História Memory - Capítulo 16


Escrita por: ~, ~lili_lulu13 e ~jisoozx

Postado
Categorias Seventeen
Personagens Boo Seungkwan, Hansol "Vernon" Chwe, Hong Jisoo "Joshua", Jang Doyoon, Jeon Wonwoo, Junghan "Jeonghan", Kim Mingyu, Lee Chan "Dino", Lee Jihun "Woozi", Lee Seokmin "DK", Seungcheol "S.Coups", Soonyoung "Hoshi", Wen Junhui "JUN", Xu Ming Hao "THE8"
Tags Jeongcheol, Jihan, Meanie, Seventeen, Verkwan
Exibições 53
Palavras 515
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Festa, Lemon, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Ave eu odeio postar os cap pelo cell mereço msm

Capítulo 16 - Chapter Sixteen


Jisoo estava em um outro bairro que ficava do outro lado da cidade, sempre ia lá com seu irmão, mas já fazia muito tempo.

O mesmo segurava um papel que continha um endereço escrito, tinha conseguido aquilo com pessoas que eram praticamente muito próximas do garoto que queria encontrar.

Jisoo rodava toda aquela área atrás do determinado endereço, perguntava informações para as pessoas que lá moravam e isso o levou até uma pequena casa que ficava perto de um viaduto. Ele bateu várias vezes na porta até que fora atendido.

- Quanto tempo... - disse Jisoo.

- Pensei que a gente nunca mais iria se ver. - disse Doyoon. - Entre.

- Não sabia que tinha se mudado.

- Me mudei faz um tempo, mas fiz questão de não avisar ninguém.

- E porque não avisou?

- Queria me livrar das pessoas que eu convivia, queria esquecer delas, principalmente do seu irmão...

- Então... É sobre ele mesmo que eu quero falar.

- Aconteceu alguma coisa com ele? - perguntou Doyoon que parecia muito preocupado.

- Ele mudou muito desde que você sumiu.

- Como assim?

- Não sei explicar, só sei que você deve voltar.

- Se eu voltar você sabe muito bem o que vai acontecer.

- Não se preocupe, eu só quero que você vá.

- Mas pra que isso? Jisoo eu te conheço, você quer que eu faça alguma coisa.

- Tá, eu quero que você volte pra ele.

- E você acha mesmo que ele vai querer? - ironizou.

- Vai, se você persistir ele vai. Você não sabe, mas ele está namorando.

- Com quem?

- Com um garoto que se mudou pra casa onde você morava. O nome dele é Jeonghan.

Doyoon havia ficado espantado por conta daquilo, por mais que fizera e obrigara Seungcheol a fazer várias coisas erradas, ele consequentemente o amava, nunca deixou de pensar nos momentos felizes e alegres que tiveram, nunca deixou de pensar no quanto sua presença fazia com que ele esquecesse dos problemas que sua família e até ele mesmo tinha.

- E então, você vai?

- Vou. - disse o garoto indo até seu quarto para pegar uma mala e colocar algumas roupas dentro.

Ambos foram até a garagem que tinha no local e entraram no carro, indo em direção a casa de Jisoo.

~~

- Aqui não mudou praticamente nada. - disse Doyoon olhando ao redor.

- Sente saudades né?

- Sim...

- Olha só quem vem aí. - disse Jisoo abrindo um sorriso.

- Meu Deus não acredito, por favor que isso seja um sonho. - disse Soonyoung olhando para Doyoon.

- Soon, que saudade. - disse o garoto abraçando-o. - Onde o Seungcheol está?

- Ele... Ele tá aí na sua antiga casa.

- Vai lá com ele, com certeza ele está morrendo de saudades. - disse Jisoo.

Ouvindo aquilo, o garoto foi até a casa ao lado, estava ansioso e ao mesmo tempo nervoso, pois iria rever a pessoa que fizera parte da sua vida e que não iria esquecer facilmente.

~~

- Seungcheol vai lá ver quem é, se for meus pais você fala que veio aqui pegar açúcar. - disse Jeonghan.

- Ah claro. - disse o garoto abrindo a porta. - Doyoon...

- Seungcheol. - disse o menor dando-o um forte abraço. 


Notas Finais


tô amando o jisoo bem naja


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...