História Maldito Coração Gelado - BTS - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Imagine Bts, Imagine Suga, Imagine Yoongi, Suga, Yoongi
Exibições 128
Palavras 1.907
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Famí­lia, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hello I'm J-Hope -q

Tud bom gente? Tanto tempo... 14 dias...
Ta foda a situação ein assuaushuasuaus

Bom '-' n tenho oq falar de vdd ;-; #savemarinajackson :v

Capítulo 9 - Cap. 8


POV’s Sun-Hee On

            

   Quando cheguei em casa ainda já eram 20:37, já ia me despindo pra tomar banho quando meu celular toca, uma ligação da minha mãe

 

Ligação On

 

Alô

Annyeonghaseyo Omma!

Oh minha filha, como vai você?

Ah omma, estou bem e a senhora?

Aigoo, não me chame de senhora e sim, estou bem

Como esta ai no Brasil?

Aish... Aqui esta um pouco complicado

O que aconteceu? Me conta logo omma

Médicos diagnosticaram sua avó com Leucemia Mielóide Aguda

Ai meu Deus...

O tratamento vai ser iniciado na semana que vem então estamos de certo modo aliviados

Mas omma, você sabe que esse tipo de Leucemia pode se tornar fatal em semanas ou até meses

Cremos que não acontecerá nada a sua avó

Espero isso também

Mas então filha, mudando um pouco de assunto, você tem novidades ai?

Estou achando que vou entrar em uma depressão

Larga de ser dramática garota!

Aigoo, tudo bem, daqui a pouco vou me encontrar com papai e sua nova família

O-oh, que ótimo filha

Nem muito, gostaria que ainda vivêssemos juntos aqui na Coreia, como antigamente

Infelizmente filha, nem tudo gira ao nosso favor

É verdade, agora tenho que ir omma, se não vou acabar me atrasando

Okay filha, até mais

Até

 

Ligação Off

 

    Desliguei o celular, terminei de me despir e entrei no banheiro. Depois do banho, me seco e vou até o guarda-roupas ver o que vou usar

   Depois de um tempo me arrumando, vou de encontro a portaria onde Kazuko se encontrava, ele então me levou até um enorme restaurante que aparentava ser bem famoso aqui na região, espera, eu, eu conheço esse restaurante, entrei no mesmo prestando atenção em cada canto do local. Mamãe, papai e eu costumávamos vir aqui aos domingos a noite, bons tempos... Vou até a recepção e anuncio meu nome, ao dizer meu nome um mordomo aparece e me leva até onde meu pai estava e provavelmente minha madrasta e irmãos (?) Não sei ainda...

 

   Sun-Hee: Annyeonghasimnikka – cumprimento os presentes

   Pai: Annyeonghaseyo Sun-Hee, está é Kim Ji-hye sua madrasta e esses são seus irmãos gêmeos, Bang Ji-Hoon e Min Eun-Yeong – um lindo casal de bebês é apresentado

   Sun-Hee: Prazer – falei me juntando a mesa

   Ji-Hye: Prazer em conhece-la também, mas você poderia segurar o Ji-Hoon pra mim por favor? – só agora me dei conta e vi que Ji-Hye estava com duas crianças no colo, então peguei o garotinho

   Sun-Hee: Ah sim desculpa – falo e sorri tímida

 

   Só com aquele jantar descobri várias coisas sobre Ji-Hye e meus irmãos, Ji-Hoon e Eun-Yeong tem apenas um aninho e meio e são uma fofura, tirando o fato de ambos puxarem meu cabelo quando estão perto. Ji-Hye é professora de universidade mas esta afastada para cuidar desses criaturinhas e agora a pouco estava me contando como conheceu meu pai, fiquei um pouco desconfortável pois quando eles se conheceram, meus pais e eu ainda vivíamos juntos aqui, na Coreia. Enfim, o jantar foi ótimo, conheci minha madrasta que por sinal é bem legal, meus lindos irmãozinhos e pude relembrar cenas de mim e meus pais aqui neste restaurante antigamente, quando eu apenas era uma criança.

 

   Agora, já em casa vou até meu quarto, tomo um banho quente e um tanto demorado para depois me vestir e deitar-me na cama. Sem muito o que fazer pego meu celular e começo a conversar com Amy que me contava animadamente que ao terminar o curso do idioma coreano, iria o mais rápido o possível pra cá só pra me encontrar.

 

   (*2) Uma semana depois, depois da aula eu e aquele povo do colégio decidimos ir a uma cafeteria discutirmos como iríamos apresentar o trabalho. Nesse exato momento ao invés de estarmos discutindo sobre o trabalho, estamos tentando parar uma criançona e suas vontades de devorar tudo

   Olenji: Vamos pedir alguma coisa, estou com fome – disse cruzando os braços e apresentando-nos um projeto de biquinho

   Hinata: Se você for pagar – deu de ombros

   Olenji: Unnie~! Por favor... – pediu manhosa

   Aiko: Alguém por favor compra alguma coisa pra ela para de birra – suspirou cansada

   Yudi: Não tenho dinheiro – cuspiu as palavras o mais rápido o possível

   Yumi: Aish, os garotos de hoje em dia... só nos decepcionam – falou cobrindo o rosto com a mão e balançando a cabeça negativamente

   Olenji: Alguém me ajuda – choramingou

   SunShinie: Alguém ajuda essa criança – disse um tanto alto por estar perdendo a paciência

   Mi-Cha: Aigoo! Deixa que eu pago alguma coisa pra ela! – falou levantando e se direcionando para o balcão sendo seguida de perto pela criançona

   Sunshinie: Olha, vamos começar logo com isso porque daqui a pouco eu tenho que trabalhar – falei abrindo a mochila pra pegar um caderno e uma caneta

   Aiko: Okay. Bom, pelo que parece, Olenji e Hinata fizeram a pesquisa, eu, você e Yumi fizemos os cartazes e vamos segurá-los na apresentação, e Yudi e Mi-Cha cuidaram da parte teórica

   Yudi: É O QUE? PORQUE EU VOU FICAR COM A PARTE TEÓRICA? – gritou chamando atenção de algumas pessoas ao redor

   Sunshinie: Primeiro, não grite, estamos em um lugar publico, segundo você vai ficar na parte teórica porque eu quero, e além do mas, Mi-Cha também vai ficar com a parte teórica – respondi o fitando

   Yudi: Só por você querer? – perguntou fazendo uma careta brava

   Sunshinie: Sim, agora já chega – terminei o assunto assintindo Mi-Cha e Olenji voltarem em silencio, Mi-Cha com uma carranca na cara e Olenji aos pulinhos toda feliz

   Aiko: Deixa eu adivinhar – fez um careta pensativa – Olenji te fez pagar o doce mais caro da loja – apontou para Mi-Cha que se sentava novamente

   Mi-Cha: Não só isso! Ao invés dela pedir o negocio logo ela ficou conversando com uma moça lá – deu de ombros

   Olenji: “Moça lá” não! Ela tem nome e o nome dela é Carolina – defendeu a moça

   Mi-Cha: Tanto faz – encolheu os ombros demonstrando indiferença

   Sunshinie: Então, vocês já sabem o que vão fazer na apresentação, certo? – me vi no dever de intervir já que pelo meus cálculos Olenji iria retruca-la

   Olenji: Ah.. sim, no meu caso eu não irei fazer nada – disse enquanto arrumava a franja

   Sunshinie: Já que você e Hinata não teriam mais o que fazer, vocês vão ajudar Mi-Cha e Yudi na parte teórica – disse olhando cada um ali presente e recebi dos quatro um olhar reprovador – Melhor, todos vamos falar pelo menos alguma coisa sobre o trabalho na apresentação, todos de acordo?

   Aiko: Querendo ou não vai ser isso pronto fechou – encerrou o assunto, depois de mais alguns minutos falando sobre aleatoriedades da vida, uma moça muito, mais muito parecida com a Amy pareceu com o suposto pedido da Olenji

   Carol: Boa tarde! Aqui esta seu pedido Min-Seo – disse entregando a Olenji sua sobremesa

   Olenji: Carol, já disse que pode me chamar de Olenji – assegurou-lhe

   Carol: Oh me desculpe, Olenji – falou e pude ver seu rosto adquirir um leve tom rosado

   Olenji: Aproveitando que você está aqui, Carol, estes são Aiko, Yudi, Sun-Hee, Hinata, Yumi e a Mi-Cha que estava comigo no balcão – apresentou-nos apontando para cada um – E pessoal, essa é a Carolina Midori, minha mais nova amiguinha – falou sorrindo abertamente, aquele tom rosado que Carol adquiria se transformou em um tom vermelho mas de qualquer modo leve  

   Carol: P-prazer – falou timidamente com um sorriso no rosto

   Sunshinie: O prazer é todo nosso – falei depois de alguns segundos -que mais pareciam horas– de silencio

   Olenji: Carol, você não quer ficar aqui com a gente pra conversar? – perguntou animada

   Carol: É que eu não posso, tenho de trabalhar – falou meio tristonha

   Olenji: Então me empresta seu celular – estendeu a mão, Carol a olhou meio sem entender mas entregou o celular, depois de Olenji provavelmente ter salvo o próprio numero lá, devolveu o celular para as mãos da dona – Depois você me liga ou me manda mensagem – falou sorrindo

   Carol: Certo – sorriu de volta antes de se despedir e ir embora

   Sunshinie: Acho que já vou indo – falei me levantando – mas antes – peguei a colher da mão de Olenji e roubei-lhe um pedaço da sua sobremesa

   Olenji: Yah! Sua ladrazinha de sobremesas – brincou – Até mais – despediu-se enquanto acenava freneticamente

   Sunshinie: Até mais pessoal – me despeço e saiu da cafeteria. Como meu apartamento não era muito longe dali, fui andando mesmo.

   Chegando no apartamento, eu tomo banho, me troco (*3) e aproveito pra almoçar, ligo para Kazuko pedindo que me pegasse aqui em casa e me levasse até a empresa. E foi o que aconteceu. Agora entrando na empresa, sigo meu caminho até onde espero encontrar eles e ao entrar no escritório me deparo com um Hoseok correndo atrás de um Taehyung que ria alto, um Jin dançando a musica de um girl group com os olhos vidrados na TV que aparentemente passava seu MV, um Jimin com seu Ipad que tocava uma batida alta e viciante brincando com um Jungkook que estava sentado apenas rindo da dançinha que Jimin fazia ao som das batidas, um Namjoon hiper concentrado em algo que assistia no celular e um Yoongi... a Yoongi esta dormindo em uma cadeira.

   Vou até Namjoon e ao cutuca-lo na coxa vejo-o sobressaltar-se na cadeira desligando o celular e tirando os fones rapidamente.

   Sun-Hee: Namjoon é amanha que vocês só vão treinar, certo? – perguntei digamos que bem alegre pra situação

   Namjoon: Awn.. Que? – me encarou diretamente nos olhos - Aah! Sim, sim. E na maioria dos dias da semana que vem.  Provavelmente amanhã não terá necessidade de você vim – falou depois de alguns segundos me encarando

   Sun-Hee: Aah, sim, que bom, eu acho – falei enquanto me levantava para ir embora – Hey Namjoon, assim... aconselho você a parar de ver vídeos educativos e procurar uma namorada logo – falei por cima do ombro recebendo um riso sem graça de Namjoon, apenas dou um meio sorriso – mesmo que de costas pra ele – e sai dali. Depois de alguns minutos juntando aquele povo todo, eu os avisei que teriam uma entrevista no Star Attack e que teriam que se preparam, e foi o que fizeram, depois eles foram maquiados e bem penteados. Quando já estávamos indo pra van, que por sinal nos esperava, uma moça de cabelos pretos e presos num coque corria desajeitadamente, acredito eu que por causa do salto, em minha direção. Ao se aproximar

   Sun-Hee: Sim?

 - Senhorita Sun-Hee, seu pai pediu que a senhorita não fosse hoje com os garotos e conversasse com ele – falou um pouco ofegante

   Sun-Hee: Certo, obrigada – respondi e observei a moça entrando no prédio pensando em suas palavras “Seu pai pediu que a senhorita não fosse hoje com os garotos e conversasse com ele”. Ta agora fiquei curiosa pra sabe o que é. Corro até os garotos e os explico porque não vou, acredito eu que eles ficaram bem, afinal, outros staffs cuidaram deles. Entrei novamente no prédio e segui até o escritório de meu pai, entro e o encontro lá, mexendo em alguns papeis – Bom dia Appa – falei fechando a porta atrás de mim

   Appa: Bom dia Sun-Hee, tudo bem com você? – perguntou deixando os papeis de lado

   Sun-Hee: Sim, sim. Agora me diz, o que o senhor queria conversar comigo? – me aproximei de sua mesa e sentei-me em uma das cadeiras

   Appa: Bom, eu queria te perguntar se você não tem interesse em fazer um filme com os meninos?


Notas Finais


N sei mais acho q ta grande ;-; ainda n vi o tanto de palavras :v mas acho q é isso e nois se ve por ai

___hadoro_comentarios_-q

Roupinha da Sun Hee (*1)
http://www.polyvore.com/passeio_noite/set?id=207902357

Roupinha da Sun Hee (*2)
http://www.polyvore.com/cgi/set?.locale=pt-br&id=209983542

Roupinha da Sun Hee (*3)
http://www.polyvore.com/cgi/set?.locale=pt-br&id=209983875

Fanfic das abiginhas:
VKook - https://spiritfanfics.com/historia/vkook-i-love-you-jungkook-6199960
Outra VKook - https://spiritfanfics.com/historia/afraid-to-love-you-6475413
Imagine Sehun - https://spiritfanfics.com/historia/duas-palavras-que-mudaram-uma-pessoa-6257888

Olha q coisa mais linda mais cheia de graça é uma nova Fic da abiguinha~
Incesto VKook - https://spiritfanfics.com/historia/this-is-love-vkook-6728337

pERdOa NoIS sE eu deMOReI MUiTo PrA pOSTA OkAy bJSU
até algum outro dia bye


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...