História Máscara Negra - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Bailes, Casamento Arranjado, Drama, Máscaras, Obrigação, Paixão, Revelaçao, Sexo
Exibições 80
Palavras 1.116
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Oi gente...
Tudo bem?
Eu estou bem...
Espero não ter demorado muito...
Mais um capitulo quentinho...
Queria agradecer aos 47 favoritos e aos comentarios anteriores, é graças aos incentivos de vocês que eu continuo a escrever, muito obrigada...

Boa Leitura...

Capítulo 18 - Perdoa-lo?


Que droga, cheguei à loja de roupas e o Eidrian andava de um lado para o outro me esperando enquanto Cris estava sentada no sofá e apoiando a cabeça na mão parecia irritada de tanto o ver andando de um lado para o outro, eu me aproximei sem expressão alguma, coloquei a bolsa atrás do balcão enquanto os dois me olhavam com cara de idiotas.

- Keylla precisamos conversar. – disse Eidrian, suspirei.

- não precisamos não eu já deixei claro eu quero o divorcio Eidrian sem conversas já cumprimos com o contrato e não temos filhos. – disse o olhando. – eu já falei com meu advogado e já dei entrada nos papeis logo você vai recebê-los para assinar. – disse me sentando ele me olhou assustado.

- Keylla eu sei que o que fiz foi errado mais isso não vai acontecer mais eu juro se quiser eu demito a secretaria mais não vamos nos separar, eu cometi um erro e você precisa me perdoar. – disse Eidrian eu sorri debochada, se ele acha que eu vou perdoa-lo esta enganado eu quero ver se ele me perdoa também.

- a é você precisa que eu o perdoe então me diga você me perdoa? – perguntei debochada.

- perdoar do que? – perguntou Eidrian.

- você não é o único que pode se divertir na noite passada eu tive uma noite bem agitada, que soube me dar prazer algo que você não é capaz de realizar. – disse sorrindo, eu sei que não me lembro de nada do que aconteceu noite anterior mais ele não precisava saber disso não ainda.

- você me... Traiu? – perguntou Eidrian chocado.

- surpreso por eu não ser a santinha, eu te trai e digo que não o quero mais eu quero uma vida nova e sem você. – disse irritada.

- isso não vai ficar assim você não vai ter direito de nada. – disse Eidrian serio.

- acha que eu não terei direito, você me traiu primeiro e eu tenho testemunhas e você tem o que para provar do que aconteceu? Agora se me da licença eu tenho que trabalhar tchau Eidrian. – disse dando as costas para ele e pegando meu celular que não parava de tocar, Eidrian saiu da loja furioso e eu sorrindo feito uma boba, olhei meu celular e era uma simples mensagem então ignorei.

- então me conta quem foi o responsável para a minha melhor amiga vir tão disposta a humilhar o meu irmão idiota e ainda sorrir dessa forma? – perguntou Cris sorrindo e se aproximando se escorando no balcão.

- passei a noite com um garoto chamado Ed e eu não me lembro de nada, só sei que acordei nua naquela cama grandona e com ele me trazendo uma xicara de café. – disse sorrindo.

- para acordar nua é por que rolou algo quente mais como você não lembra? – perguntou Cris animada.

- eu não sei, bebi muito ontem e fiquei com ele, só sei que ele beija muito bem e queria me lembrar do que rolou ontem mais não consigo somente uma dor de cabeça horrível. – disse a olhando.

- você não é acostumada e exagerou eu entendo isso mais o Edward é um homem lindo e um dos garotos mais inteligente que eu conheço. – disse Cris sorrindo o meu sumiu.

- Cris eu não disse meu nome para ele, mas ele sabe que eu sou casada com seu irmão por que o infeliz ficou me ligando sem parar. – disse revirando os olhos.

- então esta mesmo determinada a ter o divorcio? – perguntou.

- sim, minha vida não é ao lado de seu irmão, eu não sei o que me espera mais eu quero ter uma vida diferente uma que ninguém me obrigue a nada e que eu possa ser feliz de verdade como eu nunca fui antes. – disse sorrindo.

- é assim que se fala mais não me tire da sua vida eu continuo a ser sua melhor amiga. – disse Cris, sorri.

- claro, agora vamos trabalhar. – disse vendo algumas clientes adentrarem a loja.

Eu adorava trabalhar ali, me sentia livre e as pessoas precisavam de mim me pediam opinião e conselhos o que mais poderia querer, o pior é que eu ainda não sei como prosseguir a minha vida sem um objetivo, antes eu pretendia ter um filho, agora eu já não o desejo...

Nem mesmo sei o que desejo, só sei que é algo que mude minha vida e me faça ser mais responsável e alegre, minha vida sempre foi cheia de limitações, meus pais me privaram de ter uma vida livre sempre me obrigando a me comportar direito e me vestir da forma que eles desejavam, agora eu visto o que quero e eles não podem me obrigar a nada não faço mais parte da auto sociedade agora eu sou uma simples vendedora e dona de uma loja...

Depois de atender diversas pessoas eu finalmente pude ir para casa descansar, segui para a mesma e após um bom banho me joguei naquela cama gostosa e peguei meu celular, afinal passei o resto do dia sem ver as mensagens, abri e comecei a ler e fiquei surpresa por serem de Ed.

Mensagem

Ed: eu peguei seu numero hoje cedo então resolvi te mandar uma mensagem.

Ed: por favor, me responde eu não consigo te tirar da cabeça.

Ed: eu pesquisei e ate sei o seu nome Keylla, mais posso te chamar de K se você desejar.

Mensagem off

Eu sorri boba com as mensagens dele afinal eu não desejava um compromisso mais poderia me divertir com ele, coloquei nas mensagens e digitei sendo respondida logo em seguida.

Mensagem

Keylla: eu estive trabalhando durante o dia mais o que você deseja tanto comigo?

Ed: eu queria poder sair com você, sem compromisso apenas diversão.

Keylla: eu não sei, estou em um processo de divorcio e isso pode ser usado contra mim.

Ed: eu te entendo mais podemos sair como amigos, sair com a Cris, o Jay e nos dois, algo entre amigos.

Keylla: se eles forem eu até posso aceitar mais eu não quero nada de contatos íntimos.

Ed: tudo o que você quiser desde que posso falar com você.

Keylla: esta bem.

Ed: amanha então, vou falar com eles e marcamos um jantar entre amigos.

Keylla: ok, eu aceito, agora eu vou é dormir estou precisando.

Ed: ok, boa noite linda.

Keylla: boa noite.

Mensagem off

Eu terminei as mensagens e me arrumei para dormir, sem problemas e satisfeita por ter enfrentado aquilo que me deixava amedrontada, não será Eidrian e nem meus pais que vão me impedir de ter uma vida de verdade, amanha nascera uma nova Keylla disposta a aproveitar a vida, só espero não me arrepender...


Notas Finais


Espero que tenham gostado...
Desculpe qualquer erro, obrigada a todos que estão acompanhando...

Beijo e até...^-^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...