História Magma - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Ação, Aventura
Exibições 6
Palavras 934
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Científica, Luta, Romance e Novela, Sci-Fi, Survival, Violência
Avisos: Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


:)

Capítulo 3 - Futuro


Fanfic / Fanfiction Magma - Capítulo 3 - Futuro


--Nossa cara, mal posso esperar pra chegar logo em casa, ver o meu filho e a minha esposa me esperando depois de um longo dia de trabalho é demais.
--Concordo com você Asano, aliás, seu filho deve ter muito orgulho, saber que seu pai é um policial famoso no estado inteiro cara, vem cá, você devia ensinar umas artes marciais pro seu filho né não?, caso ele precise um dia sei lá.
--Relaxa, eu já fiz isso a muito tempo... falando nisso, você lembra daquela vez lá que...
A conversa deles foi interrompida por uma ligação, quando Asano atendeu e ouviu a voz de quem estava ligando, saiu correndo para o lugar imediatamente...
Enquanto isso...
Ele era branco de olhos verdes que chega brilhavam na noite, com uma cartola ligeiramente abaixada que cobria o olho esquerdo, um cabelo consideravelmente grande para um homem, já que ele era perceptível mesmo com a cartola, seu bigode era bem feito e não muito grande, ele tinha uma espécie de bastão com cerca de 1 metro e meio de altura e 5 a 10 cm de espessura, parecia não ser um simples bastão, mas isso era o que menos interessava Yuri no momento, ele tinha encontrado uma pessoa igual a ele, um membro fugitivo dos clãs supostamente eliminados dessa vida, quando Yuri iria erguer sua voz para falar com o mago...
--Filho, já acordou, o que você está fazendo aí fora?, vem pra dentro, já e tarde da noite, anda vamos!
Ele obedeceu sua mãe, mas não parou de observar o mago de sua janela. Ele estava pensando o seguinte: Será que vale a pena eu ir até ele e contar tudo, ele pode me atacar por eu ser de um clã rival, ele pode ser um agente do governo agindo como isca para tentar descobrir se ainda existia algum sobrevivente... mas pensando melhor Yuri percebeu que, não teria como executar aqueles truques de mágica sem os genes do clã ártico. Mas pensando ainda melhor, aquele mágico era um homem adulto, se ele fosse sobrevivente do clã ártico ele deveria muito bem saber os riscos de sair de expondo com esses nomes e truques de mágica, quem realmente ele é?, Yuri fala ou não com ele?, a decisão que ele tomou mudaria sua vida para sempre... Então ele decidiu-se, quando estava mexendo sua língua para chamar a atenção do mago, ele foi interrompido por um grito que pode ser ouvido na praça ao lado, ao perceber o que estava acontecendo ali, ele ligou para a polícia...
Do outro ângulo...
--Depois daquela noite as crianças nunca mais foram encontradas, era uma noite de lua cheia como essa.... BUUUHH
--AAAAAHHH
--Hahahahahahahah
--Cala a boca Ryuuji, eu te odeio sabia?, a gente ta aqui no meio da noite em uma praça e você vem com essas histórias de terror.
--Tá ta, desculpa Nagisa, mas pense pelo labo bom, esse seu grito foi muito engraçado.
O clima divertido entre os dois foi cortado por uma pessoa cujo rosto estava coberto por uma máscara, que chegou subitamente e anunciou...
--ISSO É UM ASSALTO, MÃOS PRO ALTO, SE LIGA PRA POLÍCIA EU ATIRO!!
--Beleza cara se acalma, não precisa gritar, toma aqui os nossos celulares e dinheiro.
--Hahahaha otários, acham mesmo que eu vou deixar vocês viverem? morram.
O ladrão com um olhar impiedoso, apertou o gatilho enquanto mirava na cabeça de Nagisa, porem, o tiro não saiu, e ao olhar para a arma, viu que não tinha nada de errado, e ficou ali apertando e apertando, mas a bala não saia, ele olhou para o lado, atraído por um grito de um garotinho de 13 anos... Yuri chegou no local e derreteu a arma do ladrão enquanto ele a segurava, porem, no mesmo instante, ele percebeu que cometeu um erro
--AAAAAAAAAAHHHH MINHA MÃO, A MINHA ARMA DERRETEU EM CIMA DELA, TA QUEIMANDO DROGA!!
--Oquê?! como assim?!, Yuri oque você ta fazendo aqui?, por quê a arma daquele cara derreteu?.
--Eu explico tudo depois, vamos pra minha casa rápido.
--Você está preso seu desgraçad... espera um pouco, Oque aconteceu com a sua mão?!, vem rápido vamos ao hospital.
Com a poeira abaixada...
--Tá, primeiramente, quem é esse cara?, ele parece um mágico, Porque você tá com ele Yuri?
--Vou me apresentar, sou Jean, conhecido como mágico polar, prazer.
--Cara, é uma longa história.
--Tá, agora, porquê a arma daquele cara não atirou, ele olhou tinha munição no pente.
--A pólvora que estava na arma foi... resfriada digamos assim, mas não pense que fui eu que fiz, tudo o que eu faço são ''truques''
--Agora, o principal, porque a arma dele derreteu do nada?
--Então, eu não sei.
--Filho, graças a Deus você ta bem, não se machucou né?
--Não Pai, relaxa tá
Os dois se abraçaram, depois disso, o mágico sussurrou no ouvido de Yuri para os dois irem para um lugar mais reservado, eles precisavam conversar sobre algumas coisas, e ambom sabiam muito bem disso. Mas depois do acontecido, Ryuuji e Nagisa não ficariam satisfeitos com a resposta, e com certeza buscariam uma que as satisfaze-se.
--Meu querido amigo, você é do clã Magma né?.
--Magma.
--Você sabe não sabe?, do terrível futuro que nos aguarda?
--Oquê?? que futuro??
--Como o esperado você não sabe, o importante é o seguinte, você está fraco, faz assim, me encontra amanhã, no mesmo lugar que você me viu pela primeira vez.
--Oque você e eu vamos fazer?
--Treinar...
.....
--Ei Ryuuji, você ouviu né?, o que será que eles vão treinar amanhã, eu sei lá, mas depoia de hoje, eu não tiro o olho desses dois....
 


Notas Finais


:)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...