História Me apaixonei pelo meu melhor amigo - Capítulo 3


Escrita por: ~ e ~SellyG_Drew

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 6
Palavras 743
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Ficção, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oii, tudo bem com vcs?, espero que sim, tenham uma boa leitura

Capítulo 3 - Capitulo Tres


O domingo passou e eu fiquei o dia todo na cama. Já é segunda, me arrumo para ir à escola e vou andando mesmo, porque ainda não estou falando com o Lucas e nem com a minha irmã. Chego no colégio e me sento no meu lugar, o Lucas fica tentando falar comigo, mas não dou bola. Até que chega um bilhetinho que tinha escrito: Oi bebê, fala comigo por favor, já disse ela que me beijou não tive culpa. Depois de ler, amasso o papel e o rumo no lixo e o Lucas faz uma cara triste.

O tempo estava demorando muito para passar, então eu resolvo ficar ouvindo música mesmo. Depois de uma eternidade, o sinal bate e todos nós saímos para o intervalo.
-Fala comigo por favor Erick, já pedi desculpa, poxa cara, não fica bravo não –fala ele com um tom cansado e triste

-Gente o que houve? Por que vocês não estão se falando? –Fala Iza confusa

-Nada não Izinha -Falo tomando um gole do meu refrigerante, o mesmo estava muito gelado, fazendo com q minha garganta se congele por onde ele passa

Continuamos comendo e o Lucas aí fica tentando falar comigo, mas o fico ignorando. Depois de muito tempo o sinal para irmos para casa toca e fico lá arrumando minhas coisas, saio e no meu do caminho, sou empurrado contra a parede e o Lucas fica segurando os meus braços.

-Cara, nós não temos nada, mas continuo a falar pare com esse drama, ela que me beijou e pronto -Ele suspira parecendo que estava contendo a sua raiva

-NADA? Como não? Somos ou éramos melhore amigos, poxa eu sempre fui claro com você, nunca precisei falar, mas você sabe que gosto de v.... –Antes que eu consiga terminar de falar ele me beija, nosso beijo é calmo e cheio de carinho e tem gosto de uva, por conta do refrigerante que ele tomou mais cedo.

-Você acha que você é o que? Você acha que vou te perdoar por conta desse beijo? –Falo irritado e ele responde sorrindo e bagunçando o seu cabelo- para falar a verdade acho que sim.

-Mas achou errado –Saio de lá morrendo de raiva e ele fica lá sem entender e grita- Ainda faço você perder essa marra.

POV. Lucas

Eu passei todo o domingo tentando falar com o Erick, eu acho que realmente gosto dele, estou mal por ele não está falando comigo, hoje é segunda e vou para o colégio mando um bilhete para Erick, mas ele rasga e jogo no lixo. Depois de uma eternidade, o sinal bate e todos nós saímos para o intervalo.
-Fala comigo por favor Erick, já pedi desculpa, poxa cara, não fica bravo não –falo com um tom cansado e triste

-Gente o que houve? Por que vocês não estão se falando? –Fala Iza confusa

-Nada não Izinha _fala Erick tomando um gole do seu refrigerante

Continuamos comendo e o eu ainda fico tentando falar com ele, mas ele fica me ignorando. Depois de muito tempo o sinal para irmos para casa toca,ele sai e no meu do caminho empurro ele contra a parede e fico segurando os meus braços.

-Cara, nós não temos nada, mas continuo a falar pare com esse drama, ela que me beijou e pronto  -Suspiro contendo a minha raiva

-NADA? Como não? Somos ou éramos melhore amigos, poxa eu sempre fui claro com você, nunca precisei falar, mas você sabe que gosto de v.... –Antes que ele consiga terminar de falar eu o beijo, nosso beijo é calmo e cheio de carinho e tem gosto de uva, por conta do refrigerante que eu tomei mais cedo

-Você acha que você é o que? Você acha que vou te perdoar por conta desse beijo? –Fala ele irritado e eu respondo sorrindo e bagunçando o meu cabelo- para falar a verdade acho que sim.

-Mas achou errado –Ele sai de lá e eu fico lá sem entender nada e grito para que ele consiga ouvir- Ainda vou fazer você perder essa sua marra.
Vou para casa e fico pensando no que eu posso fazer parar que ele me perdoei. Penso em um ótimo pedido de desculpas, e vou até a casa dele.

POV. Erick

Estava deitado na cama fazendo minha atividade de matemática e escuto um barulho na janela, vou até a mesma e Lucas está lá com balões e uma caixinha de música, confesso que ri disso tudo.  


Notas Finais


O que será que o Lucas fez? está curioso? saberá no próximo capitulo.
Até mais, bjs.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...