História Medicina à Dois(Baekhyun)-Exo - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Lay, Personagens Originais, Sehun, Suho
Tags Baekhyun, Exo, Kpop, Lay
Visualizações 936
Palavras 1.834
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fluffy, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Aeee voltei
Desculpa a demora gente,meu pai está doente então estou dando atenção a ele 😢
Bom espero que gostem bjs
Boa leitura

Capítulo 3 - 03


Fanfic / Fanfiction Medicina à Dois(Baekhyun)-Exo - Capítulo 3 - 03

Acordei e fui direto ao chuveiro.Ontem foi meu primeiro dia,mas nem pareceu,trabalhei tanto que estou morrendo de canseira.Dormi apenas 4 horas e já estou voltando ao Hospital.Estou de plantão.

Ainda bem que moro perto assim eu pude pelo menos deitar na minha cama e tomar um banho.

Terminei o banho e me troquei.Peguei minha bolsa e fui trabalhar.

Cheguei e subi até meu andar.Ja estava indo para sala de consultas quando lembrei que Mindi disse que havia uma sala para colocar as coisas.

-Onde fica mesmo?-perguntei para mim mesma 

Olhei a volta e vi uma porta escrita "Apenas pessoal autorizado". Deve ser ali,eu pensei.

Entrei sem hesitar e acabei vendo Baekhyun colocando sua camisa branca e apertando o cinto.Ele estava de costas mas percebeu que eu entrei.

-Me desculpe-eu disse meio envergonhada 

-Tudo bem-ele disse sem me olhar e voltou a fechar o cinto.Ele ainda estava com a camisa aberta o que me deixou meio nervosa

Procurei meu armário que vi que era Justo o que ficava do lado do de Baekhyun.Fechei os olhos pensando"Sério isso",e fui até meu armário.

Agora ele está de Frente para mim mas ainda não me olhava.Abri meu armário um pouco e Olhei discretamente para ele.Sua camisa era de botão e ele havia prendido apenas um,ele estava tão sexy,estava em ótima forma.Ele passou a mão por seu "tanquinho" o que me fez corar. "S/N para com isso,tá ficando com vergonha porque menina" eu pensei e suspirei.

Olhei para o lado e Baekhyun estava me olhando.Ao perceber que me olhava Olhei para outro lugar e coloquei finalmente minha bolsa no armário.Ouvi uma risada de Baekhyun.

-Porque você está assim?-ele me perguntou com um sorriso de lado 

Olhei para ele e vi que ainda estava com apenas um botão preso.O fato de pensamentos impuros virem na minha cabeça fez eu ficar envergonhada.

Ele olhou para sua camisa e me olhou de novo.

-Ah isso te imcomoda?-ele perguntou apontando para sua barriga-ja que você está com vergonha eu fecho-ele disse convencido 

-Não estou com vergonha-falei e o Olhei fixadamente.

"Aish porque falei isso", "Não,era necessário,não quero que ele seja convencido".Eu pensava enquanto o mesmo apenas me olhava.

Ele arqueou uma das sobrancelhas e mordeu o labio inferior.

-Ok,Então vamos ver-ele disse e se aproximou-você pode fechar o resto para mim?-ele inclinou a cabeça para o lado feito um cachorrinho.

-O que pra que isso-eu disse confusa 

-Se você não tem vergonha não tem porque não fazer.-ele disse de novo convencido 

Suspirei e puxei ele para perto,o que o deixou surpreso.Arrumei a gola em seu pescoço e o amassado em seu ombro.Em nenhum momento o olhei nos olhos.Peguei o segundo botão e comecei a fechar.Sem querer encostei meus dedos frios em sua barriga e senti o mesmo com calafrio o que me fez soltar uma leve risada.

-Pronto-eu disse e mandei um sorriso sem os dente.

Ele me olhou e foi até o espelho.

-Obrigado,sabe fazia tempo que eu não sentia isso-ele disse 

-Isso o que?-eu perguntei meio anciosa

-Voce colocou a camisa em mim igual minha mãe fazia,vou te chamar de mãe agora-ele disse tirando sarro de mim 

"Oque ?" ,"Ele está tirando uma comigo","Mae?",eu pensei.

-Deus me livre ser sua mãe-fechei o armário e sai em direção à porta 

-Eu sou um ótimo filho S/N-ele gritou antes que eu fechasse a porta

-Louco-eu disse indo em direção a minha sala 

Passe em frente à sala de Suge e decidi dar uma olhada em como ela estava.Ela estava dormindo e sua tia estava ali também.Ambas adormecidas.

Fui fechar a porta com todo o cuidado para não fazer barulho mas alguém aparece do meu lado.

-Quer acordar elas?-Baekhyun sussurrou no meu ouvido 

Acabei dando um pulo e o olhei irritada.Fechei a porta e sai de perto.

-Aish Doutor,você me assustou-eu disse colocando a mão no coração 

-Você não devia ter entrado lá-ele disse apenas me olhando 

-Eu só queria ver ela,além de que agora ela também é minha paciente.-eu disse seria 

-Nossa paciente-ele disse-Suge é paciente nós dois.

-Ok ok-eu disse-agora vou indo 

-A onde vai?-ele perguntou 

-Temos plantão esqueceu?-eu disse 

Ele riu baixinho

-O plantão não é por aí,vamos juntos-ele fez um sinal com a cabeça 

Ele entrou no elevador e eu fui junto.

Estavamos em um silêncio meio desconfortável.Olhei para o espelho e vi que meu cabelo estava cheio de frizz.Comecei a arruma lo imediatamente até que vejo pelo espelho Baekhyun me olhando.

-O que foi?-perguntei ainda me arrumando 

-Porque se arruma tanto?Isso aqui é um hospital não um desfile-ele disse o que me deixou meio irritada 

-Eu só quero me sentir bonita -eu disse sem lhe dar atenção

-Bonita,para quem?-ele disse agora me fitando e eu fiz o mesmo 

-Como assim para quem?Para mim mesma ué-eu disse ainda o olhando 

-Se você se esqueceu é apenas meu segundo dia aqui e não tem ninguém que eu queira impressionar.-eu disse seria 

-Não?-ele perguntou se aproximando mas para minha sorte a porta se abriu 

-S/N?-perguntou Suho ao me ver 

-Ah, Boa tarde doutor-eu o cumprimentei

-Boa tarde Baek-ele disse e Baekhyun o cumprimentou

"Devem ser íntimos para ele ter falado Baek" eu pensei 

-Fiquei sabendo que estão no mesmo andar-Suho disse para mim

-Sim,nós dividimos  a sessão com Pediatria e Cardiologia.-eu respondi 

-Mas que sorte a sua Hein Baek-ele disse e Baekhyun pareceu surpreso-Você tem a chance de trabalhar pertinho da filha de um dos melhores médicos brasileiros-ele completou

-Tenho certeza que será uma ótima médica-ele me disse e eu sorri largo

Olhei para o lado e Baekhyun estava me olhando.

-Realmente tenho sorte-Bakehyun disse do nada 

O olhei novamente e dessa vez ele sorriu para mim deu um jeito estranho?

-Bom S/N , Baek eu tenho que ir.Uma cirurgia me espera.Bom plantão para vocês dois-ele passou a mão por nossos ombros-Ah e S/N vamos marcar um café um dia desses

Sorri para ele e ele para mim.Ele olhou o relógio e saiu correndo.Deve estar atrasado.Eu continuava olhando ele correr até o fim do corredor até Baekhyun estalar seus dedos não minha frente.

-Esta dormindo por acaso?-ele disse 

O fitei com o olhar me virei e sai andando.Ele fez a mesma coisa e me acompanhou.

-Voce é estranho-eu disse com sinceridade 

-Porque diz isso-ele perguntou 

-Você está diferente de ontem-eu disse ainda olhando apenas para frente 

-Nao entendi-ele disse olhando para a frente e também cumprimentando algumas pessoas que passavam.

-Voce hoje está.....Como posso dizer..meio sem vergonha?!(não no sentido de safadeza),ontem você parecia meio tímido sei lá-eu disse 

Ele pareceu pensativo e me disse:

-Apenas quero fazer amizade rápido

-Nós já poderíamos ser amigos se você não fingisse que não me conhece-falei baixinho 

-O que disse ?-ele perguntou 

-Nada-eu apressei meus passos até chegar a salão 

Abri a porta e aquilo estava um confusão.As macas estavam lotadas.Medicos corriam para todos os lados.Eu estava muito surpresa com aquilo mas Baekhyun não.Ele já deve ter se acostumado com isso.

Ele saiu de meu lado e foi até a enfermeira mais próxima.Sai andando também até olhar para a TV e ver o noticiário.Um caminhão havia entrado no lado oposto da rodovia causando um acidente gigantesco.

-Maioria das vítimas estão vindo para cá-Baekhyun disse sério 

-Vamos salvar vida!s-olhei para ele e ele assentiu, sai de seu lado e fui encontrar meus pacientes.

Haviam poucas crianças na sala.Me senti tão aliviada de que elas não tinham ferimentos graves.Todas se encontravam muito assustadas e perguntavam sobre seus pais.

Fui até a porta para ver se havia chegado mais alguém e a mesma abriu com tudo e mostrou um policial.Ele estava muito machucado,havia sangue por toda a parte mas ele ainda estava acordado.

A maca estava passando pelo meu lado quando ele segurou minha mão.

-Nao me deixe Kim-ele disse e apertou minha mão com uma força que não sei de onde veio 

-E..eu não sou Kim-eu disse tentando tirar sua mão de mim 

-Porfavor,vá comigo-ele começou a chorar 

Olhei para os médicos e todos me encaravam inclusive Baekhyun.Olhei de novo para o policial que estava terrivelmente mau e apenas assenti

-Ok,vamos vamos-eu disse mesmo com os médicos aparentemente irritados e todos começamos a correr para a sala de cirurgia 

Isso era o melhor a se fazer.Entramos na sala e ele não soltava minha mão.

-Voce precisa soltar minha mão agora-eu disse de um jeito calmo 

-Nao!Voce vai me deixar de novo-ele disse tremendo. Estava perdendo muito sangue 

-Você tem que sair daqui-disse o médico responsável 

-Qual seu nome?-perguntei 

-Kyungsoo,amor não se lembra?-ele disse baixo 

-VOCÊ TEM QUE SAIR DAQUI AGORA!-O médico disse e me levou para longe dele 

-NÃO -ele gritou e tentou se levantar 

Desviei do medico que me segurava e corri até ele,eu tinha que falar com ele.O polícia estava tendo alucinações e estava sofrendo.

-Amor-eu disse-para que fiquemos juntos você tem que contribuir ok-apertei sua mão-deixe eles cuidarem de você,eu estarei te esperando-eu sorri de leve e ele mesmo soltou minha mão  assentiu 

Olhei para o médico que me fuzilava e sai da sala.Fechei a porta e me encostei na mesma.Suspirei e comecei a ouvir os gritos de dor dele.Aquilo fez meu coração se despedaçar.Nao conseguia mais ouvir aquilo e sai correndo voltando a sala de plantão.

Abri a porta mas a mesma se fechou rápido e Baekhyun me pegou pelo braço.

-O que pensou que estava fazendo?-ele disse irritado-você não pode simplesmente sair daqui e abandonar seus pacientes S/N

-Mas se eu não fosse aquele poli...-ele me interrompeu 

-Eles dariam um jeito S/N,você foi muito irresponsável,e o que foi aquilo dentro da sala hein?,o médico pediu que você se retirasse mas você não saiu.S/N não sei como as coisas funcionavam antes de você vir para cá,mas quando o médico superior lhe dá uma ordem você a cumpre e não diz nada.É seu segundo dia aqui e já me deu trabalho.

-Mas Baekhyun se eu não tivesse falado com ele,talvez ele morresse na hora de tanto perder sangue-eu disse olhando para baixo 

-Talvez se tivesse ficado aqui poderia ter impedido a hemorragia de um dos seus pacientes que  agora está em cirurgia.-Ele me disse quase gritando mas logo se arrependeu

-S/N-ele ia colocar sua mão em mim mas eu o afastei 

-Um dos meus pacientes?-eu disse quase chorando-Mas eles estavam todos estáveis-eu Coloquei a mão em meus cabelos.-É minha culpa,eu não acredito 

-S/N não...-De novo desviei de sua mão 

-Qual o seu problema?-eu perguntei-Voce é bipolar  ou o que? Não venha me dizer "S/N a culpa não é sua" sendo que você acabou de dizer isso.Eu não te entendo.Primeiro fingi que não me conhece,depois diz que quer minha amizade e agora joga tudo isso na minha cara.Eu acabei de me formar,me desculpe se não estou atendendo aos padrões o Hospital,mas acredito eu que você como um Sunbae deveria me dar o exemplo e não jogar um peso desses-eu parei pela falta de ar e vi que algumas pessoas nos olhavam.

Olhei Para ele transbordando raiva e me virei voltando a sala de plantões.

Era apenas meu segundo dia e eu já queria minha casa .

 

 

 

 


Notas Finais


Ahh tadinha da S/N gente 😭


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...