História Me Segure em Seus Braços - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Capitão América, X-Men
Personagens Anna Marie (Vampira), Dr. Henry "Hank" McCoy (Fera), Emma Frost (Rainha Branca), Erik Lehnsherr (Magneto), Feiticeira Escarlate (Wanda Maximoff), James "Logan" Howlett (Wolverine), James Buchanan "Bucky" Barnes, Jean Grey (Garota Marvel / Fênix), Jubilation Lee (Jubileu), Katherine "Kitty" Pride (Lince Negra), Kurt Wagner (Noturno), Maria Hill, Mesmero, Natasha Romanoff, Nick Fury, Ororo Monroe (Tempestade), Personagens Originais, Professor Charles Xavier, Robert "Bobby" Drake (Homem de Gelo), Sam Wilson (Falcão), Scott Summers (Ciclope), Sharon Carter (Agente 13), Steve Rogers
Exibições 57
Palavras 923
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Cheguei Eêeeee
La vai mais um capítulo pra vocês espero que gostem.
Boa Leitura!

Capítulo 3 - Capítulo 2 : Porque Confia em Mim?


Fanfic / Fanfiction Me Segure em Seus Braços - Capítulo 3 - Capítulo 2 : Porque Confia em Mim?

Rússia-Sibéria 
                 5 anos atrás
                                     
                                  Flash-back on
P.O.V Bucky

Adolescentes,eles são algum tipo de aprimorados?Um deles solta gelo do corpo,que Diabos é isso?Foco Soldado!Não raptei aquela mulher de cabelos brancos em vão,tenho que conseguir matar Charles Xavier.
Lá estava ele dentro da aeronave,minha chance;não iria e não poderia falhar.
Avanço em direção da aeronave mais de repente tudo fica escuro,não consigo enxergar nada.Mas o q...
-"Você quase matou minha mãe"-escuto uma voz feminina e demoníaca em minha cabeça.
-Quem é você?Como entrou na minha cabeça?-pela primeira vez em minha vida me assusto com algo.Risos ela estava rindo,a escuridão se dissipa e quando vejo a responsável por tudo aquilo não consigo acreditar,senti medo de uma criança.
-Quem é você?-pergunto saindo da posição de ataque.-Por que esconde seu rosto?
-"Sou Escuridão,e eu consigo sentir seu medo"-ela invade minha cabeça me causando dores,caiu no chão com as mãos em minha cabeça,ela se aproxima e coloca suas mãos sobre minha cabeça fazendo com que as dores aumentassem.
-Está sentindo?Dói muito não é?Veremos o que tem em sua mente!-ela tenta revirar minha mente porém sem sucesso.-Pobre homem,olhe pra mim,nunca se esqueça do meu rosto - ela revela seu rosto-Nunca se esquecerá,será a única coisa de que se Lembrará.
                    Flash-back off
Acordo ofegante.Finalmente alguma lembrança é recente por mais que eu quisesse não conseguia me lembrar de minha vida antes da Hydra,me lembro somente de meu nome.
Já são 07h30min,lembro-me que tenho fazer os curativos em Sarabi.Levanto e vou tomar banho,saindo do banho visto uma camiseta azul-escuro,uma calça jeans preta,tênis escuros,minha Luvas e um casaco pesado por cima,pois havia chovido e isso fez com que a temperatura caísse.Peguei a moto e segui rumo a casa de Sarabi.
Chegando lá pensei em bater na porta,porém vi um bilhete no pé da porta "Está aberta!",aquilo me fez rir ''Ingênua'',entrei fui até o quarto e vejo que ela ainda dormia,me sentei em uma cadeira e fiquei a observando por um longo tempo.Até que finalmente ela acorda e dá um pulo na cama quando me vê.
-Pela Deusa!Você quase...quase me matou de susto parado aí como alguma coisa ruim!-Ela diz com uma das mãos no peito.-Não faça denovo!!
-Bom Dia!-digo tentando conter o riso-vim cumprir o combinado,cuidar de você!-Digo me levantando da cadeira
-Ah Sim,esqueci que você foi o Doido que me atropelou com uma moto!-Sarabi diz ironicamente,mas logo se arrepende - Desculpe, se não for abusar da sua boa vontade ; você poderia fazer o café?Estou com fome e nao posso mexer o braço.
-Claro.An…depois que tomar banho,vá até a sala para que eu cuide do seu braço - digo saindo do quarto rumo a cozinha.
P.O.V. Sarabi

Peguei uma calça de moletom preta de flanela,uma camiseta regata vinho e a blusa do mesmo moletom flanelado e um Converse da vans também preto e fui para o banheiro.A sensação da água quente caindo em minha pele, me fez relaxar e perder a noção do tempo.Desliguei o chuveiro me vesti, peguei a tipoia e fui em direção a sala,onde Bucky estava sentado distraído.
Fiquei o observando por um tempo.Ele era um homem bonito,tudo bem Lindo,mesmo com o casaco pesado ele parecia ser bem forte e deveria ter músculos bem definidos.Seus olhos azuis intimidadores e vazios,lábios finos e delineados , seu rosto era perfeitamente encantador com a barba rala mau feita.Ele era perigosamente belo,fui tirada de meu transe quando ele fala:
-Pensei que você tivesse se afogado -diz ele indicando para que eu sentasse.
-Posso te perguntar duas coisas?- Bucky assente com a cabeça.-Tudo bem,você estava em uma velocidade absurda quando me atropelou.Por que não se arrebentou todo?Pelo menos um arranhão?E o porquê das luvas o tempo todo?- ele continuava a mexer nos remédios e curativos para meus machucados.- Bucky?- ele me fita,suspira e responde.
-Há várias coisas que você não precisa saber sobre mim! - fala simples.
-Então está bem!Vai embora,não posso ficar com um estranho aqui dentro!- levanto e digo indicando em direção da porta,porém Bucky continua imóvel.
-Você tem que prometer que não vai gritar e nem fazer coisa do tipo!- assinto com a cabeça.Ele retira as luvas,vejo que ele tem uma mão de metal,ele tira também o casaco e vejo que não é somente a mão mais sim o braço inteiro de metal.
-Posso tocar?-pergunto e ele assente,- é incrível,não sei porque me escondeu!
-Não ficou com medo?Assustada?-nego com a cabeça.
-Fiquei fascinada.Também é um mutante?
-Não.Você é uma mutante!-isso não foi uma pergunta e sim uma afirmação.
-Como voc...esquece.Pode cuidar do meu braço?- ele assente e começa a fazer o curativo.
-Por que você confia em mim Sarabi?Por que você aceitou tão facilmente que eu cuidasse de você?-ele me pergunta terminando de Limpar o machucado de meu antebraço direito.E agora me fitava.
-Porque é que você faz tantas perguntas?Bucky,você vai achar que eu sou louca mais, eu n-n-não consigo explicar.Sinto q-q-que eu estou a salvo, segura com você.Eu sei, eu sei é loucura mais isso que eu sinto!- ele me fita incrédulo.Qual é o problema dele?
-Você é Doída!- diz ele sorrindo e balançando a cabeça em negação.-Eu poderia ter matado você, e você diz confiar em mim?V...
-Olha só esse papo todo me deixou com mais fome ainda,depois você cuida do meu braço.-Digo me levantando indo até a cozinha.
Comemos em silêncio.Depois disso disso ajudo a tirar a mesa com o braço bom .Bucky lava e seca a louça,fico o observando;ele é encantador.Assim que ele termina,saiu da cozinha porém no meio do corredor sinto algo escorrendo de meu nariz, era sangue.
-Bucky...-foi tudo o que consegui dizer antes de desmaiar.
 


Notas Finais


Vixi chama o Samu Brasil
Por hoje é só pq não aguento mais ficar com os olhos abertos! Rsrs
Se vc é novo por aqui e gostou da fic (mesmo que esteja no começo) clica naquele coraçãozinho que vai me deixar Feliz e comentem é claro se quiserem...
Bjs ate a próxima!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...