História Mansão Creepypasta - Capítulo 10


Escrita por: ~ e ~parkcah

Postado
Categorias Jeff The Killer, Lendas Urbanas, Mario, Minecraft, Motoqueiro Fantasma, Pokémon, Slender (Slender Man)
Personagens Balloon Boy, Ballora, Bendy, Bonnie, Bonnie Hand Puppet (Bonbon), Bonnie the Bunny, Boris the wolf, Chica the Chicken, Circus Baby, Foxy the Pirate, Freddy Fazbear, Funtime Foxy, Funtime Freddy, Golden Freddy, Herobrine, Jeff, Joey Drew, Mario, Nightmare, Nightmare Balloon Boy, Nightmare Bonnie, Nightmare Chica, Nightmare Foxy, Nightmare Freddy, Nightmare Mangle, Personagens Originais, Pikachu, Sammy Lawrence, Springtrap, Toy Bonnie, Toy Chica, Toy Freddy
Tags Jason The Toymaker, Jeff The Killer, Sexo
Visualizações 32
Palavras 1.144
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Hello my darks angels!!

Voltei com um capítulo novinho!!

Espero que vocês gostem!!

Ps: A História da Darken Angel, será revelada neste capítulo♡

Capítulo 10 - Problems...


Fanfic / Fanfiction Mansão Creepypasta - Capítulo 10 - Problems...

"Querido, eu quero te tocar,
Eu quero respirar bem em você,
Veja, eu tenho que caçar você,
Eu tenho que te trazer ao meu inferno. - Desire"

Sábado, 24 de Novembro de 2017

Eu corria pela floresta escura que há perto da Mansão, quando eu acabei caindo no chão.

Eu estava correndo, há três horas, sem parar. 

E agora, eu gostaria muito de estar no meu quarto, lendo e escutando às minhas músicas favoritas. 

Mais, o meu 'querido' tio, resolveu me mandar numa missão, como consequência da nossa travessura de algumas semanas atrás.

E no meio da missão, o meu amigo, Jeff, resolveu matar alguém. 

Mais, como a pessoa inconsequente, que ele é, ele tentou matar um homem encapuzado. 

E quando o homem se virou, eu vi o mesmo rosto daquele homem. 

E ele, acabou por tentar me perseguir. 

E nisso, acho que ele deve ter se esquecido de quem ele estava perseguindo, pois, já faz meia hora que estou escondida no meio da folhagem de uma árvore de macieira.

Bem... Sei que isso está bem confuso.

Mais, vou lhes explicar.

Porém, deverei voltar alguns anos atrás. 

《 Dezessete de Julho de 2012》

Eu já estava pronta para o aniversário de dezenove anos da Becca, a minha melhor amiga, quando, eu recebi uma ligação desconhecida.

Eu atendi, sem ver quem era.

*Ligação On* 

Thalia: - Alô? Quem é?

Xxx: - Me encontre em frente ao Hotel Plaza, daqui á cinco minutos.

Thalia: - M-mas...

Xxx: - Sem perguntas. Se não, a sua amiga sofrerá às conseqüências.

* Ligação Off* 

Eu corri para fora de casa e entrei no meu carro. 

Não havia como eu desistir, pois a vida da Becca, está nas minhas mãos.

Então, dirigi o mais rápido que pude e logo, cheguei no Hotel Plaza.

Desci do carro e fiquei em frente do Hotel, a espera do homem que havia sequestrado a Becca, quando, colocaram um pano com uma substância, que exalava o cheiro de clorofórmio.

E imediatamente, acabei desmaiando.

                       ◇◇◇

Não sei que horas eram, mais só sei que eu acordei num porão.

Ele era completamente escuro, mais, vi que alguém acendeu uma luz. 

Aquilo, me cegou temporariamente.

Mais, logo, os meus olhos se adaptaram á luz. 

Eu olhei para frente e vi um homem loiro com uma expressão de fúria.

Ele me olhou rapidamente e me deu diversos tapas fortes.

Aquilo dois muito e eu gritava á cada tapa.

Mais, parece que aquilo, só fez com que ele ficasse com mais raiva e fez com que ele me chicoteasse com uma corrente. 

Gritei mais ainda, e clamei por ajuda e misericórdia.

Porém, ele somente dava gargalhadas e falava.

- Ninguém irá te ouvir, minha querida Thalia!!! 

Então, ele me prendeu numa maca e me amarrou com diversas tiras de couro pelo corpo inteiro, que fazia com eu não me mexesse e nem gritasse.

Eu pensei que ele ia fazer alguma coisa á mais, porém, ele saiu por uma porta e outro homem entrou.

Ele era bonito, porém, o sorriso sádico no seu rosto, só fez com que eu ficasse com mais medo deles.

Então, ele colocou um par de luvas e rasgou a manga longa do meu vestido da festa. 

Ele injetou uma injeção no meu braço e logo que o líquido entrou em contato com o meu sangue, eu senti como se o fogo do inferno estivesse me consumindo, de dentro pra fora. 

Comecei a me debater na maca e gritei o mais alto que pude. 

Até que eu senti dois cortes se abrindo nas minhas costas. 

E dali, duas asas em chamas sairam com muito sangue pingando pela maca. 

A minha pele ficou totalmente em chamas e até o meu cabelo.

O homem sorriu e falou.

- Seja bem vinda, Chama Infernal. 

E naquele instante, eu sorri e me tornei amiga daquele homem que também tinha o fogo do Inferno, correndo pelas suas veias, que se chamava Raziel.

                         ◇◇◇

Era o nosso aniversário de sete meses, eu havia feito um bolo e comprado um presente para ele. 

Então, eu arrumei o meu vestido vermelho sangue e fui andando até o quarto do meu namorado, Raziel, para que nós fossemos para a Floresta, matar alguns humanos.

Sem querer, eu entrei no quarto, sem bater na porta e o vi transando com a Lauren, uma Caçadora das Trevas.

Eu entrei em estado de combustão e sai dali correndo. 

Enquanto, eu corria, eu sentia o Raziel correr atrás de mim. 

Eu consegui correr até o jardim do reformatório, pois, senti algo tentando arrancar as minhas asas. 

Eu olhei pra trás e vi o Raziel com uma Espada Infernal.

Eu lutei com ele, até estarmos bem cansados.

Mais, de repente, eu cai no chão.

Eu olhei pro meu braço e vi uma flecha com um veneno, que paralisava por alguns instantes.

Então, eu fui carregada pelo Raziel

Ele me carregou até o precipício e falou.

- Eu não queria fazer isso, mais, é a minha única opção.

Então, ele me jogo no precipício.

Eu tive uma queda de vinte metros até a água, aonde acabei me afogando, por não saber nadar. 

Então, enquanto eu estava morrendo pela segunda vez, eu senti como se a escuridão tomasse conta de mim. 

Então, alguns dias depois, eu fui achada pelo Slender Man, que me trouxe de volta á vida e fez com que eu me tornasse uma Proxy...

                       ◇◇◇

Eu olhei para o lado e vi, ele ali. 

Ele me viu e falou.

- Venha aqui, minha anjinha.

Eu me transformei e puxei um arco e flechas flamejantes do meu colar. 

Eu apareci na frente dele e falei.

- Chegou a hora de acertar às minhas contas com você, Raziel.

Ele ficou com raiva e me atacou.

Eu atirei uma flecha nele e ele puxou a minha perna com as suas garras demoníacas.

Eu joguei esferas de fogo nele e ele caiu pra trás.

Em meio à luta, o Jeff apareceu sorrindo.

Ele me ajudou a matar o Raziel e logo depois de um tempo, nós conseguimos.

Então, eu cortei todas as partes do corpo dele e joguei num portal Infernal. 

Nós, fomos embora e logo, chegamos na mansão.

Eu fui para a enfermaria e o Jeff, foi pra cozinha.

Depois de um tempo, eu resolvi tomar um banho e fui dormir. 

Porém, os meus sonhos viraram pesadelos. 

E em todos eles, o Raziel me mostrava uma Espada Celestial. 

E ele me matava com ela.

Então, o dia amanheceu. 

E na hora que eu me levantei, uma pena negra e um bilhete estavam em cima da minha mesinha.

Eu abri o bilhete e nele estava escrito.

" Não pense que se livrou de mim. Porque, eu só estou começando a fazer a sua vida um completo inferno. E tudo isso, só vai acabar com á sua morte. 

Sempre pertubarei a sua vida, 

Seu ex-amado, 

Raziel." 

 

 


Notas Finais


E aí meus anjinhos!

Espero que vocês tenham gostado do capítulo e do descobrimento da criação da Darken Angel♡

Até o próximo capítulo,

Parkcah♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...