História Mamãe — Imagine Jimin - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin
Visualizações 354
Palavras 696
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem
Desculpa os erros
Boa Leitura!

×O próximo capítulo de My Hybrid esta sendo escrito×

Bjss e até nas notas finais!

Capítulo 2 - "Barulhos"


Fanfic / Fanfiction Mamãe — Imagine Jimin - Capítulo 2 - "Barulhos"

Mamãe — Imagine Jimin

•°•Barulhos°•°

Me chamo S/n, tenho 20 anos e namoro um homem chamado Park Jimin, de 24 anos, hoje estamos indo para um acampamento, praticamente estou sendo obrigada a ir, Jimin as vezes é um cara legal, as vezes um cara chato, esses dias ele vem muito estressado, e para não estressa lo mais, apenas concordei em vir 

—Já estamos chegando?

—Falta pouco

—Certeza?

—Sim, agora calada

—Chato

—Eu ouvi

—Que bom *sorriso*

Aproveitando que estava sem assunto, pus em uma música, o nome dela era ____, não conhecia mas parecia legal, fui dançando conforme o ritmo, até Jimin desligar o rádio 

—Ei!

—Chegamos 

Olho em volta e vejo as árvores e uma casa, saio do carro e fico a admirar a vista, era um lugar lindo

—Vamos então, quero ter tempo de arrumar a barraca e sair para explorar

Começamos a  andar pela mata, realmente era um lugar lindo, porém, cheio de insetos, exploramos muito o lugar, armamos nossas barracas e assamos algo para comer

—Amor vem aqui 

Jimin me chama na barraca, entro e o vejo somente de cueca

—Coloca uma roupa Jimin

—O Jimin quer que a S/n venha satisfaze lo

—Hum... Deixa eu pensar... Não 

—Menina ousada

Ele me puxa e fica por cima de mim

—Quero sentir sua boquinha, quero sentir seu gostinho, e sei que você também quer isso

Ele começa um beijo quente, feroz, e cheio de desejo, começo a ceder aos poucos, sinto sua mão descer até minhas coxas, que logo são apertadas, sem querer deixo escapar um gemido baixo, Jimin acaba escutando e dando uma risadinha 

—Hoje você é minha

Ele começa a me despir, deixando eu exposta a ele, seus beijos vão descendo aos meus seios, onde um é abocanhado, com sua outra mão, ele desce até minha intimidade, apertando a de leve

—AAA—gemo arfado

Logo sinto seus dedos me penetrando, aperto minhas mãos, puxando os fios de cabelos de Jimin, ele sela nossos lábios, dando vários selinhos demorados 

Antes mesmo de gozar, Jimin tira seus dedos de minha intimidade, fazendo sair um resmungo de minha boca. Mudo nossas posições, ficando eu por cima e ele por baixo, desço até seu pênis, deixo um selar e rapidamente coloco o em minha boca

Começo a masturba lo com a boca, e com o que sobrou já que não cabia tudo, eu usava as mãos, Jimin joga a cabeça para trás  abre sua boca, deixando escapar um gemido manhoso, por fim ele acaba gozando em minha boca

—Abra a boca—abro e eu não tinha engolido seu líquido—engula—engulo e logo abro novamente a boca—boa garota, agora é minha vez de sentir seu gostinho baby—muda as posições 

Apoio meus cotovelos na cama de ar, dando me a visão de Jimin que massageava minha vagina com suas pequenas mãos que le fazer fica louca. Sinto sua boca em minha intimidade, mordo os lábios contendo o gemido, ele então começa a chupar mais forte, já havia entendido seu recado, quando sinto sua língua em minha vagina deixo um gemido alto sair, deixando Jimin satisfeito, Jimin para de me chupar e se levanta ficando a minha altura

—Eu vou te fuder tanto—após esta frase Jimin me penetra com tudo e sem dó, suas estocadas eram fortes e fundas, cada vez ficava mais rápido. Depois de muitas estocadas chegamos ao nosso ápice, Jimin cai ao meu lado ofegante, ficamos um tempo em silêncio, depois fomos dormir

[Outro Dia]

Acordo e não vejo Jimin, coloco minhas roupas e saio da barraca, aqui perto havia uma lago, irei lá tomar um banho, estou precisando mesmo, pego algumas roupas e vou até o lago, vendo Jimin se banhando 

—Vem amor, entra—me chama

Tiro minha roupa, ficando completamente nua,  vejo Jimin mordendo os lábios, logo ouço um assobio, ri e entro indo em sua direção 

—Seu bobo—coloco meus braços em volta de seu pescoço 

—Que você ama—diz me dando vários beijos no rosto—que tal sexo na água?—ao falar isso sinto seu membro em minha entrada —vai ser divertido—diz no meu ouvido 

—E se alguém nos ver—coloco minhas pernas em sua cintura 

—Ninguém vai ver, topa?—concordo com a cabeça, ele sorri e me penetra, ele começa com seus movimentos, e eu o ajudo para facilitar, fico gemendo em seu ouvido, para não gemer alto 

Estávamos quase chegando ao ápice quando alguém grita:

To be continue?


Notas Finais


Quem será que atrapalhou a transa de Jimin e S/n ein?só no próximo capítulo, que irá depender de vocês, caso queiram um segundo capítulo

Foi isso, espero que tenham gostado, bjss e até cat's ❤😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...