História Me conformo se a nossa história for impossível - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jungkook, Rap Monster
Tags Donos, Jungkook, Kookmonster, Namjoon, Namkook, Otp, Rmjk
Exibições 18
Palavras 892
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fluffy, Shonen-Ai, Yaoi

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


cheguei com a namkook pra não perder o costume

Capítulo 1 - "Dialética"


É certo de que em tudo na vida, há algo bom e ruim. Se pararmos para pensar, o bem e o mal sempre estiveram presentes em diversas histórias, de lados opostos; sempre foram, de alguma forma, combatidos. Mas e quando encontramos esses conceitos tão distintos dentro de um mesmo lugar? Tão juntos que separá-los, ou tentar combatê-los, torna-se vital? Às vezes encontramos pessoas que são arte. E, um dia, Machado já me disse: a arte de viver consiste em tirar o maior bem do maior mal.

 

"É claro que a vida é boa 
E a alegria, a única indizível emoção" 

 

 

Quando eu te conheci, me parece que até as cores, antes mais fracas, foram repintadas e ganharam seus tons originais de volta. Os meus olhos passaram a fazer mais do que simplesmente ver, e ver só o que eu queria; percebi que aparências são desvantagens quando a nossa primeira vez foi vista somente com o coração, e que você me tocou em outro lugar além do meu corpo. As marcas de noites que foram sim maravilhosas não duraram nem metade dos momentos bonitos os quais permaneceriam naquela parte em que a gente guarda tudo e depois volta pra assistir. E não se esquece. Porque nós somos muito mais do que uma atração física; pessoas conectadas em qualquer lugar, sem mãos entrelaçadas, não te parece bonito? Pois para mim, é muito.

 

"É claro que te acho linda 
Em ti bendigo o amor das coisas simples" 

 

 

Conhecer você foi como uma reviravolta inesperada num livro em que as páginas previamente indicavam um final melancólico. Foi como um presente inesperado sem uma data específica a qual alguns acreditam que o seu sentido é só naquele dia. Foi algo muito maior do que eu jamais havia pedido e, quando você chegou, eu me senti o mais inferior dos seres, como se o meu coração fosse muito pequeno para guardar você. Por diversas vezes, desejei que criasse raízes em outros lugares... que algum outro plano muito extraordinário seria o certo para você se acomodar. Porém, percebi que, aqui dentro, já florescia. E tudo ficou verde. Me desculpe, sei que eu poderia passar toda a minha vida com uma eterna primavera dos seus sorrisos, porém tive medo que o meu outono roubasse todas as suas flores. Você precisava de muito mais do que umas quedas na temperatura. Por mais que você, Jungkook, gostasse muito de Sol e o achasse tão grandioso, posso te segredar uma coisa? No fim, ele explodiria e morreria como uma simples estrela pequena. Mas quando nós amamos alguém, mesmo com a possibilidade Dele explodir e engolir todos os planetas ao seu redor, tudo, ainda permanecemos com a tola esperança de que pode dar certo. E eu acho que as nossas mãos juntas me livrariam de qualquer abismo, assim como meus olhos foram feitos para te admirar e meus ouvidos para te ouvir. Eu ouvia quando você falava que a minha insegurança era uma bobeira, e, bem raramente, eu sentia que os mesmos prédios que faziam eu me sentir inferior teriam escadas que me levariam até o último andar, com os braços abertos, eu me sentiria o dono do mundo inteiro por alguns segundos. Jungkook, muito obrigado. Muito obrigado por todas as formas que você me enxergou. No meio de tantas pessoas intrigantes, cheias de histórias fantásticas e estilos únicos, você disse que gostava de mim.

 

"É claro que te amo" 

 

 

Antes disso, as letras embaralhadas e desprovidas de sentido passaram a formar teu nome, e até aqueles vocalistas das minhas bandas favoritas cantavam sobre você. Durante todos esses anos, alguns muito mal vividos, andei por um caminho repleto de pessoas as quais me levaram junto para muitos outros; como se todas fossem uma mera distração para eu não chegar até você. Demorou muito, mas quando eu te vi, foi como se eu tivesse te esperado esse tempo inteiro. E, certamente, todos que falaram sobre olhos bonitos sem terem visto os seus estavam mentindo. Assim como quem diz que palavras o vento leva. Escrevi isso, pois quero te guardar. E talvez eu queira que todo mundo tenha um pouquinho de você também. Pois o vento não levou o mais bonito que você deixou em mim; e isso pode ser triste.

 

"E tenho tudo para ser feliz" 

 

 

Eu sei que os nossos planos podem ir em direções opostas ao que queremos, o vento pode soprar contra nós, contra os feijões plantados em copinhos com algodão, assim como os joelhos ralados e os farelos do biscoito mais lindo do mundo, passatempo, podem não passar do nosso imaginário. Mas eles irão continuar existindo, assim como as suas tatuagens em que os traços até fazem um alto-relevo de tanto significado e magia escondidos nos desenhos e frases. O nosso futuro pode estar tão perto quanto o amanhã, e se nós não estivermos mais juntos quando acordarmos, eu serei grato por um dia ter te conhecido. Você, em algum lugar, estará sorrindo lindamente. E, em algum ponto, mais perto ou mais afastado, alguém vai estar se apaixonando. Eu também vou estar feliz; provavelmente pensando nas mesmas coisas que você. Me perdoe se de repente meus passos ficarem muito distantes; um dia você me disse que o mundo é grande. E eu te avisei que o meu coração é pequeno demais para caber o mundo.

 

"Mas acontece que eu sou triste..."


Notas Finais


algumas referências implícitas, mas em negrito é "dialética" de vinícius de moraes, pfvr, não me toquem.

os erros, algum dia, irei corrigir...

alguém se arrisca a entender o namjoon? pois eu não, só concordo que passatempo é o biscoito mais lindo do mundo, obra de arte


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...