História Me desafie (Castiel) (Terminada) - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Castiel, Kentin, Leigh, Lysandre, Nathaniel, Professora Delanay, Rosalya
Tags Amor Doce, Castiel, Romance
Exibições 589
Palavras 766
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Visual Novel
Avisos: Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 6 - "Tô dentro"


Castiel estava com um dos braços sobre meus ombros, e eu segurava sua mão enquanto andávamos até a minha casa.

- Então, até amanhã. - Falei ainda rindo de uma piada que ele havia feito.

Castiel cruzou os braços. - Até, Carter.

Nos despedimos sorrindo e ele me ajudou a entrar pelo portão. Afinal, já passava das duas da manhã.

Eu estava com a jaqueta dele, e foi avisado de que eu não devolveria tão cedo.

Dei a volta na casa e cheguei a janela de trás. Subi na janela, e entrei.

Quando me deitei, a luz acendeu.

Fudeo. Meu pai.

Achei que era, mas quando minha visão focou, felizmente estava errada.

- Daniel!? - Falei vendo o garoto de cabelos pretos e azuis na minha frente.

Ele certamente pintou os cabelos e colocou os piercings para ficar parecido comigo.

- Eu mesmo, maninha. - Falou já me abraçando. - Que hora de chegar em?

- Não bebi. Não fumei. Só me diverti horrores. - Falei rindo e erguendo os braços em sinal de rendição.

Conversamos quase a noite inteira, nem acredito que Daniel está em casa. Faz muito tempo que não o via.

(...)

- Cadê o pai? E a vó? - Perguntei, bocejando e descendo as escadas.

Eu usava uma regata branca, um calção jeans e uma camisa xadrez vermelha, sem esquecer do meu sujo all star.

- Acordou tarde. Eles já saíram. - Respondeu Daniel se jogando no sofá.

Eu tomei meu café, e fui até o Daniel, me deitando em cima dele. - Podíamos fazer como nos velhos tempos. Ir acampar com nossos amigos...

- Sua baleia - Chamou ele me fazendo rir. Ele se levantou fixando sentando e pondo minha cabeça em seu colo. - A gente fazia isso em Chicago, docinho.

- Não me chama de gorda! - Falei dando-lhe um tapa na perna.

- Se não parar vou puxar seus cabelos, garotinha. - Falou, fazendo carinho nas pontas dos meus cabelos. - Imitona.

- Primeiro, não me chame de garotinha, imbecil! Eu tenho nome. Segundo, Imitona? Posso jurar que pintou o cabelo depois de mim.

- Que seja! - Bufou rindo. - Fez amigos aqui?

Dei de ombros. - Eu só tô afim de ter um fim de semana divertido.

- Tudo bem. Faremos isso.

- Sério!? - Perguntei me levantando.

- Sim. - Respondeu ele sorrindo.

- Você é o melhor irmão do mundo. - Dei-lhe um beijo na bochecha.

- E você a irmã mais interesseira. - Se levantou. - Vou preparar a caminhonete. Certifique-se de ter a permissão dos pais dos seus amigos pelo menos.

(...)

- Isso, acampar. Eu fazia isso com os amigos do Daniel... Você vem? É uma oportunidade para chamar o Leigh...

- Uhu! Já estou arrumando minha mala. - Eu ri. - Ligarei para ele daqui a pouco!

Rosalya, Alexy, Leigh, Lety e íris irão. Só falta o Lysandre e o Castiel.

- Lysandre! Então... Meu irmão, eu e algumas pessoas, iremos acampar hoje a noite. O que você acha?

Ele riu. - Claro, Lady. Sinto muita falta de acampar.

- Você já acampou? - Perguntei surpresa.

- Claro. Por que a surpresa? - Perguntou rindo.

- Não sei... Você é tão fino e elegante.

- Mas já acampei muito com meus pais. Já chamou o Castiel?

- Ainda não...

- Falarei com ele daqui a pouco, posso chama-lo.

- Valeu, Lysandre! Até depois.

Desliguei o celular e fui correndo arrumar minha mochila. Levarei só uma, com uma muda de roupa e comida.

"Você vem não é?" ~Talía

Mandei a mensagem para Castiel, e desci correndo para a garagem pegar a barraca.

A coloquei na caminhonete junto com minha mochila, e água.

Voltei para meu quarto e fechei as janelas.

"Depende. Faremos algo divertido ou ficaremos sentados?" ~Castiel

Eu sorri, ao ver que ele havia me respondido.

"Estava pensando em uma escalada." ~Talía

Fechei a porta do quarto e comecei a descer as escadas.

- Talía... - Chamou Daniel, e eu fui até ele. - Venha me ajudar a fazer os lanches.

- Eu!?

- Não, não. Minha avó. - Rimos. - Vem logo.

Fizemos os lanches e ficamos conversando na escada de casa.

- Toma. - Disse ele me entregando uma pulseira preta com o símbolo que uma das minhas bandas favoritas.

- Você... isso é para mim usar!? - Perguntei enquanto ele puxava meu pulso.

- Não. É para você olhar e me devolver. - Disse se levantando. Bateu em minha cabeça e foi em direção a caminhonete.

Peguei o celular, afim de ver as mensagens.

"Tô dentro." ~Castiel


Notas Finais


Estou repostando esse por que deu um bug aqui ♥
Fanfic: A mordida final: https://www.youtube.com/watch?v=-HB9Y3N7IYo&feature=youtu.be


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...