História Mais que Amigos - Capítulo 45


Escrita por: ~ e ~BellaNaty

Postado
Categorias 5 Seconds Of Summer
Personagens Ashton Irwin, Calum Hood, Luke Hemmings, Michael Clifford, Personagens Originais
Tags 5 Seconds Of Sumner, 5sos, Amantes, Amigos, Hemmings, Luke, Segunda Temporada
Exibições 118
Palavras 1.890
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


OE!

Mds que saudade!

Enfim, vou explicar nas notas finais.

Capítulo 45 - Novos na gravadora


Jen's POV

- O que ela falou sobre "English Love Affair"?

- Ela acha que e inglesa é você. - ele disse comecei a rir sem parar. Não podia ser possível, eu simplesmente achava muito engraçado.

- Mike, desculpa. - comecei a rir. - Eu sou americana.

- Eu sei disso, e ela é a inglesa, mas ela ta achando que você é ela.

- Não tem problema, a gente discute isso depois, sei que ela vai entender isso. - falei.

- Tomara, ela è cabeça dura.

- E você ama ela. - afirmei sorrindo compreensiva.

- Amo, muito, demais. - respondeu com um sorriso. - Faria tudo por ela.

- Então tenha paciência, ela te ama também. - respondi com um sorriso.

- Valeu, Jen. - respondi.

- E tem...

Fui interrompida por meu celular tocando, era Amélia.

- Amélia. - falei simpática.

- Jen, você está bem? - perguntou.

- Eu estou, e você? - Perguntou.

- Muito e você? - perguntei.

- Sim, muito bem. - me respondeu. - Sei que não é da minha conta, mas Richard anda te incomodando?

- Sim, ele ta me incomodando. - falei. Mike riu enquanto dirigia.

- Esse homem não toma jeito! Ele acha que você é a Carly. - ela disse rindo.

- Nem a Carly aguenta ele. - eu disse e ela concordou.

- Por falar na Carly, ela quer falar com você. - Amelia disse sorrindo.

- Passa pra ela. - pedi.

- Jen! - ela gritou.

- Carly, calma, menina. - falei rindo.

- Eu do com saudades, Jen! - Carly falou.

- Eu também to, Carly. - respondi rindo. Mike sorriu.

- Eu faço quatro anos essa semana. - ela falou.

- É mesmo?

- Sim. - disse. - Você vai vir me ver, né?

Eu desfiz o sorriso, eu não podia ir pra lá.

- Carly, é muito longe daí. - falei. Ela xingou.

- Eu queria que você viesse. - ela disse chorosa. - Queria que viesse com Luke, Mike e Bella. Eu amo eles.

- Ta, bom, minha querida. - disse com um aperto no coração. Essa pequena menina me fazia ficar mal.

- Você vai vir?

- Não, mas tenta convencer seus pais a virem pra cá, nós comemoramos seu aniversário aqui.

- Mesmo? - perguntou se alegrando.

- Sim, fala com eles.

- Ta bom, Jen. - ela me respondeu. - Eu vou desligar, tchau.

- Tchau. - me despedi.

Guardei o celular no bolso e Mike riu.

- Era a Carly?

- Sim. - respondo. - Ela é uma fofa.

- Eu sei, ela é mesmo. - Mike elogiou e continuou dirigindo.

(...)

Chegamos no local que era pra nós gravarmos a propaganda e entramos no prédio. Mike disse em qual andar que era e nós subimos até entramos em uma sala de recepção. Era linda a sala. Tinha um sofá branco de couro, uma recepcionista loira atrás do balcão em um vestido tubo preto, (o que me deixou intimidada com minha camisa de banda surrada), e uma porta que dava passagem pra outra sala.

- Clifford e Oliver? - a recepcionista perguntou.

- Sim. - respondemos juntos.

- Eu sou Wanda, podem me acompanhar, por favor? - ela saiu de trás do balcão e nos chamou com a mão.

Nós acompanhamos ela até a porta e abriu logo em seguida.

- Michael e Jennete! - um cara estranho de óculos fundo de garrafa falou. Ta na cara que ele não da a mínima pra gente.

- É Jennifer. - falei.

- Isso. - ele disse tentando se livrar do mico que acabou de passar. Mike prendeu o riso pra não passar uma vergonha maior no cara.

- O que nós temos que fazer? - perguntei.

- Primeiro: a maquiagem e a entrevista. - ele disse nos empurrando pra cadeiras com espelhos.

- Espera, entrevista? To sabendo disso não. - Mike falou enquanto se sentava na cadeira de frente pra um dos espelhos.

- Foi uma coisa de última coisa hora. - o cara disse enquanto se afastava de nós.

Mike e u nos olhamos com caras de tédio.

- Sei. - falamos juntos.

Logo uma mulher com uma caderneta se aproximou e mais duas maquiadoras, cada uma com uma maleta diferente.

- Olá, Mike e Jen. - a entrevistadora nos cumprimentou se achando a íntima. - Eu vou fazer algumas perguntas para vocês, Ok?

- Ta. - respondemos.

- Nome completo. - ela pediu.

- Michael Gordon Clifford.

- Jennifer Rock Oliver.

Ela passou a anotar nossos nomes enquanto as maquiadoras passavam um pó na nossa cara.

- Idade. - perguntou a mulher da caderneta.

- Dezenove. - respondemos juntos e sorrimos com a sincronia.

- Celebridade crush. - ela perguntou rindo. Essa era realmente uma pergunta tosca.

- Ariana Grande. - Mike repsondeu. Eu quase explodi de risada.

- Cameron Dallas. - eu falei prendendo a risada.

- Prevejo uma pessoa falando muita coisa pra você depois disso. - Mike fez sua piada interna que apenas eu e ele sabíamos.

- Relacionamento. - ela perguntou.

- Namorando. - respondemos juntos de novo.

- Juntos? - ela perguntou.

- Não. - outra vez juntos.

- O que? - as maquiadoras perguntaram. - Vocês não namoram?

- Juntos, não. - respondemos.

- Meu Deus. - uma delas disse. - Marcel!

O cara que tinha errado meu nome veio correndo na nossa direção.

- Diga. - o tal Marcel falou.

- Eles não namoram. - ela disse.

- Ah não. - falou. - Vamos ter que mudar o roteiro todo! Ah meu pai...

- Marcel, arruma isso enquanto nós maquiamos os dois. - a menina disse.

- Enfim, vou continuar. - entrevistadora falou. - Um hábito.

- Tocar guitarra. - Mike falou.

- A mesma coisa. - concordei.

- Um mal hábito.

- Gritar quando não devo gritar. - Mike respondeu.

- Dormir tarde demais e ficar com sono o dia todo. - falei.

- Nossa, você é irritante quando faz isso. - Mike comentou me fazendo rir.

- Eu sei disso. - falei.

- Uma história sobre a adolescência de vocês. - a entrevistadora pediu.

- A gente se pegava. - falei rápido e Michael não segurou a risada.

- Isso é verdade? - Perguntou a entrevistadora rindo.

- Muito. - Mike confirmou.

- Eu não volto pra casa hoje. - comentei e Mike riu mais. - Você e eu vamos dormir no sofá.

- Você vai escutar muita coisa quando chegar em casa. - Mike disse. - Eu tenho uma história de verdade.

- Conte-nos.

- Quando a gente tinha por volta dos quinze anos, nós éramos meio rebeldes. E nessa noite, ela estava lá em casa passando a noite. Então a gente tentou fugir no meio da noite pra ir em uma festa.

- E o que aconteceu?

- Nós escorregamos no telhado de casa e caímos no gramado. Ela deslocou um tornozelo e eu o ombro. - Mike falou e me olhou pra continuar.

- Depois disso, nós levamos uma bronca de nossos pais e ficamos de castigo além da terrível dor. - falei tendo calafrios me lembrando da dor que ficou minha perna.

- Vocês são inacreditáveis. - a entrevistadora disse.

- Muito engraçados também. - Uma das maquiadoras disse.

- Bom, era só isso mesmo que eu queria saber, muito obrigado. - a entrevistadora se levantou.

- Vocês já estão prontos, podem ir aonde Marcel está. - uma delas disse.

Elas tinha feito alguma coisa no meu rosto que eu ainda não tinha visto. Eu só sei que Mike não tirava os olhos de mim.

- Que é Michael, perdeu a bunda na minha cara? - perguntei e ele riu.

- Você ta gata. - ele me elogiou. - Se não tivesse com a Mel, eu te pegava.

- Sai fora, to amando o Luke. - disse me fazendo de esnobe e ele riu.

- Para de graça. - ele veio pra cima de mim e me agarrou pelas pernas e me jogou por cima do ombro.

- ME LARGA, MICHAEL! - gritei rindo com ele.

- É isso! - Marcel berrou. - Vocês podem fazer dois irmãos.

Mike me largou pra me endireitar.

- Até porque nós somos iguais. - Mike falou rindo.

- Muito bem, preciso do Michael sentado no sofá como se ele estivesse vendo alguma série do Netflix...

- E se eu tiver assistindo Cartoon Network? - Mike perguntou e eu comecei a rir que nem uma idiota.

- Não vai estar. - Marcel disse rindo. - Então, a Jen vai chegar com um pote de pipocas nas mão reclamando que quer ver outra série...

- E se eu quiser assistir Nickelodeon? - perguntei.

- Caramba, vocês são difíceis. - Marcel disse rindo com o resto da equipe.

- Ta, Mike e eu vamos fazer direito. - falei rindo.

- Então Jen pega e joga a pipoca na cabeça dele.

- Isso vai ser interessante. - comentei olhando maléfica pra Mike.

- E a cena acaba com o Mike correndo atrás da Jen. - Marcel terminou.

- Muito bem, quero que vocês façam isso. - ele colocou a vasilha de pipoca na minha mão.

- A gente tem falas? - perguntei.

- Não, apenas ajam naturalmente. - Marcel sugeriu.

Bella's POV

- Você foi simplesmente perfeita- Shawn diz se sentando do meu lado.

- Eu perfeita ? Exagero você cantou super bem.

- Bella, o clip esta ótimo e a letra que escrevemos se encaixou muito bem, resumindo gata você arrasa.

- Quem chamou minha namorada de gata ? - Diz Ash me assustando. Nem tinha notado que ele também estava na gravadora.

- Sem ciúmes mas sua namorada arrasa.

- Ela arrasa mesmo- Ash caminha até mim e me da um selinho.

- Bom casal eu estou de saída, até mais e mais uma vez Bella você arrasa - Shawn sai da sala

- Agora minha vez de ver o clip, tô ansioso para ver minha gata. - Ash diz e eu caio na gargalhada.

- Pera você nunca falo assim comigo o que deu em você ? - Digo ainda rindo

- Não sei, achei engraçado - Ele solta o sorriso

- Tudo bem, vou colocar o clip para você ver - Digo colocando para ele assistir no notebook.

Munitos depois

- Minha nossa minha namorada arrasa, isso vai virar sucesso já prevejo isso bombando nas rádios e também em vários sites por aí.

- Vamos ver os comentários? - Pergunto ansiosa.

- Claro, vejamos o primeiro.

"Essa menina e fantástica a GirlBand que ela participa será o novo sucesso"

" Estou viciada nesta música vocês dois são perfeitos juntos, espero o próximo dueto dos dois"

" Nossa shippo já o casal "

- Não gostei desse comentário - Comenta Ash.

- Besta olha o que responderam nele.

" Ela já namora, o baterista gato da 5sos "

- Viu, meu baterista gato.

- "Mas você nunca me chamou assim"- Diz imitando minha voz.

- Ain imita de novo essa voz de menina .

- Eu não gatah- Ele diz com a voz afeminanda e eu caio na gargalhada.

- Você tem a melhor voz de menina que eu já ouvi. - Rimos juntos.

Freddie entrou na sala, onde Ash e eu estávamos, com uma cara de super alegria. Como se ele tivesse feito o que ele mais quero no mundo.

- Bella, temos uma surpresa pra vocês. - Freddie disse abrindo a porta.

Eu quase morri com as pessoas que passaram pela porta.

- Ah meu Deus!

Continua...


Notas Finais


Seguinte, o ser humano aqui tavs com bloqueio de criatividade que não conseguia finalizar o cap.

E eu pensei diversas vezes em apagar a fic de vez...

MASS devido a muitos pedidos (ameaças na verdade) de leitoras que eu amo demais eu to continuando.

HELP ME!😂😂

Comentem sobre o capítulo e quem vcs acham que são as novas pessoas.

Bye bye!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...