História Matá-lo ou ama-lo? (V-Hope) - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Personagens Originais, V
Tags Vampiro, V-hope
Visualizações 12
Palavras 712
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Científica, Lemon, Luta, Mistério, Musical (Songfic), Orange, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Super Power, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Gravidez Masculina (MPreg), Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Leiam a nota final, boa leitura amores.

Capítulo 9 - Salvando TaeHyung


Fanfic / Fanfiction Matá-lo ou ama-lo? (V-Hope) - Capítulo 9 - Salvando TaeHyung

- fi....ca....co....migo? - sua voz sai rouca e fraco.

- Okay, eu fico, já que pediu - me deito na cama de casal, coloco sua cabeça em meu peito e faço carinho nos seus cabelos, até o mesmo adormecer.

O médico chega, deixa sua maleta na mesinha que tem do lado da cama. Enfia uma agulha na veia de Kim, nessa agulha tem um negócio que eu não sei o nome que vai até o soro. O medico viu a sua pressão, depois a temperatura, eu e ele vimos que marcava no termômetro 38,5. Graças a Deus abaixou um pouco.

- Ele está bem, doutor?

- Não está cem por cento, vou ficar por perto, depois tenho que consuta-lo novamente, não devia ficar tão perto dele, já que ele está com febre.

- Não tem problema, não vou pegar mesmo, doutor?

- Kim Seokjin, por que tem tanta certeza?

- Sou vampiro, ah, e me chamo Jung Hoseok, posso até ser um vampiro mas não mato ninguém, então não se preocupe, doutor Seok - dou um sorriso.

- Ah, então....- coça a nuca - aqui tem algum  lugar que eu possa comer?

- Tem sim, no refeitório, pode ir lá para comer, não vai precisar pagar nada, é só perguntar pra um dos guardas aonde fica.

- Obrigado rapaz, você realmente parece um bom garoto, até daqui a pouco.

- Até.

Boto minha mão em seu peito, já que meu braço estava em volta de seu pescoço, fico feliz em saber que o mesmo já está ficando bem, o único probleminha é que amanhã vou ficar com ânsia de vômito, pois estou com o veneno em mim, porém só vai ser por algumas horas essa sensação, também faço de tudo por ele, nem que eu tenha que morrer tentando salvar sua vida. Durmo com esse pensamento na cabeça, e sim eu durmo.


               {5 horas depois}


Acordo não muito bem, por ainda está com veneno em meu corpo, sinto um peso em cima de mim, lembro-me que têm um anjo dormindo, dou um sorriso ao olha-lo dormindo, como é lindo, é fácil se hipnotizar pelo seu rosto. Coloco minha mão vaga na sua testa, está normal, tento sair da cama mas seus braços me agarram como eu fosse seu urso de pelúcia, achei fofo, então fico nesta posição até Tae acordar. Passa 15 minutos e o mesmo acorda.


               {PV TaeHyung}


Quando acordo sinto algo duro na minha cabeça, acho que não é meu travesseiro, porque se fosse, seria confortável e não duro. Olho o que é, é Hoseok, fico com cara de tacho, mentira que dormir agarrado com ele e sem camisa. Já faz anos que nunca mais fiz isso, o único que dormir agarrado foi ele, na época eu não sabia o que ele é, então gostava, não tô falando que não gosto agora, só fiquei surpreso.

Tiro minha mão que está em volta de seu corpo lindo e gelado, quando eu fiz isso? Pelo visto sou um pessoa perigosa quando estou dormindo. O estranho que não quero pedi desculpa por ter feito isso, eu gostei, o que estou falando? Tô ficando louco, só pode.

- Ah, por que tirou, estava bom eu sendo seu bichinho de pelúcia.

- É...é... o que aconteceu? - falo corado.

- Você não se lembra?

- Não, que dizer, a ultima coisa que eu lembro foi que me trouxe aqui - minto, na verdade, a ultimo coisa que lembro foi que pedi pra ele ficar comigo.

- Você estava preste a morrer, por causa que alguém botou veneno em seu corpo e eu tirei isso de você. De nada.

- Ah sim, agora eu lembro, obrigado.

- Vou ir tomar banho, ah e foi legal tomar conta de você - coro mais ainda.

- To-toma banho aqui.

- Ue, por que? Sabe que eu tenho um banheiro no meu quarto, né?

- Cala a boca, só toma seu banho aqui - agora sim eu pareço um pimentão.

- Okay, TaeTae, mas depois vai ter que me contar como foi parar veneno dentro de você, não vou querer saber de mi, mi, mi, vou querer toda verdade.

- Está bem, Hobi - por que falei seu apelido? Mano, preciso ir pro hospital, assim não dá.

- Fico feliz em saber que ainda lembra do apelido que me deu a tempo atrás - Fala com um sorriso bobo no rosto.


Notas Finais


Desculpem por está postando essa hora, espero que tenham gostado, daqui alguns dias vou começar a postar uma fanfic nova de Jikook. Até o próximo cap.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...