História Magictale - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Undertale
Personagens Personagens Originais
Tags Undertale
Exibições 17
Palavras 2.234
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Escolar, Esporte, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Orange, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yuri
Avisos: Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


só pra avisar, esse cap ficou enorme. E agora eu quero agradecer ao usuario Marry TheQuinn por ter favoritado a história. Espero que gostem boa leitura :3

Capítulo 13 - Beijos


L/A ~on~

Eu tinha acordado, não queria levantar da cama pois percebi que a posição que eu estava era confortável então repassou na minha mente o momento que eu e Asriel estavamos juntos lendo histórias. Peguei meu celular evi que eram 07:56 e concerteza já estariam dando aula para o periodo da manhã. 

Me levantei da cama com cuidado para não acordar ninguem mais a L/S acordou e eu não fiz um santo barulho sequer; e logo ela levantou 

L/A: nossa, eu nunca tinha visto voce fazer isso antes *tom de sussurro* 

L/S: fazer o que? *tom de sussurro*

L/A: acordar e na hora levanta *tom de sussurro*

L/S: é que hoje por incrivel que pareça eu não to com preguiça *tom de sussurro*

L/A: e hoje por incrivel que pareça TALVEZ eu não esteja estressada *tom de sussurro*

Nós duas fomos ao banheiro (uma depois da outra claro) e nos arrumamos pra sabe sair ninguem aguenta ficar nesse quarto abafado (pelo menos EU acho ele abafado) agente saiu e deixamos a L/P dormindo lá que nem uma monga

L/S: pra onde agente vai? - ela disse enquanto nós duas descia as escadas -

L/A: EU vou na biblioteca

L/S: 7w7

L/A: que foi?

L/S: mano tá na cara que ce qué pega o irmão do(a) Frisk

L/A: cala a boca, é claro que não...........eu só quero a companhia dele

L/S: eu vou te acompanha até a biblioteca

L/A: eu sei o que voce tá tramando, então não ouse!!!

Ela pegou no meu braço e fomos até a biblioteca, mais é claro que agente se perdeu um pouco no caminho porque a escola é fodi#*mente grande e não pra gente decora a escola inteira em um só dia.

Finalmente chagamos a biblioteca ela abriu a porta e entramos

L/S: oi Asriel - ele acenou com a mão porque não tirava a cara daquele livro - a L/A qué a sua companhia - ele fez beleza com a mão - então eu já to indo tchau - ele acenou denovo com a mão porque não tirava a cara daquele livro, então eu não aguentei mais e peguei aquele livro dele e joguei pra qualquer canto da biblioteca -

L/A: voce não sabe fazer outra coisa a não ser estudar?

Asriel: errr....

L/A: voce nunca saiu pra se diverti? ou sei lá come alguma coisa que voce goste? (Leitores: 7w7 Autora: gente seus tarado, não pensa em besteira)

Asriel: eu acho que nã-

L/A: e que tal agente sai pra um passeio, se divertir um pouco; porque todo mundo tem que relaxar e se divertir um pouco não é mesmo?

Asriel: sim, mais isso vai ser tipo um encontro?

L/A: se voce quiser / mais ou menos (A: gente pode escolher porque eu fiquei em duvida denovo) - depois do que eu disse percebi ele corou um pouco - voce qué?

Asriel: ok

L/A: ótimo, então vamo - eu puxei ele pelo o braço, saimos da biblioteca e da escola, e começamos a andar pela floresta que tinha perto dali. Agente conversou brincou de pega-pega esconde-esconde de jogar pedra no lado, agente tentou brincar de cobra/cabra cega mais não deu porque o Asriel bateu de cara com uma arvore e eu ri muito disso, e quando agente se cansou sentamos no chão apoiados em um tronco de arvore e conversamos ainda mais -

L/A ~off~

Asriel ~on~

Até que foi uma boa ideia sair da biblioteca e se divertir um pouco com a L/A ela era divertida, engraçada, brava e bonita, ela realmente é muito bonita nós ficamos brincando de várias coisas até me sentia uma criança de novo e quando agente se cansou sentamos no chão apoiados em um tronco de arvore e só continuamos a conversa. Até que ela deu um bocejo e colocou a cabeça no meu ombro e eu fiquei muito corado, eu até poderia beija-la pois já estava dormindo, mais isso é errado? não posso faze isso mais é só um beijo, não é nada demais.

Eu sai bem devagar do lado dela para ficar de frente a ela e quando fiquei comecei a inclinar minha cabeça para frente para poder beija-la dava pra ouvir sua respiração pois o lugar onde estavamos era totalmente calmo. Comecei a me aproximar mais e mais até que finalmente meus lábios se encostou com os dela e comecei a beija-la tentando segurar a enorme vontade de beija-la de língua se não ela acordava.

Quando eu ia tirar meus lábios com os dela eu senti uma mão puxando minha cabeça pra perto dela de novo e um braço se envolvendo envolta das minhas costas, ela havia me beijado então ela tava acordada esse tempo todo? depois ela começou a me beijar de língua sem eu ao menos eu permitir passagem, mais não aguentei e cedi. Começamos a nos beijar de um jeito apaixonado e desejante um pelo o outro mais depois o beijo ficou muito caloroso, selvagem e desejante um pelo o outro até que tivemos que nos separar por causa do ar. Quando nos separamos nos olhamos ofegantes e corados

Asriel: me desculp-

L/A: pelo o que? por ter me beijado? se foi esse o motivo de voce quase pedir desculpas, então não se arrependa, porque eu ti beijei, voce me beijou e eu sei que voce queria me beijar. - nossa, ela é bem mais esperta do que eu mais em magia não -

Asriel: ok

L/A: hahaha voce é tão fofo - eu fiquei muito corado - principalmente quando fica assim 

Asriel: errr.....e agora?

L/A: e agora o que?

Asriel: nós nos beijamos, e o que vai vim depois?

L/A: voce quer mesmo saber o que vem depois dos beijos - ela falou aquilo de uma forma sexy passando o seu dedo indicador pela minha boca (sério depois dessa eu fiquei corado nivel 100000) sim ou não (A: referencia enorme a Anitta) se voce quiser, voce até pode descobrir o que vem depois dos beijos outro dia, mais se voce quiser pode descobrir hoje

Asriel: melhor outro dia (A: se quiserem pode me matar)

L/A: voce que sabe Azzy

Nós nos levantamos e fomos até a escola de mãos dadas, eu espero que aquele dia de eu descobrir o que vem depois dos beijos chegue logo, porque ela é muito gost- bonita e eu quero muito fazer com ela

Asriel ~off~

L/S ~on~

Depois de eu deixar ela lá sozinha com ele na biblioteca não demorou muito pra eu ver os dois saindo pra fora da escola espero que eles se divertem 7w7.

Comecei a andar um pouco mais pela a escola até que eu passei em frente ao refeitório e vi o professor Sans, eu sai correndo para ir falar com ele mais lembrei do que a Paola na verdade Anna Julia disse então comecei a recuar pra trás (NÃO MAGINA, RECUA PRA FRENTE) piiiiiiiii...........então comecei a recuar devagarinho para ele não perceber minha presença mais não deu certo

Sans: hey kiddo, porque tá se afastando? senta aqui que eu quero conversa - o que eu faço? se eu me aproximar dele eu vou morrer, mais eu não quero ficar longe dele.........o que eu faço?.........talvez se aproximar só um pouquinho não me mate.

Comecei a chegar perto dele só que com passos pequenos porque eu estava com medo de ser morta mesmo achando e tendo um pouco de certeza de que não iria, pois sabia que minhas amigas iram dar duro para me proteger.

Sans: senta aqui kiddo. - me sentei do lado dele com a cabeça abaixada - então.....voce andou treinando o que eu to te ensinando? - respondi não com a cabeça - tem que treinar kiddo, ok? - eu só continuei calada - kiddo? ta bem? - eu respondi sim com a cabeça, e depois peguei o capus que ficava naquela ''capa'' e cobri minha cabeça porque estava tentando esconder o  choro / lágrima que insiste em cair (A: referencia nivel HARD vou dar uma dica: Luan Santana é só fazer assim que eu volto, pronto agora é só adivinhar) - kiddo voce não tá bem! o que aconteceu?

L/S: nada - agora não adianta mais esconder, eu falei aquilo com voz de choro -

Sans: kiddo, tá chorando?

L/S: ... - comecei a chorar -

Sans: kiddo conta pra mim o que aconteceu, eu só quero te ajudar - ele disse aquilo colocando a mão dele no meu ombro -

L/S: voce não pode saber o que está acontecendo comigo se não eu morro, eu nem devia estar falando com voce 

L/P: L/S!!! te achei, oi professor Sans

Sans: heya

Frisk: L/S? tá bem?

Sans: ela tá chorando, é obvio que ela não tá bem

L/P: eu já sei o que é

Sans: o que é?

L/P: uma menina chamada Anna Julia que falou que se a L/S chega perto de voce conversa com voce olha pra voce ou pensar em voce a L/S morre.

Sans: Paola

L/P: não, Anna Julia

Frisk: o nome dela é Paola, mais ela gosta que chamem ela de Anna Julia, ela já foi a namorada dele

Sans: FRISK

Frisk: que foi?

Sans: kiddo fica calma, que isso não vai ficar assim, ok? - e eu fiz sim com a cabeça, depois ele virou meu rosto para que nós pudesse nos ver e feis mesma coisa de antes, limpou minhas lágrimas com as mãos osseas dele aquilo me deixava calma, não estava com o medo de antes, então eu não aguentei e abracei ele porque esmo o medo ter diminunido ainda estava lá, e depois ele me abraçou de volta. Se eu pudesse ficava assim pra sempre, mesmo ele sendo um esqueleto ele era quente; depois cairam mais algumas lágrimas porque não queria perde-lo, e comecei a abraça-lo forte.

Depois Sans me soltou, foi uma pena, eu queria abraça-lo mais 

Sans: não chora ok kiddo? - afirmei com a cabeça derramando um pouco mais de lagrimas - vai ficar tudo bem - ele colocou as suas mãos na mina cabeça se levantou e beijou a minha testa e depois saiu do refeitório, eu fiquei muito corada e feliz com aquele beijo, mais isso só aumentou mais o medo de ser morta -

Frisk: pois é, conseguiu um beijo do crush

L/P: uuuuuhuuuuu, viu só foi se meter numa briga com a ex dele que já conseguiu um beijo.

L/S: é até que foi.......bom

Frisk: bom agora é só torce pra aquela menina e as amigas dela não ter visto isso

L/S: é - eu falei de um jeito bobo nem ligando pro que a L/P e o(a) Frisk tava falando, só tava lembrando do beijo -

L/P: L/S

L/S: que???

L/S ~off~

Frisk ~on~

Sarah: meu deus eu não acredito no que eu vi, deixa a Anna Julia fica sabendo disso que ela vai te matar garot- ooiiii Friisk

Frisk: então voce é a amiga da Paola

Sarah: eu nunca seria amiga de uma falsa como ela

Frisk: então não tem problema se eu fala pra ela que voce chamou ela de falsa.

Sarah: NÃO!!! quero dizer, mesmo se ela fosse minha amiga voce não poderia fazer isso se não ela me mata

Frisk: então voce só se importa com sua vida? não quer que ela te mate, mais qué que ela mate a L/S

Sarah: não é isso miga

Frisk: não me chama de miga

Sarah: a esqueci que voce é homem

Frisk: pode para

Sarah: o que é? não é homem nem muher? que pena nunca vai ter uma familia, nunca vai ter uma pessoa que vai ama-la ou ama-lo - então eu não aguentei mais e joguei fogo nela - AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA FILHA DA P*TA - então ela começou a jogar raios em mim e conseguir desviar da maioria, até que um dos raios dela me acertou

Frisk ~off~

L/S ~on~

Asriel: FRISK!!! - ele começou a rosnar e depois jogou estrelas na Sarah

L/P: L/S vamo se esconder 

L/S: NÃO! agente precisa ajudar

L/P: não tem como, nós somos novas não sabemos usar magia

L/S: eu sei

Eu estendi minha mão para eles, me esforçei me esforçei muito tentando fazer eles flutuar mais não consegui e acabei desmaiando de tanto esforço que fis e a ultima coisa que ouvi foi a da L/P chamando meu nome.

L/S ~off~

L/P ~on~

A L/S tava se esforçando muito para consguir fazer algo, se esforçou tanto que acabou desmaiando

L/P: L/S!!! ai não, ai não, ai não, ai não, ai não o que eu faç-

Toriel: JÁ CHEGA - uma cabra chegou parando a luta - o que está acontecendo?

Sarah: Sra. Dremurr eles estava tentando me matar

Frisk: é mais voce queria que a minha amiga morresse 

Toriel: como assim?

Asriel: mãe eu cheguei aqui e vi elas tretando

Sarah: Sra. Dremurr eu estava apenas me defendendo 

Toriel: minhas crianças, sabem que não deve lutar

Frisk: mais agente treina para lutar

Toriel: mais escola não é lugar de lutar. Não tenho outra opção, voces vão conversa com o Asgore

Sarah: até mais

Toriel: minha criança, voce tambem estava envolvida na briga então voce tambem devera ir a sala do Asgore

L/A: AAAAAAAA L/S ALGUEM PELO O AMOR DE DEUS FALA AONDE É A ENFERMARIA, SE TIVER UMA

Frisk: eu ajudo. Mãe vou guiar elas até a enfermaria e já vou para a sala do pai

Toriel: certo, mais não demore

Frisk: vamos


Notas Finais


espero que voces tenham gostado desse cap tchau :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...