História Marinette e Plagg - Um amor não tão impossível - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, Chloé Bourgeois, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Nino, Plagg, Sabine Cheng, Tikki, Tom Dupain
Tags Adrinette, Marichat, Marinette, Plagg, Revelaçoes
Exibições 139
Palavras 418
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Escolar, Hentai, Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Linguagem Imprópria, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Eu nunca fiz um hentai na vidaaaa então se estiver um lixo me desculpem!!!

Capítulo 18 - Hentai


        Marinette On

Depois do Adrien sair correndo eu fui falar com o Plagg.

Eu: Vamos pra casa ?

Plagg: Claro!

Fomos pra casa só que eu pela porta e o Plagg pela janela, em forma de kwami, assim que entrei no qquarto vida o Plagg deitado na cama.

Eu: Arg tenho inveja de você poder se transformar em kwami atravessar paredes....

Plagg: É.... - eu olhei pra ele e ele pra mim, nos aproximamos e nos beijamos, mas um beijo com urgência.

Ele ficou por cima de mim, e quando o ar nos faltou nos separamos e ele começou a beijar meu pescoço deixando chupoes e mordidas.

Ele começou a tirar meu vestido e eu sua blusa. Ele terminou de tirar meu vestido assim me fazendo ficar só de peças intimas e ele só de calças. Olhei pro abdômen dele e GENTE QUE DELICIA.

Plagg: Eu sei que sou lindo - ele teve ter notado que eu o encarava muito 

Eu: Baka ( idiota )

Plagg: Que você ama!

Eu: Que eu amo - nos beijamos e eu comecei a tirar sua calça.

Plagg: Peça - dei um sorriso cínico, cheguei perto do ouvido dele e sussurei:

Eu: Me faça sua Plagg - assim que disse isso ele avançou de novo no meu pescoço. Eita, ele quer deixar bem marcado. Depois ele parou e fez uma trilha de beijos até minha barriga e ficou lambendo.

Logo, eu já estava completamente nua e ele também. Ele lembeu um dos meus seios enquanto massageava o outro. Depois ele foi descendo e começou a lamber minha buceta e morder de leve. Eu gozei e ele engoliu tudo, depois continuou.

Eu: P-Plagg ahh - eu gemia o nome dele e parecia que o exitava mais ainda. Ele parou de lamber e se sentou, pegou seu pau e enfiou em mim. Ele ia rápido e devagar, eu não continha os gemidos ( que bom que meus pais estão na casa da minha tia ).

Eu: E-Ei Plagg, não é só você que se diverte - ele da um sorriso malicioso e para, logo eu estava por cima dele.

Comecei a chupar seu pau e dar leve mordidas, tipo assim.. Leves mesmo, porque se eu morde forte ele fica sem o amiguinho dele. Dessa vez foi a vez dele de gozar e eu engoli tudo.

Eu: Sabia que você é delicioso - falei depois de terminar.

Plagg: Soube agora e você ? Sabia que é muito gostosa ?

Eu: Soube agora - fui engatinhando até o lado dele e me deitei. Virei pra ele e ele me encarava nos beijamos e dormimos de conchinha.


Notas Finais


Olha, eu não gostei muito desse hentai não, mas quem liga pra mim ? Quero saber de vocês, o que acharam desse capitulo ? Espero que tenham gostado.
Bjs com Nutella.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...