História Mais que uma foto... - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Anko Mitarashi, Asuma Sarutobi, Boruto Uzumaki, Chouji Akimichi, Hanabi Hyuuga, Himawari Uzumaki, Hinata Hyuuga, Hizashi Hyuuga, Hyuuga Hiashi, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Kakashi Hatake, Kankuro, Karin, Kiba Inuzuka, Killer Bee, Konan, Konohamaru, Kushina Uzumaki, Madara Uchiha, Maito Gai, Matsuri, Mitsuki, Nagato, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Obito Uchiha (Tobi), Orochimaru, Pain, Rin Nohara, Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Sarada Uchiha, Sasuke Uchiha, Shikadai Nara, Shikamaru Nara, Shion, Shisui Uchiha, Shizune, Suigetsu Hozuki, Temari, TenTen Mitsashi, Tsunade Senju, Yahiko, Yamato, Yugito Nii
Tags Naruko, Naruto, Sasunaru
Exibições 86
Palavras 2.678
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Olá!

Eu estou completamente inspirada para escrever, tanto que já estou postando outro capítulo hoje! Isso é um milagre!

Boa Leitura

Capítulo 3 - 《Reencontrar pode ser bom! Mais tem desvantagens》


Fanfic / Fanfiction Mais que uma foto... - Capítulo 3 - 《Reencontrar pode ser bom! Mais tem desvantagens》

   Fazem 5 dias desde que eu voltei de Tóquio, eu e Naruto ainda não falamos com ninguém dos nossos antigos amigos, só descobrimos nossos colegas de quarto mesmo, e adivinha só! O colega de quarto da Naruto realmente é o Sasuke, eu fiquei pasma quando ouvi isso, pois a última pessoa com quem quero encontrar é ele...
   Sasuke deve ter ficado muito puto por eu ter cortado contato com ele, principalmente porque somos "grandes amigos", tivemos um pequeno "namorico de infância" que acabou extrapolando um pouco... Digamos que quase deixou de ser um namorico de infância, logo depois dessa bosta que aconteceu nós dois ficamos meio instáveis, mais acabamos virando amigos novamente. Eu parei de ir atrás do Sasuke principalmente porque uma das minhas melhores amigas o ama, Sakura Haruno, eu descobri isso á tempo, Ino, que era uma das poucas que sabia sobre o que acontecia entre eu e Sasuke, me disse isso, Sakura ama Sasuke, ou pelo menos amava, depois de 2 meses sem ficar com o Sasuke eu e Naruto nós mudamos para Tóquio.
   Parece que meu querido irmão marcou um encontro com a galera aqui em casa, sorte a dele que mamãe e papai vão para o cassino com a vovó Tsunade, para jogar e não deixar a vovó falir... Assim que mamãe foi ao seu trabalho, pela manhã, eu e Naruto fomos ao mercado comprar Vodka, conhaque e cerveja. Escondemos tudo dentro do meu guarda - roupas, não compramos comida pois o pessoal é quem iria trazer, teríamos muito tempo para conversar, pois papai e mamãe voltariam pela 8 ou 9 da manhã, se não acabassem dormindo em um hotel.
   Fiquei o dia todo apreensiva, será que eles ainda gostam de mim? Eu mudei com certeza! Eu cresci um pouco mais (A pessoa tinha 1,55 e agora tem 1,65), meus seios cresceram, meu rosto mudou um pouquinho... Eu estranhei por isso estar me incomodando, tanto faz, vou tomar um banho e me arrumar, tinha separado uma blusa de frio, pois o ar - condicionado aqui em casa é biônico, uma calça jeans e tênis, entro no banheiro e começo a me arrumar.

Eu realmente estou agindo igual a uma menina de 13 anos...
 
QUEBRA DO TEMPO

  Mamãe nos sentou no sofá para dar aqueles avisos prévios que todos os pais dão quando vão sair para algum lugar:

- NEM PENSEM EM DESTRUIR A CASA! SE NÃO EU MATO VOCÊS DOIS!

- Também te amamos mãe - respondemos em uníssono

- Vamos logo Kushina! Eu e Minato vamos apodrecer depois que você terminar de gritar com os seus filhos!

- Então vamos, tchau meus amores. - Diz mamãe entre os dentes

- Tchau crianças!

   Foi questão de eles fecharem a porta que eu voei para o meu quarto para pegar as bebidas, Naruto foi pegar uns copos, pois senão o pessoal iria beber do gargalo mesmo, depois de 10 minutos eu escuto o tocar da campainha, corro para a porta e quando abro sou derrubada no chão, Ino e Sakura pularam em cima de mim:

- NARUKO! - Gritaram em uníssono

- Sim?

- SUA VACA

- NEM AVISA QUE VOLTOU

- PORRA! EU TAVA CANSADA! CADÊ A CONSIDERAÇÃO?

- LÁ NO INFERNO♡

   Nós três levantamos do chão e eu reparo na aparência delas, Ino estava mais alta e com os cabelos loiros na cintura, já Sakura estava com os cabelos menores e... Um lozangulo na testa? OK! Quem sou eu para julgar no final das contas, elas cumprimentaram Naruto e me arrastaram pelo pescoço até o meu quarto, parece que eu ia ficar em dia com os últimos acontecimentos, enquanto subíamos só vi o Kiba e o Shikamaru chegarem, de qualquer modo, as novidades são mais importantes no momento. Nós entramos no meu quarto e as folgadas já se jogaram na minha cama! Eu fui forçada a ficar em um puff aleatório que achei por lá, elas então começaram a falar:

- Pegou quantos lá em Tóquio criatura?

- Nossa! Vocês realmente acham que uma criatura doce e pura como eu vou sair pegando geral por aí?

- Sim!

- Suas ogras, eu peguei algumas pessoas sim, mais não fiz nada demais...

- Você não estava morando com o Jiraya - sama, o ex - marido da Tsunade - sama? Soube que ele é um puta de um pervertido!

- Os boatos estavam certos cara Sakura! Mais eu tenho cabeça! E você, teve algum avanço com o Sasuke?

   Bem nessa hora a Ino me olhou com uma cara inexpressiva, não entendi na hora mais depois que fui notar que toquei em um tabu, mais era tarde demais... Sakura fez uma cara de choro e começou a socar a almofada mais próxima, como se estivesse lembrando de algo:

- Ela se declarou para o Sasuke ano passado, mais ele a rejeitou e ainda por  cima pegou a Karin pela cintura e deu um beijo na frente da Sakura...

- OH MEU DEUS! Sakura me desculpe...

- Tudo bem... Eu não desisti, apenas estou dando um tempo para que ele amadureça e note o quanto eu gosto dele... No momento estou me dedicando aos estudos, quero ser bem sucedida para depois ter tempo de sobra para correr atrás dele, ou simplesmente achar alguém que me dê valor... - Nesse momento ela já estava em prantos

- Sakura... Eu sei que você está apaixonada, mais encontre alguém que te dá valor! As vezes nosso par ideal está na nossa frente, mais não damos conta. Ou o Sasuke pode estar com outra garota na cabeça, sei lá! - Eu disse

- Bem não importa, só quero que ele esteja feliz...

- Vai lavar o seu rosto no banheiro da Naruko, você não se importa né!

- Não! Pode ir Sah, a gente vai te esperar!

   Ela saiu e entrou na porta ao lado, bem nessa hora Ino me olhou com uma cara incrédula, sentamos uma do lado da outra na cama e começamos a cochichar:

- Como que você teve coragem de falar aquilo!? A Sakura vai ficar mais chateada e talvez o Sasuke ainda goste de você! Imagina se a Sakura nota! É como somar 2 2!

- Eu sei! A Sakura não é burra! Se algo acontecer eu vou falar com ela! Vamos sentar e conversar como pessoas civilizadas.

- Sei...

   Paramos de cochichar e logo em seguida ouço batidas na porta, abro a porta e me deparo com dois olhos perolados e tímidos por trás da porta, era Hinata, eu na hora deixei meu queixo cair no chão! Hinata estava 100% diferente! Ela tinha tomado uma dose pesada de formol para ficar com aquelas curvas! Ela me encarou por um instante e disse:

- Oi Naruko-chan! Posso entrar?

- Hinata! Entre!

   Ela estava tímida como sempre, ela veio avisar para descermos, pois já tinha chegado um pouco mais de gente, Sakura disse que queria ficar mais um pouco no banheiro, eu não a incomodei, pois ela precisava de um tempo sozinha (ATÉ PORQUE FUI EU QUEM CONVOCOU A DESGRAÇA NA TERRA), Hinata e Ino foram descendo na frente, eu fiquei tempo o suficiente para ficar sozinha, eu escutei um soluço da Sakura... DROGA! Eu sou uma covarde, não sou capaz nem de consolar uma amiga...
   Saí do quarto me sentindo um lixo, quando olhei para baixo quase desmaiei, havia um deus grego de olhos perolados tomando vodka lá em baixo, pelo visto era o mais comportado de todos! Quando eu olhei de novo meu queixo caiu... Era Neji, aquele menino chato e egocêntrico virou um deus grego? Em que mundo estou senhor?
   Desci as escadas e estava cumprimentando todos e fui até ele, cheguei na sua frente e agradeci por ele estar sozinho, ele me estudou por uns 10 segundos, então eu me sentei ao seu lado e eu falei:

- Quanto tempo Neji!

- Naruko! Nossa você está diferente...

- Você também... Quem diria que uma pessoa chata e egocêntrica feito você iria virar isso...

- Você não é o maior exemplo para falar de mim! Olha só pra você... - Então ele começou a passar a mão pelos meus cabelos, eu estava ficando corada.

- Linda...

- Você é um galã de novela quando bêbado sabia?

- Só quando estou bêbado mesmo... - Ele fala com uma voz sedutora

- Neji...

- Sim?

- Com licença, eu acho que alguém está me chamando...

- É só impressão.

- Mais ainda assim eu prefiro ir lá confirmar, licença...

   Saí de lá toda vermelha, é impressão minha ou aqui está um calor? Fui até a cozinha para pegar um copo de vodka, até agora só vi nessa festa Ino, Sakura, Shikamaru, Hinata, Naruto, Kiba, Lee, Neji e Chouji. Peguei o copo e o virei de uma vez só, era boa a sensação do líquido queimando na minha garganta, devo ter bebido mais uns 3 ou 4 copos pois saí da cozinha animada, Sakura havia saído do quarto e estava afogando suas mágoas no saque, ela pegou uma garrafa e foi para o banheiro mais uma vez, provavelmente estava bêbada, Lee estava fazendo uns abdominais enquanto chorava, Ino estava requebrando com Shikamaru e Chouji por motivo nenhum e Naruto tinha sumido com Hinata.
   Só tinha o Neji no canto da sala me secando, eu já ia gritar com ele quando a campainha toca, provavelmente é algum idiota atrasado, ao abrir a porta eu fico pasma.
   Sasuke está simplesmente lindo! Eu estou uma pirralha perto dele, fico exatamente no seu ombro, ele me encara e olha com uma cara analítica, eu resolvo sacanear e digo:

- Não precisa babar.

- Digo o mesmo Naruko.

- Hunf! Entra logo babaca!

Sakura POV

   Eu sou muito fraca, estou aqui me afogando em saque enquanto meus amigos estão se divertindo lá fora, eu não me importo, eu sei que o Sasuke-kum já deve ter chegado, não quero que ele me veja assim, também não quero sair daqui mais o saque acabou, então eu tenho de pegar mais acho que vou a cozinha...

Naruko POV

   Ele me segue para dentro e eu o guio até a cozinha, preciso conversar com ele sem a presença de ninguém, muito menos Neji, quero saber o porque de ele ter feito aquilo com a Sakura, chegamos ao local e eu puxo um assunto:

- Como você está?

- Ótimo, aonde está o Naruto?

- Desapareceu com Hinata...

- Coitada da Hyūga...

- Vai voltar toda roxa...

- Você quer ficar igual a ela?

- Nem vem seu babaca! Palhaço! Estúpido!

- Calma! O que foi que eu fiz?

- Porque você humilhou a Sakura?

- Quando isso?

- Ano passado! A Ino me contou tudo!

- Se você quer saber eu não quis ficar com a Sakura eu vou te dizer! - Diz ele bem estressado - Porque ela não tem um pingo de sal! Só sabe grita "Sasuke-kum", fez um lozangulo ridículo na testa, que aliás parece um heliporto...

   Ele parece encarar algo, quando eu olho para trás eu falto desmaiar... Sakura tinha acabado de entrar na cozinha, então ela deve ter ouvido alguma parte da conversa:

- Sakura...

- Sasuke-kum...

- Olha...

- COMO VOCÊ PODE DIZER ALGO ASSIM!? SASUKE EU AMO VOCÊ E É ISSO QUE EU RECEBO!?

- Sakura eu nunca correspondi! Deixa de drama sua louca!

- Sasuke!

- VOCÊ DEVERIA NO MÍNIMO RESPEITAR O SENTIMENTO DOS OUTROS! SEU BASTARDO!

- Sakura me ouça, se acalme...

- Naruko deixe ela botar pra fora.

- EU PERDI ANOS E MAIS ANOS DA MINHA VIDA CORRENDO ATRÁS DE VOCÊ, ME HUMILHANDO POR SUA CAUSA, NA ESPERANÇA QUE ALGUM DIA EU FOSSE AMADA E REXONHECIDA POR VOCÊ! QUER SABER DE UMA COISA!? CANSEI! VAI PARA O INFERNO SASUKE UCHIHA!

   Ela saiu da cozinha aos prantos, aquilo não parece ter chamado tanta atenção, pois todos estavam de boa depois da DR, eu corri atrás de Sakura para conversar mais a única coisa que ela me disse foi:

- Naruko, sinceramente obrigada por ter me chamado para a festa, eu não estou brava com você, pois você não é o Sasuke e não tem culpa do que ele fala nem dos seus atos, mais eu quero ir pra casa, aliás, eu quero ficar sozinha.

   Com isso ela bateu a porta e se perdeu pelo ar da noite... Eu fico estupefata e já ia cair no choro, mais alguém me abraça por trás e fala:

- Ela tem razão, você não tem culpa dos meus atos.

   Sasuke beija o topo da minha cabeça e me aperta mais forte, odeio admitir mais eu senti falta dos seus beijos, dos seus abraços lá, resumindo, senti falta dele em si. Enquanto estamos sentados no chão e abraçados sinto o olhar fulminante de Neji sobre nós, e então me lembro... O que eu penso que estou fazendo? Eu estou traindo a confiança da Sakura...
   Sinto algo quebrando dentro de mim, a culpa me consome, mais isso não importa mais, eu simplesmente me solto de Sasuke e vou para o meu quarto, Dane-se essa festa, Dane-se os convidados, eu só quero dormir.
  
QUEBRA DO TEMPO

  Já é de manhã, mamãe e papai ainda não chegaram e como combinado, as nossas empregadas limparam tudo e agora está tudo brilhando, provavelmente expulsaram o pessoal aqui de casa, foi só eu ver a câmera que tive uma vontade de chorar, haviam várias fotos, inclusive da Sakura, e um monte do Sasuke e da Ino se esfregando, tive vontade de matar a Ino por breves segundos, até lembrar que nós dois não temos mais nada haver um com o outro.
   Subi para o quarto do Naruto e vi a Hinata dormindo de cochinha com ele, eu já liguei para o senhor Hiashi, para dizer que eu tinha pedido para ela dormir aqui pois tínhamos que resolver a questão de sermos colegas de quarto, porque é isso o que as amigas fazem! Eu acordei ela para nos safarmos logo:

- Hinata!

- Naruko? - Falou sonolenta

- Vamos para o meu quarto, já falei uma desculpa para o seu pai, já uma desculpa nunca vai funcionar para minha mãe, vem logo, eu digo que tínhamos que discutir o fato de sermos colegas de quarto!

- Nossa, eu nem sabia disso.

   Nós duas saímos do quarto e revezamos o banheiro, nós arrumamos e bagunçamos a cama extra que havia no meu quarto, como se a Hinata tivesse dormido ali, depois nós sentamos e eu perguntei a ela:

- Hinata, você e o Naruto chegaram a...

- Não! Claro que não!

- Eu jurei que já havia acontecido! Eu pelo menos já não sou mais virgem.

- Eu ainda sou, mais eu...

   Bem nessa hora minha mãe entra no quarto com um cheiro de saque fortíssimo, ela olha para mim e depois para Hinata e fecha a porta, deve estar bêbada, eu resolvo cuidar da minha mãe enquanto Hinata cuida do planejamento do quarto.
   Descemos para tomar café e minha mãe sugere que já levemos algumas coisas para o nosso dormitório, assim como teríamos que comprar móveis, comida e materiais de limpeza... Eu serei péssima dona de casa, pois acho tudo isso muito chato, brincar de casinha é MUITO CHATO!
   Passamos na residência dos Hyūga para pegar as malas da Hinata, digamos que os Hyūga são no mínimo megalomaníacos por luxo, tudo parecia estar em perfeito alinhamento, e tudo bem branco! Entramos lá e Hinata foi fazer suas malas, eu como uma ótima visita que sou, comecei a passear pela casa que por acaso eu já conhecia de cor e salteado, passei muito tempo aqui! Hinata sempre ia dormir lá em casa ou eu vinha dormir aqui, tanto que conheço Hanabi, Neji e Hiashi melhor que qualquer empresário sócio dos Hyūga.
   Vou direto para meu local predileto, o terraço da mansão, parece que posso ver o mundo daquele lugar, eu chego lá e noto que nada mudou, eu fico perto da barra e deixo a brisa levantar os meus cabelos, quando alguém toca de leve na minha cintura quando me viro me deparo com ele:

- Neji?


Notas Finais


Gostaram?

BEIJOS DE RAMEN


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...