História Memory;Fragment - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Mistério, Suspense
Visualizações 5
Palavras 990
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 6 - "Chekerface"


Fanfic / Fanfiction Memory;Fragment - Capítulo 6 - "Chekerface"

Elisa: Um celular?!

Airi: Ce...lular...?

Kaito: Você tinha um e não sabia?

Daiki: Por que não nos avisou sobre isso?!

Airi: Eu não sabia o que era... Então não achei relevante dizer...

Elisa: Ela perdeu as memórias, não devia saber o que era.

Daiki: Sim...

Kaito: Então, atenda.

Airi: S-Sim... [Airi então levou o celular ao ouvido e atendeu.] A-Alô?

Homem: Alô. [Um homem falou do outro lado.] É a Houjo Airi? [Airi arregalou os olhos.]

Airi: O que...?

Elisa: Airi-chan, o que foi?

Daiki: ... [Daiki observou atentamente.]

Airi: Q-Quem é?

Homem: Me encontre no centro de Hokkaido. Em dois dias.

Airi: O que?!

Homem: Vou repetir. Me encontre no centro de Hokkaido... Em dois dias. [Airi arregalou olhos e ficou assustada... Quem era esse homem?!]

~~~x~~~

"Genético Não-Linear"

~~~x~~~

Um homem misterioso liga para Airi e faz sua demanda...

Daiki: Airi? Quem é?

Homem: Não se esqueça... E não pense em não vir. [O homem disse. Airi seguia assustada. Ele então desligou.]

Daiki: Airi!

Airi: Eu... Não sei quem era. Era um homem.

Kaito: Um homem?

Airi: Sim. Ele falou para eu encontrar com ele no centro de Hokkaido... Em dois dias.

Elisa: Centro de Hokkaido?!

Airi: Ele também sabia meu nome...

Kaito: Será que...

Daiki: Hevox?

Airi: O que vamos fazer...?

Kaito: Temos duas opções. Podemos preparar algum plano bom, ou não irmos...

Airi: Mas... Eu... [Airi estava nervosa. De repente, Rika a abraçou.] Hm?

Rika: Vai ficar tudo bem, Onee-chan!

Airi: Rika-chan... Obrigada.

~~~x~~~

{23/7/2060}

Dia seguinte, de manhã. Airi já estava acordada, com uma expressão preocupada. Seguia nublado. Porém com alguns fracos raios de Sol atravessando partes das nuvens negras no céu.

Daiki: Já está acordada, hã... [Daiki veio até ela, e Airi olhou. Ela deu um leve sorriso.]

Airi: E você?

Daiki: Eu? Digamos que ainda estou despertando... Uaaaaah... [Daiki bocejou. Airi deu um risada.]

Airi: É o que parece. [Daiki sorriu. E depois ficou com uma expressão preocupada.]

Daiki: Eu... Estou preocupado sobre a ligação de ontem à noite.

Airi: Ah... Aquilo? Eu também. Fiquei sem reação.

Daiki: Com tudo que tem acontecido até agora...

Airi: ...

Daiki: Ei. Quer dar uma volta?

Airi: Uma volta...?

Daiki: Não sabe o que significa isso?

Airi: Claro que sei... Mas... Estamos sendo procurados por todo mundo... Não é arriscado?

Daiki: E quem disse que eles precisam ver a gente? [Airi ficou inquieta. Daiki então puxou dois casacos com capuz.]

Airi: O famoso capaz... Estou com um pressentimento ruim sobre isso.

Daiki: Não tema. Eu estarei com você. [Daiki estendeu a mão para Airi. Ela olhou sorrindo.]

Airi: Okay, Daiki-kun... Confio em você. [Ela pegou na mão dele.]

Daiki: Sim, sim, princesa.

~~~x~~~

"Memory;Fragment"

~~~x~~~

Os dois então saíram andando por Hokkaido. Escondidos com os capuzes, ninguém percebia que eram dois dos procurados da Hevox.

Daiki: Ei.

Airi: O que? [Os dois falavam enquanto cenas dos dois se divertindo pela cidade passavam.]

Daiki: Você tem pais?

Airi: Então... Ter eu com certeza tenho. Mas não lembro deles. Não sei se estão vivos, se estão mortos... E você?

Daiki: Meus pais faleceram faz dois anos. Eles eram cientistas da recém formada Hevox também. E também fizeram parte da resistência.

Airi: Essa resistência...

Daiki: Sim. Após o Grande Apocalipse, tal resistência foi criada com o intuito de procurar uma cura para o vírus.

Airi: Porém não acharam...

Daiki: Rumores apontam que eles conseguiram achar uma criança que poderia ter a cura.

Airi: Sério?

Daiki: Não sabe se realmente foi verdade, afinal a resistência ruiu antes de poderem divulgar algo. Mas dizem que essa criança foi infectada, porém o vírus sofreu uma mutação diferente no cérebro dela. E então, ela ficou imune à infecção.

Airi: Incrível... E se isso for verdade?

Daiki: Não sabemos. Se fosse, poderíamos conseguir a cura. Porém...

Airi: É até difícil de acreditar que alguém podia ser imune ao vírus...

Daiki: Realmente. Por isso é apenas um rumor. [Os dois então pararam em uma praça. Não havia muito movimento.]

Airi: Obrigada, Daiki-kun...

Daiki: Pelo que?

Airi: Por me trazer para passear... Eu realmente precisava disso para me acalmar um pouco.

Daiki: Não foi nada... Eu também precisava disso. [Os dois ficaram em silêncio por um tempo.] Airi...

Airi: Sim?

Daiki: Eu... Eu prometo que irei recuperar suas memórias! [Airi ficou vermelha. Daiki também.] Err...

Airi: Obrigada. [Airi sorriu. Daiki também... Um tempo depois, os dois estavam indo embora.] Os outros devem estar loucos.

Daiki: Nem fala.

???: Olá. [Os dois olharam. À frente deles estava um homem com uma máscara dourada, porém que cobria apenas nariz e olhos, e deixava a boca amostra.]

Daiki: Quem é você? [Daiki colocou Airi atrás dele, a protegendo.]

Homem: Eu planejava me encontrar com vocês no próximo dia. Mas apareceram aqui antes... Então está bom...

Daiki: O que...?

Airi: Mentira... Você é...!

~Lembrança~

Homem: Alô. [Um homem falou do outro lado.] É a Houjo Airi? [Airi arregalou os olhos.]

Airi: O que...?

Elisa: Airi-chan, o que foi?

Daiki: ... [Daiki observou atentamente.]

Airi: Q-Quem é?

Homem: Me encontre no centro de Hokkaido. Em dois dias.

Airi: O que?!

Homem: Vou repetir. Me encontre no centro de Hokkaido... Em dois dias.

~Presente~

Airi: O homem da ligação!

Daiki: Eu sabia! O que você quer?!

Homem: Oh, me reconheceu?

Airi: Sua voz...

Daiki: Quem é você afinal...?

Homem: Infelizmente, não posso dizer agora...

Daiki: O que?!

Homem: Mas, tome isso. [O homem jogou uma chave para Daiki. Ele pegou.]

Daiki: Uma chave?

Homem: Vocês estão sendo procurados e estão sem lugar pra ficar. Essa chave é a entrada da minha casa, que fica isolada de Hokkaido. Podem ir para lá. Terão tudo que precisam.

Daiki: Como...

Airi: Como ele sabe...?

Homem: Vocês ficarão seguros lá. Pelo menos por um tempo.

Daiki: E então, por que acreditaríamos em você?

Homem: Vocês quem sabem...

Airi: Eu não sei por que, mas... Eu acredito no que ele diz. [O homem sorriu.]

Daiki: Airi...

Airi: Podemos confiar nele! [Daiki olhou por um tempo para ela.]

Daiki: Okay... Então confiarei em você. Mas por causa dela. E apenas isso.

Homem: Isso já é um bom sinal... Tome isso também. [O homem deu um celular para Daiki, que pegou.]

Daiki: Um celular?

Homem: É um especial. Esse não pode ser detectado pelos radares da Hevox. Podemos nos comunicar sem problemas.

Daiki: Entendi...

Homem: Então... [O homem se virou.]

Airi: Espere!

Homem: Hm? [Ele virou para Airi.]

Airi: Me diga... Qual o seu nome?! [O homem ficou em silêncio por um tempo.]

Homem: Pode me chamar de... Chekerface.

"Chekerface"


Notas Finais


"Síndrome do Caos"

AVISO -> Isso é uma história de ficção. Qualquer semelhança à acontecimentos, grupos ou pessoas são mera coincidência.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...