História Mahina - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Mahina
Visualizações 6
Palavras 728
Terminada Não
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 4 - Estilo água.


Água? Fogo? Ar? Ou... a Terra? Ela preferia fogo.

Kat sentou-se à sua frente, parecia mais acordado em relação ao dia anterior.

- Ei, que elemento vo... – A jovem foi interrompida.

- Água!

- Como sabia o que eu ia perguntar?

- Bom... deve se por que todo mundo está falando disso. E você prefere o que?

- Bom... o fogo, más não tenho certeza se sou melhor nele...

- Fogo... por que combina com seu cabelo? – Disse olhando os cabelos ruivos da menina.

- Claro que não! Eu só prefiro...

A aula teórica começou, todos estavam sentados em silencio, ouvindo o professor falar na frente do quadro. Sinceramente aquilo dava sono... depois da aula, foram almoçar.

Havia muita comida, Kat encheu o prato, e não comeu nem a metade.

- Olho maior que a barriga... – Disse a ruiva.

Foram se trocar, a aula prática já ia começar. Quando Mahina saiu do quarto, começou a andar em direção as escadas. Pois seu quarto ficava no segundo andar. E preferia usar as escadas do que o elevador.

No térreo, passou por um grupo de meninas, todas com os cabelos muito arrumados, de maquiagem e sinceramente... pareciam que iam a uma festa de Halloween.

- É uma pena que temos que compartilhar este ar com esses pestes... – Disse a loira, que parecia ser a ‘’líder’’ das chatas. Olhou para a ruiva, que se enfureceu, más não ficou batendo boca. Pois isso não levara a lugar algum.

Chegando ao ginásio, o professor Takashi, estava acompanhado de uma mulher baixinha.

- Vamos alunos, a aula já irá começar. Quero apresentar a vocês a professora elementar: Hana Yamamoto.

- Olá, crianças. Podem me chamar apenas de Hana. Sou a professora elementar de vocês, isso quer dizer que comigo vocês verão qual elemento natural terão melhor controle. - Sua voz era doce, acalmava qualquer alma que a ouvisse. – Vocês devem pensar que só poderão usar um elemento, não. Bom, isso na verdade depende. Meu estilo é água, controlo-a perfeitamente, más também tenho um pouco de cada elemento em meu interior. Como vocês estão na primeira série desta academia, só poderão controlar um elemento, e nada mais. Más há casos de ninjas, que conseguem por exemplo usar o fogo e a água ao mesmo tempo. São raríssimos. Os treinos são variados, existem inúmeros modos de se saber qual é o seu elemento.

Hana guiou os anos até um lago. Sim... havia um lago super, hiper fundo. Más claro, tinha uma grade ao redor para nenhum aluno passar.

- No estilo água, os ninjas têm um fôlego totalmente sobrenatural a pessoas normais. Podendo ficar até meia hora dentro d`água. – Os jovens se maravilharam.

 Kat percebeu que para ser um ninja estilo água teria de treinar muito. E para ele isso era ótimo. Pois o que adianta ter um sonho simples de se alcançar?

A professora abriu uma portinha que tinha na grade. Foram até próximo ao rio.

- É neste local que vocês logo, logo irão treinar. Esse lago cristalino para a maioria parece raso, más tem pouco mais de 100 metros de profundidade. É necessário o bom controle do estilo vento e água para ir e voltar. Com vida. O estilo vento, ajuda muito da agilidade. Por isso se vocês verem uma luta, na qual os ninjas estejam incrivelmente rápido, já saberão seu estilo.

-Quando iremos começar a treinar neste lago? E.. O que iremos fazer nele? – Pergunto Kat se aproximando de Hana.

- Começaremos hoje. Treinaremos fôlego, controle da água e ainda conseguir andar sobre ela. – Falou andando calmamente sobre o lago. Os alunos ficaram boquiaberta, Kat ficou maravilhado.

Hana voltou para perto dos jovens.

- Quem é o primeiro? Há, peço que se comportem viu? Aqui não é local de brincadeiras! – Fizeram uma fila. Kat foi primeiro, segurou as delicadas mãos da professora e lentamente foi tentando andar no lago. – Preciso que se concentre, pense que está pisando no solo, firmeza. – O garoto, pouco a pouco andava sobre a água. – Olha muito bem! Consegue volta sozinho?

O jovem começou a andar normalmente para a margem, sem olhar para baixo, para não se desconcentrar.

E assim foi com inúmeros alunos. Mahina segurava firme o pingente de seu colar. Estava nervosa. Muito alunos não conseguiram...

Soltou o colar, e juntou as mãos suadas. Respirou fundo. Fechou os olhos. Sentiu algo sendo puxando de seu pescoço



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...