História Me desculpe pela minha amiga - Capítulo 1


Escrita por: ~ e ~smushrooms

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol
Tags Baekyeol, Chanbaek, Depressão, Oneshot, Setembro Amarelo
Visualizações 315
Palavras 932
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Slash
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Capítulo Único: Sabe, Chanyeol....


Sabe, Chanyeol, eu tenho uma velha amiga já faz um bom tempo. 

Acho que nunca te apresentei a ela devidamente, acho que porque, mesmo ela estando comigo literalmente o tempo todo, não é como se eu quisesse que você a conhecesse. Ela meio que tem o dom de estragar a visão que as pessoas tem de mim e eu tenho medo que você vá me odiar. 

A minha amiga é metamórfica, às vezes ela é tão forte quanto uma pulga nos pelos de um cachorro, em outras ela é o próprio cachorro - e acho que isso também é parte do problema. 

Do ponto de vista científico, a minha amiga é só a falta de serotonina. Uma hora ela está lá, toda meiga e feliz, e em outra, bam, não está mais, ela sai para tomar férias e então você começa a se sentir deprimido.. Como se o mundo não fizesse mais sentido e tudo estivesse sem cor - acho que você já leu isso na internet, é um garoto inteligente, ao contrário de mim. 

Sabe, Chanyeol, eu não sei quando foi que a serotonina resolveu me dar um tchauzinho e ir passear na praia por um tempo, só sei que depois que ela tirou férias, deixou minha amiga no lugar e todas essas coisas ruins começaram a acontecer. 

Ela é como um pequeno fantasma que me segue o dia inteiro e fica cada vez maior e maior conforme o tempo passa, sussurrando palavras desconexas que só fazem sentido na minha cabeça e causam um baita estrago no final do dia, quando já estou deitado na minha cama e pronto para dormir - heh, doce ilusão. 

Ela faz o meu coração acelerar a minhas mãos tremerem como se estivesse em um terremoto, deixa a minha visão turva e me machuca sempre que tem oportunidade. Ela me faz querer chorar e gritar sem que o mundo inteiro ouça. Ela fez uma máscara de porcelana para mim e me obriga a vesti-la todos os dias. 

É uma espécie de uniforme isso, sabe? Uma dor psicológica que eu gosto de comparar com um relacionamento abusivo: Tem dias que ela está boazinha e me deixa fazer o que eu quiser, em outros eu já acordo com um soco na barriga e a falta de ar. É ela quem manda, Chanyeol, desde que chegou. Ela é aquele chefe ruim que me obriga a fazer hora extra sem nenhum adicional. 

E eu? Sou só aquele que obedece. 

Ela não me deixa sair, Chanyeol, não me deixa ir ao cinema ou a festas, não me deixa conhecer pessoas novas sem que eu pare de me sentir um completo peso nas costas. Ela me faz me afastar de quem gosta de mim e de mim mesmo. Acho que me perdi em algum momento desse caminho com ela e desde então não consegui mais me encontrar, meus pensamentos ficam confusos e minha visão fica turva, ela me deixa com medo e então eu choro. 

Mas, não me leve a mal, Chanyeol, não é como se eu não conseguisse rir e contar piadas - eu tenho a minha máscara, já te falei - ou até mesmo namorar, eu posso fazer tudo isso, se quiser, o problema é que é difícil tentar não ser um peso para as pessoas e conviver com uma luta silenciosa durante todo o maldito dia quando você sabe que vai perder. 

E eu sei que você está comigo, Chanyeol, você é o melhor namorado do mundo e quem mais me apóia. Mas o problema da minha amiga é que ela é uma luta com que eu tenho que lidar sozinho. 

Uma vez você me perguntou se eu gosto de mim, Chanyeol. Lembra quando você me perguntou por que eu era tão quieto e na minha? Ou por que eu nunca ia para a praça com Kyungsoo e os meninos? Você tinha acabado de chegar na cidade e era como um raio de sol na multidão, sempre rindo e contando piadas e ajudando as pessoas. 

Eu, por outro lado, era como uma pequena nuvenzinha cinza soltando raios. 

E a verdade é que eu gosto de mim, Chanyeol, mas não gosto dela, e como ela também é parte de mim, eu não gosto mais de mim. Não gosto do jeito como ela me controla e não gosto de me sentir preso em uma maldita teia de aranha sem nenhuma escapatória. Não gosto dos meus momentos de liberdade porque fico com medo, esperando que ela volte e assuma o controle, mas também não gosto quando ela chega e me domina. Não gosto da forma como ela me deixa com medo de todo mundo. Tão vulnerável quanto um recém-nascido ainda nos braços do médico. 

Me desculpe por ser esse namorado ruim, Chanyeol, não sei se posso culpar a minha amiga nesse quesito, acho que em partes o problema é só meu. Talvez eu pudesse só sair e rir, caso quisesse, não é? Ir nessas festas com você, tirar fotos fofas e beber até cair. Talvez um dia a gente se beije no show da sua banda favorita e não no escuro do meu quarto após mais uma crise onde eu te liguei chorando e pedindo ajuda. Talvez um dia eu pare de reclamar da minha vida e pergunte aos céus quando é que tudo isso vai acabar. Talvez um dia eu desista da ideia de querer acabar com tudo isso de uma vez por todas por mim mesmo. 

Talvez um dia eu entenda que você me entende. 

Me desculpe pela minha amiga, Chanyeol, é que ela é mal-educada e entrou sem bater. 

 


Notas Finais


....
Por onde começar?
Acho que já faz um tempo que eu tenho essa amiga, assim como sei que milhares de pessoas também a tem, ela é mais do que "estar ansiosa para uma festa" ou "deprimido porque perdeu cinco reais na rua". Ela não é romântica a ponto de sumir milagrosamente com a ajuda de um príncipe encantado nem uma fase para sumir de vez quando eu fizer 21.
O que eu posso dizer? Eu tenho a porra de uma depressão que me persegue todos os dias e essa é a pior coisa do mundo!!!!
Eu não sei bem porque escolhi chanbaek como couple, podia muito bem ser qualquer um, acho que é porque no fundo sei que isso vai me trazer visibilidade e me deixar melhor comigo mesma. Minha amiga me deixa assim, louca por aprovação das pessoas.
Eu também não sei bem porque escrevi isso logo agora, acho que o setembro amarelo faz isso comigo, ao ler tantos e tantos textos que me ajudam e me identificam tanto, eu fico com vontade de participar também, só não sei se consigo ajudar como as outras pessoas.

O fato é que se você @, está passando por isso, saiba que eu sei que é difícil. As vezes da vontade de desistir e tacar o foda-se, parar com isso de vez, mas eu também sei que isso tem saída. Ainda que as vezes você se sinta sozinho e sem ninguém, _você não está sozinho_.
Existem pessoas com quem falar, profissionais com quem se consultar e uma vida inteira pela frente! Sei que as vezes parece não ter saída, mas com toda certeza deve ter alguma luz no fim do túnel. Uma mão cuja qual você possa se agarrar, pode ser seus pais, seus irmãos, seu cachorro, seu gato, seu melhor amigo ou até mesmo aquele personagem cuzão de uma série. Procure por aquele pequeno cisco que te faça sentir vivo, que te faça se sentir melhor consigo mesmo. Pense em todo esse mundo gigante e em tudo o que você ainda não conheceu.

A sua amiga pode ser mal-educada, mas isso não quer dizer que você não possa tacar o foda-se pros bons modos e expulsá-la daqui também ♥

Fiquem bem, meus amores, eu amo vocês!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...