegando o colar da mão dela.

Bom – É A MINZY! AAAAAAAH, É ELA!

Lisa – ACHEI VOCÊS! – Flutuando na direção deles.

Dara – CORRAAAAAAAAAAAAM!!!

Lisa – ESPEREM, EU SÓ QUERO CONVERSAR!

 

Rose – Ai... O que? ELES FUGIRAM! SEUNGRI, TAO, PEGA!

GD, Kai e Kihyun corriam que nem loucos pelos corredores do castelo.

Kai – Esperem, essa parede tá deslocada! Entrem!

Eles entraram e fecharam a parede que na verdade era uma porta.

Kihyun – Que cheiro horrível é esse?

Kai – MEU DEUS!

V – AI QUE NOJO!

Eles estavam em uma gigantesca sala de controle, com computadores, maquetes do sistema solar e gosmas verdes penduradas no teto onde estavam presas as meninas do Black Pink.

 

CL – VOCÊ NÃO PODE PRENDER A GENTE AQUI PRA SEMPRE!

Jennie – É claro que posso. Vocês ficarão presos pra sempre no meu calabouço psicodélico.

CL – DÁ MAIS UM TÊNIS, ZICO!

Zico – Mas você já jogou os 2 nela.

Jennie – Vocês podem me ver, mas estou mais longe do que pensam.

Onew – Essas paredes mudando de cor toda hora tão me dando vontade de vomitar...

Zico – Pior é olhar pra baixo e ver que não tem chão e mesmo assim estamos pisando em algo.

Jennie cruzou as pernas enquanto flutuava.

CL – Espera... ISSO AÍ É HOMEM!

A sala voltou a ficar normal e eles caíram de uma altura enorme no chão.

Zico – Ai... Podia ter avisado a gente...

Jennie – O que você disse?

CL – Você fez cirurgia plástica. Esses lábios são grandes demais pra uma mulher.

Onew – O que ela tá falando? Se ela soubesse o que tem de boatos sobre ela ser homem...

CL – CUMÉQUIÉ?

Onew – AAAAAH, NADA! – Se protegendo com as mãos.

CL – Tira a calcinha.

Jennie – NÃO!

CL – TIRA ESSA CALCINHA LOGO, VAGABUNDA! DEIXA EU VER ESSA XERECA!

B.I – Snif... Perdemos, amigo.

Zico – Os boatos estavam certos...

B.I – Nossa deusa gosta de couro...

Os dois se abraçaram chorando.

 

Mir deu um chute na porta.

Mir – ARROMBEI!

 

V – UI! – Dando um pulinho.

Kai – Que foi?

V – Alguém falou arrombaram.

GD – Qual a sensação?

V – Parece que tá entrando algo na minha bunda. É gostoso. Não me olhem assim. O médico não sabe o que é.

Kihyun – Pronto moça. – Cortando a gosma com um canivete.

Lisa – Ai, não sei como agradecer.

Kihyun – Depois quando estivermos a sós te falo como.

GD – Estão todas bem?

Jennie – Não. Uns alienígenas atacaram a gente no nosso debut e tomaram nosso lugar.

Kai – Que do mal...

GD – Venham. Precisamos salvar os outros.

 

CL – NUM ADIANTA, ESCONDER, VADIA! MENINOS, PODEM BATER NELA! ELA É HOMEM!

B.I – Hã... CL, não sei se sabe, mas é politicamente incorreto bater numa mulher trans.

Zico – Sim, é uma mulher de qualquer jeito. E eu respeito mulheres.

Jennie – Obrigada!

B.I – Imagina. – Sorrindo pra ela.

CL – Então eu mesma bato.

Jennie desviou, agarrou a CL e levantou ela pelo braço.

Jennie – PARADA AÍ, JENNIE FALSA!

B.I – Wow!

Onew – Eu ainda tô sob efeito da alucinação ou to vendo tudo dobrado?

Jennie – Essa Jennie é uma farsa. É um alienígena.

Jennie 2 – Mentira. Ela é a farsante.

Jennie – VOCÊ É FALSA!

Jennie 2 – VOCÊ!

B.I – PARÔ!

Todos – ...

B.I – Tem um jeito de resolver isso. Quando éramos trainees, a Jennie me deu qual apelido?

Jennie 2 – ...

Jennie – Toquinho, pelo tamanho do seu pinto.

B.I – Exato! Essa é a verdadeira Jennie.

Zico – Toquinho?

B.I – Eu tava com frio no dia que ela viu.

Jennie 2 – Grr... Isso não vai ficar assim! – Pegando uma arma e apontando pra eles – Essa arma emite matéria escura que pode controlar o tempo e espaço. Assim que eu atirar, vocês irão parar em qualquer lugar do espaço. Pode ser em um buraco negro, em um planeta distante sem oxigênio ou até mesmo no meio do espaço e irão agonizar muito pra morrer.

Lisa – ACABOU, ZENAYA! LIBERTE ELES AGORA! – Com um canhão de prótons apontado pra ela.

Jennie – Lisa?

Lisa – Meu nome não é Lisa. É Zaxena, e agora comandante dessa nave. Você é minha prisioneira.

CL – Meninas? Thunder? Jay?

Jay – Oi, CL.

Zico – Ih, já tá se achando com intimidade pra conversar assim com ela?

Zaxena – Eu cansei de fazer maldades para os outros. Cansei de comer carne humana. Podemos muito bem abduzir vacas e fazer círculos em plantações.

Kook – GENTE, TEM UMA BRUXA LOUCA TENTANDO COMER A GENTE!

Zaxena – Não somos bruxas. Somos alienígenas transexuais do planeta Transilvânia da galáxia Transexual.

Zelo – Uia, que legal...

As outras duas alienígenas apareceram. Jay e Thunder apontaram as armas pra elas.

Zaxena – Rendam-se ou serão minhas prisioneiras também.

 

Hyun Seung empurrava a vaca que não queria ir.

Jessica – Enfia no elevador.

Hyun Seung – NÃO VAI CABER!

Jessica – EU JÁ FALEI PRA NÃO GRITAR COMIGO! EU ODEIO GENTE QUE GRITA!

O celular tocou.

Jessica – Alô? Oi, chefinho lindo... Sim, estamos tentando enfiar a vaca no elevador. Como assim? Leite? Leite de vaca. Ah, entendi. Ok. Eu aviso. Beijos, gordinho lindo. – Desligando – Hyun Seung, pode levar a vaca de volta. Ele só queria o leite da vaca. A gente passa num supermercado e compra. Com o seu dinheiro, claro.

Hyun Seung – Ai ai... – Olhando a vaca.

 

Zaxena – Obrigada pela ajuda. Agora que seus amigos saíram do transe e sua amiga voltou a ser gente, espero que essas peças possam fazer o carro voltar a funcionar.

Guk – Vão ajudar sim, obrigado.

Zaxena – Estamos indo embora. Desculpem pelo mal entendido, meninas.

Jennie – Imagina. Agora vou poder reabrir o castelo da minha avó e transformar em uma boate pra mulheres.

B.I – Bom, também estamos indo. Valeu por tudo. – Abraçando a Zaxena – Tchau, Jennie – Tentando dar um beijinho nela.

Jennie – Mantenha distância. Eu ainda não gosto de homem, ok, Toquinho?

Guk – O carro tá pronto.

Rap Monster – GENTE, O JIMIN NÃO QUER ACORDAR! – Saindo do carro desesperado.

Zaxena – Ótimo! Só mais uma coisa: Vocês nunca vão lembrar o que aconteceu aqui. – Tirando um aparelho cilíndrico do bolso e apertando um botão. Um flash iluminou o rosto de todos eles.

 

Narrador – E assim, após aquela terrível aventura no castelo de Zenaya, nossos heróis voltam para suas vidas normais. Após um episódio aterrorizante que quebrou a rotina da noite deles, todos voltaram para a limusine prontos para mais uma aventura. Apesar de não lembrarem daquele episódio, Jessica e Hyun Seung aprontaram durante toda a noite e sabiam lembram exatamente do que faziam. Você acabou de ler um capítulo especial. Continue agora normalmente com Madrugada Muito Louca 3.

 

Jessica – Tá aí tudo que pediu.

Shindong – Ótimo. Chegou o grande momento de ressuscitar Sunnynas, a rainha das trevas.

Hyun Seung – A rainha das trevas num era a Elvira? Que foi gente?

 

O carro andava normalmente pela estrada.

TOP – VOCÊ ATROPELOU O FRED!

GD – Não seja besta. O Frederico tá bem. – Mostrando o galo que olhava pra ele.

Jedi – Fred? Tá tudo bem?

Frederico – CÓCÓ!

Mir – Oxe. Eu num lembro desse negócio de alienígenas e bréqui pinqui não.

GD – Que?

Mir – O Frederico falando de um tal de bréqui pinqui.

Joon – Não é “bréqui pinqui”, caipira. É Black Pink.

Mir – Ah, tipo emibréqui?

Joon – Desisto...

Kai – De qualquer forma ainda acho uma boa ideia levar o Frederico pro hospital...

Taeyang – É, ele precisa de um check up...

Rap Monster – Quem precisa de um check up é o Jimin. Ele tá muito quieto.

Taeyang – Deixa ele dormir.

TOP – G.O, vai pro hospital.

CL – É, vamos logo antes que o TOP surte. A noite já virou merda mesmo...

G.O – Ok.

Key – Rápido antes que a abelha ache a gente.

 

Shindong colocou todas as coisas em um círculo.

G.O – SUNNYNAS, RAINHA DAS TREVAS, VOLTE À TERRA! EU LHE OEFEREÇO O MEU SANGUE!

Ele picou o dedo com uma agulha e deixou cair umas gotas numa vela.

Jessica – Vish, o capeta vai voltar com colesterol alto...

Shindong – O que disse?

Jessica – Err... Nada.

Os itens começaram a se juntar e formar uma massa nojenta que tomou a forma de Sunny.

JoKwon – Wow!

Hyun Seung – Os leitores vão adorar os efeitos especiais quando sair a versão em filme dessa fanfic.

 

Mir – Já chegou?

G.O – Já.

Mir – Aff, que merda essa noite de hoje...

Eles desceram.

Seungri – Ah, eu lembro desse hospital. É o hospital do Jagavabum...

G.O – Será que minha tia ainda mora aí?

Jay – Vai lá visitar ela.

Zico – Odeio esse lugar. Lembra a época que eu era pobre...

Rap Monster – Nunca vim aqui.

TOP saiu correndo pra levar Frederico na emergência.

GD – A gente podia aproveitar pra ver essa gengivite do Seungri.

Seungri – SOCORRO!

Eles entraram na sala de emergência.

TOP – COMO ASSIM NÃO CUIDA DE FRANGOS? EU VOU PROCESSAR ESSE HOSPITAL!

Park Jagakabum – Gente, vocês por aqui...

Mir – Oi, como ocê tá?

Suho – Gente, cadê os negões e a anta?

 

Kai, Taeyang e Kihyun tinham roubado um jaleco e máscara de médico e levavam Jimin pelo corredor.

Kai – Acham que vai dar certo?

Kihyun – Vai por mim. É só a gente pegar aqueles bagulhos que usam pra ressuscitar que ele volta.

Taeyang – Vai dar merda, eu to avisando.

Kihyun – VOCÊ TEM ALGUMA IDEIA MELHOR? ENTÃO VAI SER ISSO!

Enfermeira – EI, VOCÊS! ME DEIXEM VER SUAS CREDENCIAIS!

Taeyang – AAAAH, ENTREM NUMA SALA RÁPIDO!

Eles entraram em uma sala de cirurgia e se trancaram.

Enfermeira – Pra onde eles foram?

Kai – Foi por pouco...

Kihyun – Ok, vamos ver o que temos aqui... O que é isso?

Taeyang – Bagulho pra dar anestesia.

Kai – Ah, isso dá uma brisa muito boa. – Pondo o negócio na cara – Liga o gás.

Kihyun ligou.

Kai – Hihihi, isso é bom demais.

Taeyang – Por que você tá falando igual Alvin e os esquilos?

Kai – Sei lá, hihihi. – Caindo no chão.

Kihyun – Espera, não tem aquele gás que faz a pessoa acordar da anestesia?

Taeyang – Acho que é só girar esse botão. – Girando um botão e começou a sair um gás mais pesado. Eles colocaram na cara do Jimin.

Kihyun – Não tá funcionando...

Taeyang – E se a gente tentar dar um choque no coração dele?

Kihyun – Me ajuda a achar o negócio. – Pulando o Kai que dormia tranquilamente no chão.

Taeyang foi ajudar ele e deixou o negócio soltando gás na cara do Jimin.

Jimin começou a abrir os olhos.

Taeyang – Os aparelhos tão em ordem alfabética.

Kihyun – Como chama aqueles bagulhos pra dar choque?

Jimin – Chama desfibrilador, seus idiotas.

Os dois deram um pulo de susto.

Taeyang – Err... Jimin, está bem?

Jimin – Então vocês dois querem brincar de médico, não é? Pois bem, vamos operar meu nariz. Nunca gostei do meu nariz.

Kihyun – Não, a gente só queria te acor...

Jimin – QUIETOS!

Kihyun – ...Dar...

Jimin – Pegue aquele acessório, Taeyang. Kihyun, pegue aquela ampola amarela e tire o líquido de dentro com a seringa.

Taeyang pegou um negócio que parecia uma estaca e acompanhava um martelinho. Kihyun tirou o líquido da seringa.

Jimin – Excelente. Agora aplique a anestesia nesse local que estou apontando no meu rosto.

Kihyun fez o que ele mandou.

Jimin – Ok – Dando um leve peteleco no nariz – Já não sinto nada. Excelente. Taeyang, eu vou acompanhar vocês durante a cirurgia, então pode ficar calmo. Enfia essa coisa que parece uma estaca no meu nariz.

Taeyang – Dentro?

Jimin – Tá vendo outro buraco pra enfiar? Enfia nesse aqui. Coloca até lá no fundo. Tá sentindo uma cavidade com um osso abaixo?

Taeyang – Tô.

Jimin – Pega aquele troço que parece um martelo e bate a estaca.

Taeyang – QUE? EU NÃO VOU QUEBRAR SEU NARIZ!

Jimin – INÚTEIS! – Pegando o negócio e fazendo nele mesmo. O sangue espirrou no Kihyun e Taeyang enquanto eles ouviam o osso quebrando – HUEHEUEHEUEHE! Ok, agora me passem aquele bisturi e prepare uma mistura com os remédios que eu mandar Kihyun. AGORA!

Kihyun – Cara, nós criamos um monstro...

 

Depois de muito insistir, um médico resolveu ver se tava tudo bem com o Frederico. TOP quis acompanhar cada momento.

CL – Aff, só tem revista velha nessa recepção? Isso aqui é da época que a Paris Hilton num tinha celulite.

Suho – Gente, é verdade que tem um tesouro nesse hospital?

CL – Não.

GD – A gente já checou.

G.O – Alguém me acompanha até os corredores subterrâneos?

Jay – Eu vou com você.

Voz – Atenção seguranças, briga de pandas no estacionamento.

Rap Monster – Só queria saber onde tá o Jimin...

Shownu – Fica calmo, cara. Ele tá com o Kihyun. O Kihyun jamais faria nada de mal com ele.

 

Kihyun – BUAAAAAAAAAAAA, EU TO COM MEDO! O JIMIN QUER ME FAZER MAL E EU NUNCA FARIA NADA DE MAL COM ELE! – Deitado na maca olhando o Jimin que enfiava a estaca no nariz dele enquanto Taeyang tentava impedir.

Jimin – FICA QUIETO, NÃO TÁ VENDO COMO MEU NARIZ FICOU PERFEITO?

Kihyun – EU NUM QUERO UM NARIZ PERFEITO, EU SÓ QUERO MEU NARIZINHO FELIZ!

Jimin – IMPERFEIÇÕES VÃO SUMIR COM O NOVO JIMIN! DEIXA DE SER BICHA, SEU NARIZ JÁ TÁ ANESTESIADO!

Kihyun – EU SOU BICHA, EU SOU MUITO BICHA! ME DEIXA SAIR DAQUIIIIIIIIIIIIII!!! – Esperneando.

Kai – Pô, para de gritar. Nem tá dando pra dor... – Olhando sangue pra todo lado – Ok, é agora que Freddy aparece e me mata?

Taeyang – KAI, AINDA BEM! O JIMIN QUER QUEBRAR O NARIZ DO KIHYUN! AJUDA A SEGURAR ELE!

Kai – QUE? POR QUE?

Jimin parou de tentar enfiar a estaca no coitado e olhou pro Kai.

Jimin – Está vendo meu nariz? NOTA ALGO DIFERENTE? HEIN?

Kai – Hã... Nossa, você tá diferente. Seus traços estão mais suaves.

Jimin – Sim, e eu acabei de fazer a cirurgia.

Kai – Você fez plástica no nariz agora? Mas não estaria roxo e todo ensanguentado?

Taeyang – Ah, acha que esse sangue é de quem?

Jimin – Eu, Jimin, o maior gênio da história da medicina criei essa substância misturando vários remédios. – Mostrando um pote com um líquido roxo.

Kihyun – Remédios que eu misturei.

Jimin – QUIETO! – Batendo com o martelinho na cabeça dele – Você só misturou. O desenvolvimento do produto foi ideia minha.

Kai – Tá, e o que esse treco faz?

Jimin – Isso. – Pegando um bisturi e fazendo um corte no braço do Kai.

Kai – EI!

Jimin pingou duas gotas da substância e o corte se fechou instantaneamente sem sequer deixar cicatriz.

Kai – Incrível!

Jimin – Foi assim que fiz a cirurgia mais rápida da história no meu narizinho lindo sem precisar de recuperação. E VOU FAZER DE NOVO. O PRÓXIMO É VOCÊ, TAEYANG!

Taeyang e Kihyun – NÃÃÃÃÃÃÃO, POR FAVOR!

Kai – Jimin, eu tenho uma ideia melhor que vai dar muito dinheiro pra gente.

Voz – Atenção, favor enviar dois seguranças pra sala de emergência. Briga de pandas na ala B.

Kai – Vamos até a ala B.

 

Sunny – Onde estou?

Shindong – Na minha casa.

Sunny – Tenho sede de sangue.

Hyun Seung – Só tem refrigerante na geladeira.

Sunny – ...

Todos – ...

Sunny – Quero uma Coca.

Jessica – Pega uma Coca pra ela.

Hyun Seung foi na geladeira.

Hyun Seung – Só tem fanta uva.

Sunny – Grr... Serve.

Shindong – Sunny, te trouxemos aqui pra acabar com a Turminha da Alegria.

JoKwon – Querido, da última vez que ela tentou eu lembro que deu merda e o Tablo esmagou ela.

Shindong – Mas dessa vez será diferente. Porque vocês terão a minha ajuda.

Sunny – Estou ouvindo.

Shindong – Traga eles até aqui em casa. O resto você verá.

Hyun Seung – Licença, fanta uva da realeza passando.

 

Seungri – Ei, isso é interessante. Então o Jimin virou um gênio e criou um remédio que cura qualquer coisa que toca?

Kai – Sim, e considerando que você sempre tira proveito dos outros, eu tive essa ideia.

Seungri – Eu tenho uma ideia ainda melhor. E se a gente fizer nosso próprio reality show de medicina?

Kai – Isso daria ainda mais dinheiro.

Seungri – Prepare o Jimin. Eu vou fazer umas ligações.

 

G.O abraçava a aranha gigante.

Jay – Ei, olha o que achei. O exame de gravidez falso do GD.

Suga – Gente... AAAAAAH, MAS O QUE É ISSO?

Jay – O que? Aquele é o G.O.

Suga – TO FALANDO DESSA ARANHA GIGANTE!

Jay – Tia do G.O.

Suga – Coisa estranha. Alguém viu o Popó?

Park Jagakabum – Tá falando de um coelho branco? Acabei de ver na ala de pediatria.

Suga – AAAAAAAAAAAH POPÓ! – Correndo de volta ate a recepção e indo pra ala de pediatria – VOCÊ!

Siwon – OH NÃO!

Pastor – SIM, EU!

Suga – Não bastou prender a gente na igreja aquele dia, ainda quer roubar o Popó de mim?

Pastor – Isso é um bicho de pelúcia. Jesus mandou para as crianças brincarem.

Siwon – Amém.

Suga – Se você não devolver o Popó não vai sobrar criança nenhuma aqui. CADÊ ELE?

Kook – Aqui. – Segurando o Popó.

Suga – Err... Kook, me dá o Popó.

Kook – Você vai pagar Suga. Como todos eles.

Suga – Que?

Pastor – ESSA CRIANÇA ESTÁ POSSUÍDA!

Kook começou a se contorcer.

Kook – “LEMBRA DE MIM, SUGA?”

Suga – Essa voz... Sunnynas!

Pastor – SAI CAPETA!  – O pastor jogou uma bíblia na cabeça do Kook que caiu desmaiado.

 

Médico – VOCÊS NÃO PODEM FAZER ISSO!

Seungri – Não só posso como fiz. Vaza. – Jogando as coisas do médico fora da sala e apontando holofotes pro Jimin – Cinco minutos.

Dara – Deixa eu só terminar o retoque no nariz – Passando base nele.

Jimin – Deixe meu nariz natural. Quero que as pessoas vejam como ficou perfeito.

GD – O que tá acontecendo aqui? Disseram que um panda tá despejando o hospital inteiro e eu tinha certeza que só podia ser coisa do Seungri.

Seungri – O Jimin já curou todas as pessoas.

CL – Que?

Jimin – Já curei todos os pacientes desse hospital. Acabei de descobrir a cura da AIDS, criei uma forma 100% segura de fazer qualquer tipo de cirurgia e até elaborei um método de ressuscitar gente morta. Não é 100%, mas estou aperfeiçoando.

CL – Além de burro agora é louco?

Jimin – Claro que não. Sou a pessoa mais sã da face da Terra. Aliás, eu entendo você me desprezar dessa forma, CL. Sua existência pífia, somada com sua baixa capacidade de resolver óbices importantes formando assim um ciclo repetitivo de empecilhos em sua vida sórdida, contribuiu para sua que sua pessoa personificasse alguém assim. Há pessoas como eu, que nascem abaixo de uma estrela da sorte. Há pessoas como você que não nascem. São ejetadas do submundo e obrigadas a conviver com esse infortúnio pelo resto da vida. Por isso digo que te entendo.

CL – Hã... Obrigada, acho... – Tentando entender o que ele quis dizer.

Rap Monster – Ah, Jimin, você tá bem. Fiquei tão preocupado...

Jimin – Tirem ele daqui. Não sou mais uma criança pra ele me tratar desse jeito.

Seungri – Fora. – Empurrando o Rap Monster pra fora.

Kai – Seungri, tudo pronto pra começar. Estou te esperando na recepção.

Seungri ajeitou a gravata e o terno branco que ele roubou do armário de um médico e foi até a recepção. Onde Taeyang estava com uma câmera de TV.

Seungri – SEJAM BEM VINDOS, SENHORAS E SENHORES DA CORÉIA E DO MUNDO TODO! AQUI COMEÇA O SEUNGRI’S ANATOMY SHOCK TREATMENT, COM NOSSOS CONVIDADOS ESPECIAIS: A SEXY ENFERMEIRA PARK BOM!

Bom entrou com uma roupa cor de rosa de enfermeira e uma saia que mostrava quase tudo dela.

Seungri – NOSSO ASSISTENTE KAI!

Kai entrou com roupa de enfermeiro.

Seungri – E NOSSA ESTRELA PRINCIPAL: PARK JIMIN, A PESSOA MAIS INTELIGENTE DO MUNDO E COM O NARIZ MAIS LINDO!
Kihyun ligou a câmera na sala do Jimin que lia um livro de medicina.

O povo que servia de plateia nas cadeiras da recepção e o resto da turminha aplaudiram.

Seungri – Para quem não sabe, esse é um reality show, onde um desses sortudos da plateia irá ganhar um tratamento grátis, físico e mental no nosso hospital.  E A PESSOA ESCOLHIDA É ELE, TAO! PODE VIR TAO!

Tao – QUE? – Olhando o povo ao redor que aplaudia ele – E-Eu?

Seungri – É, vem logo que daqui a pouco começa a novela.

Tao foi até o palco improvisado.

Seungri – E TEMOS AQUI O LÍDER MÁXIMO DO EXO, SUHO!

Suho entrou.

Seungri – E PODE ENTRAR O EX-LÍDER DO EXO-M, KRIS!

Kris entrou sorrindo.

Suho – AH, MAS É MUITA CARA DE PAU SAIR E...

Seungri – LUZ NO LÍDER!

Taeyang ligou um holofote na cara do Suho que não conseguia enxergar nada.

Seungri – Diga, o Tao é uma pessoa normal?

Tao – É lógico que so...

Seungri – LUZ NO PANDA GORDO!
Taeyang ligou um holofote na cara do Tao que acabou indo pra trás e caindo sentado numa cadeira de rodas.

Kris – O Tao sempre foi muito revoltado com a vida, tadinho.

Seungri – Acha que sair do Exo foi um momento de loucura?

Kris – Sim. Foi uma prova da insanidade do Tao.

Suho – Isso é um absurdo, você também sa...

Seungri – MAIS LUZ NO LÍDER!
Taeyang ligou outro holofote que ofuscou de vez a visão do Suho e ele achou melhor ficar quieto.

Seungri – É isso, senhores e senhores. Tao é insano, doente, demente, louco, psicopata e perigoso para a sociedade. MAS O QUE ELE VAI GANHAR?

Plateia – SHOCK TREATMENT!

Seungri – Pra você que é burro e não fala inglês, significa “tratamento de choque”. Obrigado, de nada. LEVEM O DOENTE MENTAL PRA CELA!

Tao – QUE? NÃO, KAI, NÃO FAÇA ISSO! – Kai prendeu ele na cadeira e começou a levar ele.

Seungri – E FIQUEM LIGADOS, PORQUE JIMIN IRÁ FAZER HOJE O QUE NENHUM SER HUMANO JAMAIS FEZ!

Taeyang – PAUSA PRO COMERCIAL!

Seungri – Como estou?

Bom – Divino!

CL – Deixa eu ser enfermeira também?

Seungri – Desculpe, todas as vagas estão preenchidas.

Suga – Chefe, precisamos conversar.

Rap Monster – Snif, agora não. Nosso Jiminzinho cresceu.

Suga – É? Que bom. Nosso maknae está com problemas.

Rap Monster – Ah, o Kook é um problema. Deixa que ele sabe se resolver sozinho.

Suga – QUE? Ele é nosso maknae.

Rap Monster – O Kook nasceu com problema. Olhe aquele... Nariz... SEUNGRI, SEUNGRI, VOCÊ PODERIA PEDIR PRO JIMIN OPERAR O NARIZ DO KOOK?

Suga – O QUE?

Seungri – Ei, isso ia alavancar a audiência...

Jay – O que a gente perdeu?

Thunder – Um reality show. Senta aqui que te contos os detalhes. Como tá sua tia, G.O?

G.O – Tá bem.

CL – Por favor, Seungri...

Seungri – Já disse que não.

CL – VOCÊ VAI VER, EU VOU ACABAR COM ESSE SEU PROGRAMINHA!
Taeyang – NO AR!

Dara apareceu com uma roupa de enfermeira de sex shop.

Dara – Episódio 1: A Chegada!

Taeyang seguiu com a câmera até a sala de Jimin.

Seungri – Aí dentro estão os líderes do panda feio, o próprio panda feio e o médico. O que será que ele vai dizer? – Abrindo a porta.

Jimin – Olhando de forma geral, o Tao parece uma pessoa muito saudável.

Tao – É LÓGICO QUE SOU! – Levantando da cadeira.

Seungri – =Faça algo, a audiência tá aumentando=.

Kai pegou uma ampola de anestesia, colocou na seringa e aplicou discretamente no pescoço do Tao que caiu desmaiado.

Jimin – Oh, ele sempre faz isso?

Suho – MEU DEUS!

Kris – AJUDE ELE, POR FAVOR, DOUTOR!

Jimin – O tratamento está aprovado! Tao precisa de ajuda.

Seungri – É ISSO AÍ! Acompanhem agora Jimin fazendo uma cirurgia plástica em nossa enfermeira Park Bom. Está ansiosa, Bom?

Bom – Muito ansiosa. Ser operada pelo doutor Jimin é um sonho.

CL – Mas é uma dissimulada essa garota! – Assistindo pela TV.

Jay – Absurdo. Xingavam tanto o Jimin e agora transformam ele em celebridade...

Seungri – E é sua primeira cirurgia, Bom?

Bom – Sim! – O nariz dela caiu. Ela foi abaixar pra pegar, mas a orelha dela caiu – Err, talvez eu tenha feito algumas. Mas foram poucas. Só umas 97, por aí...

Seungri – Boa sorte na cirurgia! Acompanhem agora a cirurgia de Park Bom. E temos boas notícias! A emissora acaba de informar que pela alta audiência, ficaremos a noite inteira, então teremos um especial de 3 episódios.

CL – NOITE INTEIRA?

Suga – EU NÃO VOU PASSAR A NOITE DE SEXTA TRANCADO DENTRO DE UM HOSPITAL!

CL – Ok, vamos nos unir e montar uma resistência. Jay, preciso que consiga uma coisa pra mim.

Seungri entrou numa sala com uma gaiola gigante. Tao estava com camisa de força, na cadeira rodas e amordaçado dentro da gaiola.

Suho – Acham que isso é realmente necessário?

Seungri – Sim. Estamos garantindo a segurança dele além da sociedade.

Kris – Qual será o tratamento, enfermeira?

Dara – Tratamento de choque, uai. É o nome do programa.

Suho – Vai doer?

Seungri – Só um pouquinho. Vai ser divertido. Ele vai saltar como se tivesse fios.

Tao – HUM HUM! – Desesperado.

Seungri – Ah, eu adoro eletricidade! To pensando até em uma segunda temporada onde a gente faz uma lobotomia nele.

Taeyang – NO AR!

Seungri – QUE? Ah, droga! Como a foi cirurgia, senhores? Aposto que foi um momento maravilhoso pra acompanhar com a família! Ah, aqui está nosso cirurgião! Jimin, não é verdade que você descobriu a cura da AIDS?

Jimin – Sim, estou indo ver os testes agora.

Seungri – É algo simples?

Jimin – Sim. Minha teoria é que se aplicarmos gelatina líquida na veia de uma pessoa e prender ela num freezer a gelatina vai congelar e o vírus vai ficar preso. Então só precisamos fazer uma cirurgia simples de remoção. Mas eu tenho um amigo em Harvard que acha que sai nas fezes. Iremos averiguar.

Todos na plateia concordaram e começaram a falar como ele é inteligente.

CL – Meu deus...

Jay – Ele continua burro...

Suga – Só que agora as pessoas acreditam nele...

CL – Conseguiu o que eu queria?

Jay – Tá aqui. – Entregando um papel pra CL.

CL – Ótimo!

Dara – Episódio 2: O Tratamento.

Jimin ligava fios na cabeça do Tao.

Kris – Ele vai melhorar, né doutor?

Jimin – É claro que vai. Vai até babar quando a gente terminar.

O celular do Jimin tocou.

Jimin – Alô? Hey, how are u?

Dony – Olha, ele tá falando inglês igual a gente!

Deuk – O Jimin é igual a gente!

Todos olhavam como Jimin era inteligente falando em inglês no celular.

Jimin – Senhores, precisaremos adiar o tratamento.

Seungri – QUE? EU JÁ TÁ SALIVANDO PRA VER O TAO SOFRER... Digo, pra ver essa doce criatura feia ficar normal – Fazendo carinho na cabeça do Tao.

Jimin – Recebi um convite especial da Nasa que será transmitido ao mundo todo. Devo voltar dentro de algumas horas. Tenham uma boa noite.

CL – Já são 1:55 da manhã... Vamos agir.

Seungri – Err... Enquanto nosso querido médico não volta, vamos ver nossa enfermeira sexy tirando a rou...

CL – SEUNGRI, AQUI É A REPÓRTER CHAERIN – Entrando na frente das câmeras – PODE DIZER SOBRE O ASSASSINATO EM MASSA QUE COMETEU EM 2012 EM CIMA DE UMA PONTE?

Seungri – QUE?

CL – E SOBRE MALDADE COM UM ALCE. VOCÊ REALMENTE PULOU NO CHIFRE DE UM ALCE?

Seungri – VOCÊ TAVA LÁ TAMBÉM!

CL – Você não tem provas, mas assume que fez isso?

Seungri – Eu...

Jay – DENUNCIA URGENTE, G-DRAGON TEM UM FILHO E AQUI ESTÁ O EXAME PROVANDO! NÃO TEMOS PROVAS, MAS TEMOS CONVICÇÕES DE QUE TOP É O PAI! AQUI, NA MINHA MÃO, O EXAME COMPROVANDO!

GD cuspiu o suco que ele tomava na recepção e correu até a sala.

GD – ISSO É MENTIRA! ESSE EXAME SE PROVOU FALSO, VOCÊ SABE DISSO!

Mir – Gente, que coisa louca. Na minha terra num tinha essas coisas não. Lá só pegava um canal e a TV era velha, daí a gente só assistia Faustão.

Suga – Ei, tive uma ideia! Ô TIA DO G.O... – Correndo até o subterrâneo.

TOP – VOCÊ NÃO PODE ME DIFAMAR ASSIM NA TV!

CL – TEMOS TESTEMUNHAS QUE VOCÊ CHEIRA A CALCINHA DO GD!

Jay – TEMOS IBAGENS DE UMA CAMERA DE SEGURANÇA MOSTRANDO O SEUNGRI FURTANDO COISAS DE UMA LOJA DE CONVENIENCIA EM 2012! BOTA A IBAGEM NA TELA!

CL – SEUNGRI, É VERDADE QUE VOCÊ JÁ TRANSOU COM O GD?

Jay – ATENÇÃO, TEMOS DENÚNCIAS DE UMA BABÁ MORTA POR SEUNGRI!

Seungri – PARA DE FILMAR, TAEYANG!

Kai – Mas a audiência tá alta.

Seungri – PAREM DE FILMAR AGORA!

Dony – GENTE, O JIMIN TÁ NA TV!

Seungri – QUE? O QUE AQUELE TRAIDOR PENSA QUE TÁ FAZENDO EM OUTRO CANAL?

Repórter – Jimin é o primeiro homem com coragem suficiente de entrar em um buraco negro.

Jimin – Se meus cálculos estiverem certos, a massa do buraco negro abrirá um buraco no espaço-tempo que vai me transportar de volta ao local em que eu estava anteriormente.

Rap Monster – NÃO!

Suga – Agora é tarde pra se arrepender. Droga, por que tá demorando tanto?

V – ALGUÉM PARE NOSSA ANTA, ELE VAI MORRER!

Jimin pulou da nave pra dentro do buraco negro.

Todos – NÃO!!!

Plateia – AEEEEEEEEEEEEEEEE!!!

Abriu um buraco no teto e Jimin caiu de cabeça no chão.

Kihyun – Ele tá bem?

Rap Monster – Jimin? Jimin? JIMIN? Meu deus, ele não acorda!

Taeyang – Ok, Seungri, assuma as câmeras. Vamos fazer aquilo de novo, Kihyun.

Os dois colocaram Jimin na maca e levaram para a salinha onde tudo tinha começado.

Seungri – Err... Kai, assume a câmera.

Kai – Seu cu. Eu que vou aparecer agora. Continua filmando. É ISSO AÍ, SENHORAS E SENHORES, VAMOS VER NOSSO CIRURGIÃO SER OPERADO NESSE EXATO MOMENTO!

Tae e Kihyun colocaram roupa de cirurgiões, com touca e máscara.

Kihyun colocou a máscara de anestesia no Jimin e Taeyang ligou o gás novamente.

Kai – FILMA DIREITO, PANDA! TÁ FORA DO ENQUADRAMENTO! – dando um chute na bunda do Seungri.

Seungri – EU TO FAZENDO MEU MELHOR! – Tentando enquadrar.

Taeyang – Não está funcionando. – Olhando o Kihyun.

Kihyun – Aumente a dose.

Bom – A pressão do paciente está caindo.

Kihyun – Massageie o peito. Dobre a dose, Taeyang.

Taeyang – Aumentando a dose.

Kihyun – Vamos usar o desfibrilador.

Taeyang pegou e usou no peito do Jimin.

Bom – Pressão voltando ao normal.

Taeyang colocou o gás no máximo.

Todos na recepção olhavam a TV preocupados.

 

Shindong – Será que ele morreu?

Jessica – Gente, não sabia que o Taeyang e Kihyun sabiam ser médicos...

 

Policial – Que tensão...

Delegado – Tensão é saber que eles vão ter que voltar pra cá...

 

Bom – A pressão voltou a cair.

Kihyun – Mais uma vez, Taeyang.

Kai – Senhoras e senhores, são momentos tensos. Levante a mão aí em casa e diga: Força Jimin!

 

Shindong – Morra, Jimin!

Jessica, Hyun Seung e JoKwon – FORÇA JIMIN!

Delegado – Sei que vou me arrepender, mas força Jimin!

Jubileu – Força Jimin!

Mulher da banca – Força, Jimin!

Tia do Tao – Folça, Jimin!

Jazicreuza – Força, Jimin!

Plateia – FORÇA, JIMIN!

 

Bom – Batimento normais.

Jimin começou a abrir os olhos.

Povo – AEEEEEEEEEEEEEEEEE!!!

Jimin – Oi, gente!

Rap Monster – Jimin! – Abraçando o Jimin.

Chanyeol – Que nervosismo! A calabresa de ontem vai até sair, licença gente. – Correndo pro banheiro.

Jimin – Onde eu to? Eu lembro que tava na escada e depois ficou tudo escuro...

Taeyang – Você tá comigo.

Jimin – AEEE, MEU ÍDOLO! – Abraçando o Taeyang.

Dois homens de jaleco branco entraram.

Dara – Licença, são cientistas da NASA.

Cientista – Senhor Jimin, o que pode dizer sobre o buraco negro?

Jimin – Uh... É negro e grande.

Suga – Ah, ele voltou!

Cientista 2 – Qual a gravidade do buraco negro? Use a fórmula.

Jimin – Mas eu num sei. Se você sabe faz você.

Baekhyun  Eu devia responder isso pros meus professores...

Cientista – E os testes com o vírus do HIV?

Dara – Licença, o que eu faço com aquele monte de gente congelada? Mando pra funerária ou deixo aqui?

Cientista 2 – Mas esse moleque é uma farsa!

Jimin – Num sou não. Eu sou o Jimin.

Os cientistas foram embora.

Dara – Seungri, é da emissora. Querem te processar pelo fracasso do programa.

Policias – Atenção todos, vocês estão presos.

CL – Ah, de novo?

O chão começou a tremer e uma aranha gigante saiu de baixo dele.

Suga – Ah, até que enfim. Por que demorou tanto?

A aranha fez um grunhidos.

G.O – Ela disse que é mulher e que tava se maquiando pra aparecer na TV.

Suga olhou a aranha usando batom.

A aranha começou a sair mais do chão e o hospital começou a desmoronar.

CL – CORRE, NEGADA!

Seungri – AH NÃO, EU VOU ELETROCUTAR O TAO! – Correndo até os fios, mas Tao conseguiu se soltar e jogou tudo no Seungri.

Seungri – NÃO! AAAAAAAAAAAAAH!!! – Levando choque.

GD – VEM, MAKNAE! – Pegando Seungri que tava tostado e puxando pro carro.

Eles entraram enquanto o hospital caía.


Notas Finais


É isso. Por favor, comentem o que acharam que assim continuo esse formato futuramente, ou talvez nunca mais. Vocês decidem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...