História Melhores amigos. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Originais, Romance, Yaoi
Visualizações 51
Palavras 658
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Hentai, Lemon, Luta, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Primero dia.


Fanfic / Fanfiction Melhores amigos. - Capítulo 1 - Primero dia.

{Jimmy} 06:10 

Estava debatendo está hora com mark, para que ele levanta-se logo para não nos atrasar no nosso primeiro dia. (Aula)

-levante-se!-dei um tapa não muito forte em sua cabeça.

-está cedo! Por que me acorda está hora?-ele vira seu rosto para mim, com seus olhos fechados.

-porque você demora uma eternidade para se arrumar.-disse abaixando em seu lado da cama.

-aigoo! Como você é irritante.-ele se senta na cama.

-bom dia para você também.-me levantei, e ao mesmo instante, mark puxa meu braço, fazendo-me o dar um selar rápido.

-eu vou me arrumar já já.-ele se levanta de um jeito que só faltava ele rastejar no chão.

-sorri.-você é tão preguiçoso.-reviro os olhos.

-"vici i tão priguicisi"-ele debocha, fazendo uma cara feia. 

-pare de deboche.-digo sério.

Desci as escadas, e fiquei sentado na mesa da sua cozinha, enquanto comia uma maçã.

06:30 

-estou pronto.-a porta da cozinha estava aberta, então o vi descendo as escadas com um moletom cinza largo e uma calça preta jeans. E claro, seus tênis brancos.

-então vamos.-coloquei a minha mochila na costa e fui até o mesmo.

-estou bonito? Acha que vou pegar muitas garotas assim?-ele disse, segurando seu moletom e sorrindo.

-sim, mas...por que você pode pegar as garotas e eu não?-cruzo os braços.

-ele muda sua feição para uma séria.-porque não! Se você namorar, vai me deixar para trás, e você sabe que odeio divir você!-ele disse em um tom alto.

-sorrio enquanto revirava meus olhos pela trigésima vez.-entendo, entendo.

-por que? está gostando de alguém?- disse, indo até a porta.

-de niguém, só se for de você.-soltei uma risadinha, enquanto saia da sua casa com ele.

-ele sorri para mim.-então vem.-ele disse de brincadeira.

-olha que eu vou.-rimos.

.....No caminho.....

-mymy!-mark diz, se aproximando. O olho.-você acha que vamos ficar na mesma sala?

-eu não sei, mark.-digo, olhando para o chão.

-sabe, pela primeira vez agradeço por sua inteligência ter feito você avançar em uma série.-ele disse, com seu dedo indicador pressionado minha cabeça.

-é difícil de ouvir você agradecendo a minha inteligência.-ri.

-hey!-mark me empurra.

Chegamos a escola 06:48, ainda dava um pouco de tempo para aprecia-lá.

- mymy! (Apelido que mark deu para jimmy)-ele pega em minha mão.

-o que foi?-o olho.

-as listas.-ele aponta para algumas folhas brancas que se mantia na parede.

-você achou...-me aproximei, na intenção de achar nossos nomes, mas pelo visto mark os achou primeiro.

-ele abraça meu tronco.-marido! Estamos juntos!-ele disse, tirando meus pés do chão.

-sorri.-me solte, tem pessoas nos olhando.-comecei a dar tapinhas no seu ombro.

-ele me desce.-será que vai ter muitas garotas lindas e sexys na nossa sala?-ele disse agitado.

-bufo.-espero que sim. Espero que dessa vez você trate sua namorada bem.-começo a andar.

-aish!-ele revira os olhos.-é o meu jeito, eu não consigo tratar as garotas como eu trato você.-ele faz um bico muito fofo.

-eu sei, eu sou muito especial.-passo a mão em meu cabelo.

-e convencido.-ele diz, com um olhar incrédulo.

-me deixa.

-Aaah!-três garotas se aproximam de mim.-você é o novo aluno?-assenti.-tão fofo!-elas soltam uma risadinha, um tanto quanto irritante.

-mark fica em minha frente.-nem ousem flertar com ele.-disse, de braços cruzados.

-aí meu Deus!-uma delas diz.-eles são namorados!-elas soltam aquele arzinho apaixonado.

-n-não, não somos.- diz mark, um pouco corado.-vamos.-mark puxa minha mão.

.....na sala de aula.....

-tão chatas! Era para elas estarem flertando comigo!-ele aponta para si mesmo.

-ri.-você é tão bobão.-ele cruza seus braços. Puxei o seu rosto com calma e dei um beijo em sua bochecha.-quanta brabeza.-reviro os olhos.

-enquanto eu estiver do seu lado, você nunca vai namorar. -disse, seco e grosso.

-fico sério.-não sou seu prisioneiro. Um dia vou namorar, casar, ter filhos...como você.

-por que você não pode ficar comigo para sempre?-ele segura minhas mãos.-minha família, sua família.-ele fala com uma feição triste.

Essa carinha me deixa tão mau.

-mordo o lábio inferior de um jeito triste.-não faça assim.-acaricio seu rosto.

-vou parar de ser infeliz quando você casar junto comigo e com a minha esposa.-disse ainda com a mesma feição.

-solto um riso.-não, eu vou ser apenas seu amigo.-digo sorrindo.

-ele bufa.-chatão.

A professora entrou e começou a se apresentar, o que fez nós ficarmos no celular.

{Mark}

"Eu vou ser apenas seu amigo."

Por que essa frase me dói tanto?



Notas Finais


Espero que tenham gostado

Perdão algum erro. Sz

Beijos com arco-irís. 💙🌈


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...