História Mas é aquele ditado... Querido diário [HIATOS] - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Tags Baeksoo, Chansoo, Sekai, Xiubaek, Xiuhan
Exibições 212
Palavras 2.534
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Se você tem toc com algum tipo de erro não leia esse capítulo
Nunca pensei que postar pelo celular fosse tão bosta.... depois eu passo aqui e edito de novo

Capítulo 5 - Sad boy


Fanfic / Fanfiction Mas é aquele ditado... Querido diário [HIATOS] - Capítulo 5 - Sad boy

    Eu estava ajoelhado aos pés da minha cama rezando para todo quanto é tipo de santo e entidade divina para me ajudar nesse trabalho que além de ser de uma matéria bem bosta que eu não gosto, meu grupo é composto por Luhan e KyungSoo, e isso já são argumentos suficientes para eu ter medo desse grupo, sem dizer que o trabalho será feito aqui em casa Jesus, tem poder!

   - Oh grande Odin, pai de todos e senhor que tudo vê dá-me forças e sabedoria para saber lidar com tal turbulência em minha vida. - Olhei para cima como que pedindo clemência, puxei uma folha onde eu tinha escrito o nome de alguns “deuses” que pesquisei na internet e risquei o nome de Odin, hora de partir para o próximo, faltavam só mais dois.

   - Buda, com sua humanização e inteligência que caia boas energias sobre mim. - Nem eu entendi o que quis dizer mas foi curtinho e de coração, nesse momento tudo tá valendo e o que vale é a intensão.

   - Xena princesa guerreira-

   - ÔH BAEKHYUN, VEM AQUI. - Ouvi minha mãe me gritar lá de baixo. Eu nunca rezo quando começo ela me atrapalha.

   Desde que a minha mãe ficou de férias ela não me deixa em paz, não aguento mais limpar casa, o cheiro de água sanitária tá grudado na minha mão já faz uma semana sem dizer os calos que tem na minha mão de tanto ficar esfregando o chão. Enquanto minha mãe me põe como seu escravo branco ela fica assistindo televisão, não nasci pra ser borralheira não, nasci pra brilhar e ser estrela na minha cidade. Não basta sofrer na escola, tem que sofrer em casa também, vou processar todo mundo.

   -JÁ VOU. - Gritei de volta como resposta, eu li na internet que eu tinha que rezar para vários “deuses” sem ser interrompido, mas acho que não deu certo porque minha mãe cortou meu clima de purificação.

   - AGORA! 

   - PARA DE GRITAR MULHER, EU TO OCUPADO AQUI, ESPERA. - Parece que mãe não entende o significado da frase “Já vou” ou “Já to indo”. Minha vida amorosa é mais importante do que as coisas que ela me pede, isso eu tenho certeza. Ignorei ela me gritando de novo e continuei minha prece.

   - Baekhyun se você estiver batendo punheta no lençol novo eu vou acabar om sua raça. - Ouvi ela falando e sua voz ficando mais perto, quando olhei pro lado ela já estava na porta do meu quarto me encarando. - O que você tá fazendo? - Perguntou levantando uma sobrancelha.

   - Não é óbvio? - Quando percebi que ela ia pegar o chinelo pra tacar em mim por causa da má resposta que dei voltei a formular uma resposta melhor na minha cabeça. - To rezando. - Me levantei do chão e peguei a folha em cima da cama pra dar uma olhada e ver se não faltava nada. Melhor prevenir.

   - Você? Rezando? Atah. - Começou a rir como se fosse a piada mais engraçada, ela debochou da minha cara na minha cara, nem pra fazer isso pelas costas. Não entendi, tenho cara de palhaço agora? Isso foi o que pensei, lógico que não falei eu não tava afim de apanhar.

   - Ué, o que tem? Não posso rezar? Não sou digno de pena? 

   - Baekhyun, sua vida é uma eterna férias, deus vai ter pena de que? Vai ter pena de como sua fome não passa nunca e que daqui uns dias vai rolar pelas escadas? Sua vida é boa.

   - Se deus não tem, tem quem tenha. E eu sou muito gostoso, não tenho nenhuma gordura porque sou fitness. Rezei pra tudo quanto é gente que achei na internet. - Terminei de checar minha listinha e me joguei na cama. - Mas mudando de assunto, como você chega aqui no meu quarto desse jeito? E se eu realmente tivesse batendo punheta? Seria estranho você chegar aqui e me ver nesse tipo de situação.

   - Que horror, eu ficaria traumatizada.

   - Traumatizado ficaria eu por broxar porque minha mãe entrou no quarto.

   - Depois que eu ouvi você gemendo o nome daquele meni-

   - Opa, esse assunto já morreu a muito tempo, quer desenterrar alguma coisa vira coveira ou historiadora, não vem pra cima de mim com essas calúnias não. - Cortei a fala dela, não to afim. Trabalho com fatos, se eu não lembro é porque não aconteceu - Isso foi coisa da sua cabeça eu nunca fiz isso.

   - Meu filho - falou se aproximando e passou a mão em meu rosto e fez uma cara de quem ia falar uma coisa que ia mudar minha vida - para de viadagem, porque do jeito que esta, você não vai conseguir ninguém. - É, acho que vou entrar na Deep Web e comprar uma mãe nova.

   - Nossa, me sinto mais leve depois desse conselho, valeu mãe. 

   - Que horas seus amigos chegam amanhã? - Se sentou ao meu lado na cama, porque depois daquela patada eu já tava sentado há muito tempo.

   - Em um horário que eu espero que nunca chegue.

   - Filho… vou te dar um conselho. - Pegou em minha mão e começou a acaricia-la, minha mãe ta muito cheia dos toques to estranhando.

   - Uhm.

   - Para de ouvir Lana Del Rey.

   - E eu achando que seria um conselho pra mudar minha vida.

   - Se você parar de ouvir, vai parar também de ser meio depressivo e talvez tome atitudes na vida.

   - Maravilhoso esse seu conselho, espera que eu vou ali pegar meu bloquinho de “coisas que eu finjo que tem importância” e vou anotar na primeira página. - Hoje eu to cortando mais que comercial da Tramontina.

   - Uhmm, tá esquentadinho hoje.

   - Eu to achando minhas respostas meio frias. To tipo as Frozen.

   - Que? As Frozen? Que diabo é isso?

   - Aquele filme da menina que canta Let’s go.

   - Como eu pari uma coisa dessas? Grudei trident no cabelo de Jesus, só pode. O nome do filme é Frozen a “menininha” é a Elza. - Nossa mãe palmas pra você, pena que eu não me importo. A língua chega a coçar pra falar umas coisas dessas mas a vontade de viver é bem maior.

   - Tá… mas tipo assim, como fomos parar nesse assunto? 

   - Quando você desviou o assunto dos seus amigos.

   - Acho que eles veem depois do almoço, de tarde.

   - Qual o nome deles?

   - Luhan e KyungSoo. - E então ela começou a rir, rir tanto que escorrer lágrimas de seus olhos. - Não estou entendendo. Vou ter que entra em um circo, porque cara de palhaço eu percebi que já tenho.

   - KyungSoo?

   - Hahaha nossa não tinha percebido que esse nome era tão engraçado assim. - Sente a ironia.

   - Aquele menino que veio fazer trabalho com você uma vez e você chorou três meses no meu ouvido quando eu lavei os lençóis da sua cama que ele tinha sentado? Você é muito esquisito.

   - Olha aqui minha senhora, isso é passado, eu era uma criança inocente e não tinha noção dos micão que eu pagava. - Falei em minha defesa.

   - Ahh claro, desculpa ai. - E nós ficamos discutindo/conversando um bom tempo até começar a chover e ela sair feito louca pra pegar as roupas no varal - que vale ressaltar que era por isso que ela me gritava antes, pra pegar roupa no varal mas no final foi ela quem foi. 

   Fiquei deitado na cama por um bom tempo pensando na vida e quando percebi eu já tava era acordando com o celular vibrando e com a cara e travesseiro tudo babado. Peguei o celular e fui ver que porra tava acontecendo. Me sentei, e assim que coloquei a senha e a tela desbloqueou eu caí para trás e bati a cabeça na cabeceira da cama. Doeu. Por que caí para trás? Simples. 

 

Luhan adicionou você no grupo: Migos e o corpinho humano

 

Luhan: Ihuuu vai começar a putaria!

Luhan: To brincando, sou evangélico

Luhan: Gente, vamos marcar o trabalho porque de vagabundo só tenho cara.

Número desconhecido: Por mim, tanto faz.

Luhan: Sua animação é tão contagiante que já to aqui no banheiro me enforcando com com o rolo de papel higiênico. 

Eu: O que ta acontecendo?

Luhan: O corpinho humano se pronunciou, milagre

Eu: Que?

Luhan: Não leu o nome do grupo não?

(Luhan está digitando)

Eu: Acabei de acordar com a cara toda babada e você acha que eu tenho dignidade pra ler nome de grupo?

Luhan: Eu e KyungSoo somos os migos e você o corpinho humano.

Eu: KYUNGSOO TA AQUI?

Luhan: BERRO!

Luhan: Isso que dá não deixar eu terminar de digitar

Número desconhecido: Eu não sou seu amigo! Não sabia que seu apelido era corpinho humano, Baek hyung.

Luhan: Só não falo que você feriu meus sentimentos porque eu não tenho isso.

Eu: …tem como fingir que você nunca leu o que eu disse sobre eu ter babado na minha cara e também fingir que Luhan é normal e não ta me zoando?

Eu: Pera, eu repeti sobre ter babado na minha própria cara.. Aff

Crush/Mozão: Eu não ligo pro que o Luhan fala… eu nem vou com a cara dele.

Luhan: Se for falar mal de mim, fala no PV.

Eu: Não to afim de fazer esse trabalho não

Crush/Mozão: Vale metade da nota do bimestre.

Eu: Que horas vocês podem vir aqui em casa amanhã?

Luhan: Queria que você tivesse essa atitude repentina para outra coisa… deixo no ar.

Eu: Não entendi.

Crush/Mozão: Ke?

Luhan: Manda nudes *moon face*

Eu: Se eu fosse o adm do grupo eu tirava o Luhan daqui.

Luhan: Desculpa, foi chat errado.

Luhan: Serião.

Luhan: Queria que fosse mentira mas é verdade

Eu: …………

Eu: Não quero nem imaginar que tipo de conversas você tem

Luhan: Você age como se não fosse com você que eu to conversando no PV 

Eu: QUE HORROR…. TA LOUCO?

Crush/Mozão: Nem vou falar o porquê de eu não gostar do Luhan.

Luhan: Ai KyungSoo seu lindo, ta nervoso só por que demorei te responder no PV também? 

Luhan: Pouco Luhan pra muitos contatinhos.

Crush/Mozão: Espero que isso não seja um sonho erótico seu comigo

Luhan: Não prometo o que não posso cumprir.

Eu: To me sentindo coisado

Luhan: Coisado?

Eu: Tipo querendo bater em alguém

Luhan: Já disse que o Kyung tem cara de quem curte isso, vai atrás dele e dá umas palmadas. ;^)

Eu: KyungSoo, desculpa o Luhan e não desiste da gente.

Crush/Mozão: Por alguns momentos eu fiquei sem reação e não soube o que responder.

 

Luhan mudou o nome do grupo para: Luhan trabalhador e casalzinho BDSM

 

Eu: Vou ser obrigado a silenciar esse grupo por causa do Luhan

Luhan: Eu sou a luz disso aqui. *joga purpurina e sai*

Crush/Mozão: É obrigatória a existência do Luhan?

Crush/Mozão: Ainda bem que pacto e feitiçaria não é fora da lei.

Luhan: Ahhhhhhhhhh… então é por isso que meu cabelo ta caindo. Seu bruxinho!

Eu: Fazer a delícia do trabalho ninguém quer, né?

Luhan: Passa seu endereço ai né lindão. Acha que eu sou sensitivo pra saber onde você mora?

Eu: Você já veio aqui…

Luhan:

Crush/Mozão: Ué²

Eu: RT//Ué

 

   Eu passei meu endereço no grupo porque Luhan é um cabeça de vento e KyungSoo só veio na minha casa quando era menor então ele não se lembrava - e pra ele eu dou motivo para se esquecer. Minha mão coçava com vontade de chamar o KyungSoo no privado, mas toda vez que eu colocava no chat pra poder começar a puxar conversa minhas mãos suavam tanto que parecia que tinha uma cachoeira saindo das minhas mãos, sem dizer a suadeira que me deu debaixo do braço, não era nem pizza que eu tinha tava mais é pra Itália inteira assando pizza em um forno à lenha nas minhas axilas. Fui obrigado a tirar minha blusa pra ver se refrescava um pouco e continuei conversando no grupo. Quando KyungSoo disse que ia sair para tomar banho eu deixei Luhan conversando sozinho e fui tomar banho também, então pensei “será que KyungSoo foi tomar banho pelos mesmos motivos que eu?”, deixei a questão tomar conta da minha trouxice. Assim que voltei pro quarto peguei o celular pra ver as prováveis mensagens.

 

 Luhan: ^O^ gente se liga nesse emoticon… parece que vai pagar um boquete, achei pornográfico

Luhan: > o< esse também é meio pornográfico, meu celular ta ficando louco, muito pornográfico isso aqui.

Luhan: Adoro conversar sozinho, se tem uma coisa que eu adoro essa coisa é falar sozinho

Luhan: O bom é que um fala que vai tomar banho e o outro também some

Luhan: Seus pervertidos

Luhan: Ainda bem que vou na igreja

Crush/Mozão: Para, só para

Luhan: Conversa comigo Kyunggie

Luhan: Aff, vocês são chatão

Eu: Esse grupo tem o intuito de marcar o trabalho e debatermos.

Luhan: Você foi é bater outra coisa

Eu: Mas isso aqui tá parecendo mais é um grupo pornô

Luhan: (enviou imagem)

Crush/Mozão: ...pra que você mandou uma foto sua?

Eu: E eu achando que o Luhan era normal.

Luhan: Essa foto ficou muito boa, façam bom proveito ;)

Luhan: Minha cara muito máscula

Crush/Mozão: Ta mostrando seu mamilo

Luhan: Para de olhar pro meu mamilo

Crush/Mozão: Como que eu não vou olhar se você que mandou a foto do mamilo. Eu nem queria foto do seu mamilo

Luhan: Agora tem…. Manda foto de vocês

Luhan: Aceito nudes

Luhan: Mas só se for da bunda, senão sem quero

Eu: Não vou mandar foto da minha bunda pra você

Crush/Mozão: (enviou imagem)

Luhan: Kyung despojado, até ele manda fotinha e o Baekhyun fica de cu doce

Luhan: Ta linda, linda, que linda, linda.

Eu: (enviou imagem)

Luhan: Nosfa que cara de gente

Luhan: Dá próxima vez mandem foto dos mamilos. Agradeço desde já! ˊ3ˋ

 

Assunto: Not sad boy

Data: Não faz pergunta difícil

   

    Hi darling… O que dizer da fotinha do KyungSoo que eu já deixei como imagem de plano de fundo do meu celular? Pois é, Luhan criou um grupo que era para o trabalho bosta de biologia mas que tá parecendo mais um Book de fotos, pensei que o grupo fosse morrer assim que eu falasse meu endereço mas todo mundo continuou falando por um bastante tempo, era só a gente ficar sem falar um pouquinho que o Luhan vinha falando alguma besteira e a gente voltava a falar de novo. Por incrível que pareça eu me enganei muito com KyungSoo, eu achava que ele era fechadão bem sad boy, mas ele se mostrou completamente diferente, ele era o mais calado no grupo mas sempre dava umas tiradas no Luhan ou até mesmo entre a nas brincadeirinha dele. Amanhã eles vão vir aqui em casa para fazermos o trabalho e eu me sinto melhor depois de ter conversado um pouco mais com eles, porque eu fiquei com medo de ficar um climão estranho entre eu e KyungSoo e isso é o que menos quero. 

Amanhã promete, anota isso… espera, deixa que eu anoto aqui.

 

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...