História Mais uma história de amor (imagine jin) - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais
Tags bangtan bots, Imagine, Seokjin
Visualizações 18
Palavras 683
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Festa, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Obrigada mesmo pelos 28 favoritos meu amores!!
Aqui está maus um capitulo (bónus) por ter ficado dias,semanas ou até meses vos escrever algo
Então disfrutem da leitura!

Capítulo 12 - Confessando sentimentos


Fanfic / Fanfiction Mais uma história de amor (imagine jin) - Capítulo 12 - Confessando sentimentos

 

*Inês on*

Acordei com o sol a bater-me na cara, levemente abri os meus olhos para me acostumar á claridade. Tentei me levantar sem fazer muito barulho pois Jimin ainda estava dormindo. Mas não valeu de muito pois mal me levantei ele acordou.

Jimin: bom dia loirinha

Inês: bom dia Jimin! Estas com fome?

Jimin: por acaso até tenho!

Inês: vou ver se elas querem comer também para preparar a comida a contar com elas, já venho!

Jimin: ok, quer que eu te ajude a preparar o pequeno almoço?

Inês: você sabe que cozinhar?

Jimin: sou um homem muito prendado, mentira, apenas viver com o “Ás” na cozinha dá nisso. Vá se aprendendo algumas receitas.

Inês: ahhh assim. -Disse indo á procuras das meninas, mas como já devia saber que hoje é domingo e nós comíamos sempre fora- elas não estão!

Jimin: então só conto com nós dois?

Inês: sim.

Jimin: o que você quer comer?

Inês: você sabe fazer panquecas?

Jimin: sim, mas você vai me ajudar!

Inês: sim Sr. Capitão! -disse pondo a mão junto á testa como fazem os militares, fazendo-o rir.

Começamos a misturar os ingredientes, mas na hora que era para bater a massa Jimin me disse que era á mão que se batia, ele deu-me uma colher para a mão e eu comecei a bater de forma a deixar os ingredientes tipo massa.

Inês: isso assim dá muita dor de braço não posso simplesmente bater com a batedeira?

Jimin: não, faz assim.- disse ele pegando na colher juntamente com o meu braço ficando atras de mim, com nossos corpos colados, (com um homem desses em casa, meu deus não saia mais de casa). -Vê se você fizer com calma já não fica com dores nos braços.

Inês: você fala isso porque já cozinha á muito tempo. -digo me virando para ele fazendo nossas ficarem uma em frente á outra.

Quando me virei nós ficamos cara a cara, em um impulso ele me beijou, o beijo era calmo transmitia amor de verdade, deixei-me levar no beijo, porque sinceramente eu estava gostando eu nunca havia sentido isso por ninguém, eu podia não conhecer Jimin como meu Ex-namorado, mas eu sentia realmente algo forte por ele e eu percebi que ele sentia o mesmo. Paramos por falta de ar, mas logo continuamos, o beijo permanecia calmo, embora calmo ele me pegou ao colo me pondo em cima da bancada ficando com minhas pernas entrelaçadas no seu tronco, em outro momento ele me pegou e me levou para o quarto, me deitou na cama tirando sua camisa ficando com o tronco nu.

Inês: Jimin, antes de continuar eu preciso saber o que você sente por mim, eu não me quero iludir, não novamente.

Jimin: acredite se eu não gostasse de você de verdade eu não estava aqui, eu gosto sim, eu não sou como a maioria que só quer curtir e depois põe as raparigas de lado como se fossem meros objetos. Inês, eu sei que isso não é a melhor maneira de pedir alguém em namoro, mas…você quer namorar comigo, eu prometo estar aqui sempre quando você mais precisar, te apoiar em todas as decisões, eu não te vou largar nem por nada, eu te amo de verdade. -lancei umas pequenas lagrimas fora, eu não sou muito de chorar, mas Jimin acho que mudou isso, eu espero que ele esteja falando a verdade. -Ei, não chora.-ele disse limpando as minha lagrimas.

Inês: eu espero que você esteja a falar a verdade.

Jimin: eu nunca falei tão sério como eu estou falando com você.

Inês: sim, eu aceito.

Jimin: te farei uma mulher feliz, basta confiar.

Inês: eu confio. Mas me fala uma coisa.

Jimin: diz.

Inês: você trabalha né?

Jimin: obvio!

Inês: em quê?

Jimin: trabalho uma pequena empresa, não me considero um empresário, mas é perto, kkk, mas porque você quer saber disso agora? -ele disse me nado um selinho.

Inês: simplesmente conhecendo melhor meu namorado, ué!

Jimin: te amo. -disse ele me beijando o pescoço

Inês: eu também. -digo pondo minhas mãos em seu rosto e beijando ele

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Então,o que acharam?
Espero que tenham gostado!
Até ao próximo capitulo amores


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...