História Mais Que Apenas Amizade (Camren) - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ariana Grande, Austin Mahone, Fifth Harmony, Justin Bieber, Shawn Mendes
Exibições 144
Palavras 2.708
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 17 - Descoberta


Fanfic / Fanfiction Mais Que Apenas Amizade (Camren) - Capítulo 17 - Descoberta

À tarde de Camila havia se resumido em tédio. Depois de chegarem à casa de Shawn, o mesmo teve que sair e pediu para Camila espera-lo em seu quarto. Obediente, ela o fez.

Achou que ele voltaria logo, mas se enganou. Ele não voltou logo, e só depois de uma hora de espera ligou para dizer que demoraria mais um pouco, mas que não era para ela ir embora, que quando chegasse recompensaria a espera da mesma.

Mas esse mais um pouco se transformou em duas horas, depois três, e somente quando começou a anoitecer, ela foi embora brava.

Quando Shawn chegou em casa, foi correndo para seu quarto, mas se decepcionou ao ver que Camila já havia ido embora.

Na verdade ela havia sido bem paciente, pensou, não havia lhe mandando nem uma mensagem com xingamentos baixos e sujos por ele tê-la feito esperar.

Pensou em ir a casa dela, mas não o faria, ela deveria estar muito brava então ele só a procuraria no outro dia, quando a raiva dela já tivesse passado um pouco e quando ele teria comprado um presente para a mesma.

 

 

- Isso não vai voltar a se repetir. – Ayumi disse não pela primeira vez a Arthur. – Eu e você não vamos acontecer. Não de novo.

Os dois estavam no quarto dele, deitados na cama, completamente nus.

Ayumi não deveria estar ali, sabia, mas não pôde dizer não quando ele lhe ligou mais cedo e disse que estava sozinho em casa. Ela estava com raiva de Lauren e Arthur sempre teve um poder sobre ela que a mesma não conseguia explicar.

- Tudo bem. – Apesar de não poder ver o rosto do garoto, sabia que ele estava sorrindo. – Isso não vai mais se repetir.

- Estou falando sério. – Ela revirou os olhos.

- Eu sei. – O mesmo assentiu.

- Acho melhor eu ir indo. – Ayumi saiu do abraço dele e se levantou. O mesmo não protestou, apenas ficou observando-a com um sorriso bobo nos lábios.

Enquanto se vestia, Ayumi olhava para todo lugar menos para o menino deitado na cama, pois não queria correr o risco de se render a tentação e se entregar novamente a ele. Observou o quarto que conhecia tão bem quanto à palma de sua mão. Enquanto eles namoraram, os dois passaram bons momentos ali, e ruins também. Mas apesar de brigarem muito, sempre se acertavam e até agora que não estavam mais juntos ele ainda agia da mesma forma com ela. Sempre doce, carinhoso, compreensivo. Mas isso, pensou ela, era porque ele não sabia que ela havia matado o filho dos dois quando ele ainda era só um pontinho pequenininho, se ele soubesse a odiaria com todas as suas forças.

O pensamento de Arthur lhe odiando a fez ter calafrios e o seu coração se apertar.

- Ei, você tá bem? – Esse era o dom dele, sempre sabia quando ela não estava bem até mesmo quando ela não demonstrava.

- Tou sim. – A mesma assentiu uma vez e virou-se de costas para ele, não queria que o mesmo visse as lágrimas que começaram a se formar em seus olhos.

- Não parece. – O ouviu se levantar da cama. Sentiu quando ele pegou em seus ombros e tentou vira-la para si. – Olha pra mim?

Ela não o fez. Não queria olhar para ele. Não olharia para ele.

- Eu já disse que tou bem, Arthur. – Disse de forma grosseira. – Agora me deixa.

Ele soltou seus ombros e deitou-se novamente na cama. Ela virou-se para ele.

- Você bem que poderia ficar mais um pouco. – O mesmo fez biquinho.

- Também não abusa, Arthur. Nem aqui eu deveria estar, já disse. Estou porque sou fraca e não consigo resistir a...

- Mim? – Ele provocou.

Ayumi tentou segurar, mas não conseguiu evitar rir.

- Sim. Você, seu metido. – Admitiu.

Ele riu também.

- Yumi? – A chamou de forma carinhosa.

- O quê? – Apesar de tentar, ela não conseguiu soar grossa.

- Você bem que poderia dormir aqui hoje, né?

- Arthur, não comece. – Dessa vez ela conseguiu ser grossa.

- Por favor, Yumi? – Pediu com a voz dengosa. – Ninguém precisa saber. – Ela não respondeu, apenas ficou encarando-o com as mãos na cintura e contendo um sorriso. – Eu sei que você quer.

Apesar de tentar conter, ela não conseguiu e abriu um sorriso mesmo contra sua vontade.

Arthur estendeu sua mão para ela que o encarou incerta, em seguida, a mesma a pegou e ele a puxou para si. Ayumi caiu sobre ele gritando, mas logo parou quando o mesmo a beijou.

 

 

Já eram sete horas e Ariana já estava pronta a mais ou menos uns vinte minutos. Austin já havia ligado para dizer que estava indo busca-la, mas ainda não havia chegado, o que fazia com que ela ficasse impaciente e ainda mais nervosa.

Quando ele bateu na porta, a garota pulou do sofá e foi abri-la, o mesmo sorriu ao vê-la.

- Boa noite, Ariana. – A cumprimentou.

- Boa noite, Austin. – O nervosismo era evidente em sua voz.

- Está pronta? – Ele quis saber.

A garota assentiu euforicamente.

- Pois vamos?

- Sim. – Ela pegou na mão estendida dele e entrelaçou os dedos dos dois.

 

 

Quando Lauren chegou em casa, sua mãe estava preparando o jantar.

-Oi, Lauren. – Disse quando a mesma foi à cozinha para cumprimenta-la. – Onde você estava?

- Na casa de uma amiga, mãe.

- Qual amiga? – Ela a encarou firmemente.

- A Dinah.

- E por que não mandou nenhuma mensagem para avisar que iria ficar lá até tarde?

- Eu mandei, mamãe. – Lauren respondeu impacientemente. – Mandei para o papai e ele disse que tudo bem.

- Tudo bem. – Clara disse. – Agora suba, tome banho e desça para jantar.

Foi o que Lauren fez, subiu para seu quarto para tomar banho, mas antes de entrar no banheiro, olhou para o celular para ver se tinha alguma mensagem ou ligação perdida de Ayumi, mas não havia nada.

Intrigada, começou a tomar banho.

 

 

Entraram de mãos dadas e um casal estava sentado em um grande sofá vermelho. Ficaram de pé quando os dois se aproximaram. Os dois tinham grandes e simpáticos sorrisos no rosto. Aquilo confortou Ariana que estava nervosa.

- Mãe, pai, essa é a Ariana. – Austin disse. – Minha namorada.

- Oi, querida. – A mãe dele andou até ela e a abraçou.

Era tão simpática, pensou Ariana.

O pai dele apenas estendeu a mão.

- É um prazer. – Disse formalmente.

- Igualmente. - Ari sorriu.

- Vamos jantar? – Austin perguntou.

- Claro. – Os pais dele responderam em uníssono, em seguida, se olharam e deram uma risadinha.

- Eles são sempre assim. – Austin sussurrou no ouvido de Ari, fazendo-a da uma risadinha silenciosa.

- Eu ouvi isso, Austin. – Sua mãe disse e lhe fuzilou com o olhar. Pegou na mão de seu marido e os dois saíram.

- Ela é tão elegante. – Ari sussurrou para Austin. – E ele também.

- Você não sabe o quanto. – Austin sorriu. – Vamos.

Sorrindo boba e se sentindo mais relaxada, o seguiu que foi na frente.

 

 

Entrou como uma doida em casa passou pela sala e agradeceu mentalmente por não ter ninguém nela. Subiu para seu quarto e jogou suas coisas em cima da cama.

Tirou a roupa e entrou no banheiro. Estava com raiva por vários motivos.

Primeiro: Shawn havia lhe deixado à tarde quase toda sozinha, e havia saído para resolver sabe-se lá o quê.

Segundo: Lauren estava brava com ela e a mesma não sabia o porquê.

Terceiro: sua melhor amiga estava na casa de seu ex-namorado conhecendo os pais dele e isso não a deixou nem um pouco feliz.

Deixou a água do chuveiro frio mesmo e tomou um banho demorado.

 

 

- Seus pais são uns amores. – Ari estava super contente.

O jantar havia sido um sucesso e quando eles terminaram de comer, conversaram um pouco e eles pareceram gostar de Ari o que a deixou orgulhosa de si mesma. E agora Austin deixou Ari na porta de sua casa.

- Sim, eles são. E eles gostaram muito de você, hein? – Ele sorriu bobo.

- Espero que sim. – Falou se sentindo orgulhosa.

O rapaz deu uma pequena risada balançando a cabeça levemente em um sinal negativo parecendo incomodado com um pensamento.

- O que foi? – Ela estranhou esse ato.

- Nada não... – Forçou um sorriso. – Bobagens minhas. – A olhou nos olhos. – Boa noite.

No primeiro instante, ela não acreditou nele. Mas aí pensou que fosse uma das paranoias dela e ignorou os pensamentos. Sorriu meigamente e lhe deu um selinho.

- Boa noite. – Sussurrou e entrou em seguida.

Durante alguns segundos ele apenas fico lá parado. E quando finalmente começou a andar, se deu conta de algo:

Nunca vou ama-la. – Pensou com os olhos cheios de lágrimas.

 

 

~Alguns dias depois~

Camila havia ficado doente por um motivo que ela desconhecia qual. Durante o tempo que ficou doente foi mimada e recebeu muitos presentes de Shawn que ia vê-la sempre que podia e quando isso acontecia sempre levava um presente: ursos, sorvetes, caixas de bombons, buquês de flores, entre outros.

Era fofo e ela sempre ria quando ele lhe dava um presente diferente, pois achava que todos eles não eram só porque ela estava doente, mas também uma forma de se desculpar por tê-la deixado sozinha na casa dele.

Todos os dias ela recebia mensagens e ligações de Ariana, Ally, Dinah, Normani, Justin e até de Ayumi e Austin que mandou apenas uma dizendo que Ari lhe disse que ela estava doente e lhe desejou melhoras.

No primeiro dia em que faltou ao colégio, havia passado a manhã toda na cama e quando deu à hora do almoço alguém havia ido visita-la. Pensou que era Ari ou Jus, mas havia se enganado, era Lauren. Ela disse que havia pensado em mandar mensagem ou ligar, mas que havia resolvido ir ver pessoalmente como a amiga estava e cuidar dela. Pediu desculpas pela forma que havia a tratado no dia em que a mesma havia tentado ajuda-la, e Camila logo a perdoou.

Depois disso todos os dias quando a aula acabava, Lauren ia para casa dela e ficava boa parte da tarde lá. Camila gostava da presença de Lauren, ela era e dizia coisas inteligentes. E ria das piadas dela o que a fez gostar ainda mais da garota de olhos verdes.

Quando Shawn ia visita-la à tarde, encontrava-a lá e os dois viraram amigos a partir daí, o que Camila amou.

Quando finalmente ficou boa e pôde voltar para o colégio, mas já havia perdido muitas aulas e havia se perdido no conteúdo, Lauren assim como Ariana e Justin disseram que lhe ajudariam. Quando seu celular despertou, tomou banho, escovou os dentes e escolheu uma roupa qualquer, em seguida desceu para tomar café da manhã. Quando estava praticamente na metade, a campainha tocou. Pensou que fosse Shawn e gritou para que a pessoa entrasse, mas não era Shawn, era Lauren e ela estava tão sorridente e feliz que fez com que Camz também ficasse assim. A mãe de Camila a chamou para tomar café com elas e a garota sentou-se ao lado da segunda na mesa e enquanto comia mantinha uma conversa animada com Sinu, que havia tomado intimidade com ela quando a moça vinha visitar sua filha.

Ao terminarem, resolveram que iam andando até o colégio de ambas, então pegaram suas mochilas e de mãos dadas começaram a andar e enquanto faziam isso Camila comentou com Lauren que havia pensado que Shawn iria busca-la como sempre fazia, mas esta disse que ele só não havia ido porque ela havia mandado mensagem pedindo para ele não ir, pois queria fazer uma surpresa para a outra. Shawn havia concordado, mas havia avisado que iria busca-la.

Chegaram ao colégio avistaram os outros do outro lado da rua e acenaram. Ariana saiu correndo como uma louca até as duas e quando chegou perto, abraçou Camila fortemente.

Foi seguida pelas outras que também a abraçaram primeiro Dinah que, em seguida, abraçou Lauren também, depois Ally e, em seguida Normani. Justin também a abraçou fortemente e sussurrou algo no ouvido da mesma que a fez rir. Austin apenas a cumprimentou formalmente e comentou que estava feliz por esta ter voltado. Camila foi igualmente formal e o encarou firmemente.

Todos conversaram durante um tempo até o sinal tocar e eles entrarem.

- A Ayumi voltou? – Camila perguntou para Lauren que assentiu não parecendo muito contente.

- E também tem uma garota nova na sala, prima dela que ela tá apresentando pra todo mundo com o maior orgulho. – Lauren revirou os olhos e Camila riu.

Ao chegarem na sala, Camila e Lauren caminharam e se sentaram lado a lado. Ariana também colocou a mochila ao lado da carteira de Camila, mas foi conversar com Justin em seguida, o que pareceu não incomodar Austin e Camz relembrou-se que quando eles namoravam, ele não gostava quando a mesma deixava de conversar com ele para conversar com amigos homens.

Mas seus pensamentos foram interrompidos quando Ayumi entrou na sala com mais três meninas, tinha uma que era nova e que devia ser a tal prima dela. A loira olhou para Lauren e sorriu, mas ignorou Camila totalmente. Um ato que ela não entendeu.

O professor logo entrou e deu início a aula.

 

 

Durante praticamente toda a aula, Camila e Lauren ficaram de gracinhas e cochichinhos uma com a outra, o que fez Ayumi ter vontade de ir lá e perguntar em quê elas achavam tanta graça, mas se controlou, não valeria a pena, até porque Camila ainda não sabia que ela e Lauren namoravam, o que faria com que o ciúmes de Ayumi para com Lauren fosse só um ciúmes de perder a amiga aos olhos de Camila. Mas isso seria por pouco tempo, logo, logo Camila saberia que Lauren era comprometida e Ayumi iria cuidar pessoalmente para que isso acontecesse.

- Hadassa? – Chamou a amiga que estava distraída.

- Quê? – Ela sussurrou.

- Preciso da sua ajuda pra algo.

 

 

Quando o sinal tocou anunciando que era o fim da aula, Camila arrumou sua mochila rapidamente juntamente com Lauren e quando as duas foram sair, Ayumi chamou a segunda e disse que queria falar com ela. Com os olhos verdes a observando inquisidoramente, ela assentiu e as duas saíram.

Ariana, Austin, Justin e Normani seguiram para fora do colégio e se encontraram com Dinah e Ally que já os esperavam.

Dinah sorriu docemente ao ver Camila.

- Oi, Mila. – A cumprimentou pela segunda vez naquele dia.

- Oi, Dinah. – Camz a cumprimentou de volta.

- Cadê Lauren?

- Está com Ayumi. – No momento em que Camila falou isso uma das amigas dela chegou.

- Quem está com a Yumi? – Perguntou docemente. - Eu meio que estou caçando ela e não acho.

- A Lauren. – Ally respondeu.

- Hum... – A menina ficou pensativa. Ela era tão linda e parecia tão gentil e doce, pensou Camz. – Camila, você pode me ajudar a caçar as duas?

- Eu? – A garota ficou surpresa.

- Sim. – A menina assentiu, parecendo confusa. – Você estava com a Lauren mais cedo, certo?

- Sim. Mais...

- Vamos, Mila, me ajude, por favor? – A menina pediu fazendo biquinho.

- Tudo bem, então. – Camz assentiu e as duas começaram a caça-las.

Andaram um pouco até que pararam em frente a uma sala e a menina que Camila havia descoberto que se chamava Hadassa disse que achava que elas estavam lá. Não entraram de uma vez, a porta estava semiaberta, então resolveram apenas espiar.

Camila passou os olhos por toda a sala e então paralisou e sua boca se abriu em formato de O. Ayumi e Lauren estavam se beijando de forma quente no final da sala. A primeira estava encostada na parede e a outra a beijava e apertava contra si.

- Por que está tão surpresa? – Hadassa encostou-se contra ela e sussurrou em seu ouvido. – Não sabia que elas namoram?

 

 

Assim que saiu da sala com Ayumi, como o pátio estava vazio, as duas se despediram com um selinho. Quando Yumi sumiu de sua vista, Lauren pegou seu celular e começou a andar mexendo nele, mas congelou ao ler uma mensagem de Camila.

“Por que não me contou que namora com a Ayumi?!?!?!?!”

- Mais que merda! – Exclamou baixinho.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...