História Más intenções - Capítulo 27


Escrita por: ~

Postado
Categorias Supernatural, Teen Wolf
Personagens Castiel, Crowley, Dean Winchester, Derek Hale, Isaac Lahey, Kira Yukimura, Malia Tate, Melissa McCall, Mieczyslaw “Stiles” Stilinski, Sam Winchester, Scott McCall, Sheriff Noah Stilinski
Tags Idiotas, Supernatural, Taco De Base Ball, Teen Wolf
Visualizações 11
Palavras 1.219
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Canibalismo, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 27 - Demônios podem ser sedutores


—Qual o primeiro passo para pelo menos termos alguma pista desse Demônio?


-Pergunto me sentando na mesa 


—Podemos perguntar para um velho conhecido mas..o Dean não vai gostar muito disso


-Sam diz escorando na mesa 


—Conhecido? Porque seu tom era de raiva e um certo rancor?


—Para de me ler Margot,ele é um demônio!


—Ata, que ótimo, e nos vamos fazer oque com ele? Comer biscoitos e fofocar?


-Ele me olha com aquele olhar de decepção


—Margot ele já foi amigo do Dean..e


—Amigo do Dean?Oque?


—MARGOT QUER ME ESCUTAR!


-Ele fica irritado e grita comigo


—Ele já nos ajudou em alguns momentos por mais que tinha um benefício próprio, ele é um idiota mas é a única forma de descobrirmos algo.


—Tudo bem.


-Ele pega em uma gaveta uma caixa com algum tipo de macumba e fala em latim se não me engano.E um homem de terno preto aparece, estou escorada na porta, ele não me vê.


—Ora mais essa,o que foi alce?


-Ele olha para o desenho no teto e se irrita 


—Isso é mesmo necessário? Somos amigos, porque me prender,não vou fugir .


-Que cara mais sem noção


—Não é por minha causa que vai querer fugir.


—Não tinha visto essa bela moça, e quem você seria?


-Ele é realmente educado mas é um cínico


—Não interessa quem eu sou, quem é você?


-Digo séria


—Sou Crowley, mais conhecido como rei do inferno, você é durona Margot,mas parece uma boneca.


—Não sei se isso foi um flerte mas..como sabe meu nome ?


—Sei muito sobre você..Sei que é uma Lobisomen..sei que é a peguete do Dean..a me desculpe namorada..e sei que perdeu o precioso John.


-Meu sangue subiu além do limite, entrei no círculo e peguei aquele demônio pela gola da camisa. 


—Não sei qual é seu joguinho, você acha que vou ser manipulada mas eu não vou ser, eu não sei qual dos seus macacos matou meu filho e esta me matando mas quero que me fale quem é o desgraçado, e porque ele fez isso. 


—Você não é a única que tem olhos vermelhos princesa 


-Ele me olha com aqueles olhos completamente vermelhos, aquilo não me assustava pelo contrário me sentia muito bem em saber que não era a única aberração. 


—Não tenho medo de você, se quer saber me fez sentir muito melhor em saber que tem um monstro muito pior do que eu, nesse momento estou me segurando para não vomitar meus órgãos, e sei que você não liga e esta torcendo para que eu caia no chão sangrando e gritado feito uma porca, mas eu só não entendo o que eu fiz para receber isso, agora seu demônio imundo me diz quem fez isso comigo. 


—Gostei de você!


-Ele da um sorriso cínico que faz eu lhe dar um tapa que deixa um leve corte em seu rosto que logo volta ao normal. 


—De que adianta se vingar? Isso vai fazer você se sentir melhor? 


-Ele diz com o olhar alegre


—Chega, eu vou acabar matando ele! 


-Digo saindo e apertando meus dedos contra a palma da mão 


—Conversou com Crowley? 


-Dean diz com os braços cruzados, sinto o tom de decepção e medo 


—Se continuar com medo de mim vou acabar te dando motivos para me temer. 


—E quem disse que tenho medo de você? Esses olhos vermelhos não me assustam meu medo é de que você mate o Crowley! 


—E porque se importa tanto com ele? 

Ele é seu ex namoradinho? 


-Ele me olha irritado 


—Ele não é qualquer demônio Margot, ele é o rei do inferno e ele foi meu amigo, ele que me ajudou quando eu era..um demônio, ele me ajudou ajudou o Sam, ajudou o Castiel é por causa dele que sou humano de novo! 


—Porque nunca me disse dele? Porque nunca me disse nada disso? 


-Digo irritada 


—Porque eu te contaria? Você acharia que seria algum tipo de desculpa para sentir pena de mim, eu não iria falar nada disso, para você me olhar com essa cara!


-Chego perto dele e acaricio seu rosto 


—Eu? Pena?Dean eu realmente desconheço esse sentimento, eu não sinto pena nem de mim mesma, você era um demônio e daí? Não me fez nada!Agora o Macaco do Crowley fez, e o Crowley.. Tão galanteador e tão irritante! 


-Dean me olha confuso 


—Ele deu emcima de você? 


—Ele só meio que sei lá tentou me seduzir, ele é boa pinta mas e mais velho que você, e você já é um coroa perto de mim então.. Acho que a casa dos 30 esta bom! 


—Eu sou velho? Margot você que é muito nova, que culpa eu tenho se eu sou incrível! 


-Sorrio para ele.

meu nariz começa a sangrar, a sangrar muito, como se fosse uma torneira que foi deixada aberta. Dean fica desesperado e pega uma toalha para mim que fica encharcada rapidamente, Sam aparece e fica parado sem saber o que fazer, ele sai e volta com o Castiel, O Cass fez com que meu sangramento parasse mas comecei a sentir uma dor insuportável em todo meu corpo, acho que sei o que esta me matando. 


—você esta melhor? 


-Cass pergunta com aquela cara fechada se sempre, mas sinto sua preocupação 


—Não, na verdade estou pior. 


—E o que devemos fazer? Não sabemos quanto tempo temos! 


—Cass.. Eu tenho uma teoria. 


-Digo me contorcendo


—E o que é? 


-Ele pergunta 


—Não é um veneno que esta me matando! 


-Ele fica confuso 


—Cass, de alguma forma a sua graça esta me fazendo ficar pior, eu não estou piorando com o tempo, sempre foi a mesma coisa, mas quando você usa sua graça, fico pior, como agora, não sei porque mas, o demônio fez  alguma coisa mas não é ele que está me matando é você. 


—O que? Mas como? Isso não é possível! 


—Talvez seja. 


-Digo calma, ele agora esta com medo


—Não pode ser Margot, como eu poderia estar fazendo isso? 


—Cass, eu nem tenho certeza mesmo disso, não precisa se alterar!


—Margot é que eu não consigo imaginar minha vida sem você,você é como uma irmã pra mim, e de pensar que eu possa estar te deixando assim. 


—Cass..podemos resolver isso, eu não estou te culpando eu só acredito que seja esse o problema. 


—É Margot, eu sou o problema! 


—Cass.. 


—Margot.. Eu.. Eu vou embora. 


—Não Cass... Droga


—O que foi Ma? Parece triste


-Dean diz. 


—O Cass, ele tá chateado comigo, eu fiz ele pensar que a graça dele que estava me matando mas eu disse que era uma hipótese, mas, acho que fiz ele se sentir culpado a última coisa que eu queria era ficar sem falar com ele Dean. 


-Ele me abraça. 


—Mas o que te fez pensar que poderia ser a graça do Cass? 


—Eu não sei, acho que porque quando ele usou a graça em mim nas duas vezes que ele usou eu fiquei pior, e ele mesmo disse que a graça dele não tinha como me curar. 


—Mas você não precisava ter falado pra ele! 


—Eu sei Dean eu só.. Ele vai voltar né? 


—Qual é ele é seu Melhor amigo, ele vai voltar. 


—Espero que eu esteja aqui para ver ele voltar. 


—Você anda muito negativa Meu amor. 


-Ele segura minha cintura me fazendo olhar para cima


—Eu sei, poxa eu não posso nem.. Que raiva, acho que vou voltar para Beacon hills e falar com meu irmão. 


—Não porfavor fica aqui comigo.


-Ele beija minha testa 


—Dean, eu estou com medo.


—Eu sei..eu também estou




Notas Finais


Eu estou quase chorando? Talvez!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...