História Mafiatale HUMAN ! - Atos - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Undertale
Personagens Asgore Dreemurr, Asriel Dreemurr, Chara, Flowey, Frisk, Mettaton, Papyrus, Personagens Originais, Sans, Toriel, Undyne, W. D. Gaster
Exibições 28
Palavras 464
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Tô de férias (dancinha) tusts tusts
Espero que gostem

Capítulo 5 - Quinto ato


Narrador 

Não que fosse de alguma importância para a pequena morena,  mas  Gaster  fez questão de que,  mesmo que a garota ainda cansada e dolorida conhece cada um dos empregados e seus filhos que aparentemente não deviam ser muito mais velhos que ela. O corredor repleto de decorações clássicas, como simples quadros a luxuosas estátuas.O som forte dos saltos pretos da empregada com madeixas loiras prezas ao um coque alto,  possuindo olhos em um tom azulado que qualquer podia perde-se completamente destacando-se  ainda mais na pele clara , com uma estatura na maior que no máximo um metro e sessenta trajando roupas em tons de cinza escuro ao completo preto que agora  seria como uma babá em tempo integral para Frisk. 

-meu nome é Lucy - a voz fina reconfortante da loira,  ecou pelo corredor silencioso, causando arrepios a Frisk,  mesmo ainda  falando a jovem loira ainda permanecia com o rosto virado para a frente - você  deve ser Frisk, G pediu me que lhe deixa-se no quarto de seu filho Sans, não que essa casa não possua mais quartos,  mas G acho que fará bem a ambos. Garota - Lucy parou em meio ao corredor e agachou-se até  ficar do tamanho de Frisk e encarando profundamente seus olhos que mantinham-se cobertos por seus enormes cílios Sans é um... adolescente um tanto... Diferente, talvez inseguro, mas de total certeza ele é um tanto insano aos olhos de outras pessoas, minha criança, por favor tenha paciência com ele,  sei que ao conhece-lo melhor - um " que é quase impossível"  foi lançado mais como um sussurro para provavelmente  apenas Lucy -  o entendera melhor.

Em quase um pulo a loira voltou a sua postura antiga voltando a caminhar o pelo corredor,  Frisk apenas seguia a ela, a criança ficava impressionada com tudo que via,  ele  prestava atenção em cada detalhe,  seja ele importante ou não, desde muito  pequena Frisk teve esse traço de olhar tudo ao seu redor, enganava-se quem acreditava que por ter seu olhos sempre praticamente  fechados a garota tinha a visão reduzida, ao contrário,  ela enxergava perfeitamente bem,  bem o suficiente para notar,  que Lucy  havia parado em frente à uma porta de madeira escura a maçaneta dourada destaca-se perfeitamente, a governanta deu um longo  suspiro  encarando a garota de cabelos achocolatados. 

-pronta?

 A menina como de costume apenas acendiu com a cabeça informando a jovem que sim,  após três batidas na porta um grito um pouco rouco soou " pode entrar" . A  de olhos azuis apenas deu um pequeno um impulso para a menina adentra ao quarto. Peças de roupas espalhadas por toda a parte, objetos de decoração assim como as roupas jogadas, paredes em tons de laranjas fracos. A garota sentiu incrivelmente a vontade naquele lugar

- quem é você? ...

Continua... 





Notas Finais


Comentários são sempre bem-vindos assim como a opinião é os favoritos

Bitocas de coxinha em vocês


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...