História Marmelada de laranja. TEMP:1 - Capítulo 19


Escrita por: ~ e ~Seo-yun

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Rap Monster, Romance, Suga
Exibições 16
Palavras 1.520
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Festa, Luta, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


espero que gostem♥

Capítulo 19 - Acampamento part-02


Fanfic / Fanfiction Marmelada de laranja. TEMP:1 - Capítulo 19 - Acampamento part-02

-vc poderia chamar a Mari, eu acho que ela esta com o Nam-eu falo pra ele que assentiu um sim com a cabeça. Depois que ele sai fui olhar o tornozelo, estava roxo mais n tão roxo, n foi uma torcida muito forte é só passar uma pomada e ficar parada sem fazer força nele. Enquanto estava em meus pensamentos escuto a porta abrir, era o suga.

-então conseguiu achar alguma flor?- eu falo olhando o mesmo fechar a porta e se virar pra mim.

-achei, eu entregue para o professor e ele me avisou de seu acidente, mandou eu vim aqui com vc- ele fala se sentando na minha frente e botando um do seu cotovelo na mesa apoiando a cabeça com a mão, ele me olhava-como aconteceu esse acidente?-ele fala ainda olhando pra mim.

-uma garota estupida me derrubou e acabei torcendo-o, ainda por cima pego a flor que tinha achado-falo bufando só de lembrar, se eu encontrar ela de novo, vai escutar bastante coisa.

-vc deixou ela fazer isso?- ele pergunta arqueou as sobrancelhas.

-ela me empurrou e escorreguei depois a garota correu de mim, n consegui correr atrás dela porque estava doendo muito, ainda bem que alguém me ajudou-  falo olhando para porta á espera do professor que n vinha com essa maldita pomada.

-quem?-ele pergunta e eu volto a olhar ele.

-um carinha que já tinha conhecido-eu falo e em seguida me espreguiço.

-hum... -ele desvia o olhar. O professor tinha chegado e ficou na porta.

-suga, poderia me fazer um favor?-ele fala, e suga vai até a porta.

-claro-ele fala, percebendo que o professor estava nervoso.

-vc poderia ajudar a moo com a pomada, é que teve um problema e preciso ajudar- ele fala entregando a pomada e saio rapidamente  sem deixar que o suga falasse algo.

-vc n precisa fazer se n quiser-eu falo pra ele e o mesmo falou ‘’n tinha problema’’

Moo off

Mari on

O Nam entregou a flor para o professor e disse para mim que ia conversar com o j-hope que estava conversando com o V, eu começo a caminhar e vejo o yukine com uma garrafa de agua na mão e com uma cara pensativa chego perto dele e grito.

-YUKINEZINHO!- grito e o mesmo se assusta.

-credo Mari precisava gritar – ele fala com uma cara de assustado-eu quero te levar num lugar- ele fala me olhando.

-a onde – falo olhando ele curiosa.

-num lugar que tenha pouca gente, eu preciso conversar com vc- ele fala me olhando pensativo.

-esta bem – falo olhando ele desconfiada, nos dois começamos a caminhar , ele me levou num lugar que tinha pouca gente ele estava muito nervoso.

-ei porque vc esta nervoso ? – pergunto olhando ele.

-há....-ele estava muito nervoso, vou falar alguma coisa que tire esse clima.

-ei vc se parece com o JUNE do IKON – eu falo olhando ele.

-serio ele é mais bonito eu n chego perto dele- ele fala sorrindo.

-vc conhece KPOP? –pregunto surpresa por ele saber quem é o JUNE.

-sim eu curto algumas musicas – ele fala me olhando.

-serio nossa- falo surpresa.

-eu queria falar uma coisa para vc – ele fala olhando-me serio.

-fale – falo sorrindo.

-e que eu queria dizer que gosto de...- quando ele iria terminar a frase dele vejo uma pessoa gritar meu nome.

-MARI!- olho para trás e era o haru o amigo do yukine, porque ele esta me chamando?.

-Mari, a moo se machucou e esta te chamando- ele fala ofegante por ter corrido.

-O QUE ACONTECEU COM ELA!- grito preocupado.

-ela torceu o tornozelo, ela pediu pra chamar vc, vem- ele fala indo e eu atrás e ouso o yukine gritar:

-HARU EU TE MATO!- ele grita e eu viro para trás e vejo-o jogar a garrafa de agua que ele estava segurando no chão com força.

-o que deu nele – falo olhando para trás .

-sei lá- ele fala, começamos a caminhar ligeiro, chegamos onde estava moo, suga estava passando a pomada no tornozelo dela.

-moo me conta o que ouve- falo chegando perto dela que estava sentada numa cadeira.

-eu só torci o tornozelo, n precisa ficar apavorada- ela fala me olhando.

-n estou apavorada só estou preocupada com vc- falo olhando ela.

-ok-ela fala olhando o suga passando com cuidado.

-quem fez isso?- falo cruzando os braços.

-n precisa se preocupar, ela vai ver quando eu encontrar ela novamente- fala moo serando as mãos.

-ela quem? –pergunto olhando ela seria.

-n vou contar. o suga poderia parar de fazer isso, vc esta me  fazendo cócegas-ela fala dando um tapa nele.

-se vc n quer contar esta bem – falo pegando o celular e olhando as horas- mas porque vc me chamou aqui, eu tinha coisas melhores para fazer – falo olhando ela.

-vou saber, me deu vontade. SUGA!-ela começa a dar risada e da outro tapa no ombro dele.

-mais eu n fiz nada- ele fala com medo de levar outro tapa.

-como n fez nada, vc n percebe que eu tenho cócegas – ela fala.

-vcs dois são tão fofos juntos, já estou indo – falo e dou um tapa nas costas do suga, saio daquela sala começo a andar e vejo o Nam com uma garota, o que é isso namjoon, n penso duas vezes e vou até a onde ele estava.

-Nam eu quero conversar com vc- falo manhosa para ele, a menina me olha e diz:

-querida agora estou conversando com ele – ela fala e segura o braço dele.

-QUERIDA! Uma virgula- falo olhando ela irritada.

-ei vc tem autorização para falar assim comigo- ela fala soltando o braço do Nam e vindo até mim.

- eu falo assim com quem eu quero- eu falo me aproximando dela, como eu era mais alta do que ela eu ficava olhando ela de baixo.

-vc sabe quem eu sou –ela fala irritada.

-sei vc é uma vaca – falo cruzando os braços.

-COMO VC OUSA ME CHAMAR DE VACA!- ela grita irritada ela me emburra e eu caio sentada no chão, agora vc vai ver, me levanto e emburro-a com força que a mesma cai com força no chão.

-n mecha comigo sua nojenta- eu falo apontando o dedo para ela.

-agora vc vai ver- ela se levanta e me da um soco na cara, o Nam segura a menina em seguida.

-parem de brigar garotas- o Nam fala segurando a menina e chego perto dela.

-GAROTA SORTE SUA, MAS QUANDO EU TE ENCONTRAR DE NOVO VC VAI SAIR MORTA! – falo gritando, saio dali caminhando chego na cabana entro nela e vou ver meu rosto, estava avermelhada na região da minha bochecha, me deito e fico fitando o teto vejo a porta se abrir e era o Nam.

- vc esta bem? – ele pergunta.

-te em Teresa- falo me levantando e indo até o guarda roupa, pego minha roupa para eu ir tomar banho, vou ate o banheiro, mas ele me impede de passar.

-me deixa ver sua bochecha- ele fala segurando o meu queixo e virando o meu rosto.

-n foi tão forte, ela era fraquinha-falo olhando ele- imagine ela lutando ia sair toda espancada- falo dando risada dela.

-ei, mas o que vc queria falar comigo? – ele pergunta sentando na cama.

-... há me esqueci – falo entrando no banheiro, termino de tomar banho e coloco o meu vestido branco, saio do banheiro me deito na cama pego meu celular, desbloqueio ele e começo a ver meu face( inda bem que eu tinha internet) começo a ver as coisas, vejo uma foto da clara uma menina que n gostava de mim no colégio, começo a dar risada da foto dela.

-HAHAHAH! Ela continua se aparecendo- falo olhando a foto que ela tirou n tinha nada a ver com o que ela escreveu no titulo da foto. Começo a ver de novo o face, vejo varias fotos do Jackson que a Júlia mandou guria louca, vejo as horas e já era 7:00 nossa como passou rápido o tempo, olho para cama e o Nam n estava ali ele deve ter saído. Recebo uma mensagem do yuki dizendo que ele estava lá fora, saio da cabana e vejo-o parado ali.

-o que vc queria?- eu falo olhando ele.

-eu queria falar que gosto de vc desde que vi vc no karaokê eu n parava de pensar em vc, por favor, aceite meus sentimentos- ele fala me olhando.

-eu gosto de vc como um amigo me desculpe- falo olhando para ele.

-vc gosta daquele cara né – ele fala se aproximando e me prendendo contra a parede.

-...- fico paralisada.

-vou fazer vc gostar de mim- ele fala se aproximando para me beijar, mas quando ele ia fazer isso o Nam chega e da um soco na cara dele fazendo o yuki cair no chão, yuki se levanta e da um soco na cara do Nam os dois começam uma briga ali mesmo,  começam a dar socos e o yukine da um chute na barriga  do Nam que cai no chão e eu grito:

-PAREM VCS DOIS!- grito e eles param e eles olham para mim que estava ali parada.


Notas Finais


COMENTEM. bjs♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...