História Maktub - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Tags Acnolu, Frelu, Galu, Graylu, Ignlu, Jellu, Lalu, Lolu, Metalu, Midlu, Myser, Nali, Rolu, Rulu, Skilu, Stincy, Tags Malucas, Weisslu, Zerlu
Exibições 82
Palavras 986
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Harem, Hentai, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Universo Alternativo, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Yoo Minna, então essa não é a minha primeira fic mas é a minha primeira sobre fairy tail então espero que gostem e perdoem meus erros.

Capítulo 1 - Chegada.


-Yooo Minna, meu nome é Lucy Heartfilia tenho 16 anos e moro na cidade de Crócus pelo menos morava já que hoje estou me mudando pra Magnólia pra falar a verdade estou voltando pra Magnólia já que morava lá enquanto criança, mas após a morte dos meus pais em um acidente eu fiquei sozinha já que não tinha nenhum parente, mas logo minha tia Áquarius que é um Espirito celestial que minha mãe tinha a chave já que ela era uma maga celestial, começou a cuidar de mim e até hoje cuida a única diferença é que agora temos a Virgo que também é espirito celestial só que eu que conseguir a chave dela (pois é também sou uma maga celestial) então elas começaram a cuidar de mim e acharam melhor eu mudar de cidade já que Magólia me trazia muitas lembranças dos meus pais e assim fui parar em Crócus.

Agora estou estou dentro do trem com o Plue ( Espirito celestial)  pensando em como será minha vida daqui em diante na cidade que eu tanto amei, estava viajando no mundo da lua quando ouço alguém fala comigo:

-Hey loira, posso me sentar aqui do seu lado?- pergunta um garoto de cabelos azuis com uma tatuagem vermelha nos olhos (cara ele me lembra muito alguém)
-Ah sim claro- falo indo um pouco pro lado pra ele se sentar
 -Então como é seu nome?- pergunta o azulado ( muito lindo por sinal )
-Lucy, Lucy Heartfilia- falo
-LUCY- ele grita me assustando - OH MEU DEUS QUANTO TEMPO - ele grita denovo
-Oi?? você me conhece de onde?? - pergunto ainda assustada
-Você não tá lembrada de mim não é? -ele pergunta sentado no cantinho da depressão 
-Desculpe mas não tô me lembrando - falo meio sem graça 
-Sou eu Lucy o Jellal - fala - Jellal Fernandes ele completa
-Jellal?? - falo tentando lembrar de onde conheço esse nome
-Jelly - ele fala corado, ao ouvir esse nome uma luz se acende na minha mente e vários flash´s começam a 
-AH MEU DEUS JELLY - grito pulando em cima dele 
-Ok Lu sei que você me ama mas você tá quase me matando sufocado - ele fala com dificuldade 
-Desculpa Jelly mas a saudade foi maior - falo envergonhada
-Sem problemas Lu mas iai como anda sua vida? - pergunta me olhando
-Ótima e a sua? - pergunto
-A minha tá muito melhor agora - ele fala piscando pra mim
-Idem - falo
-Então o que te trás de volta a Magnólia - pergunta
-Minhas tias acharam melhor eu voltar e como diz o maluco do Igneel Papai meteu mamãe gemeu e aqui tô eu ( gente peguei essa frase de alguma fanfic então se achar essa frase por ai não se assustem e os créditos são todos pra essa autora ou autor que eu esqueci o nome) - falo rindo acompanhada do Jellal
-Ah, a Áquarius está aqui? - pergunta olhando pros lados nervoso ( isso é algo que minha queridissima tia causa nas pessoas até mesmo no Jelly que conhece ela desde sempre)
-Calma Jelly ela tá no mundo espiritual em um encontro com  o tio Scorpion - falo
-E como anda o Scorpion? Ele ainda é meio maluco- pergunta
-Super - falo - ele continua o mesmo só que mais bonito - continuo e dou risada
-Que a Áquarius não te ouça - fala - Ainda lembro de como ela é ciúmenta - continua rindo
-Mas ela sabe que é brincadeira afinal ela sabe que depois da morte dos meus pais eles são como pais pra mim - falo meio triste
-Desculpa ter feito você lembrar disso - fala o Jelly triste, pois ele era muito apegado aos meus pais também 
-Tudo bem Jelly, mas então me conta ai como tá os meninos a Wendy-Chan e a Levy-Chan - pergunto
-Eles estão ótimos, morrendo de saudades mas ótimos, principalmente a Levy que tá triste por não ter ido te visitar nos últimos meses, e o Rogue e Sting sairam da Saber e voltaram pra Fairy Tail - ele fala
-Nossa que ótimo isso significa que quando eu chegar vou encontrar todos de uma só vez - falo
-É isso ai - ele ri - Aliás você está muito mais linda que antes se é que é possível - ele fala corado já que sempre teve uma queda (abismo) pela loira
-Ah obrigado Jelly, você também está muito bonito como sempre - falo sorrindo e corando fazendo certo azulado corar mais ainda
-Então Lu o Plue continua super apegado a você pelo que eu tô vendo - ele fala
-Sim, como sempre - fala a loira
-Hum, mas então arrumou algum namorado durante esse tempo que não nos falamos?? - pergunta o azulado torcendo pra que a loira não tenha arrumado
-Nop, quem me dera - fala a loira meio cabisbaixa
-Sério??, mas você é tão linda como não teve nenhum?? - perguntou
-Sei lá, na certa eu não sou boa o bastante pra  nenhum garoto - falo rindo
-Pra mim você é perfeita - logo o azulado percebeu o que falou e corou
-O-o-obrigada J-Jelly - gaguejo um pouco (muito), mas logo me recupero e pergunto - e você tá namorando?
-Não, ainda tô esperando a garota certa - fala e olha pra mim discretamente (só que não)
-Ah - Depois disso ficamos conversando coisas banais até que sinto meu corpo amolecendo e acabo adormecendo

                                                                              Lucy off - Jellal on
             Estavamos conversando coisas banais até que a Lucy adormece com a cabeça no meu ombro me fazendo corar e pra piorar as pessoas que as vezes passa pela gente e fala que formamos um lindo casal fazendo assim eu corar mais ainda  
-Lucy, Lucy achei que ia conseguir esconder que te amo mas tá difícil - após falar isso o azulado acaba adormecendo com a cabeça em cima da cabeça da loira.


 


Notas Finais


OEEEE denovo minna agora vou falar pra vocês algumas curiosidades sobre o capitulo então vamos lá

-Mesmo morando em Crócus Lucy sempre manteve contato com os amigos principalmente com a família Fernandes que nessa fic Levy e Wendy também fazem parte

-Nessa fic Lucy não conhece as meninas só a Levy e a Wendy

-O Jellay sempre teve uma queda (abismo pela loira) e sempre fez de tudo para conquista-la mesmo não sendo o único

Então é isso ai Minna até depois beijinhos da tia Bru

Ps:Caso eu demore pra postar o próximo capítulo sorry é que tô sem Pc e meu celular tá horrível


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...