História Me venderam pra um bandido(lutteo) - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber, Sou Luna
Personagens Amanda, Ámbar Benson, Ana, Cato, Delfina, Gaston, Jaxon Bieber, Jazmin, Jazmyn Bieber, Jim, Justin Bieber, Luna Valente, Matteo, Miguel, Monica, Nico, Nina, Pedro, Ramiro, Rey, Sharon, Simón, Tamara, Yam
Tags Gastina, Luna, Lutteo, Matteo, Simbar
Visualizações 186
Palavras 849
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Hentai, Musical (Songfic), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Homossexualidade, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 8 - Cap 8


Luna on

Me senti mal, pelo matteo, ouvi seu choro a noite inteira. Vou terminar com o Bieber, me sinto mal por ele, odeio ver ele triste.

De manha fui falar com o Justin.

Justin:bom dia!!-falou me dando um selinho.

Luna:posso falar com vc?- falei sentando no sofá.

Justin:sim, pode-me seguiu sentando ao meu lado.

Luna:quero terminar-falei fria.

Justin:mais pq? Não queria esquecer o Matteo?-falou apressado.

Luna:não é isso, não quero ver ele chorando, sofrendo tudo por minha culpa, não quero ver ele triste-falei.

Justin:ta Luna, se vc quer isso não posso fazer nada-falou com um sorrio triste no rosto.

Sai da sala.

Fui andando até o quarto do matteo, ouço ele chorando novamente, meu coração doeu ao ouvir ele chorando.

Bati na porta, se eu pedisse pra abrir ele ia mandar eu sair. Ouvi um "entre"

Abri devagar, vendo ele deitado na cama chorando, coberto, a cara no travesseiro.

Luna:matteo? Vc está bem?-perguntei sentando ao seu lado.

Matteo:v-vai em-embora L-Luna- falou entre soluços.

Luna:podemos conversar?-perguntei passando a mão no cobertor.

Matteo:na-não qu-quero-respondeu soluçando.

Luna: Matteo Balsano, sai dessa cama agora!!!-ordenei, tirando o edredom de cima dele.

Ele virou a cara pra mim, e pude ver seus olhos, inchados, por causa do choro, um pouco de lágrimas em.seus olhos de ônix, sua cara vermelha.

Ele se sentou na cama me encarando sério.

Matteo:vc sabe onde é a porta-falou com um tom de deboche em sua voz rouca.

Luna:quero conversar, mat...-fui interrompida

Matteo:eu queira conversar com vc antes- falou com lágrimas nos olhos- luna antes eu só sentia desejo por vc, mais quando vi vc com o Justin, senti uma mistura de odeio e ciúmes ao mesmo tempo, só percebi que te amava, quando pensei em vc é ele transando!!-falou alterando a voz-fala logo oque vc quer e me deixa em paz-falou ficando centímetros de meu rosto.

Luna:Matteo, so "namorei" o Justin-falei fazendo aspas no namorei-pra te esquecer....

Matteo:pq queria me esquecer? -perguntou dando passos pra frente.

Luna:cala boca!!! Deixa eu falar!!-falei braba-porque achei que só me queria, era só desejo, por isso tentei te esquecer, como diz o ditado: "melhor virar a página antes, que vc se arrependa"-o respondi.

Matteo:foi oque vc ouviu, eu só tinha desejo-falou colocando as mãos na minha cintura-Luna, não fica braba comigo, odeio ver vc braba ou magoada, o lance da âmbar, esquece por favor!!-falou me beijando.

O beijo era com sentimentos, dor e sofrimento ao mesmo tempo, aos poucos foi parando o beijo com pequenos selinhos.

Luna:ta vendo? Vc me deixa magoada com.isso da âmbar, e depois me beija? Pó.matteo assim vc me deixa.confusa, Mauricinho!!-falei coçando a.cabeça.

Matteo: menina delivre, não fica confusa, se não saber de algo, posso te mostrar um ótimo professor-falou convencido.

Luna:deixa eu ver, ele se acha? E super convencido?-perguntei e ele assentiu positivo.

Luna:me perdoa?-perguntei.

Matteo:sim, perdoo, mais vai ter castigo-falou com um sorrio malicioso nos lábios vermelhos.

Luna:qual?-perguntei inocente.

Matteo:toda vez que eu chegar do trabalho, quero vc na minha cama.-sussurrou no meu ouvido.

Luna:que? Não quero isso matteo-falei manhosa.

Matteo:shiu se não te taco nessa cama e te Fodo o dia inteiro-falou passando a mao por baixo de minha blusa.

Luna:não, não eu prometo,!!-falei sentindo as cócegas.

Matteo: se arrependa menina delivre-falou me jogando na cama.

Ficando por cima de mim, fazendo mais cócegas.

Luna:ma....tt...eu...pa....ra....-falei entre gargalhadas

Mais tarde.

Jaxon:vamo ouvir uma música?-o pequeno perguntou.

Matteo:vamos, qual?

Jazmyn: princesa-falou batendo as mãozinhas- matteo vc canta!!!

Matteo: sério?-concordamos- Cómo es que se elige una princesa

Cómo saber si es una de ellas

La que espera que sea su príncipe azul

Cómo es que descubro la manera

Pues la única belleza es la que guarda en su interior

Dale luz a mis sentidos

Dame una señal

Ya no soy yo

Es el amor

Y siento que estoy despertando

No se quien soy

Ni a dónde voy

Aunque pensé que estaba claro

No quiero sentirme un cobarde

Sólo espero, no sea tarde

Para seguir al corazón

Como es que se elige una princesa

Día y noche pienso en ella

En su mirada

Y me habla del amor

Cómo es que descubro la manera

De encontrarme frente a ella

Y escuchar su corazón

Dale luz a mis sentidos

Dame una señal

Ya no soy yo

Es el amor

Y siento que estoy despertando

No se quien soy

Ni a dónde voy

Aunque pensé que estaba claro

Ya no soy yo

Es el amor

Y siento que estoy despertando

No se quien soy

Ni a dónde voy

Aunque pensé que estaba claro

No quiero sentirme un cobarde

Sólo espero, no sea tarde

Para seguir al corazón

Nos olhamos.

Jaxon:aeeeeeeeeee, agora vc lua-falou pulando no meu colo.

Luna:ta-respondi- No quiero atajos, quiero futuro

Busco el camino hasta mi ser

En cada paso, en cada sueño

En mis ganas de vencer

Sé que la suerte a veces toca

Solo el esfuerzo me hará triunfar

Sigo intentando busco imposibles

A veces perder es ganar

Salto alzo mi bandera

Haré lo que sea

Pronto llegare

Siempre estaré a tu lado

Nunca es demasiado

No me rendiré

Sé que alguna vez

Me verán brillar

Ouh, oh, oh, ouh, oh, oh

Se sorprenderán

Sé que alguna vez

Hablarán de mí

Ouh, oh, oh, ouh, oh, oh

Sé que será así

Yo sé que el tiempo pasa volando

Y si me suelta puedo caer

Pero si caigo yo me levanto

No me detengo, se en que creer

Salto alzo mi bandera

Haré lo que sea

Pronto llegare

Siempre estaré a tu lado

Nunca es demasiado

No me rendiré

Sé que alguna vez

Me verán brillar

Ouh, oh, oh, ouh, oh, oh

Se sorprenderán

Sé que alguna vez

Hablarán de mí

Ouh, oh, oh, ouh, oh, oh

Sé que será así

Sé que alguna vez

Me verán brillar.

J/J: Lutteo!!!-falaram batendo as palmas.

Jantamos e fomos dormir.

Pensei no Bieber, não o vi o dia inteiro.

Com esses pensamentos dormir



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...