História Max e o amor?Original - Capítulo 16


Escrita por: ~ e ~Ahri_Navy

Postado
Categorias Originais
Tags Original
Exibições 79
Palavras 986
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Lemon, Orange, Romance e Novela, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Eaeeeeeeeee

Vcs provavelmente devem estar com raiva de mim pq eu to sumida a... Muito tempo... Eu acho... >.<
Bem, cá estou eu dnv! *--*
Esse cap vai ser bemmmmmmmmmmm curtinho, é só pra terminar o cap 12 q eu não consegui terminar pq eu tava... FUDIDAMENTE DOENTE!!!
Mas agora eu to melhor! ^~^ <3

Tomara que goste! ^^
Boa leitura!
<3<3<3

Capítulo 16 - Capítulo 12- part 2


Fanfic / Fanfiction Max e o amor?Original - Capítulo 16 - Capítulo 12- part 2

Thati on:

 

- Oque foi That— No mesmo momento ela ficou completamente vermelha de vergonha, eu admito que também fiquei assim...

- E-eu... Eu preciso de uma toalha! Pode p-pegar uma pra m-mim...?

- C-c-claro...

Ela saiu do banheiro rapidamente e bateu a porta com força... Isso foi tão constrangedor... Não sei como lidar...

Logo Carol bateu na porta trazendo uma toalha emprestada para mim:

- t-thati! E-eu trouxe sua t-toalha...

- Obrigado Carol!

Abri a porta e peguei a toalha... A gente se encarou por um tempo... Ela segurando a toalha na mão e eu com as mãos em cima das mãos dela... Minha vergonha já nem era tanta... Porem ela ainda parecia totalmente envergonhada com o fato deu estar... Nua...

De repente eu imaginei como seria beijar ela de língua... Uma idéia bem louca não...? Na hora não pareceu tão louca... Com o calor do momento... Nos duas encarando uma a boca da outra... Isso parecia um convite pra mim...

E então... Eu a beijei... Com todo o desejo do mundo e amor... Eu beijei aqueles lábios carnudos e macios... Seu hálito doce com certeza é muito bom... Nossas línguas se entrelaçavam em nossas bocas de uma forma deliciosa...

O beijo terminou e eu sorri de ponta a ponta pra ela... Beijar Carol era como um vicio... Eu queria mais e mais... Eu queria nunca mais parar... Queria ela só pra mim...

- Thati... Você...

- Carol... Eu não posso mais adiar isso... Eu te amo... Te amo muito Carol! Dês que nos se conhecemos! E sempre quis que você soubesse disso... Mas eu entendo se não quiser nunca mais falar comigo... Eu realmente entendo... Desculp—

- Não peça desculpas Thatiana... Essa era a coisa que eu sempre sonhei em ouvir saindo da sua boca... Eu também t-te amo! Amo muito!

Meu sorriso apenas ficou maior... Eu abracei forte, com toda a felicidade do mundo... A minha garota...

Nossos corpos colados... Meu corpo nu estava colado no corpo ainda vestido de Carol...

- Temos um problema Carol...

- Um p-problema...?

- Sim... Suas roupas...

- O-o que tem elas?

- Acho que você fica melhor sem elas... – Disse baixinho no pé de seu ouvido... Fazendo com que a mesma tivesse as bochechas rubras...

Eu beijei seu pescoço, ombros, bochechas, e sua linda e doce boca... Ela gemia baixinho e com os olhos fechados...
O banheiro de Carol era muito pequeno e estreito... Ali com certeza não teria espaço pra....

- Vamos pro seu quarto Carol... – Disse fazendo uma cara manhosa e cheirando seu pescoço...

- E-eu... Ah...! Thati... O-okay...

- Você é a melhor... – Dei um selinho em sua bochecha, depois em sua boca...

Andamos de mãos dadas até seu quarto e que até que era bem perto do banheiro...

Chegando lá eu fechei a porta atrás de mim e fui me aproximando de Carol, que foi recuado até parar de costas pra sua cama, que era um tanto espaçosa...

Voltei a beijar Carol nos lábios, só que dessa vez com mais malicia e verocidade...
Fui tirando sua roupa aos pouco em quanto destribuia beijos pelo seu corpo inteiro...

Logo estávamos totalmente nuas... Eu tive um pouco de receio no começo... Nunca havia feito algo assim... E parecia que Carol também não... Meu corpo esta tão quente... E meu coração esta batendo tão rápido e forte... Carol estava deitada por baixo de mim, soando tanto quanto eu... Com as bochechas rubras e cabelos desgrenhados... Eu sempre a desejei... Mesmo que fosse em silencio... E agora estamos aqui...

Parei de enrolar e fiz algo que Carol pareceu gostar... Ela arqueou as costas e fechou os olhos com força, aquilo me excitava muito... Motivando-me a continuar...

Parei com que estava fazendo, recebendo um gemido em protesto de Carol, só que ai eu comecei a lamber um de seus mamilos e sugá-lo. Ela começou a gemer muito alto... Em quanto lambia e sugava um, apertava outro... Nossa... A Carol consegue fazer eu perde totalmente meu autocontrole...

Ela estava alucinando de prazer... Eu também queria sentir aquilo... Peguei sua mão e botei em um dos meus seios... Acho que ela entendeu o que eu queria... Ela esta tão envergonhada com tudo... Parece que ela quer esconder a cabeça num saco de batatas...

Carol apertou os meus seios com força me fazendo soltar uns gemidos abafados... Depois ela ficou sugando e mordendo de leve os dois mamilos...
Todas aquelas sensações eram tão ótimas... O clima entre nós estava tão perfeito... Paramos com as caricias e preliminares e sentamos na cama, ficamos nos encarando por muito tempo.... Sorrindo...

Eu não agüentei e a beijei de novo a deitando na cama novamente... E dessa vez o beijo durou mais... Nossas mãos passeavam livremente pelos nossos corpos...

Eu queria que chegássemos ao nosso ápice juntas...
Eu lambi a parte interna de suas coxas e virilhas... Ela se contorcia de prazer e gemia alto o meu nome... Cheguei na parte que eu queria dês do começo...
Comecei a penetrando com a minha língua, ela se agarrou aos lençóis da cama e fechou os olhos com força... Fiquei ali fazendo movimentos circulares com a língua em quanto massageava um de seus seios...

Depois de um tempo Carol chegou ao seu ápice... E ao ver aquela cena tão... Pervertida... E... Perfeita... Acho que eu também cheguei...

Eu me joguei na cama ao seu lado e a abracei... Com certeza estamos exaustas...

Puxei o coberto e nos cobri... Tirei alguns fios de cabelos presos na sua testa por causa do suor e beijei sua testa...

- Eu te amo Carol...

- Eu te amo Thati...

Fechei os olhos com um sorriso largo no rosto e a trouxe para mais perto de mim... E dormimos assim... Agarradas... Nuas... Exaustas... Sorrindo... E com o coração acelerado... Acho que é isso que acontece quando esta muito próximo de quem se ama, né?

 

 

Continua...<3


Notas Finais


... <3 (Talvez tenha ficado muito indecente... Seus safadenhos... suhaushaushuashu :3)

PRIMEIRA VEZ QUE ESCREVO UM ORANGE! NÃO ME MATEM! (Eu nem gosto muito... >.<)

Mas admito q ficou fofinho né...? ^~^

Eu realmente queria postar mais um cap mas.... Eu to cheia de coisa pra fazer... Eu ja fiz dois caps, contando com esse hj... E ainda falta uma fic q eu deixei pendente... ;-;

Tomara que tenham gostado!
bye bye
Beijos da Rua<3!
<3<3<3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...